Agência Futebol Interior

tabela-brasileirao-2013

Depois de São Paulo e Corinthians, mais um clubepraticamente se livrou do rebaixamento, após 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com a grande goleada sobre o Grêmio, por 4 a 0, neste domingo, o Coritiba viu suas chances de rebaixamento diminuírem de 16,9% para 5,6%, segundo os cálculos do site Chance de Gol.

Situação bem diferente do Náutico, que já está virtualmente rebaixado, com quase 100% de possibilidades de queda. O timealvirrubro pode ter sua queda decretada matematicamente na próxima rodada, caso não consiga vencer o Atlético-MG, no sábado, em Belo Horizonte.

As outras três vagas devem ficar limitadas a outros cinco clubes. Mesmo em ascensão, a Ponte Preta é quem mais está ameaçada com 83,2% de chances de cair. Outros dois clubes também estão em situação bem complicadas: Vasco (75%) e Criciúma (63,6%). Mais abaixo aparecem o Bahia, com 43,8%, e Fluminense (22,7%).

Depois do Coritiba, quem mais se aproxima deste G5 é a Portuguesa, que ostenta 3,2%. Em seguida aparecem Flamengo (1,5%), Internacional (0,6%), Corinthians (0,4%), São Paulo (0,1%) e Santos (0,04%).

O restante será mero coadjuvante na disputa. São os casos de Atlético-MG, Vitória, Goiás, Atlético-PR, Grêmio e Botafogo, todos com quase 0% de possibilidades. O Cruzeiro é o único que não tem mais chance de queda.

Veja os dez clubes com mais chances de rebaixamento:

— Náutico quase 100%
— Ponte Preta 83,2%
— Vasco 75%
— Criciúma 63,6%
— Bahia 43,8%
— Fluminense 22,7%
— Coritiba 5,6%
— Portuguesa 3,2%
— Flamengo 1,5%
— Internacional 0,6%