Futebol Interior

A noite desta terça-feira quase foi perfeita para os brasileiros que entraram em campo pela quinta rodada da Copa Libertadores. O Cruzeiro manteve os 100% e o Grêmio assumiu a vice-liderança, mas o Atlético-MG foi eliminado.

Embalado pela conquista do título mineiro, o Cruzeiro chegou aos 15 pontos no Grupo B ao vencer o Deportivo Lara, por 2 a 0, na Venezuela. A outra vaga está em aberta depois da vitória do Emelec sobre o Huracán, por 2 a 1, na Argentina.

Com a vitória, Emelec chegou aos seis pontos e assumiu a vice-liderança, deixando para trás o Deportivo Lara. Na lanterna com apenas um ponto, o Huracán já está eliminado.

O Grêmio está mais vivo do que nunca depois de ter vencido o Libertad, por 2 a 0, no Paraguai. Os dois gols marcados por Everton colocaram o Tricolor provisoriamente na vice-liderança do Grupo H, com sete pontos. Já classificados, os paraguaios têm 12 e são os líderes.

Mesmo que seja ultrapassado pela Universidad Católica nesta quarta-feira, o Grêmio chega na última rodada dependendo apenas de si para garantir a classificação. Isso porque o adversário será justamente o time chileno, que hoje tem seis pontos e encara o Rosario Central, na Argentina.

O que já era ruim ficou ainda pior. Após ser vice-campeão mineiro, o Atlético-MG foi derrotado pelo Nacional, por 1 a 0, em pleno Mineirão, e deu adeus as chances de classificação. Não é a toa que o time saiu debaixo de vaias e gritos de “vergonha, vergonha, vergonha”.

Com quatro derrotas em cinco jogos, o Galo tem apenas três pontos e é o terceiro colocado no Grupo E, que já tem os dois classificados: Cerro Porteño e Nacional, ambos com 12 pontos. Na liderança, o Cerro defende os 100% de aproveitamento diante do lanterna Zamora, na quinta-feira.

As outras duas partidas do dia foram válidas pelo Grupo C e decretaram a classificação do Olimpia, que chegou aos nove pontos depois do empate no Chile diante do Unión de Concepcion, por 3 a 3. A vaga veio graças a vitória do Godoy Cruz sobre o Sporting Cristal, por 2 a 0, na Argentina.

Isso porque Godoy Cruz e Unión de Concepcion “se matam” na última rodada. Ambos estão empatados com seis pontos, enquanto o Olimpia é o líder com nove. Na lanterna, com quatro, o Sporting Cristal depende de um milagre para avançar.