WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte


vitoria da sorte

julho 2020
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  



drupal counter

:: 12/jul/2020 . 11:19

Libertadores: Conmebol divulga calendário dos jogos

Fox

Um dia após anunciar as datas de retorno da Libertadores e da Sul-Americana para os dias 15 de setembro e 27 de outubro, respectivamente, a Conmebol divulgou as datas das fases a serem disputadas das competições.

Com quatro rodadas da fase de grupos ainda por serem disputadas, a maior entidade do futebol sul-americano definiu o mês de setembro para a disputa das rodadas três, quatro e cinco. Praticamente um mês depois será disputada a última rodada da fase de grupos. Já o sorteio do mata-mata será feito três dias após a sexta rodada. Veja abaixo:

3ª rodada – 16 de setembro
4ª rodada – 23 de setembro
5 ª rodada – 30 de setembro
6 ª rodada – 21 de outubro
Sorteio – 24 de outubro

Já as fases de mata-mata foram definidas para serem disputadas entre os meses de novembro e janeiro. Oitavas, quartas e semifinais já têm datas definidas. Somente a final ainda não tem um dia programado, mas possui três datas em estudo. Veja abaixo:

Oitavas de final – 25 de novembro (ida) e 2 de dezembro (volta)
Quartas de final – 9 de dezembro (ida) e 16 de dezembro (volta)
Semifinal – 6 de janeiro (ida) e 13 de janeiro (volta)
Final – 23/24/30 de janeiro

Público pode voltar aos estádios da Inglaterra com sistema de testes

IG Esportes

A Premier League estuda a possibilidade de receber torcedores nos estádios a partir da próxima temporada, apesar da pandemia de coronavírus em curso. De acordo com o jornal “Mundo Deportivo”, a empresa Prenetics, encarregada de realizar os testes contra o COVID-19 na liga, planeja criar um controle digital de saúde para que os fãs assistam aos jogos em segurança

A ideia consiste em um tipo de passaporte digital, no qual dados e testes são coletados. A eficácia do sistema já teria sido testada em treinadores, jogadores e funcionários de cada clube.

Segundo Avi Lasarow, CEO da Prenetics, o histórico de testes de coronavírus de cada pessoa será armazenado, e as informações poderão ser acessadas através da leitura de um QR código instalado nos celulares pessoais.

— O governo deve estabelecer a frequência com que os testes são realizados. De qualquer forma, são medidas necessárias enquanto a vacina não aparece, como insiste a Organização Mundial da Saúde. O futebol, no entanto, toma medidas para voltar à normalidade — disse Lasarow à Sky Sports.

Por casos de covid-19, Federação adia todos os jogos das quartas do Catarinense

Terra

Horas depois de suspender o confronto entre Avaí e Chapecoense, a Federação Catarinense de Futebol (FCF) confirmou neste sábado que toda a rodada de volta das quartas de final do Campeonato Catarinense está adiada. O motivo são os casos de covid-19, no elenco e na comissão técnica, revelados pela Chapecoense na sexta-feira.

Em nota oficial, a entidade estadual destacou que “remarcará, oportunamente, as datas dos jogos de volta das quartas de final, da segunda fase, bem como da terceira fase (semifinais) e da quarta fase (finais) da competição”.

O Estadual de Santa Catarina retornou na última quarta-feira após cerca de quatro meses de paralisação por conta da pandemia de covid-19. E foi justamente a doença causada pelo novo coronavírus que forçou nova interrupção.

A Federação alegou que todos os jogos deveriam acontecer ao mesmo tempo, neste domingo. E, como Avaí x Chapecoense não poderá ser realizado, decidiu adiar também as demais partidas: Marcílio Dias x Criciúma, Figueirense x Juventus e Brusque x Joinville.

Foram registrados 14 casos na Chapecoense. Moisés Egert, técnico do Marcílio Dias; Patrick, volante do Figueirense; dois atletas do Criciúma e dois jogadores e dois integrantes do departamento médico do Joinville também foram diagnosticados.

O único duelo mantido, portanto, é o confronto de ida do playoff contra o rebaixamento. Na terça-feira, às 15h, o Tubarão recebe o Concórdia, no estádio Domingos Silveira Gonzales, na cidade de Tubarão.

Futebol feminino aguarda diretrizes, mas também vê retorno próximo

MSN

O Brasil ainda está muito distante de conseguir controlar a pandemia mas, na contramão deste cenário, a rotina social começa a ser retomada praticamente em sua normalidade. O futebol está no meio disso e, como noticiado durante as últimas semanas, Brasileirão e Libertadores já têm datas de início definidas no calendário do futebol masculino. Mas e o futebol feminino?

Como destaca o SuperFC do jornal ‘O Tempo’, a modalidade segue aguardando diretrizes e direcionamentos para seu retorno oficial, mas vê no retorno do masculino, um norteador para a sua própria retomada: “O futebol masculino é o carro-chefe, tanto dos clubes, quanto das federações e da confederação. As atletas estavam ansiosas pelo retorno e eu sempre fui muito transparente com elas, dizendo que iríamos aguardar as manifestações quanto ao retorno do futebol masculino. Porque assim que fossem finalizados alguns protocolos e diretrizes do masculino, nós passaremos a ser o objeto de análise para retorno. De fato, é o futebol masculino que servirá de protótipo para o nosso retorno”, afirmou Bárbara Fonseca, coordenadora do futebol feminino do Cruzeiro.

Aos olhos de Luiza Parreiras, supervisora do futebol feminino do América-MG, o fato do calendário feminino brasileiro ser mais curto em comparação ao masculino, facilitará as profissionais da bola nesse contexto pós-pandemia: “Como o calendário do futebol feminino no Brasil não é extenso, mesmo diante da paralisação, teremos a vantagem de ainda conseguirmos datas disponíveis para encerramento, em campo, de todos calendários e campeonatos previamente agendados, evitando o que ocorreu em outros países”, afirmou.

Priorizando os direcionamentos para a retomada do futebol masculino, a Confederação Brasileira de Futebol ainda não definiu o novo calendário do feminino, mas já há uma data de retorno em vista: “A CBF estipulou uma data para a volta do Brasileiro A1. Teremos jogos a partir do dia 29 de agosto. Estamos no aguardo sobre o novo calendário”, concluiu Bárbara.

O Fla-Flu entre a incerteza de Jorge Jesus e a arapuca de Odair Hellmann

Globo Esportes

Pela primeira vez desde o início da pandemia, o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, passou três dias seguidos indo ao Ninho do Urubu. Não é comum. Por mais que isto se pareça com preocupação com a possível saída de Jorge Jesus, os encontros de Marcos Braz com o elenco rubro-negro foram em outra direção: “O problema do Flamengo, hoje, chama-se Fluminense F. C..” Foi o que Marcos Braz disse a seus jogadores.

Faz sentido. Por mais que possa ter havido encontro de Rodolfo Landim com Jorge Jesus na quinta-feira, negado pelo presidente, ou do treinador com o presidente do Benfica, por vídeo conferência na quinta-feira à noite — o advogado de Jesus descarta — está claro que não haverá nenhuma posição oficial antes da decisão do Campeonato Carioca.

Os representantes de Jorge Jesus deixam claro que o treinador não se sentará para conversar com representantes do Benfica antes de definir o Campeonato Carioca. Receber um telefonema de Luis Filipe Vieira, seu velho chefe e amigo, é claro que pode acontecer… A qualquer tempo e hora. Mas reuniões formais só vão ocorrer depois da decisão do estadual.

O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, disse a Jesus que, se o português não estivesse seguro para um novo contrato de um ano, contrataria outro técnico. “Nós queremos você aqui, mas, se você não tiver certeza, vamos contratar outro profissional.”

Disse isso no processo de renovação. “O que pode fazer você não ficar?”, perguntou Landim. Jesus respondeu que a situação não era confortável, porque a pandemia poderia atrasar o retorno das competições no Brasil. “Isto não faz sentido. O estadual vai retornar em junho e o Brasileiro no dia 9 de agosto”, disse Landim a Jesus antes da assinatura do contrato.

O português renovou e, então, o Flamengo entendeu que não há mais o que conversar. Está sacramentado. Há as condições do contrato para a saída, mas também o compromisso que Jesus assumiu com o grupo de jogadores de tentar voltar ao Mundial para vencer. Veja, não é um compromisso com o Flamengo, mas com os atletas que comanda.

Antes do Mundial, há o estadual. O Fluminense armou uma grande arapuca defensiva e o Flamengo não soube sair dela. Odair Hellmann vive o dilema de repetir a estratégia, já conhecida pelo rival, ou de mudá-la e convencer seus jogadores de que é a melhor escolha. Seria como dizer a eles: “Parabéns, empatamos e vocês foram brilhantes. Agora vamos mudar tudo.” Que confiança receberia de seus atletas?

Jesus sabe disso e pretende conquistar o estadual. Neste domingo, ele está concentrado no Campeonato Carioca, na decisão, no Fluminense. Depois de ser campeão — ou vice — pode pegar um avião e se encontrar com Luis Filipe Vieira no Solar dos Presuntos, pertinho da Avenida da Liberdade, no centro de Lisboa. Antes de quarta-feira, não.

Jorge Jesus sabe que virou uma celebridade pelo que venceu pelo Benfica e pelo Flamengo. Perder o próximo título é também perder um pouco de seu enorme prestígio. Não vai haver decisão sobre seu destino antes de se conhecer o novo campeão carioca.

Oito dos 20 times da Série A já tiveram jogos exclusivos só via rede social

Uol

Jogos com transmissão apenas via rede social têm se tornado constante desde o ano passado. Nos últimos dias, o duelo entre Fluminense e Flamengo, válido pela final da Taça Rio, bateu recorde de audiência no YouTube em meio a um imbróglio entre Flamengo e Rede Globo pelos direitos de transmissão. O time tricolor, dessa forma, tornou-se mais um clube com jogos exclusivos na rede social.

Um levantamento realizado pelo UOL Esporte concluiu que oito dos 20 times da Série A do Brasileirão já tiveram partidas exclusivas em redes sociais, seja Facebook, Instagram ou YouTube, sem nenhuma aparição em TV fechada ou aberta.

São eles: Flamengo, Palmeiras, São Paulo, Grêmio, Inter, Coritiba, Athletico-PR e, agora, Fluminense. Os outros 14 times da elite do Campeonato Brasileiro estão fora lista, mas 12 deles já tiveram transmissão em alguma rede social, mas não com exclusividade — canais abertos ou fechados também mostraram os jogos (em alguns casos, plataformas de streaming disponibilizaram os duelos).

Foi o caso, por exemplo, da partida Corinthians x Racing, válida pela Copa Sul-Americana 2019. O jogo foi transmitido pela Dazn em seus canais no YouTube e Facebook, mas a RedeTV! também mostrou o confronto,

Cenário similar aconteceu também com Santos, Atlético-MG, Vasco, Botafogo, Bahia, Ceará, Sport, Fortaleza e Goiás. Dois times nunca tiveram jogos transmitidos em rede social: Atlético-GO e Red Bull Bragantino.

A transmissão em rede social ganhou força no Brasil após um acordo entre o Facebook e a Conmebol, no fim de 2018. Na temporada seguinte, alguns dos clubes mais importante do país passaram a ter partidas exclusivas nessas plataformas, por Libertadores e Copa Sul-Americana.

Essa lista teve Palmeiras (contra o Melgar-PER), Grêmio (diante da Universidad Católica-CHI e Libertad-PAR), Flamengo (contra o San José-BOL) e Athletico-PR (diante do Boca Juniors). Em 2020, São Paulo (contra o Binacional-PER) e Inter (no clássico com o Grêmio) entraram na lista. O Coritiba, por sua vez, teve a transmissão do duelo com o Athletico-PR, ainda em 2017, na final do Estadual.

comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia