Gazeta Esportiva

1704561_full-lnd

A próxima semana será de novidades no São Paulo. Neste domingo, antes mesmo confirmar a grave lesão que deixará o atacante Negueba afastado do futebol por seis meses, João Paulo de Jesus Lopes, vice-presidente do Tricolor, atualizou os quadros de Eduardo Vargas e Wallyson, últimos jogadores pretendidos pelo técnico Ney Franco para fechar o elenco antes do início do Campeonato Paulista e principalmente da primeira fase da Copa Libertadores.

Antes de confirmar as duas contratações, no entanto, o Tricolor se preocupa em ‘abrir espaço’ no elenco com duas rescisões de contrato que foram oficializadas neste domingo: do volante Paulo Assunção e do meia Cícero. Enquanto o primeiro negocia com o La Coruña, da Espanha, o outro depende apenas da assinatura para se tornar reforço do Santos. Além deles, o atacante Henrique foi vendido para o Botafogo e o lateral esquerdo Juan tem propostas para deixar o clube, mas ainda não aceitou nenhuma.

De acordo com as expectativas do dirigente, os dois atacantes devem realmente ser oficializados na próxima terça-feira. Caso não ocorra o anúncio das contratações, o Tricolor desistirá em nome de outras prioridades. A situação de Wallyson está praticamente resolvida, já que ele não tem contrato com nenhum clube, mas Vargas foi até relacionado para uma partida do Napoli neste domingo, contra a Roma, pela 19ª rodada do Campeonato Italiano.

unimarc-modelo-4