WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
pmvc

outubro 2018
D S T Q Q S S
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  



drupal counter

:: 3/out/2018 . 8:33

Atlético-PR aposta no bom desempenho em casa para avançar na Sul-Americana

Atarde

O Atlético Paranaense tem tudo para confirmar a classificação às quartas de final da Copa Sul-Americana nesta quarta-feira, quando enfrenta o Caracas, às 19h30, na Arena da Baixada. Além de ter saído na frente, o time brasileiro tem um bom retrospecto diante do seu torcedor.

Na partida de ida das oitavas de final, realizada na Venezuela, o Atlético-PR venceu por 2 a 0 e pode perder até por um gol de diferença que fica com a vaga. Já o visitante precisa ganhar por três ou mais de vantagem para avançar. Quem se classificar encara Bahia ou Botafogo.

A missão do Caracas é praticamente impossível se for levar em conta o aproveitamento recente do Atlético-PR na Arena da Baixada. A última derrota ocorreu há quase quatro meses – 1 a 0 para o São Paulo. Depois, empatou com o Internacional e ganhou as últimas oito partidas.

O técnico Tiago Nunes ainda não definiu qual será o time titular. A principal dúvida está no meio-campo. Autor dos dois gols na Venezuela, Raphael Veiga não treinou na terça-feira por conta de uma lesão na coxa e vai ser mais bem avaliado pelo departamento médico. Guilherme aparece como provável substituto.

A boa notícia é que o lateral-direito Jonathan e o atacante Pablo treinaram normalmente. Ambos devem ser titulares, mas, se Tiago Nunes optar por poupá-los, Zé Ivaldo e Marcelo Cirino são as primeiras opções.

Bahia vai ao Rio para decidir vaga nas quartas da Sul-Americana contra o Botafogo

Bahia Notícias

Apesar da má fase no Campeonato Brasileiro, o Bahia vive um momento positivo na Copa Sul-Americana. Em vantagem diante do Botafogo, o Tricolor pode até empatar na noite desta quarta-feira (3), às 21h45, que chega nas quartas de final da competição internacional pela primeira vez em sua história. A partida será no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro.

No primeiro jogo, em Salvador, o Esquadrão de Aço venceu o alvinegro por 2 a 1, com gols de Ramires e Clayton, enquanto Rodirgo Pimpão descontou. Apesar de ter a vantagem mínima sobre o rival, o goleiro Douglas, que fez grandes defesas no confronto, quer o Tricolor propondo o jogo.

“Não é só o Botafogo que tem grandes ataques e jogadores com qualidade. Claro que quando um time tem uma sequência de partidas onde faz gols, o ataque fica com mais confiança e temos esse entendimento. Mas a preparação é igual para todas as partidas. A gente analisa o momento, as opções e nos preparamos para evitar os gols. Evitando os gols, a gente consegue a classificação. Mas não vamos abdicar de jogar e fazer gols. A gente fazendo gols, ficaremos próximos da classificação”, afirmou.

Para o jogo, o técnico Enderson Moreira não vai ter o lateral-esquerdo Léo, suspenso por ter sido expulso na primeira partida, e o zagueiro Everson, que era seu possível substituto, lesionado. Nilton, que cumpriu suspensão, retorna, mas quem deve ser improvisado na esquerda é o volante Elton.

Verdão aprende com erro em casa e mira a semi da Liberta após 17 anos

Terra

Assim como nas oitavas, o Palmeiras vai decidir a vaga na semifinal da Libertadores no Allianz Parque, depois de vencer a ida, fora de casa, por 2 a 0. Só a atitude contra o Colo-Colo (CHI), nesta quarta-feira, às 21h45, será diferente da apresentada contra o Cerro Porteño (PAR), um jogo que trouxe aprendizados para Verdão.

Na fase anterior, a vantagem por pouco não se perdeu graças à expulsão de Felipe Melo aos três minutos de jogo. Com um a menos durante praticamente todo o tempo, o time jogou com o regulamento e chegou às quartas de final mesmo depois de perder para os paraguaios em casa, por 1 a 0.

Mais uma vez, o Palmeiras pode até ser derrotado por um gol de diferença que ainda assim chegará à semifinal, fase que o clube não atinge na Libertadores desde 2001. Só que as conversas na Academia de Futebol são para que não seja necessário jogar com a vantagem da ida.

Desde o cartão vermelho de Felipe Melo, é recorrente nas rodas do elenco o mantra: “começamos com 11, terminamos com 11”.

– A gente fala constantemente (sobre o jogo contra o Cerro). Todos entram com 11 e querem terminar o jogo com 11. Os campeonatos são muito equilibrados e sabemos que vai ser um jogo extremamente difícil. Precisamos ter a cabeça boa, eles têm um time experiente, apesar de ter sido tranquilo lá na questão de briga. As duas equipes entraram para jogar futebol. Que aqui não seja diferente. Vamos tentar honrar a nossa camisa e quando acabar estar feliz pelo que fizemos em campo e estar coroando com uma grande classificação – afirmou Willian.

Em desvantagem inédita, Cruzeiro tem outro adversário além do Boca Juniors no Mineirão

Globo Esportes

Pela primeira vez na história, o Cruzeiro entrará em campo precisando superar uma diferença de dois gols em um mata-mata de Libertadores com o jogo de volta no Mineirão. O duelo será contra o Boca Juniors, nesta quinta-feira, às 21h45 (de Brasília), pelas quartas de final. O confronto de ida, na Bombonera, terminou com triunfo argentino por 2 a 0. Para chegar à final da Libertadores, a Raposa terá de superar um retrospecto negativo.

O Cruzeiro disputou a competição 16 vezes e, em sete oportunidades, começou uma fase eliminatória com derrota fora de casa (veja os duelos abaixo). Em apenas duas dessas ocasiões conseguiu a classificação no Mineirão: em 1997, contra o El Nacional-EQU, e em 2015, diante do São Paulo. Curiosamente, em ambas as vezes, a Raposa avançou após disputas de pênaltis.

O único placar que leva a decisão contra o Boca Juniors para as cobranças de penalidades é o 2 a 0 a favor do Cruzeiro. Triunfo por três ou mais gols classifica a Raposa ainda no tempo normal.

SÉRIE B: Goiás empata com Londrina e vê CSA vencer Paysandu e colar

Futebol Interior

Quatro jogos abriram as disputas da 30ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Foram apenas dois gols, com dois triunfos de mandantes. Quem acabou se dando pior foi o Goiás, que não conseguiu fazer o dever de casa e vencer o Londrina e ainda viu o CSA derrotar o Paysandu.

Jogando no Serra Dourada, o Esmeraldino ficou no empate sem gols com o LEC. Dessa forma, foi a 50 pontos e só manteve a vice-liderança pelo número de vitórias: 14 contra 15 do Azulão do Mutange. Os alagoanos bateram o Paysandu com tento solitário de Hugo Cabral.

À frente da dupla, Fortaleza, com 53, enquanto abaixo, fechando o G4, aparece o Avaí, com 45, o mesmo do Guarani, primeiro fora da zona de acesso. O Tubarão tem 41, em oitavo. Por outro lado, o Papão da Curuzu segue no Z4, em 18º, com 31.

Outro time que luta contra o rebaixamento entrou em campo neste início de semana. Entretanto, o Sampaio Corrêa se saiu melhor. Com gol de Julinho, de falta, a Bolívia Querida fez 1 a 0 no Figueirense e alcançou 29 pontos, na penúltima colocação.

O Juventude, com 32, é o primeiro fora do Z4. O Furacão Catarinense segue estacionado em nono, com 40, e cada vez mais distante de retornar ao Brasileirão.

Fechando o dia, Criciúma e Oeste não balançaram as redes e ficam no meio da tabela. O Tigre é 11º, com 40, mesma pontuação do Rubrão, que está uma posição abaixo. A rodada segue na sexta-feira, com quatro jogos, e termina no sábado, com o clássico Atlético-GO x Vila Nova e Ponte Preta x CRB.

Grêmio goleia Tucumán e pega o River Plate na semi da Libertadores

Gazeta Esportiva

O Grêmio goleou nesta terça-feira o Atlético Tucumán por 4 a 0 na Arena pela partida de volta das quartas de final da Libertadores. Após um início confuso, o Tricolor Gaúcho se impôs com naturalidade e ainda contou com a expulsão do goleiro Luchetti. Luan finalmente demonstrou futebol de qualidade que o levou a ser escolhido como o melhor da América em 2017. Os gols foram marcados por Luan, Cícero, Sánchez (contra) e Jael.

Na semifinal o Grêmio enfrenta o River Plate que derrotou o Independiente por 3 a 1 no Monumental de Nuñez. As datas dos confrontos ocorrem nos dias 24 e 31 de outubro. O primeiro jogo será na Argentina e a partida de volta acontecerá em Porto Alegre.

Pelo Brasileirão o Tricolor Gaúcho recebe no sábado o Bahia, às 21h(de Brasília), na Arena. Atualmente a equipe gremista ocupa o quarto lugar na competição, com 50 pontos, e quer diminuir a diferença para o líder Palmeiras.

Saúde vence o Serviços Públicos e fica com a última vaga nas semifinais do Campeonato dos Servidores

Da Redação

A Saúde derrotou o Serviços Públicos, pelo placar de 1 a 0, na noite desta terça (2), no estádio Edvaldo Flores, pelo Campeonato dos Servidores Públicos Municipais.

O único gol da partida foi assinalado pelo jogador Ancelmo Amaral.

Com este resultado a equipe se classificou para as semifinais da competição.

Confira como ficaram os jogos da semi.
Segunda (8)
19:00
Torre x Saúde
Terça (9)
19:00
Emurc x Patrimonial
Caso os confrontos terminem empatados as vagas serão decididas nas cobranças de pênaltis;



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia