WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
PMVC IPTU

abril 2019
D S T Q Q S S
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  



drupal counter

:: ‘Notícias’

Flamengo repete placar sobre Vasco no Maracanã e conquista o título Carioca

Globo Esportes

O Flamengo é o campeão carioca de 2019. O Rubro-Negro havia vencido o jogo de ida por 2 a 0 e podia até perder por um gol para o Vasco neste domingo de Páscoa que sairia do Maracanã como campeão. Mas o time de Abel Braga fez mais. Venceu o rival pelo mesmo placar e sagrou-se campeão carioca de 2019.

Ídolo da torcida, o veterano Juan não chegou a entrar na partida, mas teve participação de destaque na festa do título. Capitão do Flamengo quando está em campo, foi ele o escolhido para levantar a taça de campeão. Foi uma forma de homenagear o zagueiro de 40 anos, que está prestes a se aposentar dos gramados.

Uma polêmica sobre suposto veto da comunicação do Flamengo ao termo “festa na favela” após matéria do jornal “Extra” movimentou o dia anterior à final. Após a conquista do título, o atacante Gabigol pegou com um dos torcedores um cartaz com a frase “Hoje tem festa na favela!!!” e ergueu durante a comemoração.

Corinthians vence o São Paulo e é tricampeão paulista

r7

O Corinthians venceu o São Paulo, neste domingo, por 2 a 1, na Arena Corinthians lotada, e se sagrou tricampeão paulista (2017/18/19). Danilo Avelar abriu o placar, Antony empatou e, aos 43 do segundo tempo, Vágner Love fez o gol do título: 2 a 1.

Mesmo tendo reencontrado o caminho da vitória, após quatro partidas, o Corinthians teve dificuldades durante a partida, diante de 46.481 mil pagantes, recorde de público no estádio. A melhor jogada foi mesmo o gol de Love, quando ele recebeu de Sornoza e tocou no canto de Volpi.

É o quartoo tricampeonato e o 30º título paulista da história corintiana. Os dois primeiros tri ocorreram em 1922, 1923 e 1924; 1928,1929 e 1930 e 1937, 1938 e 1939. Já o São Paulo, apesar de ter apresentado uma melhora nas quartas de final, voltou a mostrar dificuldades na finalização.

Além de chegar à quarta partida sem vitória, se mantém sem conquistar títulos importantes. O último foi o da Sul-Americana de 2012. A última conquista do Paulista foi em 2005.

Bahia se consagra bicampeão baiano e retoma hegemonia no estado

Atarde

Um, dois, três… 14, 15… 31, 32… 47, 48! Tivemos que cortar a contagem para não ficar cansativa. Mas a torcida do Bahia não vai cansar nunca de comemorar, ainda mais que agora, com o título conquistado neste domingo, 21, em triunfo por 1 a 0 sobre o Bahia de Feira, na Fonte Nova, o time confirmou a retomada da hegemonia estadual.

O Tricolor nunca esteve ameaçado no número geral de conquistas do Baianão: 48, contra 29 do Vitória. Porém, após seis décadas de domínio absoluto desde sua fundação, em 1931, deixou o Leão tomar o trono a partir dos anos 1990.

Foi com uma mudança geral nos rumos do clube, com a implantação da democracia em 2013, que o Esquadrão voltou a ser o time a ser batido no estado. E, com a glória de ontem, assegurou a hegemonia na década, ainda faltando um ano para o fim. Com cinco troféus (2012, 2014, 2015, 2018 e 2019), não pode mais ser alcançado pelo arquirrival, que soma três.

No duelo deste domingo, o gol do título foi de Gilberto, mas o goleiro Anderson merece o status de herói pelo pênalti defendido na parte final do duro embate. O Bahia de Feira, que completa 10 anos desde a volta às atividades, disputou a segunda final do Baiano desde então, e tem um título na conta, em 2011. Palmas!

Ex-jogador do Vasco, Valdiram é encontrado morto em São Paulo

Galáticos Online

Valdiram, ex-atacante do Vasco e artilheiro da Copa do Brasil de 2006, conheceu a derrota definitiva. Vivendo na rua há dois anos, o ex-jogador foi morto a pauladas neste sábado em São Paulo por outros moradores de rua. As informações são do Brasil Urgente, da TV Bandeirantes.

Valdiram também jogou no futebol português e no Vasco da Gama, onde foi inclusive artilheiro da Copa do Brasil em 2006. Alguns anos depois, atuou no CSA, entre outras equipes do futebol brasileiro.

Com mais polêmicas do que partidas boas, Valdiram ganhou fama pela artilharia na Copa do Brasil em 2006 com a camisa do Vasco. Depois rodou o Brasil, sempre colecionando polêmicas. Foi acusado de estupro, agressão a uma mulher, fugas de concentração e faltas a treino. Durante sua passagem pelo Central, foi dispensado por promover uma festa e andar nu pela concentração.

Quando atuava pelo Comercial-AL o jogador foi encontrado numa boca de fumo, na cidade de Viçosa. Pessoas próximas a ele, e que foram até o local, afirmaram que seu estado era lamentável. Muitas latas para consumir drogas, cachimbos e até vela. O pai de Valdiram também foi chamado para levar o filho do local.

Dias antes ele já havia se envolvido numa confusão. Ele roubou o celular Iphone de um companheiro e vendeu por R$ 50. Indícios de que já havia voltado a se drogar. Situação que o presidente do clube, Flavius Flaubert não imaginava passar. Ele até elogiou o comportamento do ex-vascaino dentro do grupo.

Foi preso três vezes, numa delas por tentativa de estupro. Em 2011 e 2012 precisou ser internado numa clinica de reabilitação. Virou evangélico e teve a chance de voltar a jogar no primeiro semestre de 2013, pelo Bonsucesso, do Campeonato Carioca.

Sem chances no futebol e na vida, Valdiram passou a morar na rua. Ano passado, ele viveu embaixo da marquise de um supermercado em Bonsucesso, no Rio de Janeiro, antes de receber sua última chance. Resgatado pelo Vasco e levado para tratamento em uma clínica de reabilitação. Recebeu oportunidade no Olaria, mas deixou o clube após pedir dinheiro para ir à farmácia e voltar após uma semana.

O último ato de ajuda feita por amigos foi o dinheiro para uma passagem de ônibus para São Paulo, onde Valdiram encontraria a irmã. Isto em julho de 2018. De lá pra cá, ele viveu nas ruas da capital paulistana e não teve um final feliz.

Bodinho derrota o Ypiranga e fica próximo da vaga na semi do Baiano Sub-20

Da Redação

O Vitória da Conquista bateu o Ypiranga, pelo placar de 1 a 0, na tarde deste sábado (20), no SESI, em Simões Filho, na partida de ida das semifinais do Campeonato Baiano Sub-20.

O gol foi contra do zagueiro do Ypiranga. Antes, o Ypiranga teve um pênalti a seu favor, porém, o goleiro Gabriel fez a defesa.

Agora o Bodinho só precisa de um empate no jogo de volta que acontece no próximo sábado (27), às 15 horas, no estádio Edvaldo Flores, para ficar com a vaga nas semifinais da competição.

Confira os outros resultados
Jacuipense 3 x 1 Canaã
Poções 2 x 4 Bahia
Terça
15:00
Juazeirense x Vitória

Cruzeiro empata com o Atlético-MG no fim e conquista o Mineiro de forma invicta

Globo Esportes

O Cruzeiro é 38 vezes campeão mineiro! Depois de vencer o Atlético na ida por 2 a 1, no Mineirão, empatou no Horto por 1 a 1, na noite deste sábado, e ficou com a taça. O bicampeonato consecutivo foi conquistado de maneira invicta, com dez vitórias e cinco empates em 15 partidas. Agora, a Raposa diminui a vantagem do rival entre os maiores campeões do estado. O Galo tem 44 taças. O time de Mano Menezes teve o melhor ataque da edição 2019, com 37 gols. Agora, o foco dos dois times está na disputa da Libertadores, da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro.

Pela primeira vez na história, o Campeonato Mineiro teve jogos realizados com a presença do VAR. O recurso passou a ser utilizado nas semifinais da competição e foi fundamental na decisão. No jogo de ida, um gol de Fred foi anulado, depois de o árbitro flagrar um toque na mão do atacante. Neste domingo, o camisa 9 converteu uma cobrança de pênalti que foi assinalada após análise do lance no vídeo.

“Balança o coração da gente, ele é artilheiro mesmo”. Essa é parte da música que a torcida do Cruzeiro canta para Fred sempre que a escalação é anunciada no estádio. E ele balançou os corações dos cruzeirenses e as redes adversárias. O centroavante foi o artilheiro do Mineiro, com 12 gols em 12 partidas. Ele já havia sido o maior marcador da competição nos anos de 2005, também pela Raposa, e 2017, vestindo a camisa do Atlético.

As duas equipes entram em campo na terça-feira pela Libertadores. Às 17h (de Brasília), o Cruzeiro enfrentar o Deportivo Lara na Venezuela. Às 21h30, o Galo recebe o Nacional, do Uruguai, no Mineirão. Os dois times estreiam no Campeonato Brasileiro no próximo sábado. O Atlético recebe o Avaí, enquanto a Raposa vai ao Rio duelar com o Flamengo.

Estaduais vão conhecer seus campeões

Terra

Os principais estaduais do país vão conhecer seus campeões nesse final de semana. As partidas decisivas prometem mexer com a emoção dos torcedores das equipes envolvidas e até de quem é só espectador das decisões.

O primeiro a se decidir no final de semana será o Campeonato Mineiro. Atlético e Cruzeiro se enfrentam na Arena Independência, no sábado (20), às 16h30. A Raposa venceu a primeira partida por 2 a 1, mas o Galo tem a vantagem de dois resultados iguais.

Em São Paulo, a decisão está totalmente aberta. Corinthians e São Paulo ficaram em 0 a 0 na primeira partida e fazem a decisão do título no domingo (21), às 16h, na Arena Corinthians. Quem vencer leva a taça. Outro empate leva a decisão para os pênaltis.

A final do Campeonato Carioca também acontece no domingo (21), no mesmo horário da decisão paulista. O Flamengo abriu boa vantagem contra o Vasco da Gama, venceu por 2 a 0 na primeira partida. O Rubro-Negro pode até perder por um gol de diferença no Maracanã.

O Gaúcho é o único dos quatro que já conhece seu campeão. Grêmio e Internacional empataram as duas partidas da decisão em 0 a 0. Nos pênaltis, o Tricolor levou a melhor e brilhou a estrela do goleiro Paulo Victor.

Federações planejam mudanças nos Estaduais para manter acordos com a Globo

Uol

Os principais campeonatos estaduais terminam neste final de semana e alguns não têm garantia de transmissão em 2020. Os contratos do Grupo Globo para o Campeonato Gaúcho e para o Campeonato Mineiro, por exemplo, valem até 2021, mas possuem uma cláusula de saída com o qual a emissora pode encerrar antecipadamente o acordo. A mudança no calendário anunciada pela CBF, que em 2020 diminuirá os Estaduais de 18 para 16 datas pode fazer com que competições com fórmulas mais atraentes sejam elaboradas e a transmissão interesse a emissoras e patrocinadores.”Tive uma conversa muito franca com Fernando Manuel [Pinto, diretor de direitos esportivos da Globo] e me deixou bem otimista. Pretendem sim continuar, porém com algumas mudanças no calendário e fórmula”, disse Francisco Noveletto, presidente da Federação Gaúcha de Futebol e empossado recentemente vice-presidente da CBF.

O contrato da FGF com a Globo (que transmite as partidas por meio da RBS) vale cerca de R$ 35 milhões e termina em 2021. Já tentando montar um formato mais atraente em 2019 o campeonato do Rio Grande do Sul teve 17 datas, uma a menos do que o reservado pela CBF para os Estaduais — terminou na quarta (17), com o Grêmio vencendo o Inter nos pênaltis. O problema é que a primeira fase continua longo demais, com 11 rodadas. Este, apurou o blog, é visto por executivos das emissoras de TV como o grande problema dos Estaduais: muitas rodadas até que de fato se chegue aos mata-matas que vão definir o campeão. É nesse ponto que Noveletto pode mexer no formato.

Em Minas Gerais o Estadual também não usou 18 datas, mas 16, e Atlético e Cruzeiro decidem a competição neste sábado (20). O valor do contrato é próximo dos R$ 35 milhões, como o Gaúcho, e será necessário um formato mais atraente para agradar a Globo. Mesmo o Paulista, que tem um contrato mais gordo, total de mais de R$ 100 milhões e sem cláusula de saída, vai precisar alterar o regulamento para se adequar às 16 datas.

Uma solução é manter o formato atual da primeira fase, com 12 rodadas, e encurtar as quartas de final e a semifinal, com um jogo apenas de mata nessas etapas — algo que já foi feito em anos anteriores. O Estadual paulista tem um diferencial que é o de realizar clássicos em metade da primeira fase, mas mesmo assim o formato é considerado cansativo. No Carioca a fórmula confusa de 2019 foi muito criticada e também terá que passar por mudanças — usou as 18 datas e vai precisar enxugar.

CBF divulga data e horários das semifinais da Copa do Nordeste

Globo Esportes

Confirmada a data e os horários das semifinais da Copa do Nordeste de 2019. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) bateu o martelo e marcou para o dia 9 de maio os confrontos decisivos do regional mais disputado do país. Às 19h, no Estádio Almeidão, em João Pessoa, o Botafogo-PB recebe o Náutico, já às 21h30, na Arena Castelão, em Fortaleza, o Tricolor do Pici encara o Santa Cruz. Os jogos únicos tiveram os mandos definidos por melhor campanha e os vencedores vão decidir o Nordestão, em partida de ida e volta, nos dias 22 e 29 de maio.

Dono da melhor campanha até aqui e ainda invicto na Copa do Nordeste, o Botafogo-PB vive grande fase, eliminando o CSA nas quartas de final com autoridade, num placar de 3 a 1. Enquanto isso, o Náutico, que ficou em terceiro no Grupo B durante a primeira fase, eliminou o Ceará fora de casa no primeiro mata-mata. O resultado de 2 a 0 colocou o Timbu na semifinal.

Na outra chave, o Fortaleza fez grande partida nas quartas de final, goleando o Vitória por 4 a 0. Enquanto isso, o Santa Cruz fez um confronto equilibrado com o CRB e, após 1 a 1 no tempo normal, a disputa foi para os pênaltis. A Cobra Coral fez 8 a 7 no Galo e chegou as semis.

Dos quatro semifinalistas, apenas o Santa Cruz já levantou a taça de campeão do Nordeste. Foi em 2016, quando venceu o Campinense. Enquanto isso, Botafogo-PB, Fortaleza e Náutico jamais chegaram a uma decisão do regional.

Donos das melhores campanhas, Belo e Tricolor do Pici decidem as semifinais em casa. As finais, porém, vão ser decididas em jogos de ida e volta, nos dias 22 e 29 de maio.

Definida arbitragem para o confronto Ypiranga e Vitória da Conquista no Sub-20

Da Redação

A FBF anunciou na tarde desta quarta (17), a escala de árbitros para o confronto entre Ypiranga e Vitória da Conquista, que acontece neste sábado (20), às 15 horas, no SESI, em Simões Filho, na partida de ida das quartas de final no Campeonato Baiano Sub-20.

Apita Janielton Andrade de Oliveira, auxiliado por Antonielson Jesus da Silva e Gilson Oliveira Doemiense. O 4º árbitro será Pedro Santos de Jesus.

A partida de volta está marcada para o outro sábado (27), às 15 horas, no estádio Edvaldo Flores.

Trio conquistense comanda Poções e Bahia pelas quartas do Sub-20

Da Redação

A FBF divulgou a escala de árbitros para o confronto entre Poções e Bahia, que acontece neste sábado (20), às 15 horas, no estádio Heraldo Curvelo, no jogo de ida das quartas de final do Campeonato Baiano Sub-20.

Apita Jailton Moura Filho (foto), auxiliado por Rubinei Almeida e Arleson Cleyson Barbosa, todos conquistense. O quarto árbitro será o Barra-Chocense Clebson Silva Souza.

O confronto de volta será realizado no outro sábado (27), às 15 horas, no CT do Fazendão.

‘Vence ou morre na competição’, diz Elias Borges sobre confronto contra PFC-Cajazeiras

Bahia Notícias

Após estrear no comando do Doce Mel no empate em 1 a 1 contra o líder Olímpia, o técnico Elias Borges terá outro desafio na Série B do Campeonato Baiano. A equipe vai à Cachoeira enfrentar o PFC-Cajazeiras, atual vice-líder da competição. O treinador destacou a importância do triunfo para continuar sonhando com uma das vagas às finais do certame.

“Temos que ganhar o jogo, não podemos pensar em outro resultado. Ou vence ou morre na competição. Serão jogos de seis pontos”, resumiu Elias em entrevista ao Bahia Notícias.

A partida acontece neste domingo (21), às 15h, no Estádio 25 de Junho. O Doce Mel figura na 5ª colocação com oito pontos conquistados. O Cajazeiras é o 2º com 12.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia