Atarde

650x375_treino-bahia-fonte-nova_1610671

O Bahia tem a chance, logo mais, às 19h, diante da Juazeirense, de trazer mais ‘paz’ para dois elementos importantes de sua temporada: a principal competição que disputa neste início de ano, a Copa do Nordeste, e seu maior parceiro comercial, a Arena Fonte Nova.

Explica-se: o Tricolor pode ter de dividir sua atenção em seus dois próximos jogos pelo Regional, contra o Confiança, no dia 25 – quando o time estaria embarcando para o amistoso contra o Orlando City – e em 9 de março, contra a mesma Juazeirense – quando o clube enfrentaria, no mesmo dia, o Galícia, pelo Baianão.

Graças a essa incerteza (já que os jogos ainda podem ser remarcados), o Esquadrão precisa garantir logo três pontos nesta quinta-feira, 18, e ganhar combustível para optar, mais tarde, qual partidas disputaria com força máxima ou com um time misto.

Ciente da missão, o técnico Doriva quer que o Bahia mande no jogo. “Nós, como mandantes, sempre teremos a obrigação de vencer e de propor o jogo. Mas temos que ficar tranquilos quanto a isso, fazer um jogo consistente”, disse.

Sérgio Araújo, definiu nesta quarta em Pituaçu o time que pega o Bahia. Ele preferiu manter a equipe que empatou com o Confiança no domingo.

O atacante Ebinho, que marcou dois gols sobre o Tricolor na derrota por 3 a 2 na estreia do Baianão, é o destaque.

unimarc-modelo-4