WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

setembro 2012
D S T Q Q S S
« ago   out »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  



drupal counter

:: 22/set/2012 . 18:58

Vitória da Conquista estréia na Copa Governador do Estado perdendo para o Bahia de Feira

Por Luciano Pina

Apesar de atuar bem durante todo o segundo tempo da partida, o Vitória da Conquista não conseguiu reverter à superioridade em gols e acabou perdendo para o Bahia de Feira, pelo de placar de 1 a 0, na tarde deste sábado (22), no estádio Alberto Oliveira, na estréia da Copa Governador do Estado

O único gol da partida foi assinalado pelo meia Danilo Cruz (foto) aos seis minutos da primeira etapa. Apenas 49 torcedores pagaram ingressos proporcionando uma renda de R$230,00.

Com o resultado o Alviverde ocupa a terceira colocação do Grupo A ao lado do Fluminense de Feira.

O Bode atuou com Rodolfo, Zé Leandro, Sílvio, Junior Gaúcho e Diego Prates (Oton), Edimar (Gil), Mica, Renilton, Carlinhos, Rubens (Alessandro Azevedo) e Cacá.

No próximo domingo (30), o Vitória da Conquista volta a campo contra o Vitória, às 16 horas, no estádio Lomanto Junior.

Com dois de Elton e um de Tartá, Vitória bate o Goiás no Barradão

Globo Esportes

Sem seu companheiro de ataque, Elton ficou com a responsabilidade para balançar a rede do Goiás neste sábado. No Barradão lotado, o atacante chegou a jogar mancando, mas não se intimidou com a ausência de William, lesionado, e deu ao Vitória o triunfo na 11ª partida invicta da equipe.

Foram necessários três gols para garantir os três pontos. O primeiro veio antes que o relógio fechasse o segundo minuto de jogo. Renan Oliveira ainda empatou, mas estavam reservados para o segundo tempo os gols que selariam a vitória rubro-negra. De cabeça, Elton marcou o segundo. E Tartá, para fechar a conta, deixou um golaço na memória da torcida rubro-negra.

Com a 11ª partida sem perder, o Vitória vai a 57 pontos, na liderança da competição. No próximo sábado, a equipe pega o Avaí, na Ressacada. Com 49 pontos, o Goiás segue na terceira posição e enfrenta o Guaratinguetá na próxima sexta-feira, no estádio Dario Rodrigues Leite.

Outros resultados
São Caetano 3 x 2 CRB
Grêmio Barueri 1 x 2 Boa Esporte Clube
Ipatinga-MG 2 x 3 Criciúma
Atlético-PR 2 x 1 Ceará

Atlético-BA tentou mas acabou derrotado pela Jacuipense

Site do Atlético

Em partida disputada pela Copa Governador do Estado, na tarde desse sábado no estadio Eliel Martins em Riachão do Jacuípe, a equipe do Atlético de Alagoinhas não conseguiu apresentar o bom futebol da estreia e acabou sendo derrotado pelo placar de 1 a 0, o único gol da partida foi marcado por Jânio aos 24 minutos do primeiro tempo.

Com a derrota o Atlético fica na segunda posição do grupo II. O time de Alagoinhas jogou e perdeu com: Vinícios, Antonio Carlos, Jefferson Gusmão, Rodrigo, Pelezinho (Gazinho), Fausto, Tácio, Braw, Tiago Mexirica (Mauricio Pantera), Robert, Jefferson Silva (Rena). Técnico: Quintino Barbosa.

Na próxima rodada que acontece no dia (30) o Carcará vai até Salvador enfrentar o time ‘b’ do Bahia no Metropolitano de Pituaçu ás 13h45.

Vitória B vence o Fluminense de Feira pela Copa Governador

Bahia Notícias

O Vitória B venceu o Fluminense de Feira por 1 a 0 na tarde deste sábado (22), no Estádio Manoel Barradas, pela Copa Governador do Estado.

A partida começou com muita marcação e as duas equipes encontrando dificuldades para passar pelas defesas. Na primeira oportunidade clara de gol, o Vitória matou o jogo. Aos 23 minutos do primeiro tempo, Marcone acertou um belo chute, sem chances para o goleiro Gil. O Touro do Sertão criou oportunidades com João Neto e Júnior, mas o arqueiro Caio estava atento.

Debaixo de um calor sufocante, os dois times sentiram no segundo tempo e criaram pouco. O técnico Laelson Lopes ainda promoveu as entradas de Thiaguinho e Teco para dar mais velocidade ao setor de criação do Flu de Feira, mas o sistema defensivo do Vitória conseguiu neutralizar as investidas.

O Vitória atuou com: Caio; Mateus, Rafael F., Josué e Gabriel; Ananias, Marcone (Edson), Mineiro, Felipe (Mauri); Marcelo Nicácio e Marco Aurélio (Gabriel). Já o Fluminense: Gil; Diogo, Fabrício (Cristiano), Jeferson, e Maílson; Beton, Robinho Marcos Vinicius (Teco) e Nem (Thiaguinho); João Neto e Junior.

Hamilton brilha na noite de Cingapura e marca quarta pole consecutiva da McLaren. Massa é 13º

Esportes.br

Todo o favoritismo apresentado pela Red Bull nos treinos livres foi esnobado por Lewis Hamilton. Vencedor de duas das últimas três corridas, o inglês não deu chances nem a Sebastian Vettel e nem a ninguém quando a disputa pela pole-position foi para valer, neste sábado (22), em Cingapura, palco da 14ª etapa da temporada de 2012.

Com uma volta voadora no começo do Q3, Hamilton chegou a ficar 1s à frente de seus principais rivais. Nos instantes finais, os adversários até se aproximaram, mas não chegaram a ficar perto. Pastor Maldonado surpreendeu e beliscou um lugar na primeira fila, mas foi 0s5 mais lento que o britânico.

Esta foi a segunda pole seguida de Hamilton e quarta da McLaren – desde a Hungria que apenas os carros produzidos em Woking largam na posição de honra do grid. É a primeira vez desde 1999 que a equipe consegue tal sequência.
Sebastian Vettel e Jenson Button formarão a segunda fila do grid de largada e Fernando Alonso, líder do Mundial, largará na quinta colocação. O top-10 será completado por Paul di Resta, Mark Webber, Romain Grosjean e as Mercedes de Michael Schumacher e Nico Rosberg, que não deixaram os boxes na terceira parte da sessão classificação.

Os brasileiros não foram. Bruno Senna encontrou o muro no começo do Q2, quebrou a suspensão traseira direita e nem tempo marcou. Com isso, largará apenas em 17º. Felipe Massa, por sua vez, não conseguiu a volta ideal e ficou somente em 13º.

Resumo da rodada da Serie A

Uol

Confira os jogos que acontecem neste domingo (23), pelo Campeonato Brasileiro da Série A:

Em alta, Botafogo encara histórico de sete anos sem vitória sobre o Corinthians no Rio
O Botafogo vive sua melhor fase no Brasileiro com a sequência de cinco jogos de invencibilidade. Neste domingo, a equipe pega o Corinthians, no Engenhão. Para manter o momento, o Glorioso terá que encerrar uma seca de sete anos sem vencer os paulistas no Rio pela competição.
O Corinthians quer mais 10 pontos para ‘largar’ o torneio e priorizar o Mundial. A ideia é encurtar o caminho rumo aos 45 pontos para que o time tenha mais tempo para se preparar para a competição no Japão. Portanto, Tite usará força máxima no domingo.

São Paulo apresenta Ganso à torcida e encara o Cruzeiro para grudar no G-4
O domingo tem tudo para ser um dia especial para o são-paulino. Primeiro, o clube irá apresentar o meia Paulo Henrique Ganso, contratado por R$ 23,9 milhões, ao torcedor antes do apito inicial da partida contra o Cruzeiro. Quando a bola rolar, o time tentará a segunda vitória seguida, e o técnico Ney Franco espera que seus jogadores repitam o bom desempenho do triunfo sobre a Portuguesa.
O time mineiro está sob tensão, já que não vence há quatro rodadas. O técnico Celso Roth deu declarações polêmicas e está sob pressão. Pesa contra ainda a grande quantidade de desfalques.

Vasco enfrenta Ponte por retorno das vitórias fora de casa e aproximação ao topo
O Vasco enfrenta a Ponte Preta com o objetivo definido durante a semana pela comissão técnica: vencer e torcer pelo tropeço dos líderes para buscar uma aproximação ao topo da tabela do Campeonato Brasileiro.
O desafio é considerável já que o time de Marcelo Oliveira não triunfa fora de casa desde o dia 8 de agosto, quando bateu o Sport por 2 a 0, na Ilha do Retiro. Na ocasião, Juninho e Tenorio marcaram os gols. A Ponte Preta tenta novo encaixe na competição nacional após perder o técnico Gilson Kleina para o Palmeiras.

Para se afastar do Z-4, Flamengo quer manter retrospecto contra o Atlético-GO em Goiânia
A vitória do lanterna Atlético-GO sobre o líder Fluminense deixa o Flamengo em alerta. Distantes oito pontos, a partida é uma decisão para ambos. Os goianos querem os três pontos para diminuir a distância para o primeiro clube fora do Z-4. Porém, nunca em Brasileiros o Atlético venceu o Flamengo em jogos dentro de casa.
Para manter o retrospecto e voltar a vencer após sete rodadas, Dorival Júnior aposta em Cleber Santana. Artur Neto mudará em três posições, mas com a semana livre de treinos, o time está confiante em uma nova vitória. :: LEIA MAIS »

Com apenas uma dúvida na escalação, Vitória da Conquista viajou para enfrentar o Bahia de Feira

Por Luciano Pina

O Vitória da Conquista embarcou na noite desta sexta (21), para feira Santana onde na tarde deste sábado (22), enfrenta o Bahia de Feira, no estádio Alberto Oliveira, pela Copa Governador do Estado.

O treinador Guilhermino Lima tem apenas uma dúvida para escalar o time que enfrenta o Tremendão. Roni sentindo a panturrilha viajou, porém, fará um teste antes do jogo para saber se poderá atuar.

A provável equipe que inicia a partida será: Rodolfo, Zé Leandro, Sílvio, Junior Gaúcho e Diego Prates, Edimar, Renilton, Mica, Rubens, Carlinhos e Cacá (Roni). Foram relacionados para o banco de reservas: Neto, Emílio, Felipe, Góes, Alessandro Azevedo e Oton.

O comandante do Bode está confiante em um bom resultado na estréia “São sempre muito equilibrados os jogos realizados em Feira de Santana, mas conseguimos bons resultados jogando no Jóia da Princesa, e vamos pra lá na expectativa de trazer um bom resultado”, disse ao site oficial do clube.

A Rádio Clube FM estará transmitindo a estreia do Vitória da Conquista na Copa Governador.

FBF homenageia radialistas da Bahia

FBF

Responsável por levar informações às casas de milhões de pessoas sem serem vistos, o radialista é o grande elo entre os acontecimentos e o cidadão. É um dos profissionais mais importantes para o aprofundamento da democracia em uma nação.

Para muitos brasileiros, eles são considerados irmãos, conselheiros ou até companheiros de cada dia. É com essa destacada importância na sociedade que o profissional do rádio comemora, neste 21 de setembro, o dia da profissão no Brasil.

Ser um radialista não é tarefa fácil, como muitos acreditam. Para obter sucesso na atividade, é preciso ter habilidade de prender a atenção do ouvinte para que escute um programa de entretenimento, a narração de um jogo de futebol ou as notícias do dia a dia.

Essa tarefa pode ser dividida em diversas áreas no exercício da função. Além da locução, cabe ao radialista à apresentação, sonoplastia, produção de programas, tanto de rádio quanto de TV, direção entre outros.

Neste dia tão importante para o profissional, a Federação Bahiana de Futebol (FBF) parabeniza a Associação Bahiana de Cronistas Desportivos, o Sindicato dos Trabalhadores em Rádio, TV e Publicidade do Estado da Bahia (Sinterp-BA) e todos os radialistas que contribuem, direta ou indiretamente, para o sucesso do futebol baiano.

Sem Neymar, Santos tenta manter embalo contra a Lusa, no Pacaembu

Gazeta Esportiva

Sem poder contar com o atacante Neymar, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o Santos enfrenta a Portuguesa, neste sábado, às 21 horas (de Brasília), no Pacaembu. Com duas vitórias seguidas no Campeonato Brasileiro (Flamengo e Coritiba), o Peixe tenta embalar na competição diante da Lusa, que perdeu seus últimos dois compromissos (Fluminense e São Paulo).

Os santistas ainda se encontram distantes do G-4, condição que garante vaga na próxima edição da Copa Libertadores da América, mas confiam que um resultado positivo contra a Portuguesa pode manter vivo o sonho de chegar ao torneio internacional. “Vamos procurar jogar o nosso melhor. Agora, vamos pegar a Portuguesa, que não é um adversário fácil de se enfrentar. Eles têm uma equipe bem armada, rápida, difícil de você jogar contra. Precisamos ter atenção com eles”, afirmou o técnico Muricy Ramalho, que têm outros problemas, além da ausência da Joia alvinegra.

Do lado da Portuguesa, a ideia do técnico Geninho é somar os primeiros pontos da sequência ‘pesada’ iniciada na derrota diante do Fluminense, no Canindé, e que teve continuidade na má atuação contra o São Paulo, no último final de semana. Além do Santos, adversário deste sábado, a Lusa ainda tem o Atlético-MG pela frente e só então volta a encarar adversários considerados mais frágeis. O treinador acredita que a oscilação da equipe e mesmo os cinco pontos de distância em relação à zona de rebaixamento são naturais.

Com Deco de volta, líder Flu recebe o Náutico, que ainda não pontuou no RJ

Globo Esportes

A derrota por 2 a 1 para o lanterna Atlético-GO, na última rodada, preocupou a torcida do Fluminense, que precisou secar o Atlético-MG para continuar líder do Campeonato Brasileiro. E quem ajudou o Tricolor foi o próprio Náutico, que agora será seu adversário. A seu favor, o Flu joga com os números para evitar novo tropeço no segundo jogo seguido no Raulino de Oliveira: no estádio de Volta Redonda (RJ), o time tem 65,3% de aproveitamento em 78 partidas. Além disso, o Timbu não pontuou nas três vezes que atuou no estado do Rio de Janeiro na competição, e terá sua última chance de triunfar em solo fluminense neste sábado.

Para não ficar só na teoria dos números, o técnico Abel Braga também tem dois motivos para comemorar em campo: os retornos de Fred, artilheiro do campeonato com 11 gols, após suspensão, e de Deco, recuperado de um estiramento muscular que o tirou de cena por quase dois meses. Com 53 pontos e dois de diferença para o segundo colocado, a equipe tenta ampliar a vantagem e dar início a uma nova sequência invicta: o Flu já ficou uma série de 11 e outra de 12 jogos sem perder neste Brasileiro.

O Náutico encerrou a sequência negativa de quatro partidas sem vencer contra o vice-líder Atlético-MG nos Aflitos. A missão agora é tentar parar o líder, mas o desafio de encarar Fred, Wellington Nem, Deco e companhia se torna mais difícil uma vez que o jogo é longe do Recife. Até o momento, o Timbu só venceu uma partida fora de casa (contra o Atlético-GO) e acumula uma série de derrotas quando ultrapassa os limites da capital pernambucana.

Em Floripa, Figueira e Verdão controlam nervos para ficar na Série A

r7

A diferença entre Figueirense e Palmeiras na tabela é de dois pontos a mais para o time catarinense, mas os clubes que se enfrentam às 18h30 (de Brasília) deste sábado têm mais semelhanças do que imaginavam no início do Campeonato Brasileiro. Ambos precisam vencer para iniciar uma arrancada que os mantenham na primeira divisão. E têm um adversário em comum: a tensão, até porque os três pontos não tirarão ainda nenhum deles da zona de rebaixamento.

Em penúltimo lugar, com 20 pontos em 25 rodadas, o Verdão estreia Gilson Kleina em substituição a Luiz Felipe Scolari, que deixou a equipe dois meses após ser campeão da Copa do Brasil. A crise claramente afeta os jogadores, tanto que o treinador tem como principal missão controlar os nervos de seus atletas. Para conter a ansiedade, o elenco passou a semana concentrado em Itu, a 90km de São Paulo.

“O momento é de tranquilidade, de passar confiança e estar junto com o novo treinador para qualquer tipo de situação. A chegada dele é muito importante por ser um cara vencedor, que trabalha bem. Será uma partida muito difícil, contra uma equipe que está lutando como nós, mas estamos aqui juntos para sairmos dessa situação”, discursou o capitão Marcos Assunção.

SÉRIE B: Rodada deste sábado pode ser decisiva para o acesso

Futebol Interior

A rodada deste sábado pode ser decisive na disputa pelo acesso no Campeonato Brasileiro da Série B. Os quarto times que ocupam o G4 entram em campo. Além disso, dois jogos envolverão concorrentes diretos. O líder Vitória recebe o Goiás, enquanto o Atlético-PR encara o Ceará, em Curitiba. No jogo mais aguardado da rodada, o Vitória pode dar mais um passo rumo ao acesso contra o Goiás, em Salvador. O time baiano está invicto há dez rodadas, sendo seis vitórias e quarto empates. No ultimo jogo, ficou no 0 a 0 com o Guarani e chegou aos 54 pontos. Já o time goiano não perde há seis jogos, com cinco vitórias e um empate. Nas últimas rodadas, venceu confrontos diretos contra Criciúma, por 1 a 0, e Atlético-PR, por 3 a 2, e chegou aos 49 pontos, na terceira posição.

Outro confront direto será entre Atlético-PR e Ceará, em Curitiba. Os dois times precisam vencer para não ver o pelotão de elite se distanciar. Os paranaenses perderam uma invencibilidade de nove jogos na rodada passada e estacionaram nos 43 pontos, três a menos que o quarto colocado São Caetano. Já o clube cearense também vive um série invicta, com quarto vitórias e dois empates. Embalado, o time encostou nos primeiros, com 41 pontos. O atual vice-líder Criciúma encara o desesperado Ipatinga, no interior mineiro, também com o objetivo de deslanchar. Após um momento turbulent, os catarinenses venceram o ASA, por 2 a 1, e chegaram aos 49 pontos. Superam o Goiás no número de vitórias: 15 a 14. Os mineiros, por outro lado, estão virtualmente rebaixados, com 16 pontos, no penúltimo lugar.

O São Caetano também joga para se manter entre os quatro primeiros. Para isso, tenta confirmer seu favoritismo contra o CRB, no ABC paulista. Os donos da casa vêm de duas vitórias longe de seus domínios e ocupam o quarta posição, com 46 pontos. Os alagoanos estão ameaçados pelo rebaixamento, com apenas 28 pontos.Na luta para afastar suas chances de rebaixamento, o ASA recebe o América-RN, em Arapiraca. Os alagoanos têm 30 pontos, enquanto o time potiguar, que ainda sonha em acesso, soma apenas 36. Por fim, no ultimo jogo do sábado, o Boa Esporte também briga para se afastar dos últimos colocados contra o lantern Grêmio Barueri, em Varginha. Os mineiros somam 31 pontos, diante de apenas 13 dos paulistas, que estão em últimos.

Confira os jogos deste sábado:
Sábado
15h
Atlético-PR x Ceará-CE
16h
São Caetano-SP x CRB-AL
Vitória-BA x Goiás-GO
Ipatinga-MG x Criciúma-SC
Grêmio Barueri-SP x Boa Esporte-MG
21h
ASA-AL x América-RN

pmvc




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia