WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

fevereiro 2020
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829



drupal counter

:: 17/fev/2020 . 14:25

BRASILEIRO FEMININO: Ferroviária vence Palmeiras e segue com 100% de aproveitamento

Futebol Interior

Seis partidas abriram às disputas da terceira rodada do Campeonato Brasileiro Feminino da Série A1 no decorrer do dia deste domingo (16), quatro delas envolvendo times paulistas. Com destaque para a Ferroviária que levou a melhor no clássico estadual com o Palmeiras e segue com 100% de aproveitamento, na liderança isolada da competição.

Confira os resultados da 3ª rodada
Flamengo 1 x 3 São Paulo
Vitória 0 x 1 Minas Icesp
Kindermann 1 x 0 Grêmio
Palmeiras 1 x 4 Ferroviária
Iranduba-AM 1 x 3 São José
Ponte Preta 1 x 6 Internacional
Hoje
19:00
Santos x Cruzeiro
20:30
Corinthiansx Audax

CBF divulga tabela da Série A2 do Brasileiro Feminino com Sport, Vasco, Atlético-MG e Fortaleza

Globo Esportes

Com 36 clubes na disputa, a bola começa a rolar para a Série A2 do Brasileiro Feminino a partir do dia 15 de março. A Confederação Brasileira de Futebol divulgou a tabela dos confrontos, mas ainda sem horários e estádios determinados para as partidas. Alocados no Grupo C, Sport e Náutico estreiam em casa diante de Cruzeiro-RN e Auto Esporte-PE, respectivamente. Junto às quatro equipes, também estão UDA-AL e Bahia. Confira todos os duelos que vão marcar a primeira fase do campeonato nacional, que vale quatro vagas na elite em 2021.

A temporada de 2020 marca o segundo ano desde que o futebol feminino tornou-se obrigatório aos clubes que disputam a a Série A do Brasileiro masculino. A regra segue o Licenciamento de Clubes da CBF, regulamentação exigida pela entidade para uma maior transparência das gestões.

Com isso, a segunda divisão feminina terá em disputa clubes que são referência no futebol brasileiro. Caso de Vasco, Atlético-MG, Fluminense e Botafogo. Assim como outras equipes que estão na elite do masculino, caso de Ceará, Fortaleza, Athletico, Atlético-GO e Goiás.

Após a saída do Vitoria-PE, rebaixado em 2019 e que desistiu da competição alegando falta de condições financeiras, o Atlético-GO que ocupou a vaga deixada em aberto. Além do Dragão, a competição será formada por outras 25 equipes. Três que vieram da Série A1, 27 campeões estaduais de 2019 e os cinco clubes melhores posicionados no Ranking Nacional de Clubes Masculino de 2020.

A competição segue o regulamento de 2019. Os 36 times começam divididos em seis grupos com seis equipes em cada. Na primeira fase, cada clube disputa cinco partidas, em turno único. Ao fim desta etapa, os dois melhores colocados e os quatro melhores terceiros avançam para a fase seguinte.

Nas oitavas de final, os duelos são definidos por sorteio, que acontecerá na sede da CBF. A diferença desta etapa é que os confrontos serão no formato de ida e volta, mas sem o critério do gol qualificado. Em caso de empate, portanto, o classificado será definido nos pênaltis. Depois disso, as quatro equipes que chegarem à semifinal do torneio, estarão promovidas para a Série A1 do Brasileiro Feminino de 2021.

Resultados do futebol amador no fim de semana

Da Redação

Confira os resultados dos jogos que foram realizados neste final de semana válidos pelo futebol amador conquistense.

Campeonato Master (A partir dos 40 anos) – Semifinal
Sábado
Esparta1 (5) x 1 (4) Flamaster
Bahia 2 (3) x 2 (1) Rio Pardo
Campeonato do Nova Cidade
Domingo
Baluarte 3 x 5 São Caetano
Meninos da Vila 1 x 3 Renegados
Campeonato Feminino – Disputa de terceiro lugar e final
Domingo
Seleção Migs 8 x 0 Coleguinhas
PEC Pradoso 2 (2) x 2 (4) Figueirense
Campeonato Interbairros
Sábado
Nova Cidade 0 x 1 Guarani
Domingo
Campinhos 0 x 1 Conveima
Santa Cruz 2 X 0 Alto Maron
Campeonato de José Gonçalves
Domingo
Grêmio 3 x 2 São Sebastião
Barcinha 1 x 1 Serrano
Valencia2 x 5 Caiçara
Baixa do Cedro 3 x 0 Flamengo
Cabeceira 2 x 0 Tanque Velho
Chelsea 1 x 2 Guigó
Boa Sorte 1 x 1 Sinzoca
Virote 1 x 2 Itaipú

Esparta e Bahia decidem o título do Campeonato de Master

Da Redação

Foram definidos na tarde do último sábado (15), no estádio Edvaldo Flores, os finalistas do Campeonato de Master (a partir dos 40 anos)

O Esparta conquistou uma vaga ao empatar com o Flamaster, peloplacar de 1 a 1 e vencer nas cobranças de pênaltis por 5 a 4.

O árbitro foi Delinho Nunes, auxiliado por Silvano Gomes e Alcione Silva. A reserva Claudia Batista.

A outra vaga ficou com o Bahia, que empatou com o Rio Pardo pelo escore de 2 a 2 e venceu nas cobranças de pênaltis por 3 a 1.

A arbitragem foi de José Luís Pereira, tendo como assistentes Ocimar Freitas e Osmar Carvalho. A reserva Maiara Porto.

A organização vai se reunir com os finalistas após o carnaval para definir a data da decisão.

São Caetano e Renegados vencem na rodada do Campeonato da Nova Cidade

Da Redação

Duas partidas foram realizadas na manhã deste domingo (16), no campo da Nova Cidade, na sequência da primeira rodada do Campeonato do referido bairro.

O São Caetano venceu o Baluarte pelo placar de 5 a 3. Kaique (2), Marcos Adriano, Manuel e Yuri marcaram os gols. Erisvandro, Luís Felipe e Yuri Santos descontaram.

Pela segunda rodada, o São Caetano enfrenta o Vasco. Já o Baluarte joga contra os Renegados.

No outro jogo, os Renegados derrotaram os Meninos da Vila pelo escore de 3 a 1. Ronny Silva marcou os três vezes. Gabriel descontou.

Na próxima rodada os Renegados enfrentam o Baluarte. Enquanto os Meninos da Vila jogam contra o Comercial Luizinho.

A 1ª rodada será complementada com o jogo entre Vasco e Comercial Luizinho no próximo dia 1º, às 10 horas, no campo do Panorama.

Figueirense vence o PEC Pradoso nos pênaltis e conquista o titulo do municipal feminino

Da Redação

O Figueirense conquistou na manhã deste domingo (16), no estádio Edvaldo Flores, o título de campeão do Campeonato Municipal de Futebol Feminino, promovido pela Coordenação de Esportes da PMVC.

No tempo normal, a partida terminou empatada pelo placar de 2 a 2. Tammy cobrando falta abriu o placar para o PEC. Amanda Sena e Cleidiane viraram para o Figueirense, porém, Aninha empatou para o PEC Pradoso.

Com o empate a decisão foi para as cobranças de pênaltis e o Figueirense ganhou pelo placar de 4 a 2.
A craque do jogo foi escolhida a jogadora Piska (Figueirense).

A arbitragem foi de Rosalvo Mota, auxiliado por Silvano Gomes e Alcione Silva. A reserva Claudia Batista.

Na disputa do terceiro lugar a Seleção Migs goleou as Coleguinhas pelo escore de 8 a 0. Isa (3), Elly Pires (2), Jell, Letícia e Ruiva marcaram os gols.

O arbitro foi Vinicius Moxotó, tendo como assistentes Danilo Santos e Jaimilton Vieira. A reserva Maiara Porto.

A artilheira da competição foi Jamile (Figueirense), com 11 gols. A melhor goleira foi Gaby Gomes (Figueirense)

Arbitragem anula gol e Vitória da Conquista segue sem vencer no Baianão

Da Redação

O Vitória da Conquista ficou no empate com o Bahia de Feira, pelo placar de zero a zero, na tarde deste domingo (16), no estádio Lomanto Junior, pela quinta rodada do Campeonato Baiano.

O Bode conseguiu criar boas chances de gol, mas a equipe conquistense não teve precisão nas finalizações e não saiu do empate.
O Alviverde marcou um gol com o meia Carlinhos, porém, o árbitro assistente marcou impedimento do jogador.

Como empate, o Bode segue sem vencer na competição e continua na oitava posição com três pontos.

O Vitória da Conquista foi acampo com a seguinte formação: Lupitinha, Roni, Felipe Silva, Rhamon Mexicano e Otávio; Fagner, Dinda, Natan (Caio Jambeiro), Carlinhos (Tatu); Danúbio e Rafinha (Nonato).

O Vitória da Conquista volta a campo contra o Doce Mel, no próximo dia 1º, às 16 horas, em local ainda indefinido.

Vitória empata sem gols com o Freipaulistano no Barradão

Bahia Notícias

Tudo igual no Barradão. O Vitória empatou em 0 a 0 com o Freipaulistano, neste domingo (16), válido pela quarta rodada da Copa do Nordeste.

Com o resultado, o Vitória chegou aos seis pontos, mas caiu para a terceira posição do Grupo B do Nordestão.

O Vitória atuou com: Ronaldo; Jonathan Bocão, João Victor, Maurício Ramos e Rafael Carioca (Thiago Carleto); Rodrigo Andrade (Tenório), Guilherme Rend e Fernando Neto (Júnior Viçosa); Vico, Rodrigo Carioca e Léo Ceará. Técnico: Geninho.

O próximo duelo do Vitória é contra o CRB, no dia 27 de fevereiro, uma quinta-feira, às 20h, no Barradão.

Flamengo vence o Athletico Paranaense e fatura a Supercopa do Brasil

CBF

Pode soltar o grito torcedor do Mengão! O título da Supercopa do Brasil 2020 é do Rubro-Negro carioca! Dono do Brasileirão 2019, o Flamengo venceu o duelo de campeões diante do Athletico Paranaense, detentor da Copa do Brasil 2019, e faturou a primeira taça do ano. No Mané Garrincha, o Fla bateu o Furacão por 3 a 0, na tarde deste domingo (16), com gols de Bruno Henrique, Gabigol e Arrascaeta.

O duelo dos campeões rubro-negros começou com a equipe carioca controlando a posse de bola. Logo aos três minutos, Arão tabelou com Gabigol e bateu forte para boa defesa de Santos. O Athletico tentou responder em jogadas de Léo Cittadini e Rony. Mas ainda com maior domínio do jogo, o Flamengo transformou a pressão em bola na rede. Novamente aparecendo como garçom, Gabigol cruzou na medida para Bruno Henrique cabecear certeiro e abrir a contagem no Mané Garrincha, aos 14.

No embalo da torcida, o Fla continuou no ataque. Aos 19, Arrascaeta colocou a bola na área e Rodrigo Caio fez o desvio por cima da meta paranaense. E assim como em 2019, hoje também teve. Gabigol, na marca dos 28, aproveitou uma falha da defesa adversária após cruzamento de Felipe Luís e com oportunismo de artilheiro ampliou a vantagem carioca: 2 a 0.

Correndo atrás do prejuízo, o Athletico criou boas chances de gol na parte final do primeiro tempo. Aos 34, Marquinhos Gabriel cobrou falta que passou rente à meta. Na sequência, o camisa 10 da equipe paranaense chegou de novo e dessa vez parou em grande defesa de Diego Alves, aos 40. Dois minutos depois, Rony apareceu pela esquerda, cruzou rasteiro, Erick se esticou todo, mas por centímetros não conseguiu empurrar para a rede.

Na etapa complementar, o jogo ganhou em equilíbrio. Nikão e Erick assustaram para o Furacão. Enquanto Bruno Henrique, aos 15, teve grande oportunidade de fazer o terceiro do Flamengo, mas viu Santos fazer ótima defesa. Já aos 24, Arrascaeta foi quem apareceu para os cariocas. Bruno Henrique saiu em velocidade, invadiu a área e tentou o toque para o meio, a bola desviou no meio do caminho e sobrou limpa para o meia fazer 3 a 0.

Na base do tudo ou nada, o Athletico acertou o travessão em finalização de Bissoli, aos 29. Nos minutos finais, o atacante arriscou mais um chute, mas parou em Diego Alves. Com o 3 a 0 no placar, o Fla soube controlou o jogo para garantir a primeira taça do ano.

pmvc




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia