Globo Esportes

A Rede Globo precisou fazer mudanças na área comercial para se adaptar ao novo calendário do Campeonato Brasileiro, que irá terminar em fevereiro de 2021. Por isso, a emissora se viu na necessidade de estender os contratos já existentes e mudar o plano do setor no próximo ano.

Com as seis cotas de patrocínio já vendidas para a realização do campeonato, a emissora estendeu os vínculos e ainda garantiu aos parceiros comerciais anúncios extras, como exposição em grandes programas da casa, como o “Jornal Nacional”. A informação é do “UOL”.

Internamente, a emissora já entendeu que acabará no prejuízo por conta da mudança de planos. Não só isso, mas a ideia é que o canal terá que diminuir os preços de pacotes comerciais para o futuro próximo, já que ainda é difícil estimar o prejuízo financeiro do mercado por conta da pandemia do Covid-19.

Assim como em 2019, as patrocinadoras do canal são Ambev, Casas Bahia, Chevrolet, Hypera Pharma, Itaú e Vivo. Em 2020, estima-se que a emissora lucrou R$ 307 milhões com cada cota, com um total aproximado em R$ 1,8 bilhão.