WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte


vitoria da sorte

junho 2020
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  



drupal counter

:: 27/jun/2020 . 12:40

Brasileirão 2020 vira desafio de logística e faz times se preocuparem com hotéis e aeroportos

Terra

A edição 2020 do Campeonato Brasileiro vai representar uma batalha a ser vencida tanto em campo quanto no planejamento logístico de viagens. O anúncio da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) de que a competição continuará com 38 rodadas e previsão de durar de agosto até fevereiro de 2021 vai significar para os clubes a necessidade de repensar em detalhes o cronograma de voos, escolhas de hotéis e preparação de locais de treinos em outras cidades. Tudo isso sem descuidar do novo coronavírus.

Os 20 participantes da Série A aprovam a manutenção do formato em pontos corridos, mas sabem o quanto será intenso jogar pelo Brasileirão 38 vezes ao longo de seis meses, com duas partidas por semana e ainda com compromissos por outras competições, como Copa do Brasil e torneios internacionais. São, ao todo, 380 jogos. Por isso, será fundamental planejar horários adequados para viagens, conexões com espera mais curta em aeroportos, novos tipos de treinos, rodízio de titulares e até pensar em hotéis com estrutura de higiene aprimorada para os protocolos de saúde na pandemia.

Um dos times mais exigidos por essa agenda lotada será o Bahia. A equipe precisa pegar avião toda vez que sair de casa para enfrentar um adversário na Série A. “Temos uma preocupação com a logística. O calendário será um desafio mais até do que o normal, que já é algo bem difícil”, disse o presidente do clube, Guilherme Bellintani. No Brasileirão, a CBF se encarrega de pagar as despesas de viagem e hospedagem, mas cabe aos times escolher qual é a melhor programação.

A definição da agenda pode forçar nesta nova era um time preferir, por exemplo, viajar para o próximo jogo de antevéspera e não mais na véspera, por confiar que na cidade seguinte terá uma estrutura melhor para treinar e recuperar os atletas do cansaço da partida anterior. Inclusive, os próprios clubes têm acordos de colaboração para cederem as estruturas dos CTs uns aos outros. Isso significa, por exemplo, que ao viajar para Porto Alegre, um time paulista poderá usar o CT do Inter e vice-versa.

“Será um Brasileiro bem ‘aperreado’, como dizemos aqui no Ceará. A gente já sofre com a logística porque no ano passado, viajamos 79 mil quilômetros no Brasileirão. O Flamengo percorreu só 27 mil. Isso faz uma diferença no preparo”, comentou o presidente do Fortaleza, Marcelo Paz. “Será preciso ter até viagens mais flexíveis para diminuir o tempo de espera. O aeroporto cansa e é acima de tudo um local com risco de contágio”, completou. :: LEIA MAIS »

Equipes da Série B devem pedir à CBF uma semana a mais para a volta do Brasileiro

Bahia Notícias

Após a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgar a previsão de datas para o retorno das Séries A e B do Campeonato Brasileiro (leia mais), os clubes da segunda divisão decidiram pedir uma semana de adiamento para voltar aos jogos nacionais. Em reunião nesta sexta-feira (26), as equipes que integram a Série B decidiram pedir um prazo um pouco maior para a entidade.

Através de encontro por videoconferência, as equipes discutiram sobre os calendários de competições e chegaram a conclusão de que iniciar os jogos do Brasileirão no dia 8 de agosto pode causar choque de datas. Com os jogos nacionais começando neste dia, os primeiros jogos da Série B podem coincidir com o calendário de reta final dos estaduais que, em alguns estados, devem acabar no mesmo período.

Para que as Federações estaduais possam finalizar os jogos locais e, então, as equipes sigam a para as disputas da Série B no nacional, os clubes decidiram que vão pedir para a CBF que os jogos da segunda divisão sejam iniciados apenas dia 14 de agosto.

Com isso, o fim da competição para as 20 equipes também precisaria ser adiada. Mas, como os times da Série B não disputam competições como Sul-Americana e Libertadores, postergar o fim da temporada não seria um problema para eles. O entendimento é de que apenas a Série A precisa se preocupar com os prazos das competições internacionais.

Sendo assim, a previsão para os clubes da segunda divisão é de que o Brasileirão terminasse em 31 de janeiro de 2021, cumprindo as 38 rodadas com pontos corridos

Bahia de Feira retorna aos treinamentos na Arena Cajueiro

Bahia de Feira

Mais uma agremiação do estado retornou as atividades. Nesta quinta-feira, 25, foi a vez do Bahia de Feira anunciar sua volta à Arena Cajueiro e projetar a retomada da temporada 2020. Antes da bolar rolar nos gramados, comissão técnica e jogadores passaram por exames para detecção de coronavírus.

O Tremendão disputará duas competições em seu calendário da atual temporada. Além do Campeonato Baiano, que foi interrompido faltando duas rodadas para o final do primeira fase, ainda existindo grandes possibilidades de classificação, o clube ainda disputará o Brasileirão Série D deste ano, marcado inicialmente para começar no dia 3 de maio.

O Bahia de Feira está no grupo A6, junto com: Atlético de Alagoinhas, Caldense-MG, Gama-DF, Palmas-TO, Tupynambás-MG, Villa Nova-MG e um adversário que ainda seria definido.

Em entrevista concedida no mês passado ao Portal A TARDE, o presidente do time feirense havia se posicionado quanto ao retorno das competições e o planejamento por parte dos clubes do interior.

“É uma situação muito delicada, mas eu acredito que o futebol como um todo… Aquelas equipes que andam bem organizadas, bem preparadas e com um projeto estruturado, consegue suportar esse momento. Todos os atletas do Bahia de Feira tem contrato até o final de 2021, então não temos dificuldades”, garantiu Jodilton Souza.

Flamengo descarta transmissão na TV aberta e debate jogo também no Facebook

Uol

O Flamengo chegou a flertar com a Record, a RedeTV demonstrou interesse, mas o clube não acredita mais que chegará a um acordo para a transmissão do jogo diante do Boavista, pela Taça Rio, na televisão aberta.

Marcada para a próxima quarta-feira (1º de julho), a partida no Maracanã terá os portões fechados e transmissão muito provavelmente apenas pela FlaTV, canal do YouTube do Rubro-Negro, mas desde que não haja impedimento judicial após ação da Globo.

É estudada a possibilidade do evento ser exibido também via Facebook, mas isso ainda não foi definido. A cúpula ainda debate o assunto e avalia a viabilidade técnica para a operação. Está em discussão também se vale a pena pulverizar o conteúdo ou “bombar” exclusivamente o canal rubro-negro.

O clube entende que está preparado para transmitir o jogo que encerra sua participação na fase inicial da Taça Rio, mas terá suporte de produtoras, que ajudarão na parte técnica e de equipamentos. Resta agora bater o martelo sobre os meios de distribuição.

O Rubro-Negro está confiante de que conseguirá oferecer um conteúdo de qualidade e este jogo será completamente aberto, embora haja planos futuros de que este pacote passe a gerar dinheiro ao Fla com bilheteria.

Campeonato Russo: casos crescentes de jogadores infectados por COVID-19 ameaçam jogos

MSN

A propagação do novo coronavírus entre jogadores ameaça a continuidade do Campeonato Russo. A competição masculina foi retomada há uma semana com uma goleada de 10 a 1 do Sochi sobre o Rostov, obrigado a usar um time sub-17, e pode ter mais dois times apelando para o uso das divisões de base em partidas.

Nesta sexta-feira, o Comitê Executivo da liga que organiza a competição confirmou que o jogo entre Orenburg e Krasnodar, que seria disputado neste sábado, não acontecerá, pois os anfitriões têm seis casos de infecção, o que obrigará todo o elenco a entrar em isolamento.

O clube, sediado próximo à fronteira do Cazaquistão, solicitou o adiamento do compromisso, o que foi rejeitado pela falta de datas e chegou a cogitar escalar jovens das divisões de base. A ideia não foi adiante por causa da pressão da organização.

O temor da liga que gere o Campeonato Russo é que se repita o que aconteceu na última sexta-feira, no primeiro jogo pós-paralisação. Com o elenco do Rostov em isolamento, juvenis foram para a partida fora de casa com o Sochi e acabaram derrotados por 10 a 1.

O Orenburg, embora a medida ainda não tenha sido oficializada pela organização, deverá ser decretado perdedor do jogo com o Krasnodar por não comparecimento, o chamado W.O.

O Rostov, que sofreu a goleada que repercutiu em todo o mundo, como ainda tem jogadores passando por período de quarentena, já anunciou que voltará a utilizar jovens com faixa etária entre 16 e 17 anos, dessa vez, para receber o Arsenal Tula.

A diretoria do clube garantiu que, apesar do revés por 10 a 1, apostará na base mais uma vez, apesar da pressão recebida pelos dirigentes do país.

O mesmo acontecerá com o Dínamo de Moscou, que teve três jogadores do time principal dando positivo para teste do novo coronavírus, o que obrigou todo o elenco a entrar em confinamento.

Dessa forma, no clássico deste sábado contra o CSKA Moscou, o time 11 vezes campeão nacional também apostará em jovens em formação, que passaram os últimos meses sem realizar qualquer treino.

A expectativa é que a Federação Russa de Futebol, nos próximos dias, obrigue todos os clubes a entrarem em confinamento, nos respectivos centros de treinamento, até o fim do campeonato, para que a temporada possa ser concluída.

A medida vem sendo negociada com o governo do país, no entanto, não houve qualquer acordo sobre mudança no regulamento da competição, que permitiria a adoção da medida.

Nesta sexta-feira, governo da Rússia anunciou que foram contabilizados mais 6,8 mil casos de infecção pelo novo coronavírus, aproximadamente, o que eleva o total para 620.794. Nas últimas 24 horas foram 173 mortes, fazendo a quantidade de óbitos no país subir para 8.781.

Jejum do Liverpool no Inglês era menor que o de cinco campeões brasileiros na elite

Globo Esportes

Uma espera de 30 anos acabou para o Liverpool na última quinta-feira. Confirmado o primeiro título do Campeonato Inglês desde 1990, o clube agora olha para o passado com outro estado de humor. E pode perceber que, no Brasil e nas principais ligas da Europa, a batata quente passou para outras mãos.

No Brasil, especificamente, há cinco campeões brasileiros com jejum maior do que o do Liverpool em campeonatos nacionais: Atlético-MG (48 anos), Internacional (40), Coritiba (34), Sport (32) e Bahia (31).

Clubes como Arsenal, Lyon, Sporting, Valencia e Roma sofrem a pressão por serem a bola da vez, enquanto há muitos renomados em “quarentena” há três ou mais décadas: Napoli, Hamburgo, Saint-Étienne, Tottenham, Borussia Mönchengladbach, Fiorentina, Schalke, entre tantos outros.

O que dizer, então, do Sheffield United, campeão pela última vez no século XIX?

Champions League: Lisboa entra em estado de contingência por COVID-19, mas Uefa descarta plano B

ESPN

Escolhida para receber a reta final da Champions League, Lisboa voltou a enfrentar problemas relacionados à COVID-19. Com seis fortes e 311 novos casos, o país decretou estado de alerta a partir de 1º de julho e deixou região metropolitana da capital em contingência.

Mas isso, por enquanto, não altera os planos da Uefa. Em comunicado divulgado pelo jornal Marca, da Espanha, a entidade que rege o futebol europeu diz acompanhar a situação de perto, mas afirma que não há, por enquanto, motivos para buscar uma nova sede para a Champions.

“A Uefa está em contato constante com a Federação Portuguesa de Futebol, assim como também está em contato permanente com as autoridades portuguesas. Esperamos que tudo corra bem e que seja possível organizar a final em Portugal. Atualmente não há razão para se ter um plano B, mas estamos avaliando a situação diariamente e, se necessário, vamos nos adaptar”, informou.

Interrompida desde a segunda semana de março, a Champions League tem mais quatro jogos a serem feitos pelas oitavas de final: Manchester City x Real Madrid, Barcelona x Napoli, Juventus x Lyon e Bayern de Munique x Chelsea.

Os quatro classificados juntam-se a Paris Saint-Germain, Atalanta, Atlético de Madrid e RB Leipzig, que já haviam confirmado suas vagas, e decidem o título no formato de Copa do Mundo, com jogos únicos e feitos a cada três dias. A decisão está marcada para 23 de agosto, na Luz.

comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia