Globo Esportes

Depois do apito final que decretou a vitória do Botafogo por 1 a 0 em cima do Paraná, os donos da casa escutaram vaias. Principalmente por causa do fraco desempenho da equipe alvinegra no segundo tempo. Em entrevista coletiva logo depois da partida, o técnico Paulo Autuori relevou a questão e exaltou que houve virtudes no time comandado por ele.

– Quando a ferramenta preferencial de alguém é o martelo, é porque os problemas são só pregos. Aqueles que sabem o que é uma trajetória de uma equipe, para que não haja retrocessos, tem que entender uma coisa: a gente repetiu coisas boas do jogo contra o Flamengo. E acrescentamos algo diferente.

– Temos carências no momento de criar o jogo. Mas temos que ir por esse caminho, não podemos lamentar. Temos que arranjar soluções diferentes dentro das características dos jogadores. Três dias depois de outro jogo, repetimos alguns comportamentos. A equipe está começando a adquirir coisas que vão melhorar passo a passo.

O jogo de volta contra o Paraná está marcado para a quarta seguinte, dia 18, às 19h15, no Durival Britto. Até um empate garante o Glorioso na próxima fase.