WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930



drupal counter

:: ‘Futebol’

Pumas pressiona Táchira, consegue a vantagem que precisa e vai às quartas

Globo Esportes

pumas_2_x_0_tachira_reuters

O Pumas martelou o tempo inteiro e acabou recompensado. Jogando diante de sua torcida, a equipe mexicana derrotou na noite desta terça-feira (já madrugada no Brasil) o Deportivo Táchira-VEN por 2 a 0 e conseguiu a diferença necessária para se classificar às quartas de final da Taça Libertadores.

Como perdera o confronto de ida por 1 a 0, a UNAM precisava de um triunfo por no mínimo dois tentos de frente para despachar os venezuelanos, seguir adiante na competição continental e enfrentar River Plate ou Independiente del Valle, que se encontram quarta em Buenos Aires. Por ter vencido o embate de ida por 2 a 0, a equipe equatoriana pode até perder por um de diferença (ou até dois, desde que com placar superior ao do primeiro jogo) que avança à próxima fase.

Eduardo Herrera abriu a conta aos 12 minutos da etapa inicial com uma cabeçada mortal. Ismael Sosa centrou da direita e o camisa 15 testou sem chances para José Contreras, que seria a melhor figura em campo.

Batalhando em busca do gol que poderia valer a vaga, o Pumas pressionou e obrigou o goleiro rival e praticar grandes defesas. O Táchira, por sua vez, jogava por uma bola para surpreender os locais, empatar a luta e dar um passo gigantesco rumo à classificação. Porém, aos 35 do segundo tempo, o time asteca deu o golpe fatal. Fazendo perfeito trabalho de pivô, Herrera retribuiu a assistência na abertura do placar rolou para o chute certeiro de Sosa, que liquidou a fatura no Olímpico Universitário.

Atlético Nacional sofre, mas vence Huracán e avança às quartas

Gazeta Esportiva

000_A756S

O Atlético Nacional está nas quartas de final da Copa Libertadores. Nesta terça-feira, os colombianos receberam o Huracán, no Atanasio Girartod, e conseguiram a classificação com uma vitória por 4 a 2 em um jogo extremamente movimentado.

Os colombianos foram melhores na primeira etapa, porém, foram para o intervalo apenas com um empate em 1 a 1 que dava, momentaneamente, a classificação ao Huracán. No segundo tempo, porém, os argentinos perderam Mancinelli expulso e não conseguiram segurar o ímpeto do Atlético Nacional, que conseguiu construir a vantagem e consolidar a goleada por 4 a 2.

Com a classificação, o Atlético Nacional aguarda agora o vencedor do duelo entre Grêmio e Rosario Central para saber quem enfrentará nas quartas de final. Como foram a melhor equipe da fase de grupos, os colombianos terão a vantagem de jogar o segundo jogo em casa independentemente do adversário.

Atlético marca fora contra Bayern e vai à final da Champions

Terra

atletico-bayern-efe

A Liga dos Campeões conheceu seu primeiro finalista nesta terça-feira. Em um jogo emblemático, o Atlético de Madrid, jogando na casa do Bayern de Munique, mesmo derrotado por 2 a 1, garantiu vaga na grande final da competição.

Com a vantagem construída em Madri, na vitória por 1 a 0, o Atlético começou atrás, deixando o Bayern com a posse da bola – característica dos time comandados por Pep Guardiola. Em bola parada, Xabi Alonso deixou os alemães na frente. Minutos depois, Müller desperdiçou cobrança de pênalti, defendida por Oblak.

O empate espanhol veio apenas na segunda etapa, com o artilheiro Griezmann balançando as redes. O Bayern marcou seu segundo gol com Lewandowski. Os Colchoneros tiveram chance de garantir o empate por 2 a 2, mas Fernando Torres mandou nas mãos de Neuer sua cobrança de pênalti.

A grande decisão da Champions League ocorre no próximo 28/05, o estádio Giuseppe Meazza, em Milão. Agora, o Atlético de Madrid espera seu adversário, que será conhecido nesta quarta-feira. O vencedor da partida entre Real Madrid e Manchester City irá enfrentar os Colchoneros – na primeira partida, na Inglaterra, as duas equipes ficaram no 0 a 0.

outdoor_pq

Fifa nomeia árbitros de futebol para a Olimpíada 2016

Agência Brasil

Índice

A Federação Internacional de Futebol (Fifa) divulgou hoje (2) as listas com os nomes dos árbitros e assistentes que atuarão nos torneios masculino e feminino dos Jogos Olímpicos Rio 2016. No total, são 88 juízes e bandeirinhas de mais de 40 países, dos quais 50 ficarão encarregados dos jogos masculinos e 38, pelas partidas femininas.

Os representantes brasileiros no torneio masculino serão o árbitro Sandro Ricci e os assistentes Emerson de Carvalho e Marcelo Van Gasse. Na competição das mulheres, o Brasil será representado pela assistente Neuza Back.

A competição de futebol feminino reúne 12 equipes, começa em 3 de agosto (dois dias antes da abertura oficial dos Jogos Olímpicos) e termina no dia 19. A masculina envolve 16 seleções nacionais, começa no dia 4 e se estende até o dia 20.

13010866_763527323749434_1887758628180687307_n

LIBERTADORES: Atlético Nacional e Pumas jogam pela classificação em casa

Futebol Interior

728x438

Os dois primeiros classificados para as quartas de final da Copa Libertadores serão definidos nesta terça-feira, com o início da rodada de volta das oitavas de final. Atlético Nacional e Pumas jogam em casa e buscam confirmar o favoritismo para avançar.

Melhor time da primeira fase da competição, o Atlético acional ainda não sofreu nenhum gol nos sete jogos que disputou, mas não passou de um empate por 0 a 0 com o Huracán no El Palacio, em Buenos Aires. Neste terça, o time colombiano joga em casa, no Antanasio Girardot, às 21h45 (horário de Brasília) para tentar avançar.

Qualquer empate com gols garante o time argentino na próxima fase, enquanto os colombianos jogam por uma vitória simples. Um novo 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis.

A outra partida da noite será entre Pumas e Deportivo Táchira, no Olímpico Universitário, às 23h45. Na partida de ida, na Venezuela, o Táchira venceu por 1 a 0 e agora joga pelo empate ou por uma derrota por um gol de diferença desde que marque ao menos uma vez. O Pumas precisa de uma vitória por dois ou mais gols para avançar no tempo normal ou por 1 a 0 para levar para os pênaltis.

Os demais classificados serão definidos em quatro jogos na quarta e dois na quinta-feira. Com a grande vantagem de ter vencido no Morumbi por 4 a 0, o São Paulo visita o Toluca no México. Corinthians e Atlético-MG ficaram apenas no empate sem gols nos jogos de ida, mas agora recebem Nacional do Uruguai e Racing respectivamente com o apoio de suas torcidas para buscarem a vitória.

O outro brasileiro vivo na disputa é o Grêmio, que perdeu o jogo de ida em casa para o Rosario Central por 1 a 0 e agora precisa buscar uma vitória no Gigante Arroyito, na Argentina, na quinta-feira.

LIGA DOS CAMPEÕES: Em vantagem, Atlético desafia Bayern fora de casa por vaga na final

Futebol Interior

728x409

O Atlético de Madrid provou na partida de ida que pode jogar de igual para igual com o Bayern de Munique e a prova de fogo ocorrerá nesta terça-feira, quando as equipes se enfrentam na Allianz Arena, às 15h45. No jogo válido pela volta da semifinal da Liga dos Campeões, o Atléti joga por um empate na Alemanha, após ter vencido por 1 a 0 em casa, com gol de Saúl Ñiguez.

Atlético de Madrid e Bayern de Munique fizeram jogo pegado na ida, com muita raça e vontade dos dois lados e a expectativa para a volta é a mesma. Se despedindo do Bayern, o Guardiola vai com tudo buscar a classificação na final para deixar uma boa impressão em sua passagem pela equipe. Para isso, o treinador espanhol terá que barrar uma defesa do Atlético, que não sofre gols há 602 minutos.

Em contrapartida, o Bayern tem mais que o dobro de gols marcados que o Atlético na Champions, 28 contra 15. “Não devemos pensar em quantos gols temos de marcar. Temos primeiro de pensar em defender bem e em controlar o jogo”, afirma Guardiola.

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

Com surpresas, Estaduais têm queda acentuada no público nas finais

Uol

g_201574185855797

Com as classificações de surpresas, as finais dos Estaduais tiveram uma redução de um terço no público presente nas arquibancadas em relação ao ano passado. Foram comparados cinco regionais, Paulista, Carioca, Mineiro, Paranaense e Baiano, com os primeiros jogos decisivos de 2015. Os estádios menores pesaram nesta diminuição.

No total, foram 103.015 pagantes nas cinco partidas do final de semana, sendo a maior presença verificada em Botafogo e Vasco, 37.027. Assim, a média de público foi de 20.603.

No ano passado, foram 154.816 pagantes, sendo que um terço deles no jogo do Atlético-MG diante da Caldense. no Mineirão. A média de público foi de 30.963.

Contribuíram para essa queda as classificações de Audax, no Paulista, e América-MG, em Minas. Os dois jogos em seus estádios tiveram público de 12.269 e 7.188, respectivamente. Lembre-se que, em 2015, a primeira final do Paulista teve um Allianz Parque cheio. Mas até o clássico carioca, disputado pelos mesmos times no Maracanã, teve uma queda de público de oito mil pessoas.

No Paraná e na Bahia, houve aumento da presença da torcida justamente porque não houve zebras ao contrário de 2015 quanto times menores jogaram a final. Ainda assim, o Ba-Vi e o Atletiba não ultrapassaram a marca dos 30 mil presentes, público inferior, por exemplo, ao do Atlético-PR na Primeira Liga.

Na segunda rodada de decisões, o público certamente crescerá, como de hábito, principalmente no jogo do Galo no Mineirão. Mas é provável que as decisões deste ano acabem com uma média inferior a do ano passado.

PS Não foi possível obter o público da final do Gaúchão entre Inter e Juventude, e por isso o Estado não entrou na comparação.

Flamáster vence o Panorama nos pênaltis e conquista o título do Campeonato Cidade Máster

Da Redação

13095746_771498746285625_684031705497980259_n

Aconteceu na manhã deste domingo (1º), no Campo do Panorama a final do Campeonato Cidade de Futebol Máster, promovido pelo Blog e Programa Cidade Esportes.

O Flamáster ficou com o título empatando com o Panorama pelo placar de 0 a 0, no tempo normal e vencendo nas cobranças de pênaltis, pelo placar de 2 a 0.

Adriano e Téo converteram par o Flamáster. Éter e Miltinho desperdiçaram para o Panorama. Além do troféu de campeão e medalhas o time levou a quantia de R$1.000,00. Toninho representando o deputado Herzem Gusmão entregou a premiação.

IMG-20160501-WA0005

O vice-campeão levou troféu e medalhas e a quantia de R$500,00. Moraes da Urbis Vi entregou a premiação. O melhor goleiro da competição foi Isaque do Flamáster que recebeu o troféu do garoto João.

IMG-20160501-WA0004

Já o artilheiro foi Adriano também do Flamáster com 04 gols, que recebeu o premio do garoto Cassiano.

Segundo a organização devido o sucesso a competição será realizado novamente no mês de setembro.

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

Copa Paulista tem grupos definidos com as presenças de Santos e São Paulo

O Estadão

copa-paulista-de-futebol-2015

Ausentes da Copa Paulista desde 2005, Santos e São Paulo foram as principais novidades nos grupos divulgados pela Federação Paulista de Futebol (FPF) nesta sexta-feira. Ao todo, são 28 clubes em busca de vagas na Série D do Campeonato Brasileiro e na Copa do Brasil, ambas de 2017.

Diferente do que aconteceu nos últimos dois anos, times que estão em alguma divisão nacional vão poder disputar a Copa Paulista – casos de Santos, São Paulo, Bragantino e Ituano. O objetivo dos grandes é aproveitar alguns jogadores do time sub-20, que tenham estourado esta categoria e até para usar alguns profissionais que estejam jogando pouco ou que venham se recuperando, por exemplo, de alguma lesão e precise ganhar ritmo de jogo. Estas possibilidades existiam na época em que se disputava o campeonato de aspirantes.

Para os times menores, a Copa Paulista é um caminho para garantir vaga na Série D do Brasileiro. É o caso do time de Itu, que foi vice-campeão no ano passado, perdendo para o Linense na decisão. Ambos garantiram vagas na quarta divisão nacional de 2016.

Os 28 times estão divididos em quatro grupos e, após jogarem em turno e returno, os quatro melhores se classificam para a segunda fase, que vai ter quatro quadrangulares. O primeiro e o segundo colocados de cada chave avançam às quartas de final. A partir daí até a final, os clubes se enfrentam no sistema de mata-mata.

A competição começa no dia 3 de julho e a final está marcada para 20 de novembro. O campeão escolhe entre a Série D do Brasileiro ou a Copa do Brasil, enquanto que o vice fica com a vaga restante.

Confira os grupos da Copa Paulista:

GRUPO 1 – Monte Azul, Penapolense, Votuporanguense, Catanduvense, Marília, Mirassol e Olímpia – GRUPO 2 – Batatais, Comercial, Ferroviária, Independente, Rio Claro, São Carlos e Matonense – GRUPO 3 – Bragantino, Juventus, XV de Piracicaba, Ituano, Paulista, Red Bull Brasil e São Paulo – GRUPO 4 – Flamengo, São Caetano, Água Santa, Santo André, Nacional, Santos e São José

unimarc-modelo-4

Conmebol quer Libertadores com final em jogo único

Terra

rivertrofeu3davidfernandezefe

No cargo de presidente da Conmebol desde janeiro deste ano, Alejandro Domínguez manifestou nesta quinta-feira o seu interesse em promover algumas importantes alterações envolvendo a Libertadores.

Uma delas seria envolvendo a final da competição. Ao jornal El Tiempo , Domínguez diz que pretende, em um futuro breve, que tenha somente uma partida valendo o título, como é no caso da Liga dos Campeões.

“Gostaria que, num curto espaço de tempo, ter só uma final de Libertadores, alternando as sedes dentro dos dez países (filiados à Conmebol). A ideia é que cada país se encarregue de trabalhar para cobrir os valores que os clubes receberiam de ingressos. Os prêmios vão aumentar”, frisou.

O mandatário da entidade também afirmou que o formato atual nunca o agradou e, também ao diário, explicou o motivo e disse estar aberto a conversas por melhorias. “O calendário é cortado em um momento importante e se prolonga muito. Temos que redesenhar todo e fazer isto em conjunto com os clubes, não só com o ponto de vista da Conmebol, como era no passado, quando os clubes não tinham direito de opinar”, disse o paraguaio Domínguez.

13010866_763527323749434_1887758628180687307_n

CBF e Conmebol descartam grandes mudanças no calendário do futebol

Futebol Interior

0002050161062_img

O fim dos Estaduais e uma Copa Libertadores de ano inteiro – duas propostas que vem sendo cogitadas nos últimos meses como forma de desinchar o calendário e aumentar a arrecadação dos clubes – ainda levará muito tempo para ser considerada viável. Nesta terça-feira, tanto CBF quanto Conmebol defenderam os atuais formatos das competições. A única novidade para o calendário do futebol brasileiro para o próximo ano deverá ser a ampliação do período sem jogos no País nas datas Fifa, quando a seleção brasileira disputa as Eliminatórias.

“Você tem que ter muito cuidado com este assunto de acabar com os Estaduais. Eu particularmente acho que não pode ocorrer”, defendeu Manoel Flores, diretor de Competições da CBF, durante o seminário “Somos Futebol – Semana de Evolução do Futebol”, que está sendo realizado na CBF. “Os Estaduais são um pouco do DNA nosso. Cabe uma readequação em alguns centros, mas não podemos esquecer as diferenças no País”, ponderou o dirigente.

O diretor afirmou que redução no número de datas é uma “alternativa viável”, mas insistiu que não se pode comparar a realidade de estados como São Paulo com a de outras federações, apontando para a necessidade de manter “as rivalidades regionais”.

Para 2017, Manoel Flores afirmou que uma mudança que deverá ocorrer é a ampliação do período sem jogos durante as datas Fifa. Atualmente, os campeonatos do País param na rodada de quarta-feira anterior ao primeiro jogo e no fim de semana subsequente. “A meta nossa é que para 2017 a gente consiga ter a conquista da quarta-feira posterior aos jogos, o que daria de 12 a 13 dias de janela”, declarou Flores.

No mesmo seminário, o diretor de Competições da Conmebol, Hugo Figueiredo, afirmou que uma mudança nos formatos das competições continentais precisam “ser muito bem pensadas”, e isso só será possível no longo prazo. Uma das propostas que têm sido levantadas é a extensão da Libertadores e da Copa Sul-Americana para o ano todo. Elas seriam disputadas simultaneamente, como já ocorre na Europa com a Liga dos Campeões e a Liga Europa.

Melhor da fase de grupos, Atlético Nacional abre oitavas da Libertadores

Terra

atletico-nacional-2016-reunion-rionegro-aguilas

As Oitavas de final da Copa Libertadores começam nesta terça-feira, com a realização de duas partidas. O Atlético Nacional, dono da melhor campanha da fase de grupos, visita o Huracán, às 19h30 (de Brasília), no estádio El Palacio, em Buenos Aires, na Argentina.

O Atlético Nacional está invicto na Libertadores e fez 16 dos 18 pontos possíveis da fase de grupos. Sendo assim, terá sempre o direito de fazer o duelo de volta em casa. Já o Huracán penou muito para conseguir a sua classificação, com o pior desempenho entre todos os classificados, ficando em segundo lugar, curiosamente no mesmo grupo dos colombianos, com oito pontos.

Quando os dois times se enfrentaram na Argentina, na primeira rodada, ainda em fevereiro, os colombianos levaram a melhor, vencendo por 2 a 0. Já na Colômbia, na última terça-feira, a partida terminou sem gols, sendo o único jogo que o Atlético não venceu na fase de grupos.

No outro jogo desta terça, o Pumas, segunda melhor campanha, entra em campo às 21h45 (de Brasília), para visitar o Deportivo Táchira, no estádio Pueblo Nuevo, em San Cristóbal, na Venezuela. As duas equipes também fizeram parte do mesmo grupo na fase anterior. Na Venezuela, local da primeira partida, os mexicanos conheceram sua única derrota, com o Táchira fazendo 2 a 0. No segundo jogo, o Pumas devolveu, marcando 4 a 1.

Em ambos confrontos, o jogo de volta acontece no dia 3 de maio, para definir quem avança às quartas de final da principal competição de clubes sul-americanos.

pmvc





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia