WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte


vitoria da sorte

fevereiro 2020
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829



drupal counter

:: 26/fev/2020 . 15:01

Três partidas abrem a segunda rodada do Campeonato da Nova Cidade

Da Redação

Três partidas abrem a segunda rodada do Campeonato de Futebol Society da Nova Cidade, na manhã deste domingo (1º).

Às 09 horas Baba da Amizade e Guerreiros se enfrentam. Na primeira rodada o Baba da Amizade foi derrotado pelo Juventude. Enquanto os Guerreiros venceram o RDB.

As 10h15, Jogam Choça e Juventude. A Choça iniciou a competição perdendo para o Relíquia da Granja. Já o Juventude bateu o Baba da Amizade.

As 11h30, duelam RDB e Relíquias da Granja. O RDB vai em busca da reabilitação da derrota sofrida para os Guerreiros. Enquanto o Relíquia da Granja tenta manter a invencibilidade após a vitória na estreia diante da Choça.

Fechando a primeira rodada, as equipes do Vasco e Comercial Luizinho se enfrentam às 09 horas, no campo do Panorama.

Atleta Conquistense: Suzy Ruas se prepara para 37ª Maratona Internacional de Porto Alegre

Blog do Anderson

Nascida em Belo Campo, Suzy Ruas Novas Ferreira, de 42 anos, adotou Vitória da Conquista no coração para trabalhar e viver sem deixar perder suas raízes. Foi em Conquista que ela iniciou a façanha no esporte conciliando com horas vagas com a atividade profissional: lavadora de veículos.

No ano passado Suzy esteve nos Estados Unidos da América onde participou e ganhou cinco medalhas na Walt Disney World Marathon Weekend. Na noite do domingo (23) ela esteve no Carnaval Conquista Cultural e falou ao BLOG DO ANDERSON sobre o próximo desafio. “Vai ser o Sul Americano agora em Porto Alegre agora em maio. É um campeonato que reúne os melhores atletas o Brasil e da Argentina, Uruguai, Canadá. É internacional”, afirmou. Sobre o número de medalhas, a corredora não soube informar. “Não dá para contar mais não. São muitas, perdi a conta”, completou.

Clubes pedirão antecipação de pagamentos de premiação do Brasileiro à Globo

UOL

Em meio à provável mudança de premiação do Brasileiro, os clubes reivindicarão à Globo também uma antecipação de pagamentos de parte dessa fatia. Atualmente, os valores dos direitos do Brasileiro por posição só são quitados em dezembro após o campeonato. A tese dos dirigentes de agremiação é que, na nova fórmula, todos os times passarão a ganhar um mínimo garantido e portanto podem receber esse valor antes.

Desde que houve mudança no contrato da Série A, em 2019, os clubes têm reclamado de problemas no fluxo de caixa porque os pagamentos passaram a ser mais concentrados no segundo semestre. Dirigentes atribuem a este fato inclusive atrasos salariais na última temporada já que as agremiações tinham menos receitas de televisão no início do ano.

Essa alteração ocorreu por conta da fatia variável do dinheiro de televisão do Brasileiro. Em 2019, 30% do contrata da Globo era distribuído por posição. Só tinha direito quem chegava pelo menos à 16ª posição. Assim, os clubes só podiam receber o dinheiro em dezembro ao final do campeonato quando sabiam suas colocações.

Agora, os clubes deixaram encaminhada uma alteração na premiação pela qual todos os times têm direito a receber um mínimo. O último ficaria com R$ 4,6 milhões pela nova tabela. Os valores ainda precisam ser aprovados oficialmente, mas a maioria dos times já concordou. Desta forma, os dirigentes querem que esse valor seja antecipado.

A Globo já sabe do pleito e promete analisar, mas não é certeza de que vai atender o pedido dos clubes. A tese da emissora é de que as receitas são referentes ao Brasileiro e, portanto, têm que ser pagas durante o campeonato e não antecipadamente. E o Nacional só começa em maio o que torna as receitas mais concentradas no segundo semestre.

A mudança da fórmula de premiação foi uma sugestão da própria Globo. Isso não significa, no entanto, que vá aceitar alterar os pagamentos. Quando assinaram os novos contratos, os clubes sabiam quem haveria mais receitas no final do ano.

Ainda sem vencer no Baiano, Doce Mel e Vitória da Conquista se enfrentam neste domingo (1º)

Da Redação
Foto Luciana Flores

As equipes do Doce Mel e Vitória da Conquista se enfrentam neste domingo (1º), às 16 horas, no estádio Pedro Caetano, em Ipiaú, pela sexta rodada do Campeonato Baiano.

Os dois times ainda não venceram na competição. O Doce Mel é o penúltimo colocado com dois pontos. Enquanto o Vitória da Conquista é o oitavo com três.

Para o presidente do Doce Mel Eduardo Catalão o fato de jogar pela primeira vez em casa será um reforço importante. “Será um reforço muito importante. Todos os nossos jogos foram fora de casa, é complicado. Temos um pessoal apaixonado e agora vamos contar com eles. A cobrança vai aumentar até porque está na hora de cobrar. Com certeza vamos conseguir”, disse, em entrevista ao Bahia Notícias.

Já o treinador do Vitória da Conquista Elias Borges se mantém otimista para garantir o principal objetivo do clube no estadual.
“Estamos conversando no dia a dia que devemos classificar e buscar essas quatro vitórias. Às vezes a gente também não encontra uma explicação para a situação do time, pelo elenco que tem e pelo que vem jogando também. Na nossa ótica pelo que o time está desenvolvendo dentro das quatro linhas, já deveria estar em uma situação melhor” afirmou o comandante do Alviverde ao Diário Esportivo.

Recentemente os dois times fizeram uma partida amistosa na Toca do Bode e o placar foi de um a um.

Europa já ameaça novo Mundial de Clubes e chance de sul-americanos

Terra

Representantes da Associação de Clubes Europeus (ECA, na sigla em inglês) estiveram na sede da Fifa em Zurique, na Suíça, no mês de janeiro para discutir a fórmula do novo Mundial de Clubes que a entidade máxima do futebol pretende promover a partir de 2021.

As informações foram publicadas na última segunda-feira pelo jornal norte-americano The New York Times. Segundo o diário, a comitiva, que contava com dirigentes de clubes como Liverpool, Juventus e Barcelona, ofereceu ajuda à Fifa para tirar o evento do papel. Mas não sem pedir algumas coisas em troca.

A proposta da ECA seria a criação de uma joint venture com a Fifa, um status que colocaria os interesses das agremiações europeias acima dos representantes das outras cinco confederações que estarão no torneio. Uma das exigências seria a participação de 12 clubes do Velho Continente, e não oito, como o previsto atualmente.

A associação de clubes europeus também quer o aumento das premiações no novo Mundial. De acordo com o The New York Times, a Fifa recorreu a uma empresa de consultoria financeira norte-americana para iniciar seus esforços para garantir US$ 1 bilhão (aproximadamente R$ 4,4 bilhões), valor que considera necessário para realizar o evento – e atrair os gigantes do Velho Continente.

As polêmicas envolvendo o novo Mundial surgiram desde o início do projeto, com a Uefa apontando uma série de limitações – em parte por querer manter o status da Liga dos Campeões como o torneio mais importante do planeta. No dia do anúncio, por exemplo, a ECA soltou uma carta ameaçando boicotar o evento.

Uma aproximação com os europeus, em contrapartida, poderia desgastar as relações da Fifa com a Conmebol. Alejandro Dominguez, presidente da entidade sul-americana, é um antigo aliado de Gianni Infantino, seu par em Zurique – mas os dois já estariam discordando dos critérios de classificação das equipes do continente para a competição.

Enquanto isso, segundo o The New York Times, tem gente já querendo tirar proveito da indefinição. O bilionário norte-americano Stephen M. Ross teria se reunido com clubes europeus e apresentado o formato de um torneio de pré-temporada que distribuiria US$ 10 bilhões aos participantes (cerca de R$ 44 bi).

Desde 2012, quando o Corinthians derrotou o Chelsea por 1 a 0 em Yokohama, só equipes do Velho Continente conquistaram o Mundial de Clubes: Real Madrid (2014, 2016, 2017 e 2018), Bayern (2013), Barcelona (2015) e Liverpool (2019).

Se o projeto não for mudado, o evento em 2021 terá oito europeus, seis sul-americanos e as dez vagas restantes sendo distribuídas entre Concacaf, Ásia, África e Oceania. Eles seriam divididos em oito grupos de três, com os melhores de cada chave avançando às quartas de final. Os mata-matas seriam disputados em jogo único.

Paraná e Bahia de Feira decidem uma vaga na Copa do Brasil

Globo Esportes

Paraná e Bahia de Feira se encontram nesta quarta-feira, pela segunda fase da Copa do Brasil. O jogo será às 19h15 (horário de Brasília), na Vila Capanema. Quem vencer segue para a terceira fase e enfrenta o Botafogo, que eliminou o Náutico.

A segunda fase é em jogo único como na primeira fase. Em caso de empate, a classificação será em cobranças de pênaltis. Lembrando que a Copa do Brasil não possui mais gol qualificado, que beneficiava o time visitante.

O Paraná chega à segunda fase depois de vencer o Palmas por 2 a 0, na casa do adversário. O Bahia de Feira eliminou a Luverdense por 3 a 1 jogando em casa.

O Bahia de Feira embarcou para a capital paranaense cheio de confiança. Expulso na partida contra o Luverdense, pela primeira fase, Jarbas não estará à disposição de Barbosinha para a partida desta quarta-feira. Anunciado na última semana, o atacante Marquinhos ainda não foi regularizado e, portanto, não estará em campo. Jair, em recuperação de cirurgia, é outro que não atua.

Invicto com Jorge Jesus no Maracanã, Flamengo tem retrospecto favorável contra equatorianos

Globo Esportes

O retrospecto do Flamengo dá uma dose a mais de confiança para a final da Recopa, nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Maracanã. Dois números importantes dão noção do histórico favorável rubro-negro para enfrentar o Independiente Del Valle.

O primeiro, mais recente, diz respeito a Jorge Jesus: o Flamengo ainda não perdeu no Maracanã com o técnico português. São 19 vitórias e três empates em 22 jogos. Se mantiver o ritmo, o Rubro-Negro levará, no mínimo, a decisão para a prorrogação.

Mas, se o retrospecto contra equatorianos se repetir, o título da Recopa ficará ainda mais perto. Isso porque o Flamengo tem 100% de aproveitamento contra clubes do Equador no Rio de Janeiro: são cinco vitórias em cinco jogos.

É com base nesta força em casa, com o apoio maciço da torcida – já são 62 mil ingressos vendidos -, que o elenco rubro-negro mostra confiança na vitória. Para o volante Willian Arão, o Flamengo consegue impor ainda mais seu jogo quando atua no Maracanã.

Flamengo e Independiente Del Valle empataram em 2 a 2 na partida de ida, em Quito, na última semana. A Recopa não tem critério de desempate por gols marcados fora. Assim, em caso de novo empate, a decisão irá para a prorrogação.

Bahia visita o Nacional-PAR com boa vantagem para avançar à 2ª fase da Sul-Americana

Bahia Notícias

Na temporada passada, o Bahia decepcionou o seu torcedor logo no primeiro confronto da Copa do Sul-Americana. Nesta Quarta-Feira de Cinza (26), às 19h15, o Tricolor entra em campo para encarar o Nacional, do Paraguai, com boa vantagem para confirmar a classificação à segunda fase. O duelo de volta do confronto será no Estádio Luis Alfonso Giagni, em Villa Elisa. Por ter vencido o primeiro encontro por 3 a 0, na Arena Fonte Nova, o time baiano pode se dar ao luxo de perder por até três gols de diferença, desde que marque um, para mesmo assim seguir no torneio continental.

O vexame deste ano já aconteceu na Copa do Brasil, quando a equipe do técnico Roger Machado foi eliminada no primeiro compromisso diante do River do Piauí, que disputa a Série D do Brasileiro. Para não correr o risco de passar por nova vergonha, o volante Flávio alertou o elenco para não pisar no gramado paraguaio já pensando na vantagem.

“Fizemos um grande jogo na primeira partida, mas eles vão querer vir para cima da gente e temos que estar bem postados, bem concentrados para não se acomodar nesses 3 a 0. Logicamente, ali no final do jogo, em circunstâncias do jogo, a gente pode pensar nessa vantagem, mas de forma alguma podemos entrar acomodados em cima desse placar elástico que a gente fez no primeiro jogo”, afirmou.

No lado do Nacional, o clima é de eliminação quase certa. No dia seguinte da derrota em Salvador, a imprensa paraguaia definiu a situação da equipe como beirando o abismo. Para avançar de fase, os paraguaios precisam golear o time baiano por, no mínimo quatro gols. Caso sofra um, a missão fica ainda mais complicada pelo critério do tento fora de casa.

Internacional decide vida na Libertadores contra o Tolima

Gazeta Esportiva

Faltam 90 minutos para o Internacional garantir vaga na fase de grupos da Libertadores. Nesta quarta-feira, o Colorado joga sua última partida na Pré-Libertadores 2020, contra o Tolima, às 21h30 no Beira-Rio. Além da força da torcida, o time de Eduardo Coudet conta com uma melhoria ofensiva para derrotar o rival colombiano.

Em três jogos na fase preliminar da competição continental, o Internacional anotou apenas dois gols. Os dois tentos da equipe gaúcha foram marcados no Beira-Rio, na partida de volta contra a Universidad de Chile. Nas últimas duas partidas, o Colorado passou em branco, sendo que não balança as redes há mais de 190 minutos.

No duelo de ida, em Ibagué, na Colômbia, Internacional e Tolima ficaram no zero a zero. Mais um empate sem gols leva a decisão da vaga no Grupo H da Libertadores para os pênaltis, enquanto qualquer outra igualdade no marcador garante a classificação do time colombiano. Para avançar sem sustos, o Colorado precisará vencer o confronto.

pmvc




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia