Super Esportes

A 38.ª e última rodada do Campeonato Brasileiro, nesta quinta-feira, terá uma outra definição importante fora apontar quem será o campeão. Quatro jogadores disputam o posto de goleador do torneio. Até o fim da rodada deste domingo, Thiago Galhardo (Internacional), Claudinho (Red Bull Bragantino), Marinho (Santos) e Luciano (São Paulo) têm 17 gols marcados cada e estarão em campo atrás de se isolar no posto de artilheiro.

Quem no momento está em vantagem é o são-paulino Luciano. O jogador é o único que ainda tem mais duas partidas para disputar. O clube do Morumbi enfrenta nesta segunda-feira, no Rio de Janeiro, o já rebaixado Botafogo. A oportunidade de enfrentar o lanterna do torneio pode ser decisiva para Luciano passar os demais concorrentes. No último domingo, os outros três artilheiros entraram em campo, mas não marcaram.

De todos os quatro candidatos a goleador máximo, quem mais se destacou nas últimas rodadas foi Claudinho. O jogador de 24 anos até passou a ser observado de perto pela comissão técnica da seleção brasileira. Neste ano de 2021, disputou 10 partidas e marcou 10 vezes. “Aqui no clube sempre teve muito trabalho e estamos sendo recompensados. Mesmo na fase que os resultados não estavam vindo, sempre acreditamos no nosso trabalho”, comentou em entrevista ao Estadão.

Veja os 10 últimos artilheiros do Brasileirão:

2019 – Gabriel (Flamengo): 25 gols
2018 – Gabriel (Santos): 18 gols
2017 – Jô (Corinthians) e Henrique Dourado (Fluminense): 18 gols
2016 – Fred (Atlético e Fluminense), William Pottker (Ponte Preta) e Diego Souza (Sport): 14 gols
2015 – Ricardo Oliveira (Santos): 20 gols
2014 – Fred (Fluminense): 18 gols
2013 – Éderson (Athletico-PR): 21 gols
2012 – Fred (Fluminense): 20 gols
2011 – Borges (Santos): 23 gols
2010 – Jonas (Grêmio): 23 gols