WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  



drupal counter

:: ‘Seleção Brasileira’

Resumo do início da segunda rodada do municipal feminino

Foram realizadas três partidas no estádio Edvaldo Flores neste domingo pelo municipal feminino, pela manhã o Figueirense e Fênix levaram a melhor sobre o Paraguai e Corta Lote, respectivamente, e à tarde o Migs venceu o União.

No próximo final de semana,  complemento da segunda rodada  no sábado CIENB e Periquito e no domingo Real Santa Marta e Chapecoense. E ainda no domingo  abrem a terceira rodada o MIGS e CIENB.

                                             Time do Migs

Confira os resultados dos três jogos:

Paraguai 1 x 5 Figueirense
Gols: Elisângela Santos (Paraguai)- Klisnanda Novais (2), Samile Oliveira, Edvanda Oliveira e Maiara Souza (Figueirense)

Fênix 4 x 0 Corta Lote
Gols: Tatiele Castro. Renata de Jesus, Jamile Isabel e Marina Brito (contra)

União 1 x 4 Migs
Gols: Joice Nascimento (União) – Gaby Dias (2), Elly Pires e Ana Gabriela (Migs)

Complemento da rodada
Sábado
16:00
CIENB x Periquito
Domingo
09:00
Real Santa Marta x Chapecoense
Inicio terceira rodada
Domingo
10:30
Migs x CIENB

DS Treinamentos realiza sonho de vários garotos em ser jogador de futebol de Conquista e Região

 

Há 1 ano e meio no mercado o DS Treinamentos Específicos do Futebol realiza sonhos de garotos de Vitória da Conquista e região.

O ex jogador Danilo Santos 34 anos que já atuou por vários times do Brasil e Europa em Malta é o Coordenador e Idealizador do centro de treinamento em Vitória da Conquista O DS Treinamentos Específicos do Futebol para garotos de 12 a 17 anos de idade e que já tenham uma base no futebol.

O projeto conta com profissionais capacitados para atuar junto a garotada que precisa de um atendimento especial, tendo em vista, que estes estão em fase de crescimento e necessitam de pessoas que realmente saibam o que estão fazendo. A equipe é formada pelo preparador físico Wallace Rebouças, o preparador de goleiros Junior Macêdo e o Técnico Vinicius Moxotó que vieram agregar mais qualidade e profissionalismo à DS Treinamentos Específicos.

Para participar do projeto o garoto que foi aprovado não paga nada, além do uniforme de treinamento. Os treinamentos são realizados em três dias na semana e tem em média de 50 a 60 meninos no Estádio Edvaldo Flores que é cedido pela Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista, a expectativa de Danilo é expandir o Projeto para outras cidades, tendo em vista que para participar do projeto tem vindo garotos de outras cidades como Livramento de Nossa Senhora, Piatã, Macarani. Estes atletas viajam até 800km em busca do sonho de ser jogador de futebol com ajuda do “paitrocinador” que é quem custeia a vinda dos garotos.

O DS Treinamentos não para, pois, em 2017 conseguiu levar 32 atletas para fazer avaliações em equipes profissionais do Brasil e neste ano já foram 7 atletas que estão sendo avaliados.

O esforço é muito grande, muitos garotos ficam em casa de parentes para poder treinar durante a semana, mas eles não desanimam e focam nos treinamentos para se tornar um jogador de futebol de um grande time do Brasil e quem sabe do mundo, estes obstáculos são usados como escada para seguir em frente. ” Eu sair de casa 2hs da manhã, sozinho, estou na casa de uns amigos só pra vir treinar” Comenta Eris 14 anos de Piatã à 284 km de Vitória da Conquista e acrescenta ” sem sacrifício não há vitória”. Paulo Vítor Medeiros, 15 anos de  Macarani-Ba,  viaja 145 km 3 vezes na semana para seguir seu sonho com o apoio do seu pai. O pequeno Richard da Cruz Santos Filho, 9 anos ,atacante vem e volta 3 vezes na semana de Livramento de Nossa Senhora à 203 km da cidade ele é perseverante e acredita que realizará seu sonho.

 

Ingresso mais barato para ver a seleção no Itaquerão vai custar R$ 200

por Estadão Conteúdo
campo

Quem quiser assistir à primeira partida da seleção brasileira no Itaquerão desde a abertura da Copa do Mundo vai ter que preparar os bolsos. Nesta quinta-feira a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou detalhes sobre a venda de ingressos para Brasil x Paraguai, jogo a ser realizado no próximo dia 28, e revelou que o setor mais barato terá entradas por R$ 200.

As vendas começam às 10h da próxima segunda-feira, pelo site da CBF. Caso ainda haja ingressos disponíveis no dia 22, uma quarta-feira, aí serão abertos os pontos de venda físicos, nas casas dos principais clubes paulistas: Morumbi, Allianz Parque, Itaquerão e Vila Belmiro, além do Pacaembu.

As entradas mais baratas são do setor inferior norte (R$ 200). Do lado oposto, o ingresso sairá por R$ 300, mesmo preço da entrada mais barata para quem quiser assistir ao jogo nas arquibancadas laterais. Na inferior oeste, um ingresso vai custar R$ 500. Em todos os setores sem serviço há a opção de meia-entrada.

Em julho, a Justiça chegou a suspender a venda de ingressos para o jogo entre Brasil e Colômbia, que viria a ser realizado em Manaus, com base no pedido do Ministério Público do Amazonas (MP-AM), que denunciou a prática de preços abusivos para a partida. Àépoca, os ingressos custavam entre R$ 220 e R$ 300. Mesmo um camarote saia por R$ 400 por pessoa – no Itaquerão, custará R$ 1.000.

A seleção brasileira lidera as Eliminatórias com 27 pontos, contra 23 do Uruguai. O Paraguai é só o sétimo colocado. A partida marcará o retorno do técnico Tite ao estádio do Corinthians, clube pelo qual venceu o Brasileirão de 2015, entre outros títulos, antes de sair para comandar a seleção.

Dois jogos da Seleção ‘somem’ do calendário da CBF, que diz aguardar OK da Fifa

Globo Esportes

20160721191029_0

O calendário de 2017 divulgado pela CBF prevê oito partidas da Seleção Brasileira principal no ano. No entanto, há uma diferença em relação ao calendário publicado pela Fifa, que tem previsão para mais duas partidas, totalizando 10. A data Fifa não computada no calendário da CBF prevê liberação de jogadores entre os dias 5 e 13 de junho, às vésperas da Copa das Confederações, que não terá participação do Brasil.

A CBF alega que não recebeu a confirmação oficial das entidades superiores sobre essa data Fifa específica, mesmo com a informação estando no site da entidade. Os jogos em questão seriam amistosos e, se confirmados, aconteceriam durante a Série A, potencialmente gerando desfalques aos clubes brasileiros.

Sem apoio: diferente dos outros anos, torcedores ignoram Seleção na Granja

Globo Esportes

img_8277

As recepções calorosas da Seleção no período de treinos em Teresópolis, na Região Serrana do Rio, ficaram para trás. Diferentemente dos anos anteriores, quando inúmeros torcedores se aglomeravam na porta da Granja Comary para tentar uma aproximação com os ídolos convocados, desta vez, mesmo com Neymar e promessas como Gabriel Jesus e Gabigol entre os escolhidos para a Olimpíada, não houve sequer algum tipo de apoio. Pelo contrário.

Após três dias de preparação dos jogadores sub-23 no CT da CBF, as únicas pessoas que compareceram à entrada da porta da casa da Seleção, com exceção dos profissionais envolvidos na cobertura do time, foram manifestantes locais.

Na última segunda-feira, dia da apresentação dos atletas, professores da rede estadual de ensino fizeram um protesto na porta da Granja Comary contra as condições de trabalho e as estruturas das escolas. Eles se juntaram a um grupo de desabrigados na tragédia da Serra, que assolou o município em 2011, e estiveram no local para pedir que os governantes cumpram a promessa de doar moradias para as vítimas da catástrofe natural.

Com ou sem alarde, a Seleção fica na Granja Comary até o dia 27 de julho, quando embarca para Goiânia, onde irá realizar um amistoso preparatório contra o Japão, no dia 30. A estreia na Olimpíada acontece no dia 4 de agosto, contra a África do Sul, no Mané Garrincha, em Brasília.

Micale usará fracasso em 2014 como motivação pelo ouro

Gazeta Esportiva

20160719132356_578e541cbab46-1-e1468957780979

Desde a apresentação da Seleção Brasileira olímpica, na última segunda-feira, os integrantes da delegação canarinha tem repetido um discurso em comum: a Copa do Mundo 2014 não terá influência sobre os Jogos Olímpicos Rio 2016. Mesmo assim, o técnico Rogério Micale afirmou que o fracasso no último Mundial será motivo de conversa e motivação para os jogadores.

“Trabalho na Seleção olímpica e na sub-20. Falamos aos jogadores que a Copa do Mundo 2014 é uma marca, mas tem que ficar no passado. Precisamos aprender com isso, crescer com o que aconteceu. Todos nós, CBF, jogadores, todos os setores do futebol, necessitam agir diferente para evitar uma situação como essa, retomar a grandeza do nosso futebol. Nosso futebol precisa ser revisto, repensado, mas tem uma história bonita”, disse o treinador.

Micale vê como normal a pressão sofrida pela Seleção Brasileira para conquistar o ouro inédito para o futebol masculino nestes Jogos Olímpicos. O treinador espera que o grupo de jovens atletas possa assimilar a responsabilidade para chegar ao lugar mais alto do pódio.

“É cultural da nossa sociedade. Temos que nos adaptar bem a isso, ter tranquilidade para administrar esse fator. Todos querem ganhar, se preparam, mas só um vai chegar. Muitas vezes, como o futebol é um jogo muito complexo e vários fatores podem influenciar o resultado, tudo pode ir por água abaixo por conta de um detalhe. Você não consegue controlar tudo”, disse o comandante, que frisou a oportunidade de a Seleção construir uma nova história nestes Jogos.

“Podemos construir uma nova história, com muito trabalho, tranquilidade, e sabendo o que pode ser feito em campo. Temos que nos sentir bem, servir a Seleção Brasileira é um motivo de orgulho para qualquer um que está aqui. Se fizermos nosso melhor, o resultado será consequência disso”, finalizou.

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

Avaliado em R$ 361 milhões, Neymar é o jogador mais valioso da Rio-2016

Globo Esportes

Singapore Japan Brazil SoccerO” class=”aligncenter size-medium wp-image-107391″ />

Avaliado em 100 milhões de euros (cerca de R$ 361 milhões), segundo o site alemão “Transfermarkt”, o craque Neymar, da seleção brasileira, chega à Rio-2016 como o jogador mais valioso da competição. Ele, aliás, é a grande esperança de gols da equipe do técnico Rogério Micale.

Neymar, na atualidade, é o terceiro jogador mais valioso do planeta, ficando atrás somente dos monstros Lionel Messi, do Barcelona, e Cristiano Ronaldo, do Real Madrid.

Entre os 10 mais valiosos da Rio-2016, aparecem ainda mais três jogadores brasileiros: o zagueiro Marquinhos, do PSG, o meia Felipe Anderson, do Lazio, e o atacante Gabigol, do Santos.

Marquinhos está avaliado em 30 milhões de euros (cerca de R$ 108 milhões), Felipe Anderson em 19 milhões de euros (cerca de R$ 68 milhões) e Gabriel em 15 milhões de euros (cerca de R$ 54 milhões).

r3fUvZA-300x172

Leia mais: http://extra.globo.com/esporte/rio-2016/avaliado-em-361-milhoes-neymar-o-jogador-mais-valioso-da-rio-2016-19742764.html#ixzz4Er2jELGU

Seleção tenta evitar que negociações de jogadores atrapalhe na Olimpíada

Terra

578da0521f310

Com tantos jovens e promissores jogadores e a janela internacional de transferências aberta, é praticamente inevitável que a Seleção Brasileira tenha que lidar com negociações de atletas em meio à Olimpíada do Rio de Janeiro. A possibilidade não é bem-vista pela comissão técnica, que tenta blindar o grupo e fazer com que possíveis tratativas não atrapalhem no desempenho dos garotos.

Alguns dos convocados já se apresentaram na Granja Comary, em Teresópolis, na última segunda-feira, com tratativas em andamento. É o caso, por exemplo, do atacante Gabigol, que discute a renovação contratual com o Santos, mas tem propostas da Europa, entre elas uma da Juventus, da Itália. Thiago Maia e Zeca, companheiros de equipe dele, receberam sondagens do Atlético de Madrid (ESP).

Eles não são os únicos. Gabriel Jesus, do Palmeiras, é capa de jornais europeus há semanas, e já teve seu nome ligado aos rivais espanhóis Barcelona e Real Madrid, bem como à Inter de Milão (ITA) e outros clubes do Velho Continente. Rodrigo Caio, do São Paulo, Marquinhos, do PSG (FRA), e outros atletas também são nomes que agitam o mercado de transferências.

A fim de evitar que os jogadores se desconcentrem, a comissão técnica da Seleção quer restringir o acesso de pessoas à concentração do grupo e planejava uma conversa sobre o tema com o elenco na última segunda-feira.

A janela de transferências internacionais para as principais ligas da Europa ficará aberta até o fim de agosto, enquanto a Olimpíada começa dia 4 do mesmo mês para o Brasil e pode ir até o dia 20, data da final.

Gabriel é 9, Neymar é 10 e Jesus é 11; veja numeração da seleção olímpica

Globo Esportes

Singapore Japan Brazil Soccer

A camisa 10 da seleção olímpica terá o mesmo dono da seleção brasileira principal: Neymar aparece inscrito na lista da Fifa com o mesmo número que usa desde 2013 quando representa o país. Pela relação da entidade, que organiza o torneio de futebol olímpico, Gabriel, do Santos, usará a camisa 9, e seu xará, Gabriel Jesus, do Palmeiras, a 11.

Nada assegura quem serão os titulares, já que os treinos no campo sob o comando do técnico Rogério Micale só terão início nesta terça-feira, em Teresópolis, mas o ataque que o torcedor mais tem interesse em observar na Olimpíada é justamente esse, formado pelos jovens Gabriel Jesus e Gabriel, ao lado do craque do Barcelona.

Renato Augusto, veterano de 28 anos que foi convocado para o lugar de Douglas Costa como um dos três jogadores permitidos com mais de 23 anos, foi inscrito com a camisa 5. Fernando Prass, o mais velho da turma, com 38, é o número 1.

Veja abaixo a lista enviada pela CBF à Fifa:

1 – Fernando Prass (goleiro)
2 – Zeca (lateral-direito e lateral-esquerdo)
3 – Rodrigo Caio (zagueiro)
4 – Marquinhos (zagueiro)
5 – Renato Augusto (meia)
6 – Douglas Santos (lateral-esquerdo)
7 – Luan (atacante)
8 – Rafinha (meia)
9 – Gabriel (atacante)
10 – Neymar (atacante)
11 – Gabriel Jesus (atacante)
12 – Walace (volante)
13 – William (lateral-direito)
14 – Luan Garcia (zagueiro)
15 – Rodrigo Dourado (volante)
16 – Thiago Maia (volante)
17 – Felipe Anderson (meia)
18 – Uilson (goleiro)
SUPLENTES
19 – Gustavo Henrique (zagueiro)
20 – Valdivia (atacante)
21 – Felipe Vizeu (atacante)
22 – Jean (goleiro)

Liderada por Neymar, seleção olímpica se apresenta nesta segunda em Teresópolis

Estadão

20160717220503_0

Com Neymar como principal estrela e também esperança, a seleção olímpica dá início de forma efetiva nesta segunda-feira à caminhada para tentar, nos Jogos do Rio, a inédita medalha de ouro no futebol. O grupo de 18 jogadores convocados pelo técnico Rogério Micale se apresenta na Granja Comary, local da primeira fase de treinamentos. Serão 10 dias de preparação em Teresópolis (RJ) e um amistoso contra o Japão, dia 30 em Goiânia, antes da estreia em 4 de agosto, contra a África do Sul, em Brasília.

A reunião do grupo olímpico marca também o início do período em que os times do País ficarão sem os jogadores convocados por Micale por até seis rodadas do Campeonato Brasileiro – e alguns também da Copa do Brasil, como o Santos, que não terá Zeca, Thiago Maia e Gabriel Barbosa no duelo contra o Gama, o de ida na quarta-feira.

Dos 18 selecionados, 13 atuam no País. Entre os jogadores que atuam no exterior, apenas Renato Augusto, do Beijing Gouan chinês estava em atividade. Os outros virão de período de férias. Neymar, por exemplo, passou os últimos dias envolvido com compromissos com patrocinadores e participação em programas de TV. Mas voltou a treinar fisicamente há cerca de dez dias, para começar a readquirir a forma física.

Micale descarta a possibilidade de os jogadores apresentarem desgaste físico que comprometa o desempenho da Olimpíada – uma das desculpas usadas pelos técnicos que comandavam a seleção principal para tentar justificar os fracassos na Copa do Mundo de 2014 e nas Copas América de 2015 e 2016.

O treinador lembra que a maioria dos atletas está no meio do campeonato por seus times. “É um bom nível até de treinamento, porque não é nem no começo e nem está no final (de temporada)”, disse ao jornal O Estado de S. Paulo. “Os que vêm de fora estão voltando de férias, então a gente vai ter de tomar um cuidado para individualizar a preparação e tentar equacionar isso a um padrão mínimo para que esse grupo mantenha um nível parecido para a competição.”

CBF não assina carteira e atletas da seleção feminina seguem sem benefícios

Bahia Notícias

IMAGEM_NOTICIA_5

Às vésperas dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016, a Seleção Brasileira de Futebol Feminino vive um impasse com a Confederação Brasileira de Futebol. Desde a formação do grupo permanente, em que as atletas deixaram seus clubes para treinar exclusivamente na equipe nacional, a entidade prometeu as jogadoras a assinatura de contratos e todos os benefícios equivalentes. Entretanto, mais de um ano depois, as meninas seguem com acordos verbais e nenhuma garantia sobre as suas garantias.

“O Vadão (treinador da Seleção) disse que iríamos nos apresentar no dia 26 de janeiro de 2015 e levaríamos nossa documentação, carteira de trabalho, CPF, tudo para sermos registradas. Nos apresentamos e ficamos esperando”, afirmou a goleira Andréia Suntaque em entrevista ao blog EspnW, do portal Espn.

Segundo as atletas, o pagamento que recebem é proveniente de diárias iguais entre as atletas e um “salário” que se distingue em três categorias, com as mais experientes recebendo o maior valor. O que preocupa as jogadoras, é que não existe um contrato assinado e nenhum tipo de garantia para o futuro. “Prometeram que teríamos Unimed, os melhores hospitais, clínicas, que seria o plano top de linha mesmo. Cancelei meu plano de saúde na época e acabei ficando sem”, reitera a atacante Gabi Zanotti, que por conta da falta de uma resposta da CBF acabou assinando contrato com um clube chinês e não foi mais convocada para os jogos do Brasil.

“Não teve explicação. Não fui para os amistosos no Canadá (no início de 2016), nem para essa convocação final para ficar treinando em Itu antes de sair a lista olímpica. Sinceramente não sei o que aconteceu, mas assim que eu perguntei em relação ao Direito de Imagem do ano passado, que a gente recebeu um valor muito baixo, coincidentemente teve a convocação para o Canadá e eu não estava relacionada. Não sei”, confessou.

CBF divulga lista com Renato Augusto e sem Fred; Walace vai para Rio 2016

Globo Esportes

20160629114608_1

Após muitas negociações e algumas frustrações – a última delas no veto do Bayern de Munique em Douglas Costa, lesionado -, a CBF entregou nesta tarde a lista definitiva para disputar a Olimpíada do Rio de Janeiro. A lista tem 18 nomes conhecidos e quatro suplentes escolhidos, que não foram divulgados pela seleção olímpica.

Os casos mais sensíveis foram definidos de última hora. Um deles com desfecho positivo – caso de Felipe Anderson, que conseguiu a liberação do Lazio e agradeceu ao clube italiano – e outro, negativo. Fred, do Shakhtar, não teve sucesso nas negociações com o clube ucraniano e ficou fora da lista. Ele foi substituído por Walace, do Grêmio. Marquinhos, do PSG da França, permanece entre os nomes convocados por Micale. Renato Augusto, do Beijing Guoan, da China, foi o escolhido para o lugar de Douglas Costa.

Horas antes da lista final, Felipe Anderson definiu seu destino com o novo técnico do Lazio, Simone Inzaghi. O brasileiro pressionou pela liberação e a conseguiu. Logo depois, divulgou comunicado nas redes sociais agradecendo a compreensão do clube.

O coordenador de seleções de base da CBF, Erasmo Damiani, fez breve comentário ao site da CBF. Os jogadores se apresentam segunda-feira na Granja Comary, região serrana do Rio de Janeiro. A decisão de não anunciar os quatro suplentes partiu da comissão técnica.

– Quero agradecer ao Walace pelo pronto atendimento à convocação e ao Renato Augusto que se colocou à disposição da comissão técnica – disse Damiani.

Veja a lista completa abaixo:

Goleiros: Fernando Prass (Palmeiras) e Uilson (Atlético-MG) – Defensores: Marquinhos (Paris Saint-Germain-FRA), Rodrigo Caio (São Paulo), Zeca (Santos), Douglas Santos (Atlético-MG), Luan (Vasco) e William (Internacional) – Meio-campistas: Rafinha Alcântara (Barcelona-ESP), Rodrigo Dourado (Internacional), Walace (Grêmio), Thiago Maia (Santos), Renato Augusto (Beijing Guoan-CHN) e Felipe Anderson (Lazio-ITA) – Atacantes: Neymar (Barcelona-ESP), Gabriel Jesus (Palmeiras), Gabriel (Santos) e Luan (Grêmio).





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia