WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

maio 2019
D S T Q Q S S
« abr    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  



drupal counter

:: ‘ANOS’

Serrano-BA comemora 36 anos de fundação

CBF

Índice

Há exatos 36 anos, no dia 22 de dezembro, surgia o Serrano Sport Club. Em 1979, com a extinção do Humaitá Futebol Clube, um movimento liderado pelo empresário Nelival Pereira Sá, com o objetivo de retomar o futebol profissional na cidade de Vitória da Conquista, fundou o Serrano-BA.

O nome da agremiação faz referência à posição geográfica do município. Como fundadores estão Nelival, José Salvador Freitas e Isnard Vasconcelos.

Em mais de três décadas de existência, o Serrano Sport Club chegou a disputar a Série C do Campeonato Brasileiro. Em 2014, o rubro-verde alcançou a quarta colocação do Estadual. Na temporada atual, a equipe participou da Série D, terminando na 5ª posição do Grupo A4.

Vitória da Conquista comemora 10 anos

Site Oficial do Clube

ecpp_thumb

O Vitória da Conquista irá celebrar seus 10 anos de existência na próxima quarta feira, dia 21 de janeiro às 19 horas, com uma programação especial. Uma festa na AABB com a escolha da Musa do time. Também estará à disposição do torcedor uma equipe para realizar o cadastramento do sócio torcedor para a temporada 2015.

“É o momento de comemorar, afinal de contas chegamos a uma década de existência com muitas conquistas e como a terceira maior cidade da Bahia”, afirma Ederlane Amorim, presdente do alviverde.

“Temos que agradecer neste momento à cidade que nos acolheu com tanto carinho e tem nos apoiado ao longo deste tempo. Espero contar em 2015 com um apoio ainda maior, já que estamos montando um time para conquistar o inédito título baiano da primeira divisão e fazer uma boa partcipação na Copa do Brasil”, disse Amorim.

Bahia celebra 25 anos de título brasileiro e bate o Inter na Fonte Nova

Globo Esportes

19022014_jogo88_thiago

Dezenove de fevereiro. Para muitos, apenas uma data. Para os torcedores do Bahia, a representação de uma grande conquista. Há 25 anos, o Tricolor empatava com o Internacional em 0 a 0, em Porto Alegre, e se consagrava campeão brasileiro pela segunda vez na história. Para comemorar a data, foi declarado nesta quarta-feira o ‘Dia do Bahia’, com torcedores convidados a sair nas ruas com a camisa do clube, exibir bandeiras na janela de casa e declarar abertamente o amor pelo Tricolor.

O aniversário do título também foi comemorado com um jogo festivo que serviu de preliminar para o duelo entre Bahia e Vitória da Conquista e que contou com a participação dos jogadores que atuaram no confronto de 1989. Antes de a bola rolar, o placar da Arena Fonte Nova exibiu o placar da partida realizada há 25 anos. Logo em seguida, João Marcelo, Charles, Paulo Rodrigues, Zé Carlos e Sandro desfilaram pelo gramado do estádio que servirá de sede para jogos da Copa do Mundo deste ano e fizeram com que a torcida azul, vermelha e branca se lembrasse do dia em que, na base da raça, técnica e coração, o Bahia conquistou o Brasil.

A forma física dos ‘atletas’ já não era a mesma de 25 anos atrás. Mais rechonchudos, os jogadores de Bahia e Inter não tinham a mesma mobilidade de 1989. A reação da torcida, no entanto, era idêntica à do título brasileiro. Das arquibancadas da Fonte Nova, gritos surgiam em cada lance de efeito. Toda disputa de bola era comemorada como um gol. As chances criadas eram acompanhadas de sonoros aplausos.

Tudo indicava que o jogo terminaria em 0 a 0, assim como 1989. No entanto, no fim do segundo tempo do confronto, Zé Carlos converteu um pênalti sofrido por Dico Maradona. A partida terminou em seguida, com o placar de 1 a 0, mas os jogadores não deixaram o campo. Juntos, tricolores e colorados se uniram no gramado. Os atletas do Bahia ainda foram homenageados com placas alusivas ao título e, com o troféu de campeão brasileiro em mãos, comemoraram com a torcida. Era ‘Dia do Bahia’ reviver glórias. ‘Dia do Bahia’ recordar o passado. ‘Dia do Bahia’ fazer a festa do torcedor. Simplesmente ‘Dia do Bahia’.

Contagem regressiva: Ba-Vi volta a ser disputado na Série A após 9 anos

Globo Esportes

felipeoliveira_12052013_bavi

O maior do Norte/Nordeste está de volta. Após nove anos de ausência, a contagem regressiva chega aos números finais. No domingo, a Série A do Campeonato Brasileiro terá o prazer de ter, novamente, um Ba-Vi em sua tabela. O duelo será o ponto alto de um ano especial. Desde 2003, Bahia e Vitória não disputam juntos a elite do futebol nacional.

Que perdoem os outros clubes do Norte e Nordeste brasileiro, mas não há outra forma de caracterizar a rivalidade entre as duas principais equipes da Bahia. Aos que fazem cara feia, argumentos não faltam. Dois títulos nacionais do Tricolor; campanhas históricas do Vitória no Brasileiro de 93 e na Copa do Brasil de 2010; a Bahia é o único estado do Norte/Nordeste com dois clubes na Série A. Se nada disso adianta, que leve-se então em conta o Ranking Nacional de Clubes. O Vitória (15º) e o Bahia (17º) são os dois primeiros nordestinos na lista da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

O momento para o clássico também é especial. Se antes de a bola rolar pelo Brasileirão a expectativa de muitos era de que os baianos brigariam contra o rebaixamento, as primeiras rodadas surpreendem. O Vitória é o time com o maior tempo no G-4 e ocupa a vice-liderança da competição. Com um ponto a menos, o Bahia é o sétimo colocado. O Tricolor, no entanto, tem um jogo a mais.

Dos 22 Ba-Vis do Brasileirão, 20 foram disputados na Fonte Nova. Neste ano, aliás, a Fonte Nova já recebeu três clássicos. O Vitória levou a melhor em todos: 5 a 1 na inauguração, 2 a 1 no jogo de volta e 7 a 3 na primeira partida da final do Campeonato Baiano. A nova Fonte Nova se tornou a casa do Leão nesta temporada.

Botafogo-Ba e Fluminense: 24 anos depois

Futebol Bahiano

redimensiona.php

Depois de longos 24 anos, Botafogo x Fluminense voltam a se enfrentar pelo Campeonato Baiano. A partida será no Estádio Metropolitano de Pituaçu, em Salvador, pela quarta rodada do Campeonato Baiano. A partida vai ser pela quarta rodada da competição e os dois times não podem pensar em outro resultado a não ser o triunfo.

Ao longo dos anos os times protagonizaram jogos “pegados” e a prova disso é o grande número de empates: para se ter uma idéia foram cinco empates, dois triunfos tricolores e um botafoguense.

O ùltumo encontro dss dois times foi em 20 de julho e o Botafogo venceu por 2 x 1. Depois de ficar muito tempo longe da elite, o Botafogo retornou este ano e até agora faz um modesto campeonat: tem apenas dois pontos em nove disputados. Precisa vencer sob o risco de ver as suas chances de classificação se complicarem de vez já que a primeira fase tem apenas oito jogos.

Por sua vez, o Fluminense tem a missão de se recuperar da derrota de 3 x 1 para o Vitória da Conquista e retornar ao G-5 do Campeonato Baiano, já que neste momento é o sexto colocado com quatro pontos e se perder a sua situação começa a se complicar porque começa a se distanciar dos primeiros colocados.

Federação Bahiana de Futebol completa 98 anos

FBF

A Federação Bahiana de Futebol está a completar nesta data, dia 14 de setembro de 2011, seus 98 anos entrelaçados à história do futebol em nosso Estado. A entidade máxima do esporte por aqui já passou por mais de 9 décadas apoiando seus filiados e colaboradores.

Em seus quase 100 anos, estabeleceu-se uma aliança que une todos os profissionais, estudiosos e entusiastas, na superação de quaisquer entraves que possam de alguma forma impedir tanto o avanço da prática do futebol em suas mais diversas esferas, quanto o alvorecer da paixão pelo desporto nos corações de novos e antigos torcedores. Tal é o espírito que regeu seus ex-presidentes, tal é a essência da visão do atual Presidente Ednaldo Rodrigues Gomes.

“Nesta data tão importante, queremos agradecer ao torcedor baiano, Ligas Municipais e clubes profissionais filiados, aos parceiros comerciais e institucionais, aos órgãos de imprensa, auditores do Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol da Bahia, aos ex-presidentes que por aqui passaram, aos diretores, funcionários e árbitros que contribuíram e contribuem, direta ou indiretamente, para o fortalecimento do Futebol Baiano. Com muito trabalho e dedicação, ainda teremos uma longa estrada para percorrer e, se Deus quiser, ao final o nosso futebol estará mais fortalecido. Obrigado”.

Vila da Conquista comemora hoje 21 anos de fundação

Por Luciano Pina

O Vila da Conquista comemora nesta terça (15), 21 anos de fundação.

Durante estes anos o time do presidente Istênio Trindade conseguiu muitas conquistas e revelou alguns jogadores para o futebol profissional a exemplo de Pena e Renilton (Serrano) e Zé Neto (Vitória da Conquista).

A toda família do Vila da Conquista, a LCDT deseja muitas realizações.

Clássico Ba-Vi vale 5 anos de tabu

Tribuna da Bahia

O Ba-Vi, por si só, é um jogo especial. Mas este de amanhã, vai ter alguns atrativos a mais. Pela primeira vez as duas equipes irão se enfrentar com o Bahia na Primeira e o Vitória na Segunda Divisão. Depois de sete anos, o tricolor entra em campo em melhores condições nacionalmente. E, para jogar ainda mais responsabilidade para o lado do Fazendão, o Bahia vai defender uma invencibilidade de cinco anos atuando no Estádio Manoel Barradas.

O tabu no antes temido Barradão conta com nove partidas. Foram seis triunfos do tricolor e três empates – contando jogos do Campeonato Baiano e da Série C do Brasileiro. A última derrota no solo inimigo aconteceu no dia 22 de janeiro de 2006. Era o primeiro clássico do ano e o Vitória ganhou por 2 a 1.

Desde então, apesar da hegemonia histórica, o rubro-negro não sabe o que é festejar um Ba-Vi no Barradão. O Vitória até que venceu como mandante. Foi no dia 24 de janeiro do ano passado, só que como o Manoel Barradas estava passando por reformas, o jogo foi disputado em Pituaçu. :: LEIA MAIS »

Quatro decisões em 5 anos e dois títulos

Fonte: Site Oficial do Clube
Foto: FBF


Time campeão da Copa Em pé: Marcão, Brás, Rogério, Rondinelli, Ciel e Fábio (Massagista). Agachados: Alex, Fabinho Cambalhota, Tiaguinho, Lei, Carlinhos e Mica.

O Vitória da Conquista tem mostrado que o seu projeto é realmente vitorioso e que não nasceu apenas como mais um time no futebol baiano. Desde 2006, quando disputou a sua primeira temporada como profissional o time já participou de 4 decisões na categoria profissional, conseguindo dois títulos.

Foi campeão invicto da segunda divisão em 2006, depois deixou escapar o título estadual em 2008 na última rodada contra o Bahia fora de casa. No ano passado decidiu o título da Copa Governador do Estado contra o Fluminense e na noite deste sábado, 27, foi campeão da Copa Governador do Estado após o empate em 1×1 com o Atlético.

“Agora é seguir em frente. Vamos montar um time para a temporada 2011 para conseguir alcançar vôos mais altos”, afirma o presidente Ederlane Amorim. “Nossa meta é o mundial de clubes e o cada passo está sendo dado, um por vez. Começamos pela Série D em 2011 e esperamos contar com a nossa torcida e com todos aqueles que acreditam em nosso projeto para fazer uma grande temporada”.

Diretor do Serrano quer ver o time na série A em cinco anos

Por: Luciano Pina
Fonte: Galaticosonline
Foto: Arquivo Google

Em conversa com o site Galaticosonline, o diretor do Serrano Kleber Avelino revelou a principal proposta do Serrano para os próximos anos. “A intenção da nossa diretoria é fazer um time forte, competitivo e nosso objetivo é colocar o Serrano na série A do brasileiro em cinco anos”, disse.
 
O diretor confirmou a comissão técnica da equipe para o baiano. “O treinador será Elias Borges. Ele tem um papel importante dentro do Serrano pois não atua simplesmente apenas como treinador, ele ajuda a diretoria em tudo, principalmente nas contratações”, afirmou.
 
O clube planeja inaugurar seu centro de treinamentos. “Temos um terreno lá em Conquista com mais de 250 mil metros quadrados e vamos fazer pelo menos dois campos de treino para o time”, concluiu.

Vitória da Conquista comemora 5 anos nesta quinta-feira.

Fonte: ECVC

O Vitória da Conquista comemora nesta quinta-feira, 21 de janeiro, 5 anos de existência, dos quais, quatro de participação em competições.

Neste tempo, o clube disputou duas competições pela segunda divisão estadual, no ano de 2006, sendo uma na categoria juniores, terminando em segundo lugar e uma no profissional, onde conquistou de maneira invicta o campeonato e uma vaga para a primeira divisão. Em 2007, em seu primeiro ano como time de primeira divisão, o clube fez uma modesta campanha e acabou em 8° lugar. No ano passado, depois de brilhante participação no estadual, onde chegou à última rodada com chance de ser campeão, o alviverde terminou em terceiro lugar e conseguiu uma vaga para a Série C do Campeonato Brasileiro.

Na competição nacional, fez uma participação considerada boa, mas, não conseguiu o seu maior objetivo, que era uma vaga definitiva na Série C de 2009. Mas, isso não foi motivo para apagar o grande ano que foi 2008, quando o clube conquistou não só o reconhecimento da imprensa baiana e mesmo nacional, com matérias veiculadas nas emissoras de Rádio, jornais, sites esportivos, mas dos profissionais que lidam com o futebol profissional, que, ao conhecerem o projeto do clube conquistense, a forma como é dirigido o clube profissional e o tratamento dispensado a todos os profissionais que trabalham no Vitória da Conquista, já vêem o alviverde como uma perspectiva de em pouco tempo se firmar como a terceira força do futebol baiano e mesmo conquistando títulos na primeira divisão. :: LEIA MAIS »

COUNTRY CLUB 27 ANOS. O PRESENTEADO É VOCÊ.

Por: Luciano Pina
Fonte: Country Club

cartaz-aniversario

Uma vasta programação acontece neste domingo (27), em comemoração aos 27 anos de fundação do Country Club Primavera.

Haverá Bandas, Torneio de Futsal (masculino e Feminino), Futevôlei de Areia, sorteios de brindes,Tênis, Buraco e Atletismo. Inscrições gratuitas.

Maiores informações ligue: 3424-4347





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia