WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

agosto 2014
D S T Q Q S S
« jul   set »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  



drupal counter

:: 22/ago/2014 . 8:49

CBF observará promessas do futebol baiano

Galáticos Online

Bruno Costa - Observador Técnico da CBF (Foto: Blogbasedofutebol)

Bruno Costa – Observador Técnico da CBF (Foto: Blogbasedofutebol)

A Federação Bahiana de Futebol (FBF), em parceria com a CBF, realizará um amistoso entre as equipes Sub-16 de Bahia e Vitória. A partida será realizada no dia 28 de agosto, no Estádio de Pituaçu.

O objetivo do confronto é que a entidade nacional avalie atletas da dupla BAVI que podem servir às Seleções de base. Para isso, o observador técnico da CBF, Bruno Maluf da Costa desembarcará em Salvador e acompanhará todos os detalhes do confronto entre Rubro-Negros e Tricolores. O profissional já esteve na Capital baiana em outras oportunidades para realizar trabalho semelhante.

Mas, desta vez, a passagem dele por Salvador terá uma novidade. Os demais clubes do Estado, além da dupla BAVI, também terão chance de apresentar suas promessas.

O presidente da FBF, Ednaldo Rodrigues sugeriu à CBF a realização de uma preliminar no amistoso e foi atendido. Na partida que antecipará o clássico, se enfrentarão duas Seleções com os principais destaques de cubes como Galícia, Vitória da Conquista, Serrano, ABB, Fluminense, Astro entre outros.

A intenção do dirigente é que todos os clubes baianos possam servir à Seleção Brasileira e, por consequência, se desenvolvam cada vez mais e sejam valorizados no cenário nacional. Bruno Costa também observará atentamente os garotos que estarão em campo antes do BAVI.

SÉRIE B: Sexta-feira com briga pela liderança, G4 e para “fugir” do descenso

Futebol Interior

728x485

A sexta-feira será de muita emoção no Campeonato Brasileiro da Série B. Vasco e América-MG lutam para ultrapassar o Ceará e assumir a liderança nesta 18ª rodada. Já a Ponte Preta tenta enfim voltar ao G4. Pelo lado de baixo da tabela, Oeste e Icasa buscam se afastar do descenso. O Boa Esporte, por sua vez, ainda seque “tranquilo” no meio da classificação.

Enfim o grande favorito ao título da Série B pode assumir a liderança. O Vasco pode “roubar” a primeira colocação do Ceará. Para isso, precisa vencer o Icasa às 21h50, no Estádio Romeirão, em Juazeiro do Norte. O clube carioca é o segundo colocado com 31 pontos, mesma pontuação da equipe da capital cearense, que está à frente nos critérios de desempate (9 a 8 no número de vitórias).

O Icasa, por sua vez, corria o risco de não entrar em campo contra o Vasco. Os jogadores estão com salários atrasados e ameaçaram não entrar em campo. Nesta sexta-feira, porém, com uma conversa, juntamente com o Sindicato, ficou resolvido que a dívida será paga até o início do mês de setembro e que a greve está cancelada. Com isso, foco novamente na tabela de classificação, onde está 16ª colocação com 18 pontos, a dois do Bragantino, primeiro na zona de rebaixamento.

Mais cedo, América-MG enfrenta a Ponte Preta às 19h30, no Estádio Independência. A luta é direta pelo G4. O clube mineiro é o quarto colocado com 29 pontos e torce contra Ceará (31), Vasco (31) e Avaí (30) para assumir a liderança. Uma derrota, porém, pode colocar a equipe campineiro dentro da zona de classificação, já que é a sexta colocada com 28 pontos e vem de três vitórias seguidas – Bragantino (1 a 0), Joinville 2 a 0) e América-RN (2 a 0).

Por fim, o Oeste, que não vence há quatro rodadas, busca a reabilitação contra o Boa Esporte às 19h30, no Estádio dos Amaros, em Itápolis. O clube mineiro vem de derrota para o Joinville por 2 a 1, e quer a vitória para entrar na brigar pelo G4 e não correr riscos de se aproximar da zona de rebaixamento.

468x60_simonassi127

Cruzeiro supera marcação do Grêmio, marca no fim e amplia folga na ponta

Globo Esportes

lucassilva-cruzeiro-gremio_brunojose-fut

Se não dá para ser na técnica, vai na raça. Foi assim que o Cruzeiro conseguiu a difícil vitória por 1 a 0 sobre o Grêmio, na noite desta quinta-feira, no Mineirão, com gol de Dagoberto aos 40 minutos do segundo tempo. A jogada decisiva da partida teve origem numa roubada de bola no campo de defesa pelo zagueiro Dedé, que arrancou pela direita e fez cruzamento perfeito para a cabeçada certeira do atacante, que entrou na segunda etapa. O jogo, que marcou a volta de Felipão ao Mineirão após a derrota de 7 a 1 para a Alemanha com a seleção brasileiras, na semifinal da Copa do Mundo, teve público de 32.294 pagantes, com renda de R$ 1.424.807.

O resultado manteve o Cruzeiro, com impressionantes 91% de aproveitamento em casa, na liderança do Campeonato Brasileiro, com 36 pontos, ampliando para cinco a vantagem sobre Internacional e Corinthians, que dividem a segunda posição – o Timão perde para o Colorado nos critérios de desempate. O Grêmio é apenas o décimo colocado, com 22 pontos.

Na próxima rodada, o Cruzeiro vai ao Serra Dourada, em Goiânia, enfrentar o Goiás, domingo, às 18h30 (de Brasília). No mesmo dia, mas às 16h, o Grêmio recebe o Corinthians na Arena, em Porto Alegre.

Corinthians se manda ao ataque, vira jogo e goleia o Goiás em Itaquera

Gazeta Esportiva

t_124989_autor-de-tres-gols-luciano-vibrou-bastante-e-foi-punido-pela-arbitragem-por-comemorar-sem-a-camisa

Nenhum torcedor pode se queixar de um comportamento defensivo do Corinthians contra o Goiás. A formação alvinegra se lançou ao ataque o jogo inteiro, expondo a defesa, sofrendo com isso, ficando duas vezes atrás no placar e, enfim, conseguindo uma vitória por 5 a 2 em Itaquera.

O resultado na zona leste de São Paulo colocou os comandados de Mano Menezes na terceira colocação do Campeonato Brasileiro, com os mesmos 31 pontos do vice-líder Internacional. A equipe de Ricardo Drubscky, estacionada nos 20 e derrotada pela quarta vez seguida, está em 11º lugar.

O placar não mostra quão difícil foi a partida, mas o Corinthians cumpriu a promessa de Mano, atacando com muito mais gente e menos precaução. Saiu atrás em falha defensiva aproveitada por Thiago Mendes, empatou de cabeça com Guerrero e voltou do intervalo com um comportamento ainda mais kamikaze.

A equipe levou mais um gol em cobrança de falta – Jackson cabeceou em posição legal, apesar da reclamação e da subsequente expulsão de Mano – e empatou com Elias, em posição duvidosa. Já na parte final do jogo, Luciano, que entrara no intervalo e havia cometido erros, fez os três gols que definiram o placar.

pmvc




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia