Globo Esportes

A primeira rodada da fase de grupos da Libertadores 2020 colocará frente a frente nesta quarta-feira, no Junior Barranquilla x Flamengo, na Colômbia, dois dos principais atacantes do continente: Gabigol e Miguel Borja. O camisa 9 do Fla é o atual Rei da América, posto que o colombiano alcançou após a conquista da Libertadores de 2016 com o Atlético Nacional de Medellín.

Gabigol foi eleito depois da participação de destaque em 2019 – foi o artilheiro da Libertadores com sete gols, dois deles na final contra o River Plate. Ganhou com folga – 45% dos votos. Em 2016, Borja fez cinco gols em quatro jogos e foi eleito com 27,4% dos votos – o goleador daquela edição foi Calleri, do São Paulo, com nove gols.

O “Rei da América” é uma eleição feita pelo jornal uruguaio “El País”. Na temporada passada, Bruno Henrique foi eleito pela Conmebol como o melhor jogador da Libertadores.

Depois do destaque no Atlético Nacional, Borja foi contratado a peso de ouro pelo Palmeiras, mas no Brasil não conseguiu produzir o esperado. Em 2018, ele enfrentou o Santos de Gabigol, mas nenhum dos dois marcou na vitória palmeirense por 3 a 2. Foi o único confronto.

Ainda em 2018, Borja fez gol contra o Peixe, mas quando Gabigol não atuou. Em 2019, já no Flamengo, o artilheiro marcou contra o Palmeiras, mas o colombiano não estava em campo em nenhuma das duas partidas.

No título brasileiro do Palmeiras em 2018, conquistado no Rio de Janeiro, os jogadores passaram na frente da loja do Flamengo no aeroporto Santos Dumont, e Borja brincou: “Cheirinho!”

A provocação não caiu no esquecimento. Depois dos títulos conquistados em 2019 e 2020, os jogadores do Flamengo provocaram com a música “O Palmeiras não tem Mundial” diversas vezes. Inclusive Gabigol.

Nesta quarta, com Borja um dos destaques do Junior Barranquilla, a rivalidade estará de volta no duelo com Flamengo. Na volta ao seu país, o atacante marcou três gols em sete partidas. Gabigol manteve o alto nível da última temporada. Em sete jogos este ano, já balançou a rede nove vezes.