WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

junho 2019
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  



drupal counter

:: ‘Baiano’

FBF divulga arbitragem para a segunda rodada do Baiano da Serie B

Da Redação

4150,fbf-divulga-arbitragem-da-2-rodada-da-serie-b-do-baianao-2016-3

A FBF anunciou na tarde desta quinta (14), a escala de árbitros para os jogos da segunda rodada do Campeonato Baiano da Serie B, neste final de semana.

Na partida entre Juazeiro e Catuense, que acontece neste sábado (16), às 17 horas, no estádio Adauto Moraes, o árbitro será Wagner Francisco Silva Souza, auxiliado por João Paulo Gonçalves da Silva e Odirlei Jordão Brito. O 4º árbitro será João Duarte da Silva Neto.

O confronto entre Atlético e Atlântico, que será realizado no mesmo dia, às 18 horas, no estádio Antônio Carneiro, terá o comando de Irinaldo Jorge Santos Silva, tendo como assistentes Bruno da Paixão e Carlerranzy Silva de Carvalho. O 4º árbitro será Herbert Roberto Lisboa Costa.

O jogo Ypiranga e Teixeira De Freitas, que acontece no domingo (17), às 16 horas, no estádio de Pituaçu, terá a arbitragem de Florismar Costa de Jesus, assistido por Luanderson Lima dos Santos e Ledes José Coutinho Neto. O 4º árbitro será Diego de Miranda Mota.

Menos de mil torcedores prestigiaram a abertura da Serie B do Baiano no final de semana

Da Redação
Foto Wesley Morau

13626610_10207525846643994_640616388499224364_n

Menos de mil torcedores pagaram ingressos nas três partidas que abriram o Campeonato Baiano de Futebol da Serie B, no último final de semana.

Na partida que Teixeira de Freitas derrotou o Atlético de Alagoinhas pelo placar de 2 a 1, no estádio Antônio Rodrigues Santana, o público foi de 520 pagantes para uma renda de R$10.400,00.

No empate entre Atlântico e Juazeiro, pelo escore de 1 a 1, no estádio de Pituaçu, 222 torcedores pagaram ingressos proporcionando uma renda de R$4.540,00.

Enquanto na partida entre Catuense e Ypiranga que terminou empatada por 0 a 0, no estádio Antônio Carneiro, o público foi de 222, para uma renda de R$2.220,00.

Confira os jogos do final de semana
Sábado
17:00
Juazeiro x Catuense
18:00
Atlético x Atlântico
Domingo
16:00
Ypiranga x Teixeira de Freitas

FBF divulga arbitragem para abertura do Baiano da Serie B

Da Redação

4138,fbf-define-arbitragem-da-rodada-de-abertura-da-serie-b-do-baianao-2016-3

A FBF anunciou na manhã desta quinta (7), a escala de árbitros para os jogos que abrem o Campeonato Baiano da Serie B. São seis clubes em busca do acesso à elite do estadual. Todos eles, Ypiranga, Atlético, Teixeira de Freitas, Juazeiro, Catuense e Atlântico, entram em campo para a primeira rodada.

Confira os jogos:
Domingo
16:00
Catuense x Ypiranga
Árbitro: Guilherme Duarte Laranjeira
Assistentes: Gilson Oliveira Domiense e Marcos Venicios Marcelino Santos
Teixeira de Freitas x Atlético
Árbitro:Edvalter Marinho dos Santos
Assistentes: Luciano Trigueiro Xavier e Wesley Silva Santos
Atlântico x Juazeiro
Árbitro: Bruno Pereira Vasconcelos
Assistentes: Pedro Santos de Jesus e Carlerranzy Silva de Carvalho

Série D: Flu de Feira vence e é líder; Juazeirense e Galícia são goleados

Galáticos Online

fluminense de feira gol série d

Em dia de festa para Feira de Santana, o Fluminense fez bonito e venceu sua primeira partida na Série D do Brasileirão. Na reinauguração do Joia da Princesa, que passou por obras de modernização e troca do gramado, o Touro do Sertão derrotou o Murici (Al) por 3 a 1, neste domingo (19).

Edson, Josi e Rafael Granja marcaram os gols do time feirense. Leonardo descontou para os alagoanos.

Com o resultado, o Flu assumiu a liderança do Grupo A9, com quatro pontos ganhos e invicto na competição. O time baiano agora volta a campo no próximo domingo (26), contra o Campinense (PB), novamente no Joia.

Ao contrario do Touro, os demais representantes da Bahia na Série D seguem com campanhas ruins. O Galícia foi até Ceará Mirim, no Rio Grande do Norte, e foi goleado pelo Globo por 5 a 0.

Com o resultado, o Granadeiro segue sem marcar pontos e na lanterna do Grupo A7. O Azulino agora tentará a reabilitação diante do Souza (PB), fora de casa, no próximo domingo (26).

Já a Juazeirense foi goleada por 4 a 0, pelo Altos (PI), no Piauí. Com um ponto ganho, o Cancão de Fogo, que recebe o Maranhão (MA) no Adauto Moraes, no dia 26, também ocupa a lanterna do seu Grupo, o A5, com um ponto ganho.

FBF divulga tabela e regulamento da Série B do Baianão 2016

FBF

4064,fbf-divulga-tabela-e-regulamento-da-serie-b-do-baianao-2016-3

Após a Reunião do Conselho Técnico, quando ficaram definidos os últimos detalhes da competição, a Federação Bahiana de Futebol (FBF) divulgou, nesta quinta-feira (12), regulamento e tabela do Baianão Série B de 2016. A competição será disputada entre 10 de julho e 25 de setembro.

Nesta edição, seis clubes disputam uma única vaga na elite do estadual de 2017. Atlético de Alagoinhas, Atlântico, Associação Atlética Teixeira de Freitas, Catuense, Juazeiro e Ypiranga ficarão em um mesmo grupo, onde na fase de classificação se enfrentarão em jogos de ida e volta com pontos corridos. O primeiro e segundo colocados do grupo avançam à final, onde também se enfrentarão e partidas de ida e volta. O campeão garantira o acesso à Série A.

Com a divulgação antecipada, a FBF atende ao que determina a Lei Nº 10.671/03 do Estatuto de Defesa do Torcedor, que estabelece prazo de 60 dias para a publicação na íntegra do regulamento e das tabelas do campeonato, contendo as partidas a serem realizadas.

Confira a primeira rodada
10/07/
Domingo
16:
Teixeira de Freitas x Atlético
Catuense x Ypiranga
Atlântico x Juazeiro

Campeão, Vitória domina lista dos melhores do Campeonato Baiano 2016

Bahia Notícias

IMAGEM_NOTICIA_5

Dona do título do Campeonato Baiano de 2016, a equipe do Vitória foi representada em sua maioria na seleção do certame estadual, que foi divulgado na noite desta segunda-feira (9), durante evento realizado em Salvador. A escolha foi feita a partir dos votos de membros da imprensa da Bahia.

O rubro-negro baiano teve sete representantes na seleção: o goleiro Caíque, o zagueiro Ramon os volantes Amaral e Willian Farias, o atacante Marinho, o preparador físico Ângelo Alves e o técnico Vagner Mancini.

O Bahia, que foi o vice-campeão, contou com três nomes da sua equipe: o volante Juninho e os atacantes Hernane Brocador e Edigar Junio.

O “craque da galera” do certame estadual foi o atacante Marinho, do Vitória. O rubro-negro também ganhou o prêmio de gol mais bonito, feito por Diego Renan, contra a Juazeirense, pelas semifinais da competição.

Confira a lista dos melhores do Campeonato Baiano 2016:
Goleiro: Caíque (Vitória)
Lateral-direito: Edson (Fluminense de Feira)
Zagueiro: Alysson (Fluminense de Feira)
Zagueiro: Ramon (Vitória)
Lateral-esquerdo: Diego Renan (Vitória)
Volante: Amaral (Vitória)
Volante: Willian Farias (Vitória)
Meia-direita: Juninho (Bahia)
Meia-Esquerda: Marinho (Vitória)
Atacante: Hernane (Bahia)
Atacante: Edigar Junio (Bahia)
Técnico: Vagner Mancini (Vitória)
Demais premiações:
Artilheiro: Nino Guerreiro (Juazeirense)
Craque da galera: Marinho
Revelação: Caíque (Vitória)
Preparador físico: Ângelo Alves (Vitória)
Gol mais bonito: Diego Renan (Vitória)
Melhor árbitro: Emerson Ricardo
Melhores auxiliares: Carlos Eduardo Bregalda Gussen e Marcos Welb
Árbitro revelação: Ricarly Gustavo
Time Fair Play: Galícia
Goleiro menos vazado: Jair (Fluminense de Feira)
Melhores torcidas do interior: Guanaraça (Flamengo de Guanambi) e Jegue de Ouro (Jacobina)
Melhores torcidas da capital: Bamor (Bahia) e Imbatíveis (Vitória)

Vitória segura pressão do Bahia e é campeão

atarde

650x375_bavi_fonte-nova_1633659

Depois de bater o Bahia há uma semana por 2 a 0 no Barradão, o Vitória entrou em campo neste domingo, 8, com a vantagem de perder por 1 a 0 para o rival que, ainda assim, conquistaria o título estadual. E foi o que aconteceu. Em um duelo cercado de jogadas ríspidas e confusões, o Rubro-Negro perdeu na Fonte Nova, mas se sagrou campeão do Baianão 2016. O único gol da partida foi marcado por Feijão, aos 21 minutos do primeiro tempo.

A partida começou em um ritmo eletrizante, como sempre é esperado num Ba-Vi. Logo aos 30 segundos de partida, Feijão levou os marcadores na raça e tocou para João Paulo. O camisa 11 bateu cruzado, e a zaga rubro-negra afastou para escanteio. A jogada esquentou os ânimos da torcida tricolor na Fonte Nova.

Seguindo um esquema ofensivo, o Bahia seguiu pressionando o Vitória. Aos 17, Danilo Pires quase marcou após passe de João Paulo. A pressão continuou e o gol do Bahia ocorreu quatro minutos depois, quando Thiago Ribeiro fez bela jogada individual e tocou para Feijão. O volante apareceu como elemento surpresa e empurrou a bola para o fundo das redes.

Após Feijão abrir o placar, os reservas da dupla Ba-Vi trocaram empurrões na beirada do campo. Na ocasião, o árbitro Leandro Pedro Vuaden expulsou o goleiro Jean, do Bahia.
Como também era esperado, o clássico foi marcado por lances ríspidos. Até fim do primeiro, foram distribuídos oito cartões amarelos, sendo metade para cada lado: Tinga, Éder, Thiago Ribeiro e Hernane, pelo Tricolor; e José Welison, Marinho, Vander e Amaral, pelo Rubro-Negro.

No segundo tempo, o técnico Vagner Mancini fez ajustes táticos e o Vitória se acertou em campo. Aos quatro minutos, Kieza ficou cara a cara com Lomba, mas finalizou em cima do goleiro. A resposta tricolor veio com Danilo Pires, que arriscou chutaço de fora da área, mas Caíque espalmou para fora. Logo em seguida, o arqueiro do Leão fez outra ótima defesa após cabeçada de João Paulo Gomes.
A partir dos 26 minutos, Doriva também promoveu mudanças táticas ao colocar Henrique no lugar de Danilo Pires. Com três atacantes, o Bahia ganhou mais volume de jogo, mas não conseguiu ter a eficiência para furar a defesa adversária.

Jogadores e comissões técnicas de ambos os clubes voltaram a mostar os ânimos exaltados com troca de empurrões, já no final da partida. Por conta da confusão, o árbitro expulsou o zagueiro Lucas Fonseca e o lateral Diego Renan.

outdoor_pq

Reverter vantagem seria feito inédito para o Bahia

Atarde

650x375_bavi-barradao_1633262

No domingo, 8, às 16h, na Fonte Nova, os arquirrivais Bahia e Vitória fazem o 32º confronto decisivo de Campeonato Baiano entre eles. O Vitória, que venceu a partida de domingo passado por 2 a 0, no Barradão, joga podendo perder por até um gol de diferença para levar a taça.

Já o Bahia, dono da melhor campanha, será campeão com qualquer triunfo por dois gols de vantagem.

Só uma vez o time que chegou à ultima partida com a vantagem do empate não foi campeão. Foi em 1972, ano em que, pelo regulamento, o Vitória precisaria vencer as duas partidas. Fez 2 a 1, depois 3 a 1 e levantou a taça. O Bahia, por sua vez, nunca conseguiu o feito que necessita no domingo.

Antônio Pena é eternizado com nome no troféu do Baianão 2016

FBF

pena (2)

Não há como falar da história do futebol baiano e não lembrar de Antônio Pena. Durante seus 86 anos de vida, o baiano de São Sebastião do Passé dedicou grande parte ao esporte mais amado pelos brasileiros.

Em 1º de janeiro de 1974, ele fundou a Associação Desportiva Catuense, um dos clubes mais tradicionais do estado, que mais tarde, em 2001, passou a se chamar Catuense Futebol S/A. Como presidente e presidente de honra. Pena ajudou o clube a conquistar uma Taça Estado da Bahia, em 2001; uma Taça Cidade de Salvador, em 1987, e um Campeonato Baiano do Interior, em 2004, e uma Segunda Divisão do Baianão, em 1980.

Ainda com a incansável luta do ex-dirigente, a Catuca, como é carinhosamente chamada por seus torcedores, ficou conhecida nacionalmente ao chegar ao 4º lugar de uma Série B de Campeonato Brasileiro, em 1989 e 1990, e um 4º lugar de Série C do Brasileiro, em 1994

Mas, a Catuense brilhou ainda mais e colaborou com o futebol ao formar atletas. De lá, saíram craques como Bobô, Sandro, Luiz Henrique, Vandick, Zanata, Naldinho e Renna.

Além do futebol, Pena também nutriu amor pela política. Ele foi prefeito de Catu em dois mandatos. Já como empresário, foi dono da empresa de transportes Viação Catuense.

Querido por todos no futebol baiano, Antônio Pena deixou um sentimento de saudade no coração de muitos dirigentes e torcedores, que se tornaram seus amigos, no dia 6 de fevereiro de 2016. Após 15 dias de internamento em um Hospital de Salvador, ele faleceu vítima de um acidente de carro.

A história de brilho e sucesso de Pena no futebol lhe rendeu algumas homenagens ainda em vida. A principal delas foi a inauguração do Estádio que levou seu nome, Antônio Pena, em Catu, em 1996. Na partida de inauguração, a Catuense venceu o Peñarol, do Uruguai, por 2 a 1.

Mas, chegou a hora de homenagear e eternizar Antônio Pena in memoriam, no maior campeonato Estadual do Norte/Nordeste do país. A diretoria da Federação Bahiana de Futebol decidiu dar à taça de Campeão Baiano de 2016 o nome de “Troféu Antônio Pena (in memoriam)”.

Uma homenagem simples, mas significativa para sua família, sua viúva, Maria Pena, os quatro filhos e nove netos, entre eles Roberto Pena, atual presidente da Catuense. “É o mínimo que poderíamos fazer para homenagear esse grande homem, político e desportista que foi Antônio Pena. Um grande amigo, que colaborou e muito com o futebol baiano. Ele merece todas as formas de homenagens”, disse o presidente da FBF, Ednaldo Rodrigues.

Judo Clube Yama Arashi marca presença na terceira etapa do Circuito Baiano de Judô

Por Alexandre Trindade

foto 2 alexandre trindade

Acontecerá no Centro Pan-americano de Judô na cidade de Lauro de Freitas – BA, nos dias 29 e 30 de Abril as disputas da 3ª Etapa do Circuito Baiano de Judô.

Os atletas conquistenses ACACIO GUIMARÃES, ALEXANDRE TRINDADE, ERICK BAHIA, CLAÚDIA FRANCO E SOPHIA GUIMARÃES e o Sensei VICTOR RENOIR como técnico da delegação, estarão participando dessa importante competição.

O judoca ALEXANDRE TRINDADE vem obtendo bons resultados nas etapas anteriores, vai em busca de mais um pódio para se manter entre os primeiros do ranking baiano na categoria máster.

“Segundo o técnico Victor Renoir, os judocas do JUDO CLUBE YAMA ARASHIA estão aptos a representarem a nossa cidade nesta importante competição com grandes chances de subirem ao pódio.”

Enaltecendo Juazeirense, presidente do Flu destaca volta da ‘terceira força’ do estado

Bahia Notícias

IMAGEM_NOTICIA_5

Fluminense de Feira e Juazeirense decidirão a terceira colocação no Campeonato Baiano, no próximo domingo (1º). O jogo acontecerá com mando do Flu, no Eliel Martins, em Riachão do Jacuípe, às 16h. O presidente do clube, Gerinaldo Costa, enalteceu o trabalho feito pelo Cancão, mas celebrou o fato de ter voltado ao grupo dos melhores da Bahia.

“A Juazeirense vem há algum tempo se destacado no futebol baiano. Nós estamos voltamos nessa ascensão e ganhamos a Copa Governador em cima deles. Estamos retomando essa terceira força estadual que sempre foi nossa”, disse Costa, em entrevista ao Bahia Notícias.

O Fluminense de Feira não participava de uma semifinal do Baianão há sete anos. Após isso, o clube chegou a figurar durante dois anos na divisão de acesso do estadual.

Para voltar a ficar entre os três da Bahia, o Touro do Sertão precisa reverter a vantagem da Juazeirense. Por ter feito melhor campanha na primeira fase, o Cancão joga por dois resultados iguais, além de definir o confronto em casa.

13010866_763527323749434_1887758628180687307_n

Sucesso em 2015, “Musa do Baianão” está garantido em 2016

FBF

IMG_9209 (1)

Sucesso em 2015, o “Musa do Baianão” foi um espetáculo à parte no estadual daquele ano. A disputa entre as gatas foi um verdadeiro campeonato, que mexeu com torcedores e os próprios clubes.

Por isso, a fórmula que deu certo na temporada passada não poderia ficar de fora nesse ano. O “Musa do Baianão 2016” está garantido e já foi iniciado a todo vapor.

Nas últimas semanas, sete clubes já definiram suas representantes. Bahia, Bahia de Feira, Flamengo de Guanambi, Fluminense de Feira, Jacobina, Vitória da Conquista e Vitória já têm suas musas eleitas por seus torcedores.

Destes, o último a escolher foi o Leão. A jovem Julyana Olivieri foi a escolhida por quase 20 mil rubro-negros. O Touro do Sertão e o Beija-Flor do Sertão, estreantes no concurso, serão representados por Hevelynn Franco e Andressa Cardoso, respectivamente. O Jegue da Chapada, campeão do concurso em 2015, tentará o bicampeonato com a bela Laís Santana. Já o Esquadrão, o Tremendão e o Bode serão representados pelas jovens Carolina Cerqueira, Leticia Antunes e Gal Novais, respectivamente.

Nos próximos dias será a vez de Juazeirense, Jacuipense, Colo Colo, Feirense e Galícia definirem suas gatas para o concurso. Até o final da próxima semana, a Federação Bahiana de Futebol apresentará todas as 12 candidatas ao título de Musa do Baianão.

Já a grande vencedora desta segunda edição do concurso será conhecida no próximo dia 5 de maio, durante um evento em local ainda a ser definido pela FBF.

Musa de 2015 – Em 2015, a vencedora do Musa do Baianão foi a jovem Bianca Carvalho. A representante do Jacobina superou na decisão final as gatas Luana Santos, do Vitória da Conquista, e Naiane Oliveira, do Vitória, segunda e terceira colocadas, respectivamente.

A ganhadora levou para casa, além do título de musa do maior campeonato estadual do Norte/Nordeste do país, um cheque no valor de R$ 10 mil. Já a segunda e terceira colocadas, respectivamente, receberam cheques de R$ 5 mil e R$ 2.500.







WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia