WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
PMVC IPTU

abril 2019
D S T Q Q S S
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  



drupal counter

:: ‘ASA’

ASA x Palmeiras: veja onde estão os heróis de 2002 do Alvinegro

Globo Esportes

dsc_0009

Há 13 anos, o ASA ultrapassou fronteiras para tirar o Palmeiras da Copa do Brasil, em 2002. Após vitória simples em Arapiraca, o Alvinegro perdeu por 2 a 1 no antigo Parque Antártica e, em virtude do gol marcado fora de casa, avançou na competição. Na ocasião, o clube tinha três troféus do Campeonato Alagoano na galeria, e a vitória histórica incrementou o currículo do Fantasma, tornando-o conhecido em território nacional.

Depois, o clube mudou de patamar. Vieram mais quatro títulos estaduais, uma Alagipe, vice-campeonatos do Nordestão e Série C, além de passagem pela Série B nacional. Pela importância do confronto de 2002, a reportagem foi atrás dos jogadores e treinador responsáveis pela classificação em solo paulista com o objetivo de descobrir a atual ocupação de cada um. De empresário a atacante no Acre, a maioria seguiu nos trilhos do esporte.

Aos 60 anos, acumula vasta experiência no futebol, em especial no Campeonato Alagoano. Já treinou Coruripe, Corinthians-AL, CRB, River-PI, Santa Rita, Confiança e Chã Grande. Neste ano, trabalhou no Potiguar e, em seguida, no Serrano-BA. O gaúcho está desempregado após o estadual e aguarda propostas para o segundo semestre. Leia o restante da matéria. :: LEIA MAIS »

Vitória empata com o ASA e dá adeus a Copa do Brasil

Bahia Notícias

xIMAGEM_VITORIA_5.jpg.pagespeed.ic.MT56tl2vmX

Já virou rotina. Pela terceira vez na temporada, o Vitória foi desclassificado de uma competição dentro do Barradão. Desta vez, o Leão sucumbiu diante do ASA, ao empatar em 2 a 2, nesta terça-feira (19), e dar adeus a Copa do Brasil.

Agora, o time comandado pelo técnico Claudinei Oliveira foca suas atenções na Série B. Na sexta-feira (22), o compromisso é contra o Bragantino, no mesmo local, pela terceira rodada da Série B.

Outros jogos
ABC 1 x 2 Paysandu
Vitória 2 x 2 ASA
Hoje
19:30
Atlético-GO x América-RN
22:00
Ceará x América-MG
Bahia x Luverdense
Vasco x Cuiabá

outdoor_pq

Vitória tentar espantar a crise diante do ASA

Atarde

650x375_fernando-miguel-vitoria_1519494

Se perguntar ao torcedor quem poderia deixar o time titular do Vitória, provavelmente sobraria apenas Fernando Miguel no gol. Um dos únicos poupados da fúria da torcida, o camisa 1 do Leão não quer mais pedir nenhum voto de confiança. Para ele, no jogo desta , em Arapiraca, contra o ASA, às 19h30, é hora de a equipe parar de pedir paciência e melhorar seu comportamento no gramado.

“O torcedor está cansado de palavras. É conversa fiada chegar nas entrevistas e pedir para ele apoiar o time. É dentro do campo que as coisas precisam começar a mudar, pois o nosso futebol não está satisfatório. Temos que mostrar postura diferente e um futebol diferente, pois a mudança começa por nós, jogadores”, desabafou.

Para quem no início do ano era apenas o quarto goleiro do elenco e hoje é titular incontestável, ninguém como Fernando Miguel para falar sobre uma possível reviravolta no quadro lamentável do Leão nesta temporada.

Na opinião do goleiro, não falta empenho dos atletas, porém, existe a necessidade daquele algo a mais. E de assimilar a o ideal de ‘corpo são, mente sã’.
“Nunca encarei uma situação assim na carreira. Temos jogado abaixo da média, mas em termos de números, não tem sido tão ruim. Porém, falhamos nos momentos pontuais, como no Baiano e na Copa do Nordeste. Aí teve esta parada. O torcedor esperava um salto de qualidade na nossa equipe já no jogo contra o Sampaio Corrêa. Nós também. Entra então algo que muito se tem falado: a questão psicológica”, avaliou.

CRB bate ASA e volta ao G4: 2×1

Gazeta de Alagoas

miniatura_generica.php

Um público razoável, ontem à noite, no Estádio Rei Pelé, assistiu à partida CRB x ASA, que fechou a 10ª rodada do Grupo A do Brasileiro da Série C, aberta no último sábado. E quem saiu do estádio comemorando foi a torcida do CRB, que viu o time bater o Alvinegro por 2×1. Os gols foram de Magrão e Marcelo Macedo (CRB), e Tiago Cavalcante (ASA).

Com este resultado, o Galo volta ao G4, toma a 4ª posição do Salgueiro, com 15 pontos. Já o ASA segue com nove, em 8º.

Com um detalhe: o jogo marcou a despedida do árbitro alagoano, Flávio Feijó, que vai se aposentar.

unimarc-modelo-4

Em amistoso, ASA vence Juazeirense por 3 a 0, no Municipal de Arapiraca

Globo Esportes

asa_amistoso

O ASA venceu o primeiro amistoso na preparação para o Campeonato Alagoano. Neste domingo, no Municipal de Arapiraca, a equipe alvinegra derrotou o Juazeirense-BA por 3 a 0. O placar começou a ser construído ainda no primeiro tempo com Marielson. Na segunda etapa, Anderson Lessa marcou duas vezes e garantiu a vitória alvinegra.

O triunfo rendeu ao ASA o troféu Lauthenay Perdigão. O jornalista e historiador foi homenageado pela diretoria do Alvinegro durante o amistoso.

O ASA volta a campo no próximo sábado, para enfrentar o Penedense, em mais um amistoso de preparação para o Campeonato Alagoano. O time alvinegro estreia no Estadual diante do Murici, dia 12 de janeiro, às 15h15m, no Estádio José Gomes da Costa, casa do adversário.

O Juazeirense atuou com: Maicon; Nem (Joãozinho), Edi (Bruno), Sidrailson e Jackson (Daniel); Rodrigo, Vaguinho, Nenem e Tiago Laranjeira (Willian Carioca); Guerreiro (Júlio Carpegiane) e Déo. Técnico: Quintino Barbosa.

A estreia do Juazeirense no Campeonato Baiano será no dia 8 de janeiro, às 20h30m, contra o Galícia, no Estádio Adauto Moraes, em Juazeiro.

ASA vence o Bragantino de virada e deixa zona do rebaixamento da Série B

Cadaminuto

ed04875328a2419e4ee30000053b9188

O ASA enfim reencontrou o caminho das vitórias. Depois de seis derrotas consecutivas, o time alvinegro sofreu, mas venceu o Bragantino de virada por 2 a 1, na noite desta terça-feira (23) em Arapiraca e deixou a zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série B.

Com o resultado, o ASA chegou aos 10 pontos e saiu da zona do rebaixamento, agora somando 10 pontos, enquanto o Bragantino caiu para 8ª posição, com 14 pontos ganhos.

O time alagoano volta a entrar em campo na próxima terça-feira, quando enfrenta o América de Natal no Rio Grande do Norte. Já o Bragantino recebe o Paraná em Bragança Paulista.

Para afastar crise e rebaixamento, ASA encara Bragantino em casa

Gazeta Esportiva

t_91946_sasa

Após ser derrotado em casa pelo Atlético-GO na última rodada e ouvir protestos de seu torcedor, o ASA, 18º colocado da Série B, tem uma segunda chance de agradar os fãs nesta terça-feira, a partir das 21 horas (de Brasília). Desta vez, o adversário é o Bragantino, que, na sétima colocação, briga por um lugar no G-4.

O treinador do time alagoano, Leandro Campos, sabe da necessidade do apoio do torcedor para superar o Massa Bruta e pede o apoio das arquibancadas apesar da má fase do clube.

Do lado do Bragantino, que briga na parte de cima da tabela, o técnico Wagner Benazzi sabe que, mesmo fora de casa, precisa de uma vitória para não deixar os líderes escaparem.

“Temos que continuar na linha de regularidade para o torcedor ter mais confiança na equipe. Vamos ter um encontro de fundamental importância agora contra o ASA. Ele vai nos levar a brigar por uma vaga no G-4”, avaliou.

Com golaço de Moreno, Flamengo volta a vencer o ASA e se classifica

Futnet

elias_ae_idegomes

Em Volta Redonda, o Flamengo recebeu o ASA nesta noite de quarta-feira, pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil, e empatou em 1 a 1 no estádio Raulino de Oliveira. Com o resultado, o Fla está classificado para as oitavas de final e vai pegar uma equipe a definir. A CBF sorteará os confrontos que contará com os clubes que disputaram a Libertadores.

Elias, de letra, e Marcelo Moreno, com um golaço de voleio, anotaram os tentos rubro-negros. Já o lateral Osmar descontou para o ASA. No jogo de ida, o Flamengo venceu o ASA por 2 a 0, então fica com 4 a 1 no agregado.

Na partida, o Flamengo começou melhor e teve duas boas chances de abrir o placar com Val e Paulinho, mas gol só saiu no fim do primeiro tempo. Val abriu para João Paulo na esquerda e o lateral cruzou da linha de fundo para Elias, rasteiro, concluir de letra para o gol alagoano, aos 42 minutos.

No segundo tempo, Valdívia e Léo Gamalho fizeram boa jogada e o atacante cruzou. Valdívia desviou e Osmar bateu forte para empatar a partida. O time alagoano foi para cima e quase virou aos 15, com Didira, mas Felipe defendeu. Aos 17, o Fla respondeu com Elias e Gilson fez boa defesa.

Aos 35 minutos, Bruninho roubou a bola do lateral Osmar e cruzou na medida para Marcelo Moreno emendar um voleio. Golaço de desempate do Flamengo em Volta Redonda e foi só. 2 a 1 para o Fla classificado para as oitavas.

Desfalcado e em vantagem, Flamengo encara ASA visando oitavas

Lancenet

Apresentacao-Flamengo-ASA_LANIMA20130716_0139_25

O Flamengo encara o ASA (AL) nesta quarta-feira, em Volta Redonda, às 21h50, podendo perder por até 1 a 0 para garantir a classificação às oitavas de final da Copa do Brasil. Enquanto o time rubro-negro está embalado após a vitória por 2 a 0 sobre o próprio ASA e vencer o rival Vasco no clássico do último domingo, o time alagoano passa por uma crise após quatro derrotas consecutivas.

Para esta partida, o técnico Mano Menezes não poderá contar com o lateral-direito Léo Moura, que acusou desgaste muscular, e com o meia Gabriel, com dores no adutor da coxa direita. No lugar do camisa 2, entrará o jovem Digão, mas ainda é uma incógnita o nome de quem ocupará a vaga no meio de campo. No primeiro jogo entre as equipes, Gabriel também não atuou por conta de uma gripe. Na ocasião, o meio de campo foi formado por Cáceres, Elias, Val e Paulinho.

O time do ASA chegou ao Rio de Janeiro ciente de que conseguir a classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil é muito difícil. Porém, devido a sequência de quatro derrotas nos últimos quatro jogos, os jogadores querem a vitória de qualquer jeito para contornar a má fase. Uma das esperanças para voltar a vencer é o técnico Leandro Campos. Com o treinador, o ASA chegou à final da Copa do Nordeste, no início do ano. Ele deixou o clube rumo ao Ceará e agora voltou, para o lugar de Ricardo Silva.

Outros jogos da noite:
19h30
Paysandu-PA x Atlético-PR
Criciúma x Salgueiro
21h50
ABC x Goiás

Com estrela, Nixon sai do banco e leva o Flamengo à vitória sobre o ASA

Globo Esportes

nixon_itawi-albuquerquefuturapress_15

Para os próximos jogos do Flamengo, Nixon colocou mais um ponto de interrogação na cabeça de Mano Menezes para a vaga de um barrado Carlos Eduardo. Se Adryan e Val foram as primeiras opções, o atacante de 21 anos também se credenciou ao posto. Na noite desta quarta-feira, no Estádio Coaracy da Mata, ele entrou no segundo tempo e foi o responsável pela vitória por 2 a 0 de um Flamengo pouco inspirado sobre um desfalcado ASA. A dez dias de seu aniversário, o jovem antecipou o presente, fez o dele e ainda deu passe para outro, marcado por Marcelo Moreno, deixando o time mais perto das oitavas de final da Copa do Brasil.

O Flamengo com Val e Adryan (e sem Carlos Eduardo e Gabriel – vetado com febre) não conseguiu ser ofensivo. Mesmo contra um adversário sem seis jogadores, entre eles Lúcio Maranhão – que não pôde jogar por já ter defendido o Vitória no torneio -, só conseguiu ameaçar nas bolas paradas. Mano corrigiu a escalação no segundo tempo, deu nova chance a Carlos Eduardo, mas quem mudou a cara do jogo foi Nixon.

– Pedi para ele entrar e fazer o que vem fazendo nos treinos, o que vem fazendo bem. Ele entrou no amistoso contra o São Paulo, mas não foi tão bem. É um jogador que tem força para jogar por dentro e aprofundar a jogada. Precisamos que todos cresçam, isso que deixa o técnico contente – disse no fim do jogo para a TV Globo.

Diferente das duas primeiras fases do torneio, o triunfo por dois gols de diferença fora de casa não elimina o jogo de volta. Assim, Flamengo e ASA se reencontram na próxima quarta-feira, às 21h50m (de Brasília), no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ). O Rubro-Negro poderá perder até por um gol que garantirá a vaga nas oitavas de final da competição. Antes disso, terá um importante compromisso pelo Brasileirão: fará o clássico contra o Vasco, às 18h30m de domingo, no Mané Garrincha (em Brasília). Um dia antes, o ASA visita o Ceará no Castelão, às 21h.

‘Letal’ no segundo tempo, Chape bate ASA e dispara na liderança

Gazeta Esportiva

834d802b29deeaee5cb41eba81ca288a

Para garantir a liderança da Série B por mais uma rodada, a Chapecoense precisava derrotar o ASA de Arapiraca fora de casa nesta sexta-feira, e o time catarinense teve muita dificuldade para atingir seu objetivo. Empurrado por sua torcida, o Fantasmão de Alagoas pressionou os visitantes ao longo da primeira etapa, mas foram castigados no segundo tempo. Objetivo, o Verdão da Oeste não precisou de muito para fazer 2 a 0 e mostrar, mais uma vez, o motivo pelo qual é líder da competição, com seis vitórias e um empate.

Depois de suportar a pressão dos anfitriões ao longo da primeira etapa, a Chapecoense mostrou oportunismo e garantiu mais uma vitória na Série B. De cabeça, Fabiano fez o primeiro dos catarinenses, e, em um rápido contra-ataque, o volante Paulinho Dias deu números finais à partida.

O triunfo deixou a Chapecoense na liderança da competição, com 19 pontos somados, sendo quatro de vantagem para o segundo colocado. O ASA, por sua vez, com sete, abre o final de semana na 15ª posição e corre o risco de fechar a rodada na zona de rebaixamento.

Antes de jogar novamente pela Série B contra o Ceará, em Fortaleza, o ASA recebe o Flamengo na próxima quarta-feira, às 21h50, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, pela terceira fase da Copa do Brasil. A Chapecoense, por sua vez, volta a campo no dia 13 de julho, quando encara o Joinville, fora de casa, no clássico catarinense.

Chapecoense visita o ASA tentando manter invencibilidade e liderança

Gazeta Esportiva

t_90661_asdasfasfdsa

A Chapecoense retorna para a Série B do Campeonato Brasileiro tentando manter a grande forma que apresentava antes da pausa da competição para a Copa das Confederações. Desfalcada, a equipe visita o ASA na sexta-feira, às 21 horas (de Brasília).

A equipe catarinense, que chegou à paralisação com 89% de aproveitamento, invicta e com 16 gols marcados e apenas quatro sofridos, sabe que não será fácil manter o ritmo. Gilmar dal Pozzo, que treina o clube que lidera a segunda divisão nacional com 16 pontos, falou sobre o maior desafio que os adversários vão passar a impor a partir do jogo contra o clube de Arapiraca.

O ASA, por outro lado, não retorna à Série B em situação tão tranquila na tabela. O time alagoano aparece na 15ª posição com sete pontos conquistados e tenta se afastar da zona de rebaixamento.

Autor de quatro gols nos últimos dois jogos, Lúcio Maranhão é dúvida por conta de um estiramento no músculo adutor da coxa direita e pode ser substituído pelo recém-contratado William Henrique. O lateral esquerdo Chiquinho Baiano, por outro lado, está suspenso e terá a vaga ocupada por Márcio Goiano.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia