WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte




vitoria da sorte

outubro 2021
D S T Q Q S S
« set   nov »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  



drupal counter

:: 1/out/2021 . 9:10

Conquistense Marielson Alves apita Chapecoense e São Paulo

Da Redação

A CBF anunciou a escala de árbitros para os jogos que serão realizados neste final de semana válidos pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro da Serie A.

A partida entre Chapecoense e São Paulo, que acontece neste domingo (3), às 16 horas, na Arena Condá, terá a arbitragem do conquistense Marielson Alves Silva.

Ele será auxiliado por Alessandro Alvaro Rocha de Matos e Elicarlos Franco de Oliveira. O quarto árbitro será o catarinense Gustavo Ervino Bauermann.

A Chapecoense está na última coloca com apenas dez pontos. Enquanto o São Paulo é décimo terceiro com vinte e sete pontos.

Athletico-PR volta a vencer o Peñarol e enfrenta o Bragantino na final da Sul-Americana

Terra

A esperada final brasileira na Copa Sul-Americana foi confirmada nesta quinta-feira. O Athletico-PR derrotou o Peñarol novamente e venceu pelo placar de 2 a 0, na Arena da Baixada, garantindo a classificação para a finalíssima do torneio para brigar pelo seu segundo título da competição. O adversário na decisão será o Bragantino, que eliminou o Libertad na última quarta.

Precisando de pelo menos dois gols para ter chances de avançar, o Peñarol tomou a iniciativa nos primeiros minutos. Os uruguaios ficaram com o controle da posse de bola e pressionaram o Furacão para tentar marcar, mas desperdiçaram as oportunidades que construíram.

Aos poucos, o Athletico-PR foi saindo mais para o jogo e começou a chegar ao gol adversário nas transições em velocidade. Em uma delas, aos 23 minutos, Terans arrancou pelo meio e invadiu a área, porém não conseguiu finalizar e tocou atrás para Nikão. O meia ajeitou para a perna esquerda e bateu forte e rasteiro no cantinho para marcar para os brasileiros e deixar a classificação para a final ainda mais encaminhada.

Os aurinegros tentaram dar reposta aos 26 com Álvarez Martínez, que aproveitou uma falha do goleiro Santos para tocar de cabeça por cobertura no travessão. Dois minutos depois, Juan Ramos foi derrubado por Erick dentro da área e o juiz deu pênalti para o Peñarol. Ceppelini cobrou forte no meio do gol, mas Santos ficou parado no centro de sua meta e espalmou, impedindo o empate dos uruguaios e mantendo a vantagem dos paranaenses.

No segundo tempo, o Athletico-PR passou a ter o domínio da posse de bola para administrar o resultado. A equipe assumiu o controle do jogo e foi pouco ameaçada durante a etapa final.

Os brasileiros foram ao ataque aos 22 minutos e tiveram uma boa chance com Abner, que recebeu lançamento em profundidade de Pedro Rocha e avançou livre em direção gol. No entanto, o lateral não finalizou bem e acertou a rede pelo lado de fora.

O Furacão seguiu tentando construir chances para ampliar e chegou ao gol que confirmou a vitória aos 34 minutos. Nikão recebeu lançamento de Abner e tocou na esquerda para Pedro Rocha. O atacante driblou a marcação e finalizou forte de pé esquerdo para anotar o segundo e garantir a vaga do Athletico-PR na final da Sul-Americana.

Brasileirão pode virar G9 com finais garantidas, e país terá recorde de classificados à Libertadores

Globo Esportes

O Brasil já garantiu os títulos da Libertadores e da Sul-Americana desta temporada com as finais entre Flamengo x Palmeiras e Bragantino x Athletico, respectivamente. Com isso, o recorde de números de participantes na próxima Libertadores será quebrado. Com as vagas garantidas, o país colocará nove clubes, a maior marca já registada, além de ver o G6 do Campeonato Brasileiro ter a possibilidade de virar G9.

E isso é muito possível. Atualmente, o Brasileirão dá seis vagas diretas à próxima edição da Libertadores — do 1º ao 6º colocado. Isso passou a valer desde 2016, quando a Conmebol anunciou a mudança da regra da competição internacional e concedeu mais vagas para todos os países da América do Sul.

Mas como o Brasil já garantiu os títulos da Libertadores, onde Flamengo e Palmeiras se enfrentarão no dia 27 de novembro, em Montevídeu, e da Sul-Americana, com final entre Bragantino x Athletico, no dia 20 do mesmo mês, no mesmo local, mais duas vagas serão adicionadas ao país.

Assim, os nove classificados para a próxima edição serão:

– Campeão da Libertadores

– Campeão da Sul-Americana

– Campeão da Copa do Brasil

– Os seis melhores classificados do Campeonato Brasileiro

Vale destacar que um desses campeões já estiver no G-6, as vagas se abrem para outros clubes podendo ir até ao G-9. Por exemplo: se o campeão da Libertadores estiver entre os seis primeiros do Brasileiro, o sétimo ganha a vaga. Se o da Sul-Americana estiver na mesma situação, vai o oitavo. Se o da Copa do Brasil também estiver, vai o nono.

Na história da Libertadores, o Brasil nunca conserguiu colocar nove clubes no torneio internacional pois nunca ganhou a Libertadores e a Sul-Americana de maneira simultânea a partir do momento que o novo regulamento entrou em vigor. O máximo foram oito nas seguintes edições:

– 2021: oito vagas (seis via Brasileirão e duas para os campeões da Libertadores e Copa do Brasil)

– 2020: oito vagas (seis via Brasileirão e duas para os campeões da Libertadores e Copa do Brasil)

– 2019: oito vagas (seis via Brasileirão e duas para os campeões da Sul-Americana e Copa do Brasil)

– 2018: oito vagas (seis via Brasileirão e duas para os campeões da Libertadores e Copa do Brasil)

comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia