Futebol Interior

Sete jogos deram prosseguimento à 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Neste domingo, quem sai mais satisfeito é o Palmeiras. A equipe alviverde foi ao Recife, venceu o Sport e assumiu a vice-liderança. Por outro lado, o Leão da Ilha do Retiro segue no Z4 com apenas 24 pontos.

Com o triunfo, o Verdão embolou ainda mais a parte de cima da tabela. Tem 50 pontos e saldo superior ao Internacional, que ficou no 1 a 1 com o Corinthians, terceiro colocado. Líder, o São Paulo tem 51 e vê a ponta cada vez mais ameaçada pelo rival paulistano. Além disso, o Tricolor do Morumbi passou a ser mais pressionado por Flamengo e Grêmio.

No único jogo da manhã, o Tricolor dos Pampas venceu o Ceará, de virada, por 3 a 2, e chegou aos 47 pontos, na quinta colocação. O Mengão vem pouco à frente, com 48. No Maracanã, a equipe rubro-negra bateu o Atlético Mineiro por 2 a 1 e brecou a arrancada alvinegra. Assim o Galo estacionou no sexto lugar, com 42.

No único clássico da rodada, o Atlético Paranaense passou como um furacão sobre o Paraná e venceu o Clássico Paratico – ou Derby das Rebouças – por 3 a 0. Além de chegar aos 33 pontos, um abaixo do Corinthians, praticamente selou o rebaixamento paranista. O Tricolor da Vila é lanterna, com apenas 16, doze abaixo da Chapecoense, primeiro time fora do Z4.

Em outro jogo de equipes que lutam contra a queda, o Botafogo conquistou um importantíssimo triunfo sobre o Vitória, em pleno Barradão.

Em um jogo com sete gols e uma virada, a Estrela Solitária fez 4 a 3 e foi a 32 pontos, deixando o Leão com 29. No único jogo disputado às 19h, o Cruzeiro alcançou o oitavo jogo de invencibilidade – vitória, de virada, sobre o Santos.

A 26ª rodada do Brasileirão chega ao fim nesta segunda-feira, quando, às 20h, serão realizadas as duas últimas partidas. Em duelos diretos contra a queda, a Chapecoense recebe o Fluminense, na Arena Condá; enquanto o Bahia visita o Vasco da Gama, em São Januário.