WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  



drupal counter

:: ‘Colo-Colo’

Após rebaixamento, Sérgio Odilon nega ‘abandono’ e detona diretoria do Colo Colo

Bahia Notícias

IMAGEM_NOTICIA_5

Depois do triunfo entre Vitória da Conquista e Colo Colo, onde o Bode venceu o Tigre por 2 a 1 e rebaixou a equipe auriazul do Baianão 2016, circulou nas redes socias que o treinador do clube ilheense, Sérgio Odilon, foi abandonado pela diretoria de seu ex-time e teve que retornar a Salvador com a ajuda de dirigentes e amigos de Conquista. Entretanto, o próprio comandante nega o ocorrido, mas não deixa de criticar a postura do clube durante a sua estada na disputa do certame estadual.

“Não aconteceu nada disso. Na verdade, eu não quis retornar com a equipe depois do confronto e reportei isso ao próprio presidente Raimundo Borges. Me desliguei ali mesmo depois do confronto”, afirmou o treinador em entrevista ao Bahia Notícias, onde explicou que a sua atitude foi para evitar uma provável confusão com um dos dirigentes do Tigre. “O que aconteceu é que desde o segundo tempo da partida, um supervisor do Colo Colo se alterou no estádio e passou a dirigir palavras para mim e a equipe. Disse que a culpa do rebaixamento era minha. Aí depois da partida, conversando com amigos, eles me aconselharam para não voltar com o grupo e evitar algum incidente no ônibus”, finalizou o comandante, que identificou o dirigente apenas pelo prenome Flávio. “Ele acha que manda no clube”.

Já em Salvador, Odilon falou do seu curto tempo na equipe e explicou os problemas que enfrentou no Colo Colo para evitar o rebaixamento. “Quando eu cheguei lá, o time já estava montado e não havia possibilidade de contratar outros jogadores por conta da situação financeira. Contamos com o que estavam lá e tivemos que utilizar esse ano. Aconteceram coisas internas na administração do clube que não cabe a mim opiniar, e isso atrapalhou o nosso trabalho também”, lamentou Sérgio, que se mostrou decepcionado com a situação. “Agora é descansar, dar uma refletida, porque o futebol baiano tem problemas muito graves. Eu não entendo como tem equipes que ainda procuram treinadores, se lá mesmo eles querem dirigir o time e não deixam o treinador trabalhar. Isso mancha o futebol baiano. Hoje só penso em ficar com a minha família e depois vou decidir o meu futuro”, finalizou.

Técnico é abandonado em Conquista após rebaixamento do Colo Colo

Só em Ilhéus

001

Dentre os desmandos ocorridos nesta edição do Campeonato Baiano, mais um fato bizarro foi adicionado à lista neste domingo (27), em Vitória da Conquista. Sérgio Odilon, treinador do Colo Colo, foi abandonado pela delegação do Tigre, que acabou rebaixado para a segunda divisão do estadual após ser derrotado pelo Bode, por 2 a 1.

O profissional precisou da ajuda de Ederlaine Amorim, presidente do Conquista, para comprar passagens com destino a Salvador.

O treinador é experiente, e acumula passagens no comando de divisões de base no Corinthians, Bahia, Vitória, Galícia e Fluminense de Feira, e que comandou times principais de Bahia de Feira, Atlético de Alagoinhas, Catuense e Conquista.

Tigre empata e disputará o “quadrangular da segundona”

Pimenta

images

O Colo-Colo empatou em 2 a 2 com a Jacuipense, no Estádio Mário Pessoa, neste domingo (6). O resultado foi ruim para as duas equipes. Tigre e Jacuipense vão disputar a permanência na Série A com Feirense e o Vitória da Conquista.Até aqui, Colo-Colo e Jacuipense são, respectivamente, vice e laterna da competição.

Os confrontos para ver quem se salva do descenso serão definidos na última rodada desta fase de classificação. Dos quatro, apenas dois continuarão na primeira divisão do campeonato.

Na rodada final desta fase, o Colo-Colo enfrentará o Vitória da Conquista, no Estádio Lomanto Júnior, no próximo domingo (13), às 16h. A depender do resultado do jogo, os dois times voltam a se enfrentar na batalha para ver quem fica na Série A em 2017.

Gilmey Aimberê deixa Colo Colo para treinar time da base do Palmeiras

Galáticos Online

gilmeyaimbere

Contratado há menos de duas semanas para substituir Fernando Dourado no comando do Colo Colo, Gilmey Aimberê decidiu deixar o Tigre para trabalhar no futebol paulista. De acordo com o profissional , ele recebeu uma proposta de João Paulo, diretor do Palmeiras com quem trabalhou no Vitória, para formar a equipe sub-18 do Verdão, e decidiu aceitar.

Ainda segundo o treinador, a partida contra o Jacobina, pela 4ª rodada do Campeonato Baiano, neste domingo (28), será sua despedida do Tigre. Aimberê informou que o novo técnico do Colo Colo já foi indicado e inicia o trabalho já nesta segunda-feira (29), enquanto ele se apresenta ao Palmeiras na terça-feira (1º).

Aimberê comandou o Colo Colo em apenas uma partida, na derrota diante do Bahia por 3 a 2, no estádio Mário Pessoa.

outdoor_pq

Jegue da Chapada espera vencer o Tigre pela primeira vez

Jacobina Notícias

Jacobina-Notícias-05-13

Até aqui foram quatro confrontos, duas vitórias do Colo Colo e dois empates, desta vez a palavra de ordem na Cidade do Ouro é pressionar o escrete ilheense durante os 90 minutos em Jacobina, com uma carga de 2.800 ingressos à venda.

Para isso, o Jacobina vai manter a sua filosofia de jogo, o que deu certo contra o Bahia de Feira deverá se repetir, a força da torcida que vibra e canta durante toda a partida. O Colo Colo deverá enfrentar um Jacobina diferente e que pode ter a estreia do meio campista Dinda, ex-Colo Colo.

A torcida Jegue de Ouro, uma das melhores da Bahia e premiada em 2015, é quem certamente dará a tônica da festa nas arquibancadas do José Rocha.

Os ingressos estão à venda em Jacobina e a expectativa é de casa cheia pra acuar o Tigrão.

Colo Colo coloca ingressos a venda para o jogo contra o Bahia

Site do Clube

colo-e-bahia

O Colo-Colo vai enfrentar o Bahia às 17 horas deste domingo (21), no Estádio Mário Pessoa, em Ilhéus, em jogo válido pela terceira rodada do Campeonato Baiano de 2016.

Os ingressos estão à venda na sede do Colo-Colo. A geral custa R$ 20 e o da arquibancada coberta, R$ 30. Sócios-torcedores, idosos e estudantes têm direito à meia-entrada.

O Tigre ainda busca sua primeira vitória na competição.

Feirense vence o Colo Colo e se reabilita no Baianão 2016

Acorda Cidade

95090-3

A Águia do Sertão se reabilitou no Campeonato Baiano na tarde deste sábado (13), na Arena Valfredão em Riachão do Jacuípe. O time de Feira de Santana venceu o Colo Colo por 1 a 0.

Com o resultado, o tricolor de Feira pulou para a segunda posição do grupo 2, com três pontos. O time de Ilhéus é o quarto colocado do grupo 1, com um ponto.

Com mudanças em relação a estreia no certame, o Feirense dominou a partida na primeira etapa, porém desperdiçou chances claras de gol. A equipe contou com as estreias do lateral Victor e Yan, do meia paraguaio Echeverria e do atacante Mateus.

Após o intervalo o time de Ilhéus voltou melhor e quase marcou no início do segundo tempo. Com a queda no rendimento do tricolor, o treinador Henry Lauar mudou e colocou Matheus Salomão no jogo que criou boas oportunidades.

Aos 40 minutos após troca de passes na entrada da área, Matheus recebeu passe de João e finalizou no canto do goleiro, fazendo 1 a 0.

Na próxima rodada o Feirense joga fora de casa contra a Juazeirense. Já o Colo Colo recebe o Bahia.

Colo-Colo empata com Fluminense de Feira na estreia

Site do Colo Colo

b5be05_70afeab6c76a43699868384d88395dfb

Enfim, o Colo-Colo estreou pelo Campeonato Baiano 2016. O primeiro jogo oficial da temporada, diante do Fluminense de Feira, acabou sem gols. Tigre e Touro não saíram no zero a zero neste domingo, no estádio Mário Pessoa.

A equipe ilheense foi a campo com Otavio; Iaguito, Eliezio, Walter e Léo Soares; Wandão, Roberto, Zabotto e Thiago Almeida; Luis André e Erick. O Fluminense, por sua vez, entrou com Rodrigo; Edson, Josemar, Alisson e Zé Acrilaz; Fausto, Mica, Fernando e Azevedo; Deon e Felipe.

Na próxima rodada, o Colo-Colo enfrentará o Feirense, no estádio Eliel Martins, no dia 13 de fevereiro. Já o Fluminense recebe a Juazeirense em casa, no dia 11.

Colo Colo estreia no domingo no Baianão dez anos após conquistar o título

Bahia Notícias

IMAGEM_NOTICIA_5

O desespero pairava no gramado do Manoel Barradas naquele 28 de maio de 2006. Apodi pegou a bola pela direita e tentou o corte para o meio. O lateral-direito então perdeu a bola oferecendo contra-ataque. O gramado molhado, em tese, não faria a bola rolar. Só em tese. Jânio recebeu a bola pela faixa esquerda do campo, venceu o combate contra Jean e cruzou a bola. Ednei venceu a dividida contra David Luiz e deu o golpe de misericórdia. Esse foi o quarto e último gol do Campeonato Baiano de 2006, vencido pelo Colo Colo, em pleno Barradão contra o Vitória.

Dez anos após o feito, o time de Ilhéus recomeça sua campanha mais uma vez no campeonato estadual. O adversário é justamente o último clube a vencer o torneio antes do Colo Colo: o Fluminense de Feira, em 1969. O palco é o mesmo que recebeu a equipe que conduziu o Tigre ao troféu em 2006: o Estádio Mário Pessoa. Neste domingo (31), o confronto das 16h reunirá três títulos baianos na estreia do Baianão.

Estudantes, idosos e sócios têm direito à meia-entrada para jogos do Colo-Colo

Blog do Gusmão

treino-do-colo

O Colo-Colo vai iniciar nessa sexta-feira (29) a venda dos ingressos para sua estreia no Campeonato Baiano 2016 contra o Fluminense de Feira. O jogo será às 16 horas desse domingo (31), no Estádio Mário Pessoa, em Ilhéus.

Os ingressos vão custar quinze reais para a geral e para a área coberta, R$ 25. Estudantes, idosos e sócios-torcedores do clube têm direito à meia-entrada.

Os sócios-torcedores, no entanto, só podem comprar os ingressos na sede do time (Rua Araújo Pinho, 36, segundo andar, centro, em frente à loja Simonetti).

Retrospecto entre Colo-Colo e Fluminense de Feira mostra equilíbrio

Site do Colo Colo

b5be05_4853cf4671804c07830e9249c5919d91

Neste domingo (31), pela primeira rodada do Campeonato Baiano 2016, Colo-Colo e Fluminense de Feira estarão frente a frente, às 16h, no estádio Mário Pessoa.

Fizemos um levantamento dos confrontos entre as duas equipes nos últimos 11 anos. De acordo com as estatísticas, Tigre e Touro mostram um equilíbrio muito grande.

De 2005 à 2014, o Colo-Colo enfrentou o Fluminense pelo Baianão (1ª e 2ª divisão) por 13 vezes, sendo 6 jogos em casa e 7 fora. Desse total, o Tigre ganhou 4, empatou 5 e perdeu 4.

Entre essas partidas, podemos destacar o jogo de 2014, no Estádio Alberto Oliveira (Joia da Princesa), no dia 11 de maio. Naquele dia, o clube ilheense surpreendeu a equipe de Feira de Santana, vencendo por 2 a 0 e garantindo vaga antecipada na elite do futebol baiano em 2015. Dias depois, o Colo-Colo seria bicampeão da Segundona. Detalhe: Fernando Dourado era o treinador.
11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

Amistoso Colo Colo e seleção de Ilhéus foi cancelado

Da Redação

pablo-brandão

A diretoria do Colo-Colo divulgou nota em que informa o cancelamento do amistoso contra a Seleção de Ilhéus. O confronto estava marcado para a tarde deste sábado (23).

De acordo com o clube, a Federação Baiana de Futebol solicitou que a partida não fosse realizada, pois vai fazer uma vistoria no Estádio Mário Pessoa para averiguar se o gramado tem condições de receber os jogos do Campeonato Baiano 2016.

O Colo-Colo estreia no Campeonato Baiano 2016 no dia 31 de janeiro, um domingo, onde enfrenta o Fluminense de Feira dentro de casa às 16h (horário da Bahia).

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia