WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

junho 2016
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  



drupal counter

:: 7/jun/2016 . 16:57

“CBF fez tudo para as pessoas não gostarem da Seleção”, diz jornalista

Globo Esportes

20160605002819_57539c5353e5c

Após o empate sem gols contra o Equador na estreia da Copa América, a seleção brasileira virou assunto no “Seleção SporTV”. Sem convencer em campo e com poucos nomes de expressão, a equipe de Dunga não empolga o torcedor. Para o jornalista Vitor Birner, a relação mais distante com o público é culpa da CBF, que transformou o time nacional em produto.

– A relação ruim foi criada pela CBF. É muito simples: quando a seleção brasileira foi tri ou tetracampeã do mundo, montava-se uma Seleção porque era necessário mostrar a cultura do futebol brasileiro, fazer um grande time para o mundo poder observar, poder olhar como nós brasileiros jogávamos e pensávamos futebol. Depois, a Seleção passou a ser um objeto de negociação, que por acaso precisava ter um time. Fica muito claro a forma como a CBF conduziu, e aí a gente lembra dos amistosos, passou a ser um objeto comercial. As pessoas não torcem por produtos, torcem por times de futebol – ressaltou o jornalista.

Para Birner, o torcedor não tem mais motivação para torcer pela Seleção. O comentarista citou exemplos de clubes que disputam o Campeonato Brasileiro e vêem seus times desfalcados pela convocação de Dunga, reforçando a falta de empatia entre torcida e equipe.

– Você pensa no torcedor, e ele não tem motivos para gostar da Seleção. O gremista, se o Grêmio não achasse um gol no fim contra a Ponte Preta, iria culpar a Seleção, que tirou jogadores da equipe e nem sequer os usa. O santista quer que a Seleção seja eliminada na primeira fase para ter os seus jogadores de volta. O torcedor são-paulino quer o Ganso no São Paulo. A CBF fez tudo para as pessoas não gostarem da seleção brasileira. Ela é a grande responsável. Eu entendo completamente o torcedor que tem raiva da seleção. Como o torcedor que acompanha seu time, que vive, que vai ao estádio, vai gostar da Seleção? Por que ele vai gostar da seleção brasileira? – refletiu.

A jornalista Mayra Siqueira, da Rádio CBN, destacou a falta de identificação do torcedor com a Seleção como grande problema, a crise e os cortes feitos no grupo que disputa a Copa América são uma ótima oportunidade de, enfim, ser realizada uma renovação.

– O que vejo é que, como nas crises se criam as oportunidades, nessa situação dos cortes, é uma grande oportunidade de fazer uma reformulação de verdade na Seleção. É hora de testar o Marquinhos, o Casemiro, no mínimo ver o que o Ganso pode fazer de diferente, e se não corresponder, pelo menos a tentativa foi feita. Já que o Brasil já partiu do pressuposto que a Copa América não vai ser a sua grande competição do ano, então que seja um grande momento de teste.

outdoor_pq

Após Luxa, Mano Menezes é outro brasileiro a deixar o futebol chinês

Globo Espotes

shandong

Mano Menezes não é mais o treinador do Shandong Luneng. Após Vanderlei Luxemburgo deixar o comando do Tianjin Quanjian, o técnico brasileiro acertou a saída do time chinês nesta terça-feira. Segundo uma nota oficial divulgada no site do ex-treinador de Cruzeiro e Corinthians, a decisão foi tomada em comum acordo entre as duas partes.

– Após reunião nesta terça-feira com a presidência do clube, decidimos em consenso interromper as nossas atividades no Shandong Luneng. Depois de seis meses de trabalho, o que marcar é a inédita classificação do clube entre os oito melhores da Champions Asiática 2016, que terá suas quartas de final disputadas no segundo semestre – informou a nota divulgada pelo treinador.

Sem conseguiu levar o time às quartas de final da Liga dos Campeões da Ásia, o treinador não vivia bom momento no Campeonato Chinês. Vindo de cinco tropeços seguidos, o último deles uma derrota em casa para o Beijing Guoan, o Shandong Luneng caiu para as últimas colocações, apenas um ponto à frente do lanterna Liaoning Whowin.

– Agradecemos aos jogadores, ao clube pela oportunidade, à torcida pelo apoio e à imprensa pela cobertura correta e equilibrada da nossa passagem pelo futebol chinês. Sobretudo, desejamos sucesso ao Shandong Luneng na sequência do trabalho – completou a nota.

O clube divulgou uma nota na mesma linha para dizer que a decisão foi tomada de forma amigável entre ambas as partes. Além disso, revelou que o pedido de deixar o clube foi feito pelo próprio treinador por razões pessoais, e o comando técnico da equipe ficará a cargo dos auxiliares chineses que trabalhavam com Mano.

A saída de Mano do Shandong Luneng acontece dias depois de Luxemburgo ser afastado do comando do Tianjin Quanjian. Após nova derrota do Tianjin Quanjian na sexta-feira – a quarta na segunda divisão da China -, o clube o tirou do cargo e agora negocia o pagamento da multa de R$ 26,9 milhões. Segundo o jornalista Gianluca Di Marzio noticiou nesta terça, o italiano Fabio Cannavaro será o substituto do brasileiro.

Copa América de 2016 tem pior média de gols da história

Ogol

imgS620I176053T20160607120721

A Copa América de 2016, que comemora os 100 anos da competição, vem sendo marcada pelo baixo número de gols até o momento. Das 16 seleções participantes, sete delas deixaram o campo sem balançar as redes. E o Brasil faz parte deste lote.

Ao fim da primeira rodada da atual edição, a média é de 1,75 gols por partida, o que corresponde ao desempenho mais de baixo de toda a história do torneio. Foram apenas 14 gols em oito jogos realizados.

Até então, a edição com pior média era a de 1922. Naquele ano, a média foi de 2 gols por partida. Já a melhor da história é a do ano de 1927, quando o número foi de 6,17 tentos por jogo.

Quatro equipes disputam duas vagas na segunda fase do municipal

Da Redação

MG_0291-1

Faltando três partidas para encerrar a primeira fase do Campeonato Municipal de Futebol, seis equipes já estão classificadas e outras quatro disputam as duas vagas restantes.

Estão na próxima fase: Maru (17), Santos (14), Moicana e Vitória da Conquista (11), Grêmio e Ponte Preta (9). Disputam as outras duas vagas: Brasil da Limeira, Botafogo e Kadija (8) e Beira-Mar (7).

Confira os jogos que faltam: No sábado (11), as 15h45, Santos (foto) e Vitoria da Conquista se enfrentam. Com 14 pontos pontos o Santos precisa de um empate para terminar na segunda colocação e ter vantagem na outra fase. Já o Vitória da Conquista com uuma vitória ou empate fica em terceiro. desde que o Grêmio não vença o Beira-Mar.

Na sequência as 17h45, o Botafogo joga contra o Vila da Conquista. Com 08 pontos, o Botafogo precisa vencer ou empatar para se classificar. Já o Vila tem que vencer para não cair para a segunda divisão.

No Domingo (12), as 09h45, jogam Grêmio e Beira-Mar. Com 09 pontos o Grêmio já está classificado. Já o Beira-Mar necessita da vitória para conquistar a vagar.

O Kadija para se classificar depende de derrotas do Botafogo e Beira-Mar. Enquanto o Brasil da Limeira depende de derrota ou empate do Botafogo ou Beira-Mar.

O Vila Nova já está rebaixado. Íris Sports e Vila da Conquista disputam a outra vaga.

Confira a classificação:

13382141_580309552146527_774351379_n

13010866_763527323749434_1887758628180687307_n

Antes da estreia na Série D, Galícia cancela amistoso contra o Jacuipense

Bahia Notícias

IMAGEM_NOTICIA_5

O Galícia teria um amistoso contra o Jacuipense nesta quarta-feira (8), para seguir sua preparação para a Série D do Campeonato Brasileiro (leia mais aqui). No entanto, a partida foi cancelada. Os jogadores do Granadeiro terão que ir à Salvador resolver questões contratuais.

“A maioria dos jogadores vêm de ônibus de estados como Ceará e Sergipe, por exemplo. Eles passam por Feira de Santana e vão direto para Jacobina. Então, eles terão que vir em Salvador assinar esses contratos. Já que boa parte do elenco fará isso, tivemos que cancelar o jogo”, disse Amilton Rego, diretor de futebol do clube, em entrevista ao Bahia Notícias.

Por conta dos Jogos Olímpicos, o clube teve que mudar seu mando de campo para Jacobina. Como a Fonte Nova receberá partidas no período da Série D, os dirigentes optaram pelo Estádio José Rocha como mando de seus jogos.

De acordo com Amilton, o elenco granadeiro ainda não está totalmente montado. Entretanto, a avaliação do grupo será feito somente a partir da estreia na competição nacional. “Vamos esperar a estreia e veremos as carências do elenco. Mas posso garantir que o plantel não está fechado”, explicou.

O Galícia está no grupo A7 da Série D, e fará sua estreia neste domingo (12), contra o América-PE. O duelo será realizado no próprio Estádio José Rocha, às 16h.

Série D: Juazeirense segue preparação para encarar o Icasa

Bahia Notícias

IMAGEM_NOTICIA_5

O elenco da Juazeirense continua sua preparação para a estreia na Série D do Brasileirão, contra o Icasa-CE. O técnico Quintino Barbosa comandou um treino nesta segunda-feira (6), em Juazeiro.

No treinamento, os jogadores foram submetidos a um trabalho físico na primeira parte. Na segunda etapa, Barbosinha realizou uma atividade tática com os atletas.

O Cancão já participou de dois amistosos preparatórios, com vitórias por 4 a 1 contra o Petrolina e 3 a 2 contra o Guarany-SE. Na quarta (8), haverá um jogo-treino contra a Seleção de Sobradinho. “O resultado é o menos importante. Vimos muita movimentação na equipe. O tempo de trabalho é muito curto, e preciso definir o sistema que vai jogar contra o Icasa”, disse Barbosinha, em entrevista ao Bahia Notícias. “Só Tigre, Capone e Diego Teles permaneceram da equipe que jogou o estadual”, lamentou.

A estreia do Cancão de Fogo acontecerá neste domingo (12), contra o Icasa. A partida, válida pelo grupo do Brasileiro, será realizada no Adauto Moraes, ás 16h.

Flu entra na semana de estreia na Série D com dúvidas

Jornal Folha do Estado

48691-2

O Fluminense entra, a partir de hoje, na reta final de preparação para a estreia no Campeonato Brasileiro da Série D, cuja largada será no próximo domingo (12), diante do Sergipe, em Aracaju, no Estádio Lourival Batista, o Batistão. Esta será uma semana decisiva para que o treinador Arnaldo Lira, possa dirimir as últimas dúvidas no tocante a escalação para encarar os sergipanos.

Mesmo o time tendo apresentado um bom futebol, diante do Ypiranga em partida amistosa realizada no último sábado (4), quando venceu por 2 x 1, Arnaldo Lira ainda tem três dúvidas para confirmar o time titular da estreia: na defesa, mais precisamente no miolo de zaga, Alysson tem vaga certa, porém Igor e Eduardo disputam a outra posição. Na lateral-esquerda, Zé Aquiraz, que foi titular no Campeonato Baiano está disputando a posição com o experiente Deca, que chegou no último final de semana, depois de jogar todo o primeiro semestre na Juazeirense.

No meio-campo, a expectativa é de que Flávio possa treinar bem durante esta semana. Ele não jogou o amistoso, por estar sentindo um cansaço muscular e o treinador preferiu poupa-lo, Caso Flávio não possa jogar, Din e Jarbas vão disputar a vaga durante a semana. “Esta semana servirá para se acertar os últimos detalhes para a gente possa fazer uma boa estreia diante do Sergipe, que é um time forte, tem um bom técnico e merece nosso respeito. Agora, temos que jogar bem lutar para ganhar, se queremos chegar a Série C. Vamos ajustar tudo para fazermos uma boa estreia”, ressaltou Arnaldo Lira.

unimarc-modelo-4

SÉRIE B: Atlético-GO sonha com liderança e Paysandu teme o rebaixamento

Futebol Interior

728x485

O Atlético-GO entra em campo nesta terça-feira sonhando com a liderança do Campeonato Brasileiro da Série B. Jogando fora de casa, o elenco viaja para enfrentar o Paraná na Vila Capanema, às 19h15, pela 7ª rodada da competição. No mesmo horário, o Paysandu segue na briga contra a zona de rebaixamento, desta vez diante do Náutico no estádio Curuzu, em Belém.

Com um ponto a menos do líder Vasco – 16 somados, contra 15 dos goianos –, o Atlético pode até comemorar a ponta por alguns minutos, já que os cariocas só entram em campo na Arena Joinville às 21h30, contra os donos da casa, que tem seis pontos. O Paraná vem inconstante no campeonato, mas soma nove.

19:15
CRB x Sampaio Corrêa-MA
Paysandu-PA x Náutico-PE
Bragantino x Avaí-SC
Tupi-MG x Oeste
Paraná-PR x Atlético-GO
Criciúma-SC x Brasil-RS
21:30
Ceará-CE x Londrina-PR
Goiás-GO x Bahia-BA
Luverdense-MT x Vila Nova-GO
Joinville-SC x Vasco-RJ
07/06/2016 21:30

Próximo rival do Brasil, Haiti pode não ser a moleza que se espera

Globo Esportes

20160529231642_574ba28abb597

Brasil x Haiti? “Ah, menos de três é vexame”. “Só aceito de quatro pra cima”. Você já deve ter ouvido algo do tipo quando se fala do jogo da próxima quarta-feira, pela Copa América Centenário. Muitos brasileiros ignoram a má fase de sua Seleção, que estreou empatando sem gols com o Equador, e apostam num massacre contra o próximo rival. Podem estar errados…

O Haiti disputou 14 jogos em 2015 e 2016, e só levou três gols uma vez, na derrota por 3 a 1 para a Colômbia. Contra a China, empatou por 2 a 2. De resto, ou conseguiu passar ileso ou sofreu somente um gol. Sinal de que a vida do Brasil não será das mais fáceis.

É verdade que os adversários do Haiti também não eram as maiores potências, mas, na estreia da Copa América, a equipe perdeu só por 1 a 0 para o Peru. No ano passado, os Estados Unidos e a Costa Rica, que chegaram ao mata-mata da última Copa do Mundo no Brasil, também venceram os haitianos por vantagem mínima.

Golear, no caso atual do Brasil, não significa apenas um senso de confirmar superioridade sobre times bem mais modestos. Passou a ser também uma questão importante para a classificação. O primeiro lugar do grupo B ou até mesmo a passagem para as quartas de final poderá ser decidida no saldo de gols

A partida de quarta-feira será disputada às 20h30 (horário de Brasília).

Argentina se vinga do Chile com Di María decisivo e emotivo

Terra

728x409

A Argentina não precisou de Lionel Messi para se vingar da derrota nos pênaltis para o Chile na final da última Copa América, nesta segunda-feira, na cidade norte-americana de Santa Clara. Com o seu grande astro contundido, a equipe comandada por Gerardo Martino contou com gols de Di María e Banega no segundo tempo para estrear na edição centenária do torneio continental com uma vitória por 2 a 1. Fuenzalida descontou nos acréscimos.

Na comemoração de seu gol, Di María, do PSG, ficou emocionado ao homenagear sua avó, falecida na própria segunda-feira.

O resultado manteve a invencibilidade da Argentina diante do Chile em compromissos de Copa América, agora com 19 vitórias e sete empates, e ainda levou a grande rival do Brasil à liderança do grupo D, somando os mesmos 3 pontos do Panamá (que, mais cedo, derrotou a Bolívia por 2 a 1).

As duas seleções voltarão a entrar em ação na sexta-feira. Enquanto a Argentina fará o duelo da ponta da tabela com o Panamá em Chicago, Chile e Bolívia tentarão pontuar pela primeira vez em Foxborough.

Resultado e próximos jogos
Ontem
Panamá 2 x 1 Bolivia
Hoje
21:00
Estados Unidos x Costa Rica
23:00
Colômbia x Paraguai
Quarta
20:30
Brasil x Haiti
23:00
Equador x Peru

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

pmvc





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia