WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
PMVC

abril 2016
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930



drupal counter

:: 21/abr/2016 . 18:03

Vitória bate Juazeirense e vai encarar o Bahia na final

Bahia Noticias

IMAGEM_VITORIA_5

O Vitória venceu a Juazeirense por 3 a 0 nesta quinta-feira (21), no Barradão, e se classificou para a final do Campeonato Baiano. Os gols foram marcados por Amaral, Diego Renan e Victor Ramos.

Com o resultado, o Leão vai pegar o Bahia na grande decisão do estadual.

A primeira partida da final do certame será no próximo dia 1º de maio, no Barradão. O jogo de volta está marcado para 8 de maio, na Arena Fonte Nova

13010866_763527323749434_1887758628180687307_n

Após solicitação da PM, FBF adia primeira partida da final do Campeonato Baiano

Bahia Noticias

IMAGEM_NOTICIA_5

Através de comunicado emitido na noite desta quarta-feira (20), a Federação Bahiana de Futebol comunicou que, após ofício enviado pela Polícia Militar, decidiu adiar a primeira partida do Campeonato Baiano. O jogo, que aconteceria no próximo domingo (24), foi adiado para o dia 1º de maio. Segundo a corporação, a mudança se deve ao feriado prolongado. A PM não teria tempo hábil para dar as orientações necessárias aos policiais, o que poderia prejudicar a segurança da partida. Confira a nota: “A Polícia Militar da Bahia solicitou a Federação Baiana de futebol (FBF), o adiamento do jogo da primeira partida da final do Campeonato Baiano do domingo (24), às 16h, para o próximo dia 1º de maio, no mesmo horário.

Diante do feriado prolongado em todo o estado e as probabilidades de ocorrer uma partida entre os times do Bahia, Vitória, Juazeirense e Fluminense de Feira, o que somente será definido após o termino do jogo de amanhã (21), entre Vitória X Juazeirense. A PM salientou que não haveria tempo cabível para as orientações, ajustes e reuniões entre as torcidas, clubes e todos os atores envolvidos. A PM ratifica também que independentemente da decisão do órgão esportivo, o planejamento do policiamento está concretizado e será mantido com os critérios de segurança para os jogadores e torcedores”.

Em resposta, a entidade máxima do futebol baiano considerou a dificuldade imposta pela PM e aceitou a mudança. Ainda de acordo com a FBF, a mudança só foi possível em virtude da desclassificação do Bahia na Copa do Nordeste.

Musa do Vitoria da Conquista se prepara para disputa da Musa do Baianão

Site do Clube

grasiely

Grasiely Novais Almeida é a musa do Vitoria da Conquista 2016. Ela irá disputar com as garotas representantes dos demais clubes da primeira divisão baiana o título de musa do campeonato baiano.

A jovem representante da torcida alviverde, conversando com a assessoria do clube, revelou estar “Muito feliz com o título afinal desde o ano passado queria, mas sei que as coisas só acontecem quando Deus quer”.

Profissional de Educação Física, Funcionaria pública, Professora e bailarina de dança do ventre, Gal Novais, como é conhecida, revelou a surpresa e a alegria em ser escolhida a musa alviverde, já que desde o ano passado gostaria de ter disputado o concurso de Musa do Baianão.

Torcedora declarada do time, está na expectativa do sorteio do jogo contra o Santa Cruz, para voltar às arquibancadas do Lomanto Júnior. Perguntada sobre o ídolo dela no clube, responde sem titubear: Sílvio.

“Tenho uma grande responsabilidade que é representar esse time lindo e podem ter certeza que farei o melhor possível”.

Flamengo joga bem e despacha o Confiança na Copa do Brasil

Lancenet

57182a4014398

Com atuações individuais destacadas, o Flamengo derrotou o Confiança por 3 a 0, na noite desta quarta-feira, em Volta Redonda, pela Copa do Brasil. Com isso, o time (que perdeu na ida, em Aracaju, por 1 a 0) está classificado para a segunda fase da Copa do Brasil.

Todo o time rubro-negro foi bem. Mas quatro jogadores estiveram acima da média. Mancuello teve atuação excelente, fazendo o primeiro gol, chutando duas faltas com perigo (uma na trave) e finalizando com perigo em outras duas oportunidades; Marcelo Cirino ratificou a boa fase marcando dois gols; Willian Arão se destacou nas assistências.

Foi dele os passes para os três gols. E o estreante Fernandinho também foi destaque, sendo muito efetivo no primeiro tempo.

unimarc-modelo-4

Cruzeiro fica no 0 a 0 com o Campinense

Ogol

imgS620I173616T20160421035424

O Cruzeiro estreou sem brilho na Copa do Brasil. No estádio Amigão, em Campina Grande, o clube celeste ficou no 0 a 0 com o Campinense.

Apesar de jogar em casa, o Campinense não deu muito valor ao jogo. Em meio a partidas decisivas na temporada pelo Paraibano e pela Copa do Nordeste, o time local preferiu escalar uma equipe mista, poupando titulares.

Mesmo contra reservas, o Cruzeiro não conseguiu impor seu jogo. Ainda viu Magno acertar bola no travessão em chute de longe pouco antes do intervalo.

No início do segundo tempo, o time mineiro perdeu Léo expulso. Élber e Lucas Romero ainda tiveram chances de colocar o Cruzeiro, com 10 em campo, em vantagem, porém o 0 a 0 persistiu até o final.

Corinthians reserva encerra fase de grupos com show e 6 x 0

Terra

corinthianseliasmaurohoritaagifgp

Sera totalmente desnecessário escalar titulares contra o Cobresal, na noite desta quarta-feira, como o técnico Tite chegou a cogitar. Não apenas porque o Corinthians já estava classificado para o mata-mata da Copa Libertadores da América, mas principalmente em função da fragilidade do time chileno. Em Itaquera, o líder do grupo 8 fez jus à disparidade técnica em relação ao lanterna e aplicou uma goleada por 6 a 0 (a sua maior no estádio, superando o 6 a 1 sobre o São Paulo) com os seus reservas.

O placar elástico foi configurado antes mesmo do intervalo da partida. Com dois gols de Marlone (um deles de voleio), um golaço do paraguaio Ángel Romero e outro anotado em chute de fora da área de Guilherme Arana, o Corinthians retornou para o vestiário tranquilo e festejado por sua torcida. No segundo tempo, mesmo diminuindo o ritmo, ampliou com Elias e outra vez com Romero.

O resultado deixou o Corinthians com 13 pontos ganhos, à frente de Cerro Porteño (10), Independiente Santa Fe (8) e Cobresal (3) e só à espera da confirmação do seu oponente nas oitavas de final da Libertadores. A preocupação agora é com o Campeonato Paulista. Às 18h30 (de Brasília) de sábado, os titulares de Tite disputarão a semifinal estadual contra o Grêmio Osasco Audax, de novo em Itaquera.

Fluminense bate o Furacão e conquista a inédita Primeira Liga

Gazeta Esportiva

26458059982_7d33077247_k

O Fluminense é o primeiro campeão da história da Primeira Liga. Na final da edição inaugural da competição organizada pelos clubes da antiga Liga Sul-Minas com a adesão de duas equipes do Rio de Janeiro, o Tricolor das Laranjeiras bateu o Atlético Paranaense por 1 a 0 na final disputada no estádio Radialista Mario Helênio, em Juiz de Fora e levantou a taça inédita. O gol do título foi anotado por Marcos Júnior, que entrou no segundo tempo para decidir.

Para quem podia imaginar ainda um campo neutro, a presença a maciça de torcedores do Fluminense, que ainda entravam no estádio com a bola rolando, derrubava qualquer dúvida sobre quem era o mandante. Mas, quem mostrou o cartão de visitas primeiro foi o Furacão, com Walter, que aos dois minutos experimentou o chute de longe, nas mãos de Diego Cavalieri. Os cariocas, entretanto, logo acordaram. Aos oito minutos, Osvaldo apareceu em velocidade, foi travado e ficou no chão pedindo penalidade, não marcada.

A primeira chance real mesmo veio aos nove minutos, com Cícero cabeceando na área e Gérson desviando para grande defesa de Weverton. Walter tentava se movimentar e abrir espaço para quem vinha de trás no lado rubro-negro e, aso 12 minutos, tabelou com Marcos Guilherme, que na sequência arrematou por cima da meta. Pressão tricolor aos 17 minutos, com bate-rebate na área atleticana e Paulo André afastando para salvar.

O Fluminense tinha mais volume de jogo e, aos 25 minutos, Osvaldo entrou pela direita e cruzou para Wellington Silva, que se esticou todo e não conseguiu completar para as redes. Um minuto depois, o próprio Osvaldo tentou a finalização, com uma bicicleta desequilibrada que Weverton afastou da área rapidamente. O troco veio aos 31 minutos, em chute rasteiro de Eduardo que chegou a tirar uma casquinha do poste.

Depois de equilibrar as ações foi a vez do Atlético passar a pressionar. Aos 36 minutos, Walter recebeu de frente para a área, abriu espaço e soltou o pé por cima do gol. Mais próximo chegou Vinícius, aos 38 minutos, pegando sobra de bola e mandando o petardo no travessão. Desorganizados, os cariocas seguraram o empate até o intervalo para tentar modificar o panorama.

Para a etapa final, nenhuma mudança em campo e, do lado de fora, a torcida do Fluminense ainda chegando. Aos seis minutos, Scarpa lançou para Magno Alves, que invadiu a área, passou pelo goleiro, mas errou no momento de dar o último passe, facilitando a recuperação da defesa atleticana. Saída errada do Rubro-Negro, aos oito minutos, a bola sobrou para Scarpa, mas Weverton deixou a meta para fazer a defesa.

Como a conversa no intervalo não surtiu efeito, o técnico Levir Culpi promoveu duas mudanças de uma só vez, com as entradas de Edson e Marcos Junior nos lugares de Gerson e Osvaldo. Aos 23 minutos, Marcos Junior recebeu seu primeiro lançamento, mas a bola fugiu de seus pés. Sem brilha esta vez, Vinicius foi substituído aos 29 minutos para a entrada de Pablo no Atlético.

O ritmo não era o mesmo na etapa final e passado os 30 minutos as equipes já se preocupavam em não tomar gols, já que o empate pelo menos levava a partida para a cobrança das penalidades. Mas, aos 35 minutos, em contra-ataque mortal, Marcos Junior colocou velocidade, saiu da marcação e tocou na saída do goleio para abrir o placar. O Furacão partiu para o desespero com a entrada do atacante André Lima no lugar do volante Jadson, mas não foi possível reverter. Flu primeiro campeão e Furacão amargando um jejum iniciado em 2009.

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

Com gols de Thiago Ribeiro e Luisinho, Bahia vence Flu de Feira e vai à final do Baiano

Bahia Noticias

IMAGEM_BAHIA_5 (2)

O Campeonato Baiano tem o seu primeiro finalista definido. Na Arena Fonte Nova, o Bahia não fez a melhor das suas exibições, mas conseguiu vencer o Fluminense de Feira por 2 a 1 na noite desta quarta-feira (20), pela segunda partida das semifinais do estadual. Os dois gols tricolores foram marcados por Luisinho e Edigar Junio, enquanto o Touro do Sertão marcou com Luquinhas.

O adversário do Esquadrão será definido nesta quinta-feira (21). Às 16h, Vitória e Juazeirense decidem a vaga no estádio Manoel Barradas. Como venceu o primeiro duelo por 3 a 2, o rubro-negro pode perder por um gol de diferença, que mesmo assim segue adiante.

Seja qual for o outro finalista, o Bahia terá a vantagem dos dois resultados iguais e de decidir a taça dentro da Arena Fonte Nova.

pmvc





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia