WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte


vitoria da sorte

maio 2015
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  



drupal counter

:: 3/maio/2015 . 17:56

Irreconhecível na etapa inicial, Vitória da Conquista é goleado pelo Bahia e perde o título Baiano

POr Luciano Pina

IMG_0741

Fazendo uma partida irreconhecível na primeira etapa com muitas falhas no sistema defensivo, o Vitória da Conquista foi goleado pelo Bahia, pelo placar de 5 a 0, na tarde deste domingo (3), na Arena Fonte Nova.

Aos nove minutos, o zagueiro Robson pegou um rebote e mandou para rede abrindo o placar para o Tricolor. Aos treze foi à vez do lateral esquerdo Bruno Paulista chutar de fora da área e fazer o segundo. Aos vinte e dois, após um contra-ataque a bola sobrou para Kieza que chutou fazendo o terceiro para Esquadrão.

Na segunda etapa, o Bode iniciou a partida pressionando, porém, aos dezessete, Zé Roberto se jogou na área é o árbitro Jailson Macedo assinalou pênalti. Souza cobrou fazendo o quarto para o Bahia. Aos vinte e cinco, Diego Aragão colocou a mão na bola e o árbitro marcou pênalti. Souza mais uma vez cobrou e marcou o quinto. Aos quarenta, Kieva se livrou do goleiro Viáfara fazendo o sexto dando números finais a partida.

Com a derrota o Vitória da Conquista deixou escapar a chance de conquistar o inédito titulo Baiano.

Viáfara, Apodi, Fernando Belém, Sílvio e Matheus Leone, Fausto (Erivelton), Maicon, Diego Aragão, André Oliveira (Kaká), Tatu e Carlinhos (Rafamar).

Sem vaga no Campeonato Brasileiro da Serie D, o Bode terá apenas a Copa Governador do Estado, para disputar no segundo semestre.

AABB e vários bares da cidade colocarão telão para acompanhar a final do Baianão

Por Luciano Pina

DSC_1291-Copy

A vitória do time Conquista por 3 a 0 sobre o Bahia, no último domingo, na primeira partida da final do Baianão, animou a torcida alviverde. E a AABB, que não poderia ficar de fora, instalará no salão de festa um telão para que os associados e amigos acompanhem o jogo final, neste domingo(03), às 16h, contra o Bahia.

A expectativa é que centenas de pessoas compareçam ao clube. Vamos bodêêê.

Além da AABB, alguns bares da cidade também colocarão telão.

Coloque seu telão ou televisr, ligue o seu Rádio na Clube FM (95,9), a partir das 14 horas e torça para que o BODE possa conquistar este título histórico par a terceira maior cidade da Bahia.

unimarc-modelo-4

No Bode desde o 1º jogo do clube, Silvio quer taça como consagração

Globo Esportes

vc

Feira de Santana, 29 de julho de 2006. O Vitória da Conquista, recém fundado, entrava em campo pela primeira vez na história como profissional para enfrentar o Astro-BA, no estádio Joia da Princesa. Na zaga do time conquistense, um então jovem defensor, filho de Vitória da Conquista, vestia a braçadeira de capitão. Era Sílvio da Silva Almeida, na época com 25 anos. Após dez anos, na defesa do Bode, lá está ele. Mais experiente, com menos cabelos, mas a mesma raça e dedicação. Com mais de 330 jogos com a camisa do Alviverde, Sílvio é o Bode em pessoa.

Na véspera da partida de ida da decisão do Campeonato contra o Bahia, em Vitória da Conquista, o técnico Evandro Guimarães fez um rateio de ingressos entre jogadores e membros da comissão técnica. O massagista Thales foi um dos contemplados. No entanto, ao perceber que o goleiro Viáfara ainda não tinha ingresso, o treinador, visivelmente chateado, pediu que Thales entregasse o seu bilhete ao colombiano – que, afastado do local, não acompanhou o cena. Observador do episódio, Sílvio prontamente chamou Guimarães e lhe deu o ingresso para que fosse repassado para o massagista.

– Rapaz… Você é ídolo mesmo, viu? Tem que ser ídolo para fazer um negócio desse! Você é “retado”! E que moral hein, Thales? – disse o treinador.

O simples e humilde ato do capitão retrata bem a postura do zagueiro de 34 anos. No clube desde antes da sua fundação, quando a Conquista era ainda um projeto social com a intenção de formar jogadores, Sílvio viu a equipe passar de escolinha a força do futebol baiano.

– Aqui começou do zero. Era uma escolinha. O presidente tornou profissional, foi agregando. O que se mantém desde o início é organização e profissionalismo. As outras coisas foram agregando, como a torcida que abraçou o time, os empresários ajudando, é isso que vem desenvolvendo e mostrando a força desse time. Eu estou desde o início, em 2006, quando fomos campeões baianos invictos da Segunda Divisão, que foi o primeiro ano profissional do clube. Eu joguei no primeiro jogo da história do clube. Depois em 2008, tivemos um bom time, que encantou, só que o sistema de disputa era diferente, era pontos corridos, e não teve final. Esse ano, completamos dez anos e chegamos na final – disse o zagueiro ao GloboEsporte.com. Leia o retante da matéria :: LEIA MAIS »

Torcida do Bode aguarda o título de CAMPEÃO de futebol da Bahia de 2015

Blog da Resenha

Torcida

A torcida do E.C Vitória da Conquista está confiante que hoje será o grande dia. Nada foi preparado antecipadamente o que demonstra que a torcida do Bode, como o time, está confiante, mas prudente. Como ocorre com os torcedores de grandes clubes do Brasil – as comemorações serão improvisadas e a Avenida Olivia Flores na zona leste e Av. Frei Benjamin na zoina oeste da cidade serão os locais preferidos para o torcedor soltar o GRITO de CAMPÈÃO.

Na história do futebol profissional do Estado da Bahia, apenas 3 equipes do interior conquistaram o título estadual. De feira de Santana o Fluminense e o Bahia. DA cidade de Ilhéus o Colo Colo. Na tarde deste domingo (3), às 16 horas na Fonte Nova, está programada a grande final do certame neste ano de 2015. Conquista x E.C Bahia.

Na Fonte Nova a torcida, comandada pela Criptonita vai comparecer em grande número. Segundo informações, mais de 2 mil torcedores deverão ocupar um espaço que será reservado pela Polícia Militar para facilitar o esquema de segurança que foi montado para o jogo.

Ligue o seu Rádio na Clube FM (95,9) e torça para que o BODE possa conquistar este título histórico par a terceira maior cidade da Bahia.

Sob chuva, Ypiranga e Botafogo empatam em Pituaçu

Galáticos Online

ypiranga x botafogo

Sob muita chuva na tarde deste sábado (2), em Pituaçu, Ypiranga e Botafogo ficaram no empate de 1 a 1. A partida abriu a 3ª rodada da Segunda Divisão do Baianão 2015.

Com o resultado, o Aurinegro foi aos três pontos ganhos e segue sem vencer na competição. Já o time de Senhor do Bonfim foi aos quatro pontos e assumiu temporariamente a vice-liderança da divisão de acesso.

O Ypiranga volta a campo no dia 10 de maio, novamente em Pituaçu, contra o Jequié. Já o Botafogo vai até Guanambi, no mesmo dia, enfrentar o Flamengo.

468x60_simonassi127





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia