WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte


vitoria da sorte

setembro 2020
D S T Q Q S S
« ago    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  



drupal counter

:: 3/set/2020 . 14:00

Pós-covid, exames em jogadores é exigência para evitar morte súbita

R7

Nos últimos meses, a cada dia são noticiados dezenas de casos de jogadores de futebol cujos testes deram positivo para a covid-19. Neymar foi a vítima mais recente, como noticiado na última quarta-feira (2). Praticamente todos os atletas superam a doença sem muitos transtornos. A idade, afinal, está bem abaixo da do grupo de risco. E a boa condição física mantém a imunidade alta.

Após a doença, porém, ainda podem ficar sequelas e os clubes precisam continuar a monitorar seus jogadores, conforme ressalta o dr. Moisés Cohen, responsável pelo setor médico da Federação Paulista de Futebol.

“A Federação Paulista tem dado essa orientação aos clubes e cobrado os médicos. O mais importante é o exame clínico bem feito, não só pulmonar, como também cardiológico. O vírus pode afetar o coração e isso vale para todas as pessoas. Pode evitar, por exemplo, a ocorrência de uma morte súbita. Em relação aos jogadores, esse cuidado também é necessário, já que eles atuam em um esporte de alto rendimento e o coronavírus pode acometer o músculo cardíaco”, afirmou.

Seguindo os novos protocolos, que já se modificaram em função de um maior conhecimento sobre a doença, a quarentena tem durado cerca de dez dias. Tal número era impensável até poucos meses atrás quando ter o resultado positivo do teste implicava necessariamente estar com a doença.

Hoje tal tese já não está mais em voga. Isso causou certo alarmismo quando, por exemplo, o Atlético-GO obteve, na primeira rodada deste Brasileiro, permissão para que quatro jogadores com resultados positivos no PCR pudessem atuar. O argumento era de que, seguindo as novas diretrizes, já não havia neles o potencial de transmissão.

A CBF também tem realçado a necessidade de os clubes realizarem um acompanhamento pós-covid, segundo o infectologista Carlos Starling, um dos assessores do departamento médico da entidade, responsável pela análise e controle da doença.

“Isso é uma exigência do departamento médico. O jogador que contrai a doença é observado e, depois que se recupera, é acompanhado pelo médico do clube, para evitar sequelas da doença”, ressalta.

Estudo dos médicos William J. Brady, Alex Koyfman e Michael Gottlieb, da Faculdade de Medicina da Universidade da Virgínia, EUA, ressalta a possibilidade de a doença trazer problemas cardiovasculares. O trabalho foi publicado no American Journal of Emergency Medicine.

“Covid-19 pode resultar em inflamação sistêmica, disfunção de múltiplos órgãos e doença crítica. O sistema cardiovascular também é afetado, com complicações incluindo lesão miocárdica, miocardite, infarto agudo do miocárdio, insuficiência cardíaca, disritmias e eventos tromboembólicos venosos”.

CBF divulga datas e horários de primeiros jogos do Vitória da Conquista na Série D

Megaradiovca

A CBF divulgou na noite desta quarta-feira (02) a tabela detalhada dos primeiros jogos do Campeonato Brasileiro da Série D de 2020, nela estão definidas todas as datas e horários das partidas da fase preliminar e as 7 rodadas iniciais da fase de grupos do certame, inclusive os do Vitória da Conquista.

Ao longo das próximas semanas, mediante a situação do Brasil em relação à pandemia, a CBF deverá anunciar a tabela detalhada das 7 rodadas finais da fase de grupos, que devem acontecer entre outubro e novembro deste ano. A ordem dos confrontos, os mandos de campo e as prováveis datas desta etapa da competição já estão definidos desde o mês de julho.

Confira abaixo as datas e horários dos 7 primeiros jogos do Vitória da Conquista:

20/09 Domingo, 16:00 – Vitória da Conquista x Coruripe (Lomantão)
27/09 Domingo, 16:00 – Freipaulistano x Vitória da Conquista (Titão, Frei Paulo-SE)
30/09 Quarta, 20:30 – Vitória da Conquista x ABC (Lomantão)
04/10 Domingo, 16:00 – Vitória da Conquista x Potiguar (Lomantão)
11/10 Domingo, 16:00 – Central x Vitória da Conquista (Lacerdão, Caruaru-PE)
14/10 Quarta, 20:30 – Vitória da Conquista x Itabaiana (Lomantão)
17/10 Sábado, 15:00 – Jaciobá x Vitória da Conquista (Coaracy Fonseca, Arapiraca-AL)

Em virtude da pandemia, FBF cancela o Intermunicipal 2020

Bahia Notícias

Uma das principais competições de futebol amador do Brasil, o Intermunicipal não ocorrerá nesta temporada. O motivo? A pandemia do coronavírus, que inviabilizou a realização do certame. A informação já havia sido adiantada pelo Bahia Notícias.

O anúncio foi feito pela Federação Bahiana de Futebol (FBF) na manhã desta quinta-feira (3), por meio do seu site oficial.

A maioria das Ligas optaram pela não a realização da competição, já que muitos munícipios ainda encontram dificuldades na luta contra a pandemia. Além disso, algumas cidades não tinham como cumprir o rigoroso protocolo de saúde definido pela FBF.

O Intermunicipal foi criado em 1946 e contribuiu para a profissionalização de vários atletas como Bobô, Júnior Nagata, Edílson Capetinha, Neto Berola e Liedson.

Alemanha e Espanha duelam na estreia da Liga das Nações

MSN

A segunda edição da Liga das Nações terá início nesta quinta-feira. Pela Liga A, que tem as principais seleções da Europa, a Alemanha recebe a Espanha, em Sttutgart, pelo grupo 4.

A Alemanha vai a campo sem alguns de seus principais jogadores. O técnico Joachim Low poupou os atletas do Bayern de Munique-ALE.

Já na Espanha, o técnico Luís Enrique promoveu algumas caras novas, com o objetivo de renovar a Fúria. Mesmo assim, alguns jogadores experientes seguem na seleção.

Ainda nesta quinta-feira, Ucrânia e Suíça fazem a outra partida do grupo.

Pelas outras ligas, destaque para o confronto entre Finlândia e País de Gales, do atacante Gareth Bale e comandado pelo técnico Ryan Giggs.

Na Liga das Nações, classifica o primeiro de cada grupo para as semifinais. Já último colocado de cada chave é rebaixado. A seleção de Portugal foi a campeã da primeira edição da competição ao vencer a Holanda na decisão.

Confira as partidas desta quinta-feira (2):

Liga A
Grupo 4
Alemanha x Espanha
Ucrânia x Suíça

Liga B
Grupo 3
Turquia x Hungria
Rússia x Sérvia

Grupo 4
Bulgária x Irlanda
Finlândia x País de Gales

Liga C
Grupo 3
Moldávia x Kosovo
Eslovênia x Grécia

Liga D
Grupo 1
Letônia x Andorra
Ilhas Faroe x Malta

Cruzeiro é derrotado pelo Brasil-RS, em noite de pouco futebol

Lance

O Cruzeiro se complicou ainda mais na Série B do Brasileiro ao ser derrotado pelo Brasil de Pelotas, no Rio Grande do Sul, por 1 a 0, gol de Gabriel Poveda. Foi a terceira derrota da Raposa na competição, enquanto o time gaúcho conseguiu seu primeiro triunfo.

O resultado colocou os mineiros na “beirada” do Z4, com quatro pontos, sendo o primeiro time fora da zona do rebaixamento, em 16º. Já o Brasil deixou a zona da degola, chegou a 13º, e respira, pois vinha sendo muito pressionado por sua torcida, que protestou bastante durante a semana.

Em mais uma jornada de pouca força no ataque e ainda com um vacilo na defesa, o Cruzeiro teve até uma pequena melhora na performance, porém sem conseguir converter em gols as chances criadas, apesar de um volume maior de jogo.

Já são cinco jogos do time celeste sem vencer, quatro pela Série B e um na Copa do Brasil. O Cruzeiro conseguiu “ajudar” a melhorar o ambiente do Brasil, que venceu apenas cinco jogos dos últimos 30 disputados.

Times da elite somam 16 trocas de técnicos no ano e uma demissão por semana

Uol

O Campeonato Brasileiro está apenas na 7ª rodada, mas seis times já demitiram seus treinadores e fizeram uma troca no comando técnico. Ontem (2), a vítima da vez foi Roger Machado no Bahia — o treinador não suportou o 5 a 3 sofrido contra o Flamengo, no estádio Pituaçu e acabou sendo demitido do comando da equipe.

Antes do ex-treinador do Tricolor de Aço, Eduardo Barroca (ex-Coritiba, permaneceu por 4 rodadas), Ney Franco (ex-Goiás, permaneceu por 4 rodadas), Daniel Paulista (ex-Sport, permaneceu por 5 rodadas), Dorival Jr. (ex-Athletico, permaneceu por 5 rodadas) e Felipe Conceição (ex-RB Bragantino, permaneceu por 6 rodadas) também já haviam deixado suas respectivas equipes após maus resultados no campeonato nacional.

Desde o início do ano, já foram 16 trocas nas equipes que disputam a Série A do Brasileirão — apenas Corinthians, Grêmio, Fortaleza, Internacional, Palmeiras e São Paulo continuam com o mesmo técnico que iniciaram a temporada. Inclusive, neste mês de setembro, Renato Gaúcho completará quatro anos como treinador do Tricolor Gaúcho.

O RB Bragantino e o Flamengo têm casos parecidos na mudança de seus comandos técnicos. Antonio Carlos Zago pediu demissão para assumir o Kashima Antlers-JAP, já Jorge Jesus teve uma rescisão amigável de seu contrato para poder retornar a Portugal, para treinar o Benfica — ambos não foram demitidos.

O futebol brasileiro, por conta da pandemia do coronavírus, só viu a bola rolar em 16 semanas do ano. Ou seja, um técnico foi demitido na elite do futebol do país pelo menos uma vez por semana..

No futebol carioca, apenas o Fluminense manteve Odair Hellmann desde o início do ano. O Vasco demitiu Abel Braga e quem assumiu foi Ramon Menezes, o Flamengo foi obrigado a contratar um novo treinador e apostou no catalão Domènec Torrent e o Botafogo demitiu Alberto Valentim para contratar Paulo Autuori.

Em São Paulo, o Santos e o RB Bragantino também optaram por demissões. O Peixe tentou repetir o feito do Flamengo na temporada passada e apostou no português Jesualdo Ferreira, que foi demitido após apenas 15 partidas. Já o Massa Bruta demitiu Felipe Conceição, após conflitos com atletas e maus resultados, e espera Maurício Barbieri para assumir a equipe.

No Nordeste, Ceará e o Sport já trocaram o comando técnico por duas vezes. O clube alvinegro começou o ano com Argel Fucks, que deu lugar a Enderson Moreira e, atualmente, tem no cargo Guto Ferreira. O Leão da Ilha começou o ano justamente com Guto Ferreira, que foi substituído por Daniel Paulista e hoje o treinador da equipe é Jair Ventura.

No Paraná, o Coritiba demitiu Eduardo Barroca para contratar Jorginho e o Athletico demitiu Dorival Jr, mas ainda não escolheu o substituto. Único representante mineiro na Série A do Brasileiro, o Atlético-MG apostou em Rafael Dudamel, mas o demitiu após eliminações precoces na Copa do Brasil e Copa Sul-Americana. O argentino Jorge Sampaoli assumiu o cargo deixado pelo venezuelano.

Árabes tentam seduzir Ribeiro e Arrasca, Benfica insiste por BH e Gerson, e Flamengo se segura no mercado

Globo Esportes

Um mercado diferente, e o Flamengo está tendo que demonstrar jogo de cintura para se defender após um ano e meio de voracidade para construção do time campeão brasileiro e da Libertadores.

Desde a saída de Jorge Jesus, é extensa a lista de jogadores do clube que receberam sondagens ou propostas oficiais do exterior. Rafinha não deu para evitar, mas Everton Ribeiro, Arrascaeta, Vitinho, Bruno Henrique e Gérson o Flamengo está segurando “na unha”, como disse um dirigente. O problema é que os interessados são insistentes.

A primeira recusa não satisfez o Al Nasr, dos Emirados Árabes Unidos, que prepara uma nova investida para tirar Éverton Ribeiro do Flamengo. A estratégia do clube do Oriente Médio é seduzir o camisa 7 e convencê-lo de que retornar a Dubai é o melhor para sua carreira no momento.

Ribeiro já passou pelo país, quando defendeu o Al-Ahli e foi campeão nacional em 2016. Novas conversas entre as partes estão programadas para os próximos dias na busca por um caminho que flexibilize o meia e, principalmente, o Flamengo.

Assédio aos jogadores do Flamengo
Everton Ribeiro – Al Nasr (Emirados)
Arrascaeta – Al Nasr (Arábia)
Vitinho – Al Fateh (Arábia)
Bruno Henrique – Benfica (Portugal)
Gérson – Benfica (Portugal)
Hugo Souza – Boavista (Portugal)
Matheuzinho – Sondagem do Athlético-PR

O montante total seria de 13 milhões de dólares, quase R$ 70 milhões, mas os dirigentes rubro-negros prontamente rechaçaram até mesmo a possibilidade de sentar para conversar. Com o time oscilando no Brasileirão e a perda de Rafinha, Marcos Braz e Bruno Spindel têm noção do impacto negativo da saída de novos titulares e jogam duro.

Outro jogador assediado após a saída do Mister foi Vitinho. O Al Fateh, também da Arábia Saudita, acenou com uma oferta de 5 milhões de dólares (R$ 27 mi) há cerca de um mês, que foi prontamente recusada.

O comprador Flamengo está tendo a oportunidade de ser vendedor. Mas não curtiu muito a experiência.

Após derrota para o Flamengo, Bahia anuncia demissão de Roger Machado

Bahia Notícias

Roger Machado não é mais o técnico do Bahia. O clube anunciou na noite desta quarta-feira (2), após a derrota por 5 a 3 para o Flamengo, que o treinador não vai seguir no clube após a sequência de resultados ruins no Campeonato Brasileiro.

O profissional chegou ao Bahia em abril de 2019 e teve um bom início de trabalho, com resultados positivos no Campeonato Brasileiro e a ida até as quartas de final da Copa do Brasil. No entanto, o Tricolor teve uma sequência de jogos sem vencer na competição, o que custou a vaga na Copa Libertadores.

Em 2020, o Bahia começou a temporada em crise com uma eliminação da Copa do Brasil diante do River do Piauí e um revés no clássico Ba-Vi pela Copa do Nordeste. Após o retorno do futebol em meio à pandemia da Covid-19, o Esquadrão perdeu a final da Copa do Nordeste para o Ceará e conquistou o estadual na disputa de pênaltis contra o Atlético de Alagoinhas.

Mesmo sob pressão, Roger iniciou o Brasileirão deste ano com dois triunfos sobre Coritiba e Red Bull Bragantino, mas não conseguiu mais triunfos desde então. Apesar das cobranças, o presidente Guilherme Bellintani garantiu a permanência do treinador e indicou a imposição de metas para o Brasileirão.

No total, foram 73 partidas sob o comando do Esquadrão de Aço, com 30 triunfos, 22 empates e 22 derrotas, o que significa 50% de aproveitamento dos pontos disputados.

Junto com Roger, saem o auxiliar técnico Roberto Ribas e Jussan Lara, além do preparador físico Paulo Paixão.

BRASILEIRÃO: Flamengo dá show, Corinthians vence no fim e Ceará leva o Clássico Rei

Futebol Interior

Com muitos empates e jogos com emoção até os minutos finais, o Campeonato Brasileiro teve mais uma quarta-feira agitada. Oito jogos da sétima rodada foram disputados e deixaram a competição ainda mais embolada na tabela de classificação.

No Allianz Parque, com dois candidatos ao título se enfrentando, Palmeiras e Inter fizeram um jogo fraco, mas não faltou emoção no final. O Colorado abriu o placar já aos 46 minutos do segundo tempo, com o artilheiro Thiago Galhardo cobrando pênalti, e o Palmeiras empatou no lance seguinte com Luiz Adriano.

Com o empate, o Inter chegou aos 16 pontos, ainda na liderança da competição. O Palmeiras, com seis pontos a menos, está em sétimo.

Com o técnico Tiago Nunes pressionado, o Corinthians conquistou uma vitória sobre o Goiás por 2 a 1, no estádio da Serrinha, graça a um gol de Danilo Avelar já aos 45 minutos do segundo tempo.

A vitória levou o Timão aos oito pontos, ocupando a nona colocação, enquanto o Goiás, com quatro pontos, é o penúltimo.

A rodada ficou marcada ainda por muitos empates. Em mais um jogo polêmico na Vila Belmiro, com o VAR interferindo diretamente no resultado, o Santos, 11º colcoado com oito pontos, ficou no empate por 2 a 2 com o Vasco, terceiro com onze.

O Fluminense também não conseguiu vencer. O Tricolor Carioca recebeu o Atlético-GO no Maracanã e até saiu na frente com bonito gol de Evanilson de voleio, mas teve Hudson expulso ainda na primeira etapa e sofreu o empate por 1 a 1 com gol de Renato Kayzer.

Outro empate por 1 a 1 foi o confronto entre Athletico-PR e Red Bull Bragantino, na Arena da Baixada. Os dois times vinham de uma sequência de derrotas e mandaram os técnicos embora na última semana.

Comandados por interinos, eles voltaram a pontuar, mas o resultado não foi bom para nenhum dos dois. O Furacão é o 13º com sete pontos, e o Massa Bruta é o 17º com seis.

A rodada teve ainda um clássico no Castelão, e o Ceará levou a melhor sobre o Fortaleza por 1 a 0 com gol de Vinícius, subindo para a sexta posição com dez pontos. O time de Rogério Ceni, com dois pontos a menos, é o décimo colocado.

O atual campeão Flamengo parece ter acordado. Depois de vitória sobre o Santos, na Vila Belmiro, o time comandado por Domenéc Torrent venceu a segunda seguida, agora com direito a chuva de gols: 5 a 3 sobre o Bahia em pleno estádio de Pituaçu.

Pedro e Arrascaeta marcaram duas vezes cada, e Éverton Ribeiro também balançou as redes. Pelo lado do Bahia, Rodriguinho, Élber e Daniel marcaram.

O Mengão é agora o quinto colocado com onze pontos, enquanto o Bahia, com oito pontos, está na 12ª posição. Após a partida a diretoria do Tricolor de Aço anunciou a demissão do técnico Roger Machado.

Hoje
19:00
Grêmio x Sport
20:00
Atlético-MG x São Paulo

comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia