WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte




vitoria da sorte

dezembro 2021
D S T Q Q S S
« nov   jan »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  



drupal counter

:: 1/dez/2021 . 17:25

Maradona tem renovação com o ECPP registrada no BID

Diário Esportivo

Com o início do Campeonato Baiano se aproximando, vários clubes do estado estão se movimentando para começar a temporada 2022. Alguns como o atual campeão Atlético de Alagoinhas e a Juazeirense já apresentaram boa parte do seu elenco para iniciarem as atividades.

O Vitória da Conquista ainda não anunciou oficialmente nenhum atleta para a disputa do estadual no ano que vem, no entanto, o Boletim Informativo Diário (BID) da CBF já conta com pelo menos uma renovação de contrato na equipe alviverde.

Aírton Souza Júnior, o Maradona, jogador revelado nas categorias de base do Bode, teve seu contrato renovado e a movimentação já está registrada no sistema da entidade nacional.

O atleta, de 20 anos, disputou as edições do Intermunicipal e do Baianão Sub-20 de 2019 com a camisa do ECPP, e foi emprestado ao Avaí na temporada 2020. Considerado como uma promessa do alviverde, Maradona retornou ao clube conquistense em 2021 onde foi relacionado em 5 partidas da equipe no Campeonato Baiano deste ano.

Três partidas vão movimentar a Copa Ceci Aguiar de Futebol de Base na manhã deste sábado (4)

Da Redação

Serão realizadas na manhã deste sábado (4), no estádio Edvaldo Flores, três jogos válidos pela Copa Ceci Aguiar de Futebol de Base.

Confira os confrontos:
08h30
Periquito x Moriá
09h30
Win Soccer x JEP
10h30
Brasil x Planeta Bola

Seleção Feminina disputará Torneio Internacional da França na Data FIFA de fevereiro

CBF

A Seleção Brasileira Feminina já tem seus primeiros adversários de 2022 definidos. De olho na preparação para a disputa da Copa América Feminina, a Canarinho vai disputar o Torneio Internacional da França, na primeira Data FIFA do ano, entre 14 a 23 de fevereiro. Na competição, a equipe liderada por Pia Sundhage irá enfrentar a seleção francesa, além de Holanda e Finlândia.

Esta será a segunda edição do torneio que, mais uma vez, contará com a participação da Seleção Feminina. A competição contará com duas cidades-sede: Le Havre, com o Stade Océane, e Caen, com o Stade Michel-d’Ornano.

Sob o comando de Pia Sundhage, o Brasil enfrentará a França pela segunda vez. Na primeira oportunidade, justamente no Torneio Internacional da França, a equipe perdeu por 1 a 0. Diante da Holanda, será o segundo encontro e o histórico é marcado pelo equilíbrio, o primeiro jogo foi também nesta competição com empate em 0 a 0, o mais recente encontro foi nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, com empate em 3 a 3. A Finlândia será a novidade entre os adversários sob o comando da sueca.

Com a Seleção Feminina, Pia Sundhage soma 28 jogos, com dezessete vitórias, oito empates e três derrotas. Fechando a temporada de 2021, a equipe brasileira disputa o Torneio Internacional de Manaus, na próxima quarta-feira (01), a Canarinho terá o seu último compromisso diante do Chile, na Arena da Amazônia, às 21 (Horário de Brasília).

Pia Sundhage projeta duelo contra o Chile na final do Torneio Internacional de Manaus

CBF

Coragem, capricho e clima de final. É isso que Pia Sundhage espera da Seleção Brasileira nesta quarta-feira (1), na decisão do Torneio Internacional de Manaus. Ambas as equipes superaram a Índia e a Venezuela e somaram seis pontos, mas o Brasil tem quatro gols a mais de saldo e, por isso, a vantagem do empate. Em coletiva de imprensa concedida nesta terça, porém, a treinadora ressaltou que a Canarinho terá um duro adversário pela frente.

“Eu assisti aos dois jogos do Chile e elas não cederam um só gol. Isso é impressionante. Elas têm boas goleiras e são eficientes na defesa, então precisaremos ser mais pacientes no ataque. Acho que, até aqui, perdemos a bola um pouco demais, especialmente no meio de campo. A combinação do meio campo será a chave deste confronto. Analisando como o Chile joga, com uma volante de marcação (ou talvez sejam duas amanhã, não sabemos), é preciso manter a bola centralizada e abrir o jogo para as pontas ou no início ou no fim da partida. Precisaremos nos estabelecer no ataque e manter a ideia de ‘fica com a bola’. Temos dois jeitos de atacar, então… ‘caprichem’. Isso será importante amanhã”, pediu, detalhando os caminhos para a vitória.

“Tática e emocional andam juntos. Espero que todas estejam no clima de final e com coragem, porque precisaremos ser corajosas para manter a bola por um pouco mais de tempo. Elas têm uma excelente goleira, então os gols não virão facilmente contra elas. A solidez defensiva, como sempre, será essencial para nós, mas também temos que variar nossa construção ofensiva, tentando ser imprevisíveis. Isso passa muito pelo posicionamento das atacantes e por onde encontraremos o passe final, o que deve ocorrer em lugares diferentes para marcarmos os gols”, analisou.

A variação de esquema tático é um dos caminhos para surpreender os adversários. No duelo contra a Venezuela, Pia experimentou organizar a Seleção em 4-3-3. Para que a mudança desse certo durante o jogo, a comissão técnica contou com um aliado: o desenho da formação para orientar as Guerreiras do Brasil.

“Usamos o caderno quando fazemos alterações na equipe. Acho que, independentemente do idioma que você está falando, é difícil fazer a mensagem chegar a todas, especialmente nos minutos finais e quando jogarmos em estádios lotados. Foi mais fácil simplesmente escrever a formação, porque nós mudamos o esquema para o 4-3-3 no decorrer do jogo. E, ao mesmo tempo, temos algumas anotações ali, tanto táticas quanto motivacionais. É um jeito de se preparar para as mudanças e, para nós, funcionou muito bem. Acho que o mais importante é que as atletas estão comprando a ideia. Elas realmente tentam fazer o que nós pedimos a elas”, contou, apontando como o esquema pode favorecer as características do elenco.

“O 4-3-3 é uma opção interessante porque nós temos boas atacantes. Contra a Venezuela, testamos a Gabi Nunes e ela fez um ótimo jogo. Esse esquema permite que a gente tenha três atacantes na linha de frente, mas isso também significa que teremos mais espaço no meio-campo. A linha do meio, nesse caso, precisa cobrir uma área maior. Acho que é interessante ter a capacidade de fazer coisas diferentes, mas sem esquecer das defensoras das pontas se jogamos no 4-3-3”, ponderou.

Uma preocupação da técnica é desenvolver a recomposição da equipe para evitar a exposição aos contra-ataques. Pia explicou que, como a Seleção joga com as linhas mais à frente, interceptar o primeiro passe é fundamental para neutralizar a estratégia, e comemorou a chance de trabalhar nisso durante esta Data FIFA.

“Faz parte da nossa ideia de jogo um posicionamento um pouco mais avançado e tomar cuidado com o primeiro passe. Se você não consegue interceptá-lo, precisa baixar as linhas. Essa é uma boa oportunidade que temos de treinar esses contra-ataques, já que as melhores equipes do mundo são muito boas nesse aspecto e nós temos margem para melhora. Honestamente, para mim o mais importante é o foco e ter a capacidade de saber e fazer as ações corretas. Falamos sobre isso na preparação para o jogo contra o Chile e acho que teremos um melhor desempenho em relação as últimas partidas”, concluiu.

Brasil e Chile duelam nesta quarta, às 21h (horário de Brasília), na Arena da Amazônia. A partida será transmitida pelo SporTV. Mais cedo, às 18h (horário de Brasília), a CBF TV transmite a disputa de terceiro lugar entre Venezuela e Índia.

BRASILEIRÃO: Fla evita título do Galo; Palmeiras, Ju e América-MG vencem e Sport é rebaixado

Futebol Interior

Quatro jogos movimentaram o Campeonato Brasileiro nesta terça-feira à noite. O Flamengo sofreu, mas venceu o Ceará no Rio e evitou o título antecipado do Atlético-MG. Nos outros jogos, Palmeiras, Juventude e América-MG também somaram mais três pontos.

Ainda abalado com a perda do título da Libertadores no final de semana, o Flamengo recebeu o Ceará e venceu por 2 a 1, no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). O time carioca evitou o título antecipado do líder Atlético-MG, se mantendo na segunda posição, agora com 70 pontos conquistados. O Ceará, que sonha com a Libertadores, é o nono colocado, com 49 pontos.

Quem também venceu foi o Juventude, que passou pelo Red Bull Bragantino, por 1 a 0, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS). O time gaúcho assumiu a 14ª posição, com 43 pontos e consequentemente rebaixou o Sport, 19º, com 33. Os paulistas ficaram com 53 pontos e em quinto lugar.

O América-MG manteve vivo o sonho de disputar a Copa Libertadores, quando recebeu a já rebaixada Chapecoense e venceu por 3 a 0, na Arena Independência, em Belo Horizonte (MG). O resultado fez o América-MG assumir a oitava posição, agora com 49 pontos. Já a Chapecoense manteve a dura rotina e conheceu mais uma derrota, a 22ª em 35 jogos disputados. Já rebaixada à Série B, é a lanterna, com apenas 15 pontos.

Por fim, no último jogo da noite, o Palmeiras visitou o Cuiabá e venceu por 3 a 1, na Arena Pantanal, em Cuiabá (MT), em jogo isolado da 36ª rodada. O Verdão segue em terceiro lugar, com 62 pontos. Já o time mato-grossense é o 15º, com 43, perdendo a chance de garantir matematicamente a permanência na elite de 2022.

comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia