WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte





vitoria da sorte

fevereiro 2021
D S T Q Q S S
« jan    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  



drupal counter

lojas nacional

FBF divulga tabela detalhada do Baianão 2021

FBF

A Federação Bahiana de Futebol divulgou a tabela detalhada do Baianão 2021. Datas, locais e horários dos jogos da Série A foram confirmados pela entidade.

A competição será iniciada no dia 17 de fevereiro, com a abertura da 1ª rodada entre UNIRB e Vitória, no Estádio Antônio Carneiro, em Alagoinhas. A rodada de estreia terá sequência no dia 21 de fevereiro e será concluída em 3 de março.

A última partida do campeonato, quando será conhecido o campeão desta edição, foi programada para o dia 23 de maio.

A FBF informa que a tabela poderá sofrer novas alterações após a divulgação das tabelas da Copa do Nordeste e Copa do Brasil 2021 pela CBF.

Confira abaixo a tabela completa do Baianão: :: LEIA MAIS »

Novo atacante é anunciado pelo Vitória da Conquista para a temporada 2021

Diário Esportivo

A diretoria do Vitória da Conquista, por meio de suas redes sociais, anunciou a contratação de mais um atacante para reforçar o elenco que disputará o Campeonato Baiano de 2021.

Índio, de 25 anos, foi revelado pelo Villa Nova-MG, em 2014, passando também por Coimbra-MG, Jacuipense, PFC Cajazeiras, Pesqueira-PE, José Bonifácio-SP, América-SE, Igrejinha-RS, Itabaiana e esteve no ano passado no Barcelona de Ilhéus onde disputou a Série B do Campeonato Baiano.

De acordo com o comunicado do clube, Índio deve chegar na cidade nesta terça-feira (09) e já estará à disposição do técnico Gabardo Júnior.

Projeto de lei que transforma clubes em empresa ganha força

R7

No último dia 1º, o então presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, foi derrotado na disputa para fazer seu sucessor. Quatro dias depois, ele viu seu Botafogo ser o primeiro rebaixado do Brasileirão de 2020.

A relação do futebol com a política no Brasil novamente voltou à pauta do dia, em uma época na qual a economia tem falado mais alto. E colocado, em termos futebolísticos, o país em um patamar internacional semelhante ao que tinha poucos anos antes da profissionalização do futebol, em 1935, quando o jogador brasileiro era visto como talentoso, mas o futebol não assustava franceses, espanhóis, tchecos, iugoslavos, italianos, uruguaios e argentinos.

Com a profissionalização, o Brasil começou a se tornar o “País do Futebol”, após os clubes se estruturarem melhor e o jogador ganhar confiança para desempenhar seu futebol. E assim permaneceu durante algumas décadas.

Esta ligação, entre esporte e bastidores de Brasília, tem forjado a própria identidade do brasileiro, do Oiapoque ao Chuí. Até o alheio ao futebol, afinal, se envolve com o clima nacional em dia de jogo do Brasil na Copa. Sente pelo menos uma ponta de tristeza com a derrota e surfa no clima positivo da vitória.

Políticos também amam seus clubes. E, nesta atmosfera apaixonada, craques da bola muitas vezes são recebidos no Congresso, para algum depoimento ou homenagem, como heróis, fazendo os congressistas se transformarem em tietes.

Maia é um dos idealizadores de uma lei, na Câmara dos Deputados, para transformar os clubes brasileiros em Sociedades Anônimas. Esta lei foi base para uma outra, em pauta no Senado, de autoria do atual presidente da casa, Rodrigo Pacheco.

A possibilidade da aprovação da lei ganha força em um momento no qual o futebol brasileiro precisa novamente se reinventar. Com os clubes da Série A e B acumulando mais de R$ 8 bilhões em dívidas, tendo uma receita bem menor do que tal valor.

Uma verdade se apresenta com força, neste momento. Muitos clubes tradicionais, vistos como grandes, não podem mais ser administrados como se tivessem a dimensão de outrora, diante da falência financeira que só não é formalizada porque não são empresas.

Todos, com exceção do Flamengo, não têm conseguido administrar seus passivos e apenas uns poucos, como Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Grêmio ainda têm, em função das receitas por causa da popularidade, status de grandes, do ponto de vista de negócio, segundo muitos estudiosos de marketing.

Sampaoli quer acertar com o Olympique de Marselha e deixar o Atlético-MG

IG ESportes

Os rumores da ida de Jorge Sampaoli, técnico do Atlético-MG, para o Olympique de Marselha, da França, ganham força na imprensa francesa . Segundo o site RMC Sports, o comandante do Galo está com intenção de encerrar o vínculo com a equipe mineira e embarcar para Marselha e assumir o lugar do português André Villas Boas, que deixou o clube recentemente.

A publicação garantiu com uma fonte próxima do argentino que o técnico pode sim assumir um dos grandes do futebol francês, retornando à Europa, depois da experiência no Sevilla, entre 2017 e 2018.

-Até o momento, as discussões têm se concentrado principalmente na disponibilidade de Sampaoli, na sua vontade de vir (para a França) ou não e no plano de esportes do clube olímpico. Nenhuma negociação financeira ou contratual foi iniciada ainda. Mas, durante as discussões com o OM, o ex-técnico da Argentina disse ao clube de Marselha que está pronto para enfrentar este desafio na França, e que “quer vir para Marselha”. Uma chegada não ocorreria antes de março- dizia a matéria ao site francês, também afirmando que o treinador do Galo virou prioridade para o Olympique.

O Galo tem contrato com Sampaoli até o fim de 2021 e segundo o diretor de futebol do clube, Rodrigo Caetano, ele tem participado do planejamento do time para 2021, inclusive com os reforços solicitados, como Hulk e Dodô, já contratados. Caso ele opte pela saída, terá de arcar com uma multa de euros (R$ 19,5 milhões).

Torcedor entra na Justiça com pedido de rebaixamento do Flamengo por polêmica no jogo contra o Palmeiras

Lance

O polêmico duelo entre Palmeiras e Flamengo, em setembro de 2020, ainda repercute nos bastidores. Nesta segunda-feira, um torcedor entrou com pedido de liminar no Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) para que o Rubro-Negro seja expulso do Brasileirão deste ano e seja rebaixado à Série B. A informação foi divulgada em primeira mão pelo site “Esporte News Mundo”.

O processo, ajuizado contra a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), será analisado pela 1ª Vara Cível da Regional da Barra da Tijuca do TJRJ. O motivo da ação é a tentativa de adiamento na Justiça Comum da partida entre Palmeiras e Flamengo, válida pelo primeiro turno do Brasileirão.

Na ocasião, o Rubro-Negro sofria um surto de Covid-19 e tinha 20 desfalques. A decisão inicial pelo adiamento foi tomada pelo Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro (TRT-RJ), após uma ação do Sindeclubes, sindicato que representa funcionários de clubes do Rio de Janeiro. Pouco antes da bola rolar, a CBF conseguiu cassar a liminar no Tribunal Superior do Trabalho (TST).

No processo, o torcedor argumenta que o “Clube de Regatas do Flamengo interferiu e violou o ordenamento pátrio e a regulamentação interna de competições, ao demandar na Justiça Comum caso típico e oriundo da Justiça Desportiva.”

O pedido de rebaixamento do Flamengo se baseia no artigo 231 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que penaliza com exclusão do campeonato quem “pleitear, antes de esgotadas todas as instâncias da Justiça Desportiva, matéria referente à disciplina e competições perante o Poder Judiciário, ou beneficiar-se de medidas obtidas pelos mesmos meios por terceiro”.

Por fim, o torcedor também cobra a CBF o valor de R$ 35 mil por dano moral.

PSG e grandes do futebol francês estreiam na Copa da França

MSN

Começando por sua grande potência Paris Saint-Germain, a Ligue 1 entra em cena a partir desta terça-feira na Copa da França, no caminho reservado para os clubes profissionais, um mês depois do normal, em uma temporada abalada pela covid-19.

Reims (L1)-Valenciennes (L2), Lyon (L1)-AC Ajaccio (L2) e Lorient (L1)-Paris FC (L2) abrem a fase nesta terça, antes dos duelos de quarta-feira, com o PSG visitando o Caen (L2) e o Olympique de Marselha enfrentando o Auxerre (L2), também fora de casa.

Metade dos clubes da Ligue 1 se enfrentam, com um Dijon-Lille na Borgonha, um duelo que já foi vencido por 1 a 0 pelo aual líder do campeonato francês, o Lille, no dia 31 de janeiro.

Nîmes-Nice, Strasbourg-Montpellier, Nantes-Lens, todos na quarta-feira, assim como Angers-Rennes na quinta-feira completam a lista de jogos entre times da elite francesa.

As 15 equipes que superarem esta fase enfrentarão nos 32-avos de final, nos dias 6 e 7 de março, os 17 sobreviventes do chaveamento de clubes não profissionais e dos clubes da Nacional 1 (terceira divisão) que saírem vencedores de uma rodada entre eles, nos dias 13 e 14 de fevereiro.

O PSG, vencedor de cinco das últimas seis edições, joga no campo do Caen seis dias antes de viajar até Barcelona para disputar a ida das oitavas de final da Liga dos Campeões.

Seu técnico, Mauricio Pochettino, terá que fazer rodízios em uma equipe que joga de três em três dias desde o início do ano.

O Olympique de Marselha, que perdeu por 2 a 0 no domingo para o PSG no clássico francês, conta com a Copa da França para dar um rumo a sua temporada irregular.

A equipe vai tentar a vaga fora de casa contra o Auxerre, um time tradicional do futebol francês que vive uma fase difícil. Atualmente na segunda divisão, o Auxerre venceu uma semifinal antológica contra o Olympique na Copa da França (1-1, 3-1 nos pênaltis), com um gol de Sabri Lamouchi aos 118 minutos e o empate do OM por meio de Bernard ‘Nino’ Ferrer de pênalti aos 120 minutos.

Naquele ano de 1996, o Auxerre conquistou a dobradinha Campeonato francês-Copa da França. E o OM disputava a segunda divisão.

Também haverá o clássico “americano” da Garonne entre o Bordeaux, da primeira divisão, e o Toulouse, que está na segundona, cujos donos são dos Estados Unidos.

Jorge Jesus culpa covid-19 por sequência ruim do Benfica

Terra

Após a vitória por 2 a 0 sobre o Famalicão em casa nesta segunda-feira, Jorge Jesus falou sobre o momento do Benfica à BTV. A equipe não vencia há quatro rodadas pelo Campeonato Português. Segundo o comandante da equipe, a pandemia de covid-19 prejudicou o andamento das atividades e causou a oscilação.

“Não tem sido fácil. Estive 15 dias sem ver os meus jogadores, sem poder treinar. A covid-19 arrasou o Benfica! Isto não é desculpa, mas, durante três semanas, prejudicou a equipe técnica e médica. Dos 27 jogadores do plantel só três não estiveram infectados”, declarou.

O treinador continuou explicando como tem sido o dia-a-dia da equipe: “A covid-19 tem enormes sequências e estamos enfrentando isto há dois meses. Desde o Dragão tivemos 10 jogadores e 16 elementos do staff infectados. Isto tira competitividade, confiança… Eu não vejo os jogadores, eles não me veem… Cada um se veste num quarto, parece uma equipe fantasma. Mas isto vai passar, vamos voltar a treinar juntos e a ganhar os níveis técnicos e táticos para, depois, ter confiança para jogar 70 ou 80 minutos num nível alto e não apenas meia hora”.

Apesar do discurso, Jesus não se escondeu das críticas ao seu trabalho no Benfica: “A covid-19 deixa sequelas e não estou me desculpando porque não temos resultados. Assumo as minhas responsabilidades enquanto treinador, mas médico não sou! Sei, sim, o mal que isto tem feito à equipe do Benfica, mas temos tempo de recuperar porque vamos ter os jogadores no Seixal e não em casa doentes. Quando cheguei disse que o Benfica seria uma equipe para arrasar, começamos bem na época mas ninguém no mundo previa e sabia disto. Foi a covid-19 que nos arrasou”.

Grêmio goleia o Botafogo e acirra disputa pela Libertadores na Série A

Super Esportes

O Grêmio soube aproveitar a fragilidade do Botafogo para se recuperar no Campeonato Brasileiro. Vindo de sete jogos sem vitórias, marcou duas vezes logo no começo do primeiro tempo e outras três no segundo para golear o lanterna por 5 a 2, no Engenhão, em partida válida pela 35.ª rodada.

Matheus Henrique foi um dos destaques ao marcar duas vezes na etapa final, assim como Jean Pyerre, que participou da jogada do primeiro gol e fez o segundo do Grêmio, em cobrança de falta.

A goleada devolve a moral ao Grêmio, que vinha em momento ruim e construiu a fácil vitória como quis, criando chances sempre que ia ao ataque, se aproveitando dos graves problemas do Botafogo. Cheio de jovens e dirigido interinamente por Lúcio Flávio não deixou de lutar, mas exibiu abalo psicológico em desvantagem e cometeu falhas tolas na defesa.

O resultado coloca o Grêmio na sexta posição, com 56 pontos, na briga por uma vaga na próxima edição da Copa Libertadores. Seu compromisso agora será diante de um rival direto na briga por uma vaga no G4, o São Paulo, domingo, em Porto Alegre. Já o Botafogo ampliou a sua péssima campanha, com apenas 24. E voltará a jogar no sábado, na Serrinha, diante do Goiás.

Globo não deve passar disputa de 3º lugar do Palmeiras e final do Mundial

Uol

A TV Globo caminha para não transmitir a disputa do terceiro lugar do Mundial de Clubes entre Palmeiras e Al Ahly (Egito), na quinta-feira (11). O martelo ainda não foi batido, mas o confronto só deve passar no SporTV, em TV fechada.

O horário da disputa do terceiro lugar, 12h, é considerado ruim para a Globo, já que demandaria alterar a programação de eventos ao vivo, com os telejornais locais, o Globo Esporte e depois o Jornal Hoje, que tem alcance nacional.

O mesmo vale para a final do campeonato sem o Palmeiras: mesmo com o poderoso Bayern de Munique encarando o Tigres do México, a Globo prepara sua programação sem essa partida na quinta-feira, 15h. O jogo, portanto, seria transmitido também apenas pelo SporTV.

O Palmeiras perdeu no domingo (7) para o Tigres por 1 a 0, na semifinal. O resultado frustrou a Globo, que tem destacado a cobertura do evento em sua programação em meio à reaproximação com a Fifa.

A emissora e a federação internacional se confrontam judicialmente porque a Globo decidiu atrasar uma parcela de US$ 90 milhões (R$ 480 milhões) do contrato que tem com a Fifa, que inclui a Copa do Mundo de 2022 no Qatar. Esse pagamento deveria ter sido feito em julho de 2020, a Globo alegou perda financeira por causa da pandemia e a Fifa acionou a Justiça.

Mesmo assim não houve rompimento do contrato, por isso o Mundial de Clubes 2020, adiado de dezembro para fevereiro, está sendo transmitido em TVs aberta e fechada. Nem a entidade e nem a emissora veem a chance da quebra contratual, apesar do imbróglio jurídico.

A decisão final sobre transmitir ou não os dois próximos jogos do Mundial será tomada até o fim desta segunda (8). A semifinal entre Bayern e Al Ahly já não passou em TV aberta hoje (só SporTV, às 15h), mas isso já estava definido antes de o Palmeiras perder a semifinal para o Tigres.

Com dois de Lewandowski, Bayern vence o Al Ahly e está na final do Mundial de Clubes

Globo Esportes

Como esperado, o Bayern de Munique confirmou seu favoritismo ao vencer o Al Ahly por 2 a 0, nesta segunda-feira, na semifinal do Mundial de Clubes da Fifa, no Catar. O polonês Robert Lewandowski, melhor jogador do mundo, marcou os dois gols do time alemão. Na próxima quinta-feira, às 15h (horário de Brasília), o Bayern vai enfrentar o Tigres, do México, na decisão da competição.

Para a equipe mexicana, é a chance de uma conquista inédita para o país e para clubes da Concacaf. Já os alemães vão em busca do tetracampeonato mundial e de um feito nunca alcançado pelo clube: ganhar seis títulos em seis competições disputadas no mesmo ano (considerando que o Mundial completa o calendário 2020).

O Bayern é o atual campeão alemão, da Copa da Alemanha, da Liga dos Campeões da Uefa e das Supercopas da Alemanha e da Uefa.

Vitória da Conquista anuncia chegada de zagueiro por empréstimo

Diário Esportivo

Tiago Santana, de 22 anos, vindo de empréstimo do Jacuipense, é o novo atleta do Bode. O jogador foi comandado do técnico Gabardo Júnior nas divisões de base do Grêmio em 2015 e 2016, e também passou por Atlântico, Vitória, Maruinense-SE e jogou a última Série B do Baianão pelo Barcelona de Ilhéus.

De acordo com a diretoria do Vitória da Conquista, o jogador que também atua como volante deve chegar na cidade nesta segunda-feira (08).

O Vitória da Conquista estreia no Baiano, contra o Doce Mel, no próximo dia 21, às 16 horas, no estádio Lomanto Junior.

No Mundial de Clubes, Edina Alves se torna a primeira mulher a ser árbitra de um jogo masculino da FIFA

CBF

Edina Alves Batista se tornou, neste domingo (7), a primeira mulher a ser árbitra de um jogo masculino profissional da FIFA. A brasileira atuou na partida entre Al Duhail e Ulsan Hyundai FC, pelo Mundial de Clubes da FIFA 2020. Também brasileira, a auxiliar Neuza Back compôs, ao lado da argentina Mariana de Almeida, o trio 100% feminino que fez história no Catar.

Outras árbitras já haviam comandados partidas de competições da FIFA, mas apenas nas categorias de base. As Copa do Mundo Sub-17 de 2017 e 2019 tiveram mulheres em seus quadros de arbitragem. Mas esta é a primeira vez que uma árbitra comanda um jogo de futebol masculino profissional da entidade. Com atuação segura durante os 90 minutos da partida, a equipe apitou a vitória do time da casa por 3 a 1 sobre os coreanos.

Membros do quadro internacional da CBF, Edina Alves e Neuza Back foram indicadas para o Mundial de Clubes da FIFA no fim do ano passado. A dupla já havia estreado na competição na última quinta-feira, quando compuseram a equipe de arbitragem do duelo entre Tigres e Ulsan Hyundai. Edina atuou como quarta árbitra e Neuza foi auxiliar reserva. Elas estarão novamente nestas funções no duelo entre Bayern de Munique e Al Ahly, nesta segunda-feira (8), pela semifinal do Mundial de Clubes.

Lado a lado, Edina Alves e Neuza Back se acostumaram a romper barreiras no futebol. Desde que abandonou a carreira como auxiliar para seguir o sonho de se tornar árbitra central, Edina conquistou seu espaço à base de muito suor e trabalho. Em 2019, ela recebeu da Comissão de Arbitragem da CBF a oportunidade de apitar um jogo do Brasileirão Assaí, quebrando um tabu de cerca de 15 anos.

Juntas, também em 2019, Edina Alves e Neuza Back foram selecionadas para compor um dos trios de arbitragem da Copa do Mundo Feminina, na França. Tatiane Saciliotti completava a equipe. O ponto alto do Copa para o trio brasileiro foi comandar a semifinal do torneio, entre Inglaterra e Estados Unidos, duas das maiores potências do futebol feminino mundial.

Já em 2020, foi a vez de Neuza Back atingir um marco em sua carreira. Escalada para Penarol x Velez Sarsfield, pela Copa Sul-Americana, ela se tornou a primeira brasileira a “bandeirar” em um jogo internacional fora do país. Além disso, com quase 100 jogos no Brasileirão Assaí na carreira, ela é, em todo o mundo, a mulher com mais jogos realizados na principal divisão do futebol masculino de seu país.

comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia