Fonte: Site Oficial do Clube

Quando entrar em campo no próximo domingo, às 16 horas no Estádio Lomanto Júnior, o EC Vitória da Conquista estará dando início à sua 5ª decisão de título em 5 anos de existência do clube.

No primeiro ano, em 2006, foram duas decisões. Na categoria de Juniores o alviverde decidiu com o Real Salvador o título de Campeão da 2ª Divisão, ficando com o vice campeonato. Alguns meses depois foi a vez do time conquistense decidir o título do Campeonato Baiano de Profissionais, chegando ao título de maneira invicta.

O ano de 2007, primeiro do clube como time da primeira divisão, foi o único que o alviverde não participou de uma decisão de título.

Já 2008 foi o ano de melhor campanha do Bode. O time chegou à decisão do Campeonato Baiano, perdendo para o Bahia no jogo final, fora de casa. Depois fez uma excelente participação na Série C do Campeonato Brasileirio, onde acabou desclassificado por um gol de diferença para o América Mineiro, que hoje luta para subir à Série A do Brasileiro.

Em 2009 o time disputou a Copa Governador do Estado e decidiu o título com o Fluminense de Feira de Santana, ficando com a segunda colocação depois de empatar no Lomantão e perder por 2×1 em Feira, mesmo jogando melhor que o tricolor.

Agora, o Vitória da Conquista vai encarar o Atlético de Alagoinhas em busca deste título, que representará, além de mais uma conquista estadual, uma vaga para a Série D do Campeonato Brasileiro de 2011.

Para Ederlane Amorim, “esse retrospecto é fruto de planejamento e trabalho. Os resultados em campo poderiam ter sido melhores, mas sempre estar chegando à decisão mostra que o clube tem planejado com eficiência as suas temporadas”. Para Amorim, “essa decisão é essencial para as nossas pretensões, afinal, a partir do resultado é que iremos fazer o planejamento para a próxima temporada. Se conquistarmos a vaga na Série D, poderemos prever um 2011 com atividade praticamente durante todo o ano, o que é muito importante para o nosso trabalho e para a cidade”.