Globo Esportes

marcelocirino-flamengo-marcioalves-glo

A combinação Flamengo e Maracanã desta vez não foi sinônimo de goleada, mas voltou a dar resultado. Após atropelar Barra Mansa (4 a 0) e Cabofriense (5 a 1) nos jogos no estádio nesta temporada, o Rubro-Negro fez só 2 a 0 sobre o Boavista na noite desta quarta-feira. Gols de Everton e Marcelo Cirino, destaque do duelo e agora vice-artilheiro do Carioca, com quatro, ao lado de Bill, do Botafogo, e um atrás de Fred, do Fluminense. O placar levou o time invicto de Vanderlei Luxemburgo pela primeira vez no ano à liderança do estadual, graças aos critérios de desempate, com os mesmos 13 pontos de Botafogo e Volta Redonda. Já o Boavista, dos ex-flamenguistas Erick Flores e Marcelo Carné, termina a rodada na lanterna, com apenas um ponto em cinco partidas.

A noite também foi de homenagem a Léo Moura, que pode estar de saída depois de 10 anos 516 jogos pelo clube – o sétimo que mais atuou com a camisa rubro-negra ao lado de Carlinhos, o Violino. O lateral, que negocia com o Fort Lauderdale Strikers, dos Estados Unidos, clube do qual Ronaldo Fenômeno é um dos parceiros, entrou no segundo tempo, recebeu a faixa de capitão de Wallace e foi ovacionado pelos 20.628 pagantes (24.219 presentes) no Maracanã. A renda foi de R$ 658.570.

O Fla volta a campo agora para defender a liderança do estadual no domingo, contra o Madureira, às 16h (de Brasília), no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. No mesmo dia, só que às 17h, o lanterna Boavista tentará sair da zona de rebaixamento diante do Macaé no Moacyrzão.

Outros resultados
Bonsucesso 1 x 1 Macaé
Cabofriense 2 x 0 Resende

outdoor_pq