WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
pmvc



julho 2018
D S T Q Q S S
« jun    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  



drupal counter


Vasco goleia o Vitória e praticamente garante a vaga para a semifinal

Globo Esportes

Como gosta de dizer o torcedor, o troco veio com juros e correção monetária. A última lembrança dos cruzmaltinos em relação ao Vitória não era nada agradável. Vinha da última rodada do Campeonato Brasileiro, na partida em que o time carioca foi rebaixado para a Série B. Mas nesta quarta-feira, o Vasco não tomou conhecimento do rival e deu um enorme passo para garantir uma vaga nas semifinais da Copa do Brasil. O time carioca goleou o Vitória por 4 a 0, em São Januário, na primeira partida entre os clubes. Os gols foram marcados por Carlos Alberto, Elton, Paulo Sérgio e Nilton. O segundo e decisivo jogo será na próxima quarta-feira, dia 20, no estádio Barradão, em Salvador.

O Vasco pode perder por até três gols de diferença. Uma derrota por 4 a 0 leva a disputa para os pênaltis. Se fizer um gol no Barradão, o time carioca só perde a vaga se for derrotado por uma diferença de cinco gols (6 a 1, 7 a 2 e assim por diante).

Com isso, o Vasco tem uma ótima chance para acabar com um incômodo tabu. Nas duas vezes que enfrentou o Vitória em jogos eliminatórios, o time carioca perdeu. Em 1989, na Copa do Brasil. E em 1999, nas quartas de final do Campeonato Brasileiro.

Vitória completa 110 anos de história no futebol

Portal do Futebol Baiano

Há exatos 110 anos, os irmãos Artêmio e Artur Valente nem de longe poderiam imaginar que o Club de Cricket Victoria, o qual fundaram, um dia chegaria a ser um dos poucos clubes centenários do país. Muito menos ser aquele clube que enfrentou o baiano International Sport Club e venceu por 3 a 2, na sua primeira partida da história no futebol, o mesmo que se tornaria vice-campeão nacional em 1993.

Mas a diversão virou coisa séria ao longo do século XX, transformando o Esporte Clube Vitória em uma das mais tradicionais equipes do futebol do Brasil. E nada foi por acaso, ainda que de altos e baixos.

A bem da verdade, este status só veio a ser cunhado do início da década de 90 para cá, sob a turbulenta gestão do presidente Paulo Carneiro, em sua maioria. Dos 25 títulos de campeão baiano, 14 foram conquistados neste período. Em contagem também três títulos nordestinos. Tem ainda as participações expressivas a nível nacional. O vice-campeonato brasileiro em 93 e as semi-finais em 99, pela série A, e 2004, pela Copa do Brasil. :: LEIA MAIS »

Polivalente Carlos Magno treina no Galícia, mas com futuro indefinido

Portal do Futebol Baiano

Sem clube após a eliminação do Vitória da Conquista no Campeonato Baiano, o lateral e meia Carlos Magno segue treinando com o grupo do Galícia no CT do Parque Santiago. Com seu destino ainda incerto na temporada, o jogador revelado no Vitória poderá assinar com o Azulino para a disputa da Segunda Divisão do Campeonato Baiano.

Carlos Magno só não assinou com o Galícia porque aguarda algumas propostas da Série B do Campeonato Brasileiro. Segundo pessoas ligadas ao atleta, caso não se concretize alguma negociação com clubes que disputam o torneio nacional, o polivalente jogador permanecerá em Salvador e defenderá as cores azul e branca no Baiano de Acesso.

Natural de Santo Amaro-BA, Carlos Magno dos Santos Barbosa tem 23 anos e além do Vitória e do Vitória da Conquista, atuou por equipes como Atlético de Alagoinhas, Criciúma-SC, Jataiense-GO e São Bento-SP. O jogador também tem uma breve passagem pelo FC Krylya, clube de médio porte da Rússia.

Atlético inicia planejamento visando a Série D

Portal do futebol Baiano

Após ter sido eliminado nas semifinais do Campeonato Baiano, o Atlético iniciou um breve recesso e volta ainda esta semana a traçar o planejamento visando a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro. A diretoria do clube já começou a buscar reforços para encarar a competição que inicia no próximo mês de julho.

Mantido no cargo de diretor de futebol, Raimundo Queiroz comandará o planejamento do Carcará fora das quatro linhas. Depois de ter anunciado sua saída do clube logo após o término do Estadual, o dirigente foi demovido da idéia e acertou sua permanência no Atlético até o final da temporada. “Conversei com o Albino Leite [presidente] e achamos por bem continar nosso trabalho, que foi de muito sucesso no Campeonato Baiano”, ressaltou Queiroz.

A prioridade do clube de Alagoinhas é a renovação de contrato dos principais destaques da equipe. Sem poder contar com o lateral Robinho, o volante Rafael e os atacantes Ciel e Robert, negociados, o clube tentará a permanência do lateral direito Amilton Júnior, dos zagueiros Edson e Tobias, dos volantes Garrinchinha e Vaguinho e dos meias Filipe e Gil.

Time do Colégio Rafael Spínola participa de copa de futsal

Fonte: Site Colégio Rafael

O Colégio Rafael Spínola irá participar da III Copa Sesc de Futsal, o time que vai disputar o campeonato é o mesmo que ficou em 3º colocado no Zonal da Tv Sudoeste a preparação já esta sendo feita com o apoio do Professor Joabe, e a preparação física está por conta da FTC Ativa.

Mais uma grande parceria feita pela direção do colégio juntamente com o núcleo de Educação Física da FTC.

Bahia faz aniversário de sete anos sem título

Portal do Futebol Baiano

Há exatos sete anos o Bahia conquistava o seu último título. Em 12 de maio de 2002, o Tricolor baiano passou pelo rival Vitória na final do Campeonato do Nordeste, e sagrou-se bicampeão do torneio – O Bahia também havia sido campeão em 2001, vencendo o Sport na final.

O Bahia terminou a primeira fase do Nordestão de 2002 em segundo lugar, atrás do Vitória. Na semifinal, eliminou o Náutico com um empate sem gols, no Recife, e uma vitória por 1 a 0, na Fonte Nova.

Nas finais, derrotou o Vitória por 3 a 1, na Fonte Nova, no jogo de volta. Os gols foram marcados por Nonato, Sérgio Alves e Róbson, trio que fez sucesso naquele ano. Samir descontou para o rubro-negro. Na volta, no dia 12 de maio, um empate em 2 a 2 – gols de Nonato duas vezes e Róbson Luiz e Fernando para o Vitória – assegurou o título do Esquadrão de Aço.

Com Paulo Salles como auxiliar técnico, Juá realiza primeiro coletivo

Portal do Futebol Baiano

O Juazeiro realizou o primeiro coletivo da pré-temporada na manhã desta terça-feira, no Estádio Adauto Moraes, visando a estréia no Campeonato Baiano da Segunda Divisão. O técnico Emerson Mateus já começa a definir o time que jogará contra o Sport Camaçariense, no próximo dia 24, em Camaçari.

O time titular treinou com Dida; Daniel, Neto, João Paulo e Cuinha; Davi, Rondinelli, Vítor e Anderson; Belo e Rafael Chulapa. O elenco do Juá ainda conta com o goleiro Ewerton, o zagueiro Marcelo Xavier e o meia Michel, recém contratados pela diretoria. A grande novidade ficou por conta da apresentação de Paulo Salles, treinador campeão baiano da segundona em 2008 com o Madre de Deus, que será auxiliar técnico de Emerson Mateus na temporada.

A diretoria ainda analisa alguns jogadores que estão em período de testes no Adauto Morais. Cerca de 33 jogadores compõem atualmente o grupo do Juazeiro, mas a tendência é de que o elenco seja reduzido. A maior dificuldade é tentar agendar amistosos contra clubes profissionais, já que a maioria deles já se encontram em inatividade desde o término da primeira divisão.

Bahia fecha parceria com time da segunda divisão do Baiano

Portal do Futebol Baiano

Depois que o Vitória fechou acordo com o Galícia, o Bahia não ficou atrás. Firmou parceria com o homônimo de Feira de Santana. Os dois “davis” vão disputar a segunda divisão do campeonato baiano.

A parceria consiste na cessão de jogadores de Vitória e Bahia ao Galícia e Bahia de Feira. No Azulino, por exemplo, o goleiro Victor Muller e o técnico Gilmey Aimberê, oriundos do Leão, já estão no elenco. Em contrapartida, a dupla BaVi tem preferência na aquisição de atletas revelados pelos dois times. O Bahia de Salvador ainda não divulgou quais jogadores vai ceder ao time feirense.

Fundado em 1937, o Bahia de Feira é figurinha fácil na história do futebol baiano. Venceu a segunda divisão do estadual por duas vezes, em 1982 e 1986. Nos últimos anos, perdeu prestígio e caiu no esquecimento. Em 2009, presidido por Jodilton Filho, o clube ressurgiu com projetos arrojados. Uma sede com quatro campos deve ser construída em Feira de Santana.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia