WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
pmvc

dezembro 2017
D S T Q Q S S
« nov   jan »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  



drupal counter

:: 26/dez/2017 . 10:11

A menos de um mês do Estadual, grandes paulistas têm poucas mudanças em elencos

Estadão

Faltando menos de um mês para o início do Campeonato Paulista, que começa em 17 de janeiro, os clubes grandes de São Paulo correm contra o tempo para conseguir realizar todos os ajustes necessários para fazer bonito em 2018. Até o momento, foram poucas alterações e a expectativa é a de que mais mudanças aconteçam no início do ano que vem. O Corinthians é quem menos mexeu no elenco por enquanto. Já o Palmeiras é quem fez mais mudanças.

De alterações confirmadas, o Corinthians tem seis em seu grupo de jogadores. Deixaram o elenco Pablo, Guilherme Arana, Jô e Marciel e chegaram Júnior Dutra e Renê Júnior. Destes, o jogador que, na teoria, deverá fazer menos falta é Marciel, que vai por empréstimo para a Ponte Preta após ter sido pouco aproveitado neste ano pelo técnico Fábio Carille.

Já Pablo aguarda para saber seu futuro. Ele tem contrato com o Bordeaux, mas o clube francês pretende negociá-lo. Sem acordo para renovar com o Corinthians, o defensor chegou a ser comentado no Flamengo, Atlético-MG e Palmeiras, mas ainda não acertou com nenhum clube. Já Guilherme Arana foi para o Sevilla, da Espanha, e Jô está de malas prontas para defender o Nagoya Grampus, do Japão.

Por outro lado, Carille sabe que terá pelo menos duas caras novas no elenco. O volante Renê Júnior e o atacante Júnior Dutra. A tendência é que mais reforços cheguem em breve, mas, até o momento, o Corinthians mais perdeu do que ganhou jogador.

No outro extremo, quem mais se mexeu foi o Palmeiras, com nove alterações no total. A principal delas foi no comando do time, que passará a ter Roger Machado como treinador. Chegaram ainda o goleiro Weverton (Atlético-PR), o zagueiro Emerson Santos (Botafogo), o lateral-esquerdo Diogo Barbosa (Cruzeiro) e o meia Lucas Lima (Santos).

E não vestirão a camisa alviverde em 2018 o goleiro Vinicius Silvestre, que vai para a Ponte Preta; o lateral-esquerdo Egídio, anunciado como reforço do Cruzeiro; e o volante Arouca e o atacante Erik. Ambos foram para o Atlético-MG por empréstimo.

O São Paulo conta com oito alterações, mas apenas duas caras novas e uma delas nem tão nova assim. Após se destacar no Brasileirão, emprestado para a Chapecoense, Reinaldo está de volta. Quem também defenderá o clube é o goleiro Jean, que estava no Bahia. Deixaram o clube o atacante Léo Natel, que foi emprestado para o Fortaleza. Já Denis, Lugano, Denilson e Marcinho foram liberados.

Por fim, o Santos é quem aparece com menos novidades. Jair Ventura deverá ser confirmado como técnico após acordo verbal com o clube e, até o momento, o lateral Romário, do Ceará, é o único reforço. Mas já deixaram a Vila Belmiro os atacantes Ricardo Oliveira (Atlético-MG), Nilmar e Thiago Ribeiro, além dos meias Lucas Lima (Palmeiras) e Lucas Crispim, que disputará o Paulista pelo São Bento.

Barbosinha se diz contra Bahia de Feira se limitar a 3ª força: ‘Objetivo é o título’

Bahia Noticias

O Bahia de Feira já iniciou a sua pré-temporada para a disputa do Campeonato Baiano de 2018. O técnico Quintino Barbosa, conhecido como Barbosinha, conversou com a reportagem do Bahia Notícias. Ele disse que o time não quer saber de ser apenas a terceira força e sim conquistar o título estadual.

“Quando começa uma competição o objetivo é o título. Sou contra essa ideia de procurar ser a terceira força. Em todos os times que passei meu pensamento sempre foi esse de ser campeão. Foi assim como na Juazeirense em 2013, quando iniciei o projeto junto com Serginho (diretor de futebol) e o deputado Roberto Carlos (presidente) que culminou no acesso à Série C. O objetivo aqui no Bahia de Feira é repetir esse mesmo planejamento da Juazeirense e conseguir subir para a Série C”, declarou.

O elenco do Tremendão para 2018 conta com caras bastante conhecidas no futebol baiano como o goleiro Jair, os volantes Fausto e Gil Baiano. Barbosinha falou sobre o que espera do grupo no certame. “É um elenco que na teoria é muito competitivo e pensa em conseguir as vagas para a Série D do Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil. A nossa intenção com a formação de um elenco desse porte foi justamente essa de ter um calendário preenchido em 2019”, projetou.

Barbosinha ainda comentou a preparação do time para alcançar esses objetivos. “O time está treinando firme. Fizemos um jogo treino contra o júnior e depois vamos enfrentar ex-profissionais. O placar foi 2 a 0, mas o importante mesmo é ver a movimentação dos jogadores. O elenco ainda não está no preparo físico ideal, mas foi bom para dar uma noção do trabalho tático que será utilizado na temporada”, afirmou.

A estreia do Bahia de Feira no Baianão de 2018 está marcada para o dia 21 de janeiro, um domingo, às 16h, contra o xará da capital, Bahia. A partida vai acontecer no estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia