WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte


vitoria da sorte

junho 2015
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  



drupal counter

:: 14/jun/2015 . 9:27

Dunga faz mistério na Seleção e diz: “Todos adoram ver o Brasil perder”

Globo Esportes

dunga_copaamerica_agestado

Primeira competição oficial após o fiasco de 2014. Desfalques de nomes importantes, como Oscar e Luiz Gustavo. Com esse panorama, o técnico Dunga falou com os jornalistas na véspera da estreia na Copa América, contra o Peru, neste domingo, em Temuco. Sem revelar o time titular, o treinador preferiu comentar apenas o que espera dos rivais na primeira partida do torneio.

– Todos adoram o Brasil, mas todos adoram ver o Brasil perder. Essa é a maior dificuldade que temos. O maior prazer deles é vencer o Brasil. Quando as equipes jogam entre elas, o jogo é diferente. Contra o Brasil é outra atmosfera.

O treinador lembrou ainda de seu retrospecto no torneio. Como jogador, Dunga conquistou duas vezes a competição (1989 e 1997). Como técnico, uma (2007).

– A Copa América é uma das competições mais difíceis do mundo. Vale lembrar que o Brasil ficou quase 40 anos sem vencer. Ganhei duas como jogador, uma delas em La Paz, na altitude. Isso é para poucos. O Brasil tinha excepcionais equipes, mas ficou sem vender. Agora, cada seleção tem 10, 15 jogadores atuando na Europa. Cada jogo é uma decisão.

Questionado pela imprensa estrangeira em diversas oportunidades sobre as marcas do 7 a 1 para a Alemanha, na semifinal do torneio, e em relação aos remanescentes daquela equipe, Dunga defendeu seus comandados e afirmou que aquele resultado ficou para trás.

– Tem certas coisas que acontecem em nossa vida que vão cicatrizar, mas não tem como tirar a marca. O Brasil perdeu em 50 para o Uruguai e sempre vão falar daquilo. Não importa se já jogamos outras vezes e vencemos. Tem que seguir o caminho. Sabemos que nem tudo na vida é eterno. A vitória é boa, mas não é eterna. A derrota é ruim, mas não é definitiva. :: LEIA MAIS »

Deputado pede que vereadores investiguem licitação do transporte coletivo

Blog da Resenha Geral

IMG_0613-210x300

Durante a sessão especial que tratou do transporte coletivo de Vitória da Conquista, na Câmara Municipal, o deputado estadual Herzem Gusmão (PMDB) pediu que os vereadores investiguem o processo de licitação do transporte coletivo, realizado em 2013. O deputado apontou as disparidades de valores de concessão entre as empresas como algo “inaceitável”.

“É inaceitável uma empresa pagar para ter direito a operar, R$ 37 milhões, a Serrano, que quebrou, R$ 20 milhões, e a empresa que chega, a Cidade Verde, pagando apenas R$ 6 milhões”, afirmou Herzem. O parlamentar também apontou “que a Prefeitura quebrou as empresas que atuaram no município no transporte coletivo, desde 1996 quando o PT chegou ao poder na cidade”.

Além disso, ele sugeriu que a Prefeitura faça estudos para que a cidade, no futuro, seja contemplada com um corredor que possibilite a implantação de BRT (Bus Rapid Transit) ou o VLT (Veículo Leve sobre Trilhos). “Nós precisamos modernizar o transporte público de nossa cidade”, afirmou, citando como exemplo a necessidade da sessão. “Essa iniciativa significa que o transporte coletivo na cidade de Vitória da Conquista precisa avançar”, disse.

Por fim, Herzem elogiou a autonomia da Câmara durante a discussão do projeto de lei, enviado pela Prefeitura, que previa redução de impostos pagos pelas empresas de transporte. Naquele momento, a maioria dos vereadores foi favorável ao estabelecimento de condições para aprovar a redução, o que fez a Prefeitura retirar o projeto.

Maru empata com e Grêmio e classifica, Bangu vence Botafogo e respira

Por Luciano Pina
Foto Eliezer Oliveira

549325_648775468557954_7294711124429191676_n

Duas partidas foram realizadas na tarde deste sábado (13), no estádio Edvaldo Flores, valendo pela penúltima rodada da fase de classificação do Campeonato Municipal de Futebol, promovido pela LCDT.

Maru e Grêmio ficaram no empate pelo placar de 1 a 1. Na primeira etapa Flepa cobrando pênalti abriu o placar para o Mari. Edvan de cabeça empatou para o Grêmio na etapa complementar .

Com o empate o Maru se classificou para a próxima fase. Já o Grêmio precisa apenas de um novo enpate contra o Moicana para também se classificar.

No outro jogo o Bangu derrotou o Botafogo, pelo placar de 1 a 0. O gol foi assinalado por Binho.

Com a vitória, o Bangu deu uma respirada e vai torcer por uma derrota do Vila Nova diante do Kadija, neste domingo (14), para decidir quem cai na última rodada. Já o Botafogo, caso o Kadija vença, vai decidir a vaga na última rodada.

Argentina impõe “olé”, mas relaxa e cede empate ao Paraguai no fim

Gazeta Esportiva

t_154269_o-empate-deixa-as-duas-equipes-em-pe-de-igualdade-no-grupo-b-da-copa-america-que-tem-o-uruguai-como-lider

A medalha de prata na Copa do Mundo de 2014 não parece ter sido bem digerida pela Argentina. Mesmo assim, neste sábado, a equipe comandada por Gerardo “Tata” Martino dominou amplamente o Paraguai, mas cedeu o empate em 2 a 2, em La Serena, pela primeira rodada do grupo B da Copa América.

Os gols da Argentina foram marcados por Aguero, aos 28, e por Messi, de pênalti, aos 35 minutos do primeiro tempo. Valdez descontou para o Paraguai aos 14 da etapa final, e Lucas Barrios chegou ao empate aos 44. Com o resultado, as duas seleções estão empatadas no segundo lugar do grupo B, que tem o Uruguai na liderança com três pontos.

No ano passado, a seleção alviceleste chegou à decisão do Mundial, mas saiu derrotada pela Alemanha por 1 a 0, no Maracanã, com um gol do jovem meia Mario Gotze. Frustrados, Messi, Aguero e companhia iniciaram a disputa do torneio continental no Chile com a taça como objetivo principal. Vale lembrar que os argentinos já somam 14 títulos: foram campeões em 1921, 1925, 1927, 1929, 1937, 1941, 1945, 1946, 1947, 1955, 1957, 1959, 1991 e 1993. Em contrapartida, a Seleção Brasileira sustenta a rivalidade com oito taças.

Na edição de 2011, disputada justamente na Argentina, a delegação paraguaia chegou à decisão sem vencer uma única partida – foram cinco empates, dentre eles o que eliminou o Brasil de Mano Menezes. Na grande final, no entanto, o Uruguai levou a melhor por 3 a 0, frustrando o sonho do Paraguai de adicionar mais uma taça às conquistadas em 1953 e 1979.

outdoor_pq

São Paulo derrota a Chapecoense e assume o primeiro lugar

CBF

0002050087297_img

Cinco jogos foram realizados neste sábado pela sétima rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Na Arena Condá, o São Paulo derrotou a Chapecoense por 1 a 0, gol de Souza, e assumiu a liderança, com 16 pontos. O time paulista pode ser ultrapassado no domingo pelo Atlético Paranaense, que está com 15 pontos e vai enfrentar o Grêmio. A Chapecoense continua com nove pontos, na décima colocação. Flamengo, Corinthians, Cruzeiro e Sport também venceram.

Com um gol de Eduardo da Silva, o Flamengo fez 1 a 0 no Coritiba no Couto Pereira. O resultado levou a equipe carioca ao 14º lugar, com sete pontos. O Coritiba permanece com três pontos, na 18ª colocação.

Na Arena Corinthians, o Corinthians venceu o Internacional por 2 a 1. Jadson e Vagner Love marcaram para o clube paulista, no quarto lugar, com 13 pontos. Nilmar balançou a rede para o time gaúcho, 11º colocado, com nove pontos.

O Cruzeiro derrotou o Vasco por 3 a 1 em São Januário. Leandro Damião (duas vezes) e Charles fizeram os gols do Cruzeiro, que subiu para o oitavo lugar, com 10 pontos. Rodrigo marcou para o Vasco, 19º colocado, com três pontos.

Na Ilha do Retiro, o Sport venceu o Joinville por 2 a 1. Maikon Leite fez os dois gols do Sport, em terceiro lugar, com 15 pontos. Marcelinho Paraíba descontou para o Joinville, com um ponto, na 20ª colocação.

No domingo, quatro jogos fecham a rodada:

11:00
Ponte Preta x Goiás;
16:00
Avaí x Figueirense;
Grêmio x Atlético Paranaense;
Palmeiras x Fluminense.

SÉRIE B: Náutico perde a 1ª, Bahia afunda Ceará e Bragantino atropela Macaé

Futebol Interior

728x547

O Náutico sofreu a sua primeira derrota no Campeonato Brasileiro da Série B, ao cair diante do Atlético-GO, em Goiânia, por 2 a 0. Com isso agora só o líder Botafogo, com 19 pontos, está invicto. Quem comemorou o tropeço do Timbu foi o Bahia, que afundou o Ceará na crise e encostou nos líderes. O Vitória, por sua vez, esbarrou no lanterna Mogi Mirim. Nos jogos da noite, América-MG e Bragantino venceram.

O desacreditado Dragão venceu o Timbu na estreia do técnico Jorginho. O time goiano, agora respira, com sete pontos, enquanto o time pernambucano continua na vice-liderança, com 16 pontos.

O terceiro colocado é o Paysandu, com 15 pontos, seguido pelo Sampaio Corrêa, com 14.

A tarde foi baiana. Na Arena da Fonte Nova, o Bahia venceu o Ceará, por 1 a 0, ficando com 14 pontos, em quinto lugar. Piro mesmo para Vovô, que não ganha de ninguém e deixa o técnico Silas Pereira balançando no cargo. O time cearense só tem quatro pontos, em penúltimo lugar. Não vence há cinco jogos.

No interior de São Paulo, o Mogi Mirim buscou o empate, por 1 a 1, com o Vitória, que sai contente por ter somado um ponto fora de casa. O rubro-negro baiano tem 13 pontos, perto do G4, enquanto o Sapão continua na lanterna, com apenas três pontos.

Em jogo sem grandes emoções, o América-MG venceu, mas não conseguiu entrar no G4. O time mineiro derrotou o CRB, por 1 a 0, na Arena Independência, em Belo Horizonte. Com o resultado, o time mineiro subiu para o sexto lugar, com 13 pontos, dois atrás do Sampaio Corrêa, que fecha a zona de classificação. O CRB, que estreou o técnico Mazola Júnior, é apenas o 12º, com sete pontos, dois na frente da zona de rebaixamento.

Na melhor atuação até este momento dentro da Série B, o Bragantino goleou o Macaé, por 5 a 2, no estádio Moacyrzão. A vitória de virada foi merecida, porque o time paulista foi mais eficiente e aproveitou os erros defensivos do time fluminense, especialmente no segundo tempo. O Braga atingiu os 10 pontos em décimo lugar, enquanto o Macaé que sofreu sua primeira derrota em casa continua com 13 pontos, em sexto lugar.

Novamente nos pênaltis, Brasil bate Portugal e vai à semifinal

Gazeta esportiva

t_154293_inferior-a-portugal-durante-boa-parte-do-jogo-o-brasil-segurou-a-igualdade-em-0-a-0-nos-minutos-finais

Com nova vitória nos pênaltis, o Brasil está na semifinal do Mundial sub-20. Na noite deste sábado, a Seleção empatou com Portugal por 0 a 0 no tempo normal – igualdade que prevaleceu na prorrogação – e venceu por 3 a 1 nas penalidades para garantir a classificação e disputar uma vaga na final do torneio. Apesar da cobrança perdida por Lucão, o goleiro Jean defendeu cavadinha de Guzzo, viu André Silva e Nuno chutarem para fora e os outros batedores brasileiros converterem para garantir a classificação.

A seleção portuguesa foi melhor durante boa parte da partida, e criou as chances mais agudas de gol na etapa inicial. O Brasil voltou melhor dos vestiários e chegou a ameaçar nos primeiros minutos em lances de Danilo e Boschilia. Mas os europeus reassumiram o domínio do jogo a partir da metade do segundo tempo e chegaram a acertar bola na trave do goleiro Jean, mas não conseguiram marcar. Após prorrogação equilibrada, com superioridade lusa nos primeiros 15 minutos e boas jogadas do time verde e amarelo na etapa derradeira, o time canarinho conseguiu a classificação nos pênaltis.

Classificada como líder do Grupo E na primeira fase, a Seleção Brasileira chegou às quartas de final após empatar por 0 a 0 com o Uruguai no tempo normal e vencer por 5 a 4 nos pênaltis nas oitavas. Já os portugueses também passaram em primeiro, no Grupo C, e superaram os anfitriões neozelandeses por 2 a 1 nas oitavas.

Na semifinal, o Brasil enfrenta o vencedor do confronto entre Uzbequistão e Senegal, que acontece na madrugada deste domingo.

Brasil vence Espanha e já está nas oitavas

CBF

20150613172852_0

A Seleção Brasileira Feminina está classificada para as oitavas de final da Copa do Mundo do Canadá. Neste sábado, o Brasil venceu a Espanha por 1 a 0, gol de Andressa Alves, e garantiu a vaga. Com duas vitórias em dois jogos, as meninas somam seis pontos no Grupo E.

Na última partida da primeira fase, o Brasil enfrenta a Costa Rica, na quarta-feira.

O confronto contra a Espanha não foi fácil, exatamente como esperavam o técnico Vadão e suas jogadoras. Muita velocidade, pressão na saída de bola e precisão nos passes, com o famoso tic-tac espanhol. As duas seleções precisavam da vitória. O Brasil queria se classificar com antecipação e a Espanha tentava os três pontos após empatar com a Costa Rica.

unimarc-modelo-4





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia