WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte




vitoria da sorte

outubro 2021
D S T Q Q S S
« set    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  



drupal counter

:: ‘campeão’

Botafogo-PB bate Juventude e conquista título histórico na Série D

Gazeta Esportiva

dsc_0284

De maneira emocionante, o Botafogo-PB contou com a força de sua torcida para vencer o Juventude por 2 a 0 e conquistar o título da Série D do Campeonato Brasileiro. Com a vitória neste domingo, o time reverte a desvantagem de 2 a 1 da partida no Rio Grande do Sul e se torna a primeira equipe da Paraíba a levantar o caneco de uma competição nacional.

Curiosamente, o Botafogo-PB não disputava uma edição do Campeonato Brasileiro há sete anos. O time só ganhou o direito de jogar a Série D depois de acabar com jejum de dez anos e conquistar o Campeonato Paraibano, no primeiro semestre.
Os donos da casa começaram melhor a decisão no Almeidão. Após duas boas chances desperdiçadas em seguidos escanteios, o zagueiro uruguaio Mario Larramendi aproveitou cobrança de Pio e cabeceou com força para abrir o placar.

Ciente de que um empate o daria o título, o Juventude lançou-se ao ataque e deixou o jogo aberto em João Pessoa. Apesar disso, a única boa chance do time gaúcho no primeiro tempo veio apenas a dois minutos do fim, quando Rogerinho acertou a trave.

Dramática, a segunda etapa seguiu com boas chances para os dois lados. Após uma blitz inicial, o Juventude viu o Botafogo-PB melhorar com a entrada do ídolo Warley, que botou fogo na partida e quase ampliou o marcador logo em seu primeiro lance.

Nos minutos finais, o Juventude pressionava em busca do empate e quase marcou em duas oportunidades nos acréscimos. Em um contra ataque mortal, porém, Rafael Aidar apareceu livre na área do rival e tocou na saída do goleiro para confirmar o título histórico do Botafogo-PB.

Jurema vence o Juventude e fica com o título no Ipanema

Por Luciano Pina

IMG_6888

Em final que foi prestigiada por um bom número de torcedores, o Jurema venceu o Juventude do bairro Cidade Modelo, pelo placar de três a dois, na manhã deste domingo (13) e conquistou o título de campeão do Campeonato de Futebol Society do bairro Ipanema, promovido pelo Paty Assessoria Esportiva Marketing.

Buba abriu o placar para o Jurema aos doze minutos do primeiro tempo. Eduardo empatou aos dezenove. Na segunda etapa, Todinho aos seis e nove minutos marcou para o Jurema. Maicon aos vinte e seis descontou para o Juventude.

IMG_6887

Participaram da partida os seguintes atletas: Tiago, Alequison, Luciano, Todinho, Cladson, Buba, Felipe, Adriano, Marquinhos, Cal de Lídio, Henrique, Joel, Adriano Amorim, Isaac, Marcos Alves, Bel, João Henrique e Bruno.

IMG_6886

Já pelo Juventude: Luiz Carlos Brito, Rogério, Paulo César, Renato, Jean, Leandro Silva, Marcos dos Santos, Maicon, Rafael, Eduardo, Wallas e Leandro.

IMG_6884

Além de um lindo troféu a equipe do Jurema ganhou a quantia de R$2.000,00. Já o time do Juventude ficou com o troféu de vice e a quantia de R$1.000,00.

Pradoso é campeão

Por Luciano Pina
Fonte e foto Esportes do Sudoeste

pradoso

Aconteceu na manhã deste domingo (22), a final do Campeonato de Futebol Society do Pradoso, organizado por Pedrão, que faleceu antes de começar a competição.

A decisão foi disputada pelo time do Pradoso contra a equipe do Sobradinho. No final a equipe da casa venceu pelo placar de um a zero e ficou com o título. O gol foi marcado pelo jogador Janver cobrando falta.

Antes da decisão as duas equipes homenagearam Pedrão pelo belo trabalho prestado ao futebol do Pradoso.

Mais de duas mil pessoas compareceram para prestigiar a final.

Voleibol feminino da AABB sagrou-se campeão na cidade de Jequié

Por Alexandre Trindade

SAM_0848

A equipe de voleibol feminino da AABB conquistou o primeiro lugar na 1ª Copa de Voleibol Feminino de Jequié neste último final de semana.

A equipe venceu as partidas contras equipes de Brumado e Jequié, dando o pontapé inicial da preparação para os jogos da Fenab que acontecerá na cidade de Alagoinhas nos dias 21 e 22 de Setembro.

banner1

Verdão ‘vence’ turno, mas decepciona e fica no 0 a 0 com Chapecoense

Gazeta Esportiva

t_95308_sem-valdivia-mendieta-teve-pouca-ajuda-de-felipe-menezes-e-tambem-nao-fez-o-suficiente-para-vencer

Bastava ao Palmeiras não perder da Chapecoense, nesta terça-feira, no Pacaembu, para terminar o primeiro turno da Série B do Brasileiro em primeiro lugar. E fez só isso. Com uma atuação decepcionante, o Verdão não foi além do 0 a 0 e completou seu quarto jogo consecutivo sem vitória. Por isso, saiu vaiado de campo.

Foi o segundo empate seguido dos comandados de Gilson Kleina, que ficaram no 2 a 2 com o Ceará no sábado e, antes, perdeu para o Boa pela segunda divisão nacional e para o Atlético-PR, sendo eliminado da Copa do Brasil. Apesar da queda de produção, a equipe chegou a 42 pontos em 19 partida na Série B, deixando a Chapecoense com 40.

O desempenho diante do vice-líder foi sofrível, a ponto de Juninho e Tiago Alves protagonizarem lance bisonho trombando quando ambos não tinham nem adversário próximo. Só Luis Felipe, com cruzamentos e cobranças de falta, e Fernando Prass, que chegou a fazer milagre, se salvaram nesta noite.

O Palmeiras tenta reencontrar a vitória no sábado, em visita ao Atlético-GO, em Goiânia, para jogar às 18h15 (de Brasília). O Chapecoense tentará continuar pressionando o líder fazendo sua parte na sexta-feira, em Santa Catarina, diante do Boa, às 21h50

Outros resultados
Boa Esporte Clube 0 x 0 Avaí
Icasa 0 x 3 Paraná Clube
Joinville 1 x 1 Ceará
Paysandu-PA 2 x 0 Sport
Guaratinguetá 2 x 0 Atlético-GO
Figueirense 2 x 1 Bragantino
ABC 2 x 1 América-MG
São Caetano 3 x 0 ASA
Oeste 4 x 1 América-RN

Campeonato Municipal poderá ter campeão inédito este ano

Por Luciano Pina

A equipe do Santos é quem mais ganhou título no municipal

A equipe do Santos é quem mais ganhou título no municipal

Seis equipes ainda brigam pelo título de campeão do Campeonato Municipal de Futebol, promovido pela Liga Conquistense de Desportos Terrestres – LCDT.

Comercial e Maru já estão garantidas nas semifinais. enquanto que Santos, Kadija, Moicana e Juventus disputam as outras duas vagas.

Na tarde deste sábado (31), Santos ou Kadija deixará a disputa pelo título. Já na manhã de domingo (1º), será a vez de Moicana ou Juventus.

Nas semifinais o vencedor de Santos e Kadija confronta contra o Maru. Já o de Moicana e Juventus jogará contra o Comercial.

Dessas equipes apenas Santos e Comercial já conquistaram títulos na competição da Mentora Conquistense. O Santos ostenta doze títulos conquistados e o Comercial cinco.

As jovens equipes do Maru, Kadija, Moicana e Juventus querem entrar para a seleta galeria de times que já foram campeões municipais.

Cabe ao torcedor comparecer no estádio Murilão e conferir de perto a disputa pelo título.

Time do Periquito vence o Olímpico e fica com o título no Capinal

Por Luciano Pina

Child Holding Trophy

O time do Periquito conquistou na manhã deste domingo (25), o título de campeão do Campeonato Aberto do Distrito do Capinal.

Na grade final, o time venceu o Olímpico pelo placar de dois a um. Tiago e Binho do IBC marcaram no primeiro tempo. Romário descontou na segunda etapa.

O confronto foi arbitrado por Rosalvo Mota, auxiliado por Dorivaldo Pereira (Dori) e Rinaldo Rodrigues.

Um grande número de torcedores compareceram para prestigiar o evento.

Barcelona é campeão do Campeonato Aberto do Adelmário

Por Luciano Pina

É Campeão

O time do Barcelona sagrou-se campeão do Campeonato Aberto do Adelmário Pinheiro, promovido pelo ex-jogador Mamá.

Na final realizada na manhã deste domingo (11), a equipe venceu Os Malas, pelo placar de um a zero. O gol do título foi assinalado pelo zagueiro Sérgio (contra).

Após o jogo o time do Barcelona comemorou junto com sua torcida com muita cerveja e churrasco.

Um grande número de torcedores prestigiaram a final.

América vence Brasil e fica com o título do Campeonato de Máster do Capinal

Por Luciano Pina

É Campeão

Aconteceu na manhã deste domingo (4), no Capinal, a final do Campeonato de Máster da localidade, promovido por Rosalvo Mota.

O time do América conquistou o título ao vencer o Brasil da Limeira pelo placar de dois a um.

Além de um lindo troféu e medalhas patrocinados pela FBF, o América ainda levou a quantia de R$800,00, para fazer a festa.

Um grande número de torcedores compareceram para prestigiar a final

Galícia é campeão da 2ª Divisão do Baianão 2013

FBF

IMAGEM_NOTICIA_0

O Galícia é o campeão da Segunda Divisão do Baianão 2013. O Granadeiro venceu a Catuense por 2 a 0, neste sábado (27), em Pituaçu, e fechou com chave de ouro a campanha que o levou de volta à elite do futebol baiano após 14 anos.

Milhares de apaixonados marcaram presença no estádio e viram o Azulino fazer a festa com os gols de Diego Higino e Alemão. No jogo de ida, o time soteropolitano já havia vencido a Catuca, mas por 2 a 1, em Alagoinhas.

Esse é o 17º título da história do clube e o terceiro da Segundona. A equipe do Parque Santiago de Compostela havia vencido o certame em 1985 e 1988.

ccancer

Nos pênaltis, Atlético-MG bate Olímpia e leva Libertadores pela 1ª vez

Terra

27joronaldinhofestarmatsukawaterra

Com a superação que marcou a equipe na fase final, a força de mais de 60 mil torcedores e muita emoção, o Atlético-MG conquistou, na noite desta quarta-feira, seu primeiro título da Copa Libertadores. Derrotado no jogo de ida, o time fez 2 a 0 no tempo normal e passou pela prorrogação antes de, nos pênaltis, levar a melhor. Com vitória por 3 a 2, quebrou o jejum e levou o título continental.

Com o feito, o Atlético-MG quebra um jejum de conquistas de alta relevância que durava 42 anos – a última havia sido o Brasileiro de 1971. O time conquistou a Copa Conmebol em 1992 e 1997, mas sequer havia chegado a uma decisão de Copa Libertadores. Além disso, quebra também a pecha de “vice” que o técnico Cuca carrega há alguns anos, por conta dos títulos perdidos – com o clube alvinegro, por exemplo, foi 2º colocado na última edição do Brasileiro.

A vitória impede que o Olimpia amplie sua força continental. O time paraguaio soma três títulos, conquistados em 1979, 1990 e 2002. Depois de vencer por 2 a 0 no Estádio Defensores del Chaco, esteve próximo de confirmar o tetra – uma derrota por 1 a 0 seria suficiente -, mas teve Manzur expulso no final do jogo, levou o segundo gol de Leonardo Silva e sofreu para passar pela prorrogação. Nos pênaltis, não resistiu e acabou derrotado.

O Atlético-MG entrou em campo precisando repetir o feito da semifinal, contra o Newell’s Old Boys, e vencer por três gols de diferença – dois para levar aos pênaltis, como de fato ocorreu. Diante dos argentinos, fez gol logo no começo do jogo. O Olimpia veio preparado, no entanto, e soube conter os avanços da equipe, que teve no primeiro tempo presença tímida de um de seus principais jogadores: Ronaldinho.

A primeira chance, logo aos 2min, animou a torcida: um chute cruzado e rasteiro dado por Diego Tardelli pela direita, mas fora do alcance de Jô e Bernard. Aos 9min, Ronaldinho chutou forte de fora da área, e Martín Silva espalmou. E foram essas as oportunidades mais claras. Sem conseguir se encontrar, o Atlético-MG ainda se viu à mercê dos contra-ataques perigosos do Olimpia, que assustou o torcedor no Mineirão.

Aos 14min, por exemplo, Salgueiro lançou Bareiro, que correu entre a zaga e invadiu a área, mas bateu mal, rasteiro e fácil para a defesa de Victor. Aos 33min, Silva recebeu na ponta esquerda, limpou a marcação de Leonardo Silva e bateu cruzado, mas mais uma vez o goleiro brasileiro foi bem. O primeiro tempo terminou com gritos de “eu acredito”, mesmo com a dificuldade que o Atlético-MG teve para criar e ameaçar.

No segundo tempo, essa postura mudou. Isso porque, ainda no primeiro minuto, Jô aproveitou falha de Pittoni, que “furou” ao tentar cortar cruzamento de Rosinei, para chutar rasteiro e forte, abrindo o placar. O gol incendiou o Mineirão. Pouco depois, aos 3min, Jô recebeu passe em cobrança de lateral pela esquerda da área, tirou a marcação e cruzou para Tardelli com o goleiro já vencido, mas a zaga afastou de cabeça. A pressão seguiu, desta vez sem dar brechas ao visitante.

Aos 15min, Michel cruzou da esquerda e Leonardo Silva cabeceou, mas a bola tocou o travessão e passou longe do alcance de Diego Tardelli. Aos 19min, Jô achou Junior Cesar livre na esquerda; ele invadiu a área em velocidade, mas chutou fraco, e Martín defendeu. Cinco minutos depois, Ronaldinho cobrou falta de longe e Leonardo Silva desviou, mas Martín salvou mais uma vez.

A partida no Mineirão teve momentos pouco críveis nos dramáticos minutos finais. Primeiro aos 33min, quando Ronaldinho bateu da entrada da área, Martín Silva fez excelente defesa e, com o gol aberto, Diego Tardelli chutou por cima – enquanto isso, o assistente anotava posição de impedimento. Depois, aos 37min, Ferreyra recebeu passe em profundidade e viu Victor sair da área e errar o corte; com o gol vazio, escorreu ao tentar dominar para matar o jogo.

Aos 39min, Manzur se jogou na frente de Alessandro, que tentava dar um chapéu em alta velocidade, recebeu o segundo amarelo e foi expulso. O Atlético-MG foi ainda mais para cima e finalmente chegou ao gol. Aos 41min, Leonardo Silva mais uma vez foi mais alto que os adversários em um cruzamento – desta vez dado por Bernard – e tocou no contrapé do goleiro Martín Silva para fazer o gol que levou a partida para a prorrogação.

Na prorrogação, o Atlético-MG foi ainda mais incisivo no ataque e quase não permitiu ao Olimpia cruzar a linha do meio-campo. Aos 8min, Réver subiu em cobrança de escanteio e cabeceou para mandar a bola no travessão. No lance seguinte, Guilherme tentou cruzar pela direita e quase fez por cobertura, mas Martín Silva espalmou, confirmando sua grande atuação no Mineirão.

No segundo tempo, as chances claras apareceram menos, embora a pressão tenha sido igual. Por outro lado, o Atlético-MG levou um grande susto. Aos 9min, Leonardo Silva fez falta na entrada da área. Pittoni, autor do segundo gol no jogo de ida justamente em uma cobrança, mandou a bola rente à trave direita de Victor. O anfitrião tentou evitar, mas novamente levou a decisão para as penalidades.

Na decisão, Victor pegou um pênalti e viu Giménez desperdiçar a quinta cobrança, dando vitória por 4 a 3.

Atleta conquistense ganha título de Campeão Mundial no Jiu-Jitsu

Blog da Resenha Geral

grand-slam-300x200

Um atleta de Vitória da Conquista acaba de se destacar no cenário mundial pelo excelente desempenho no esporte. O conquistense Hiago Gama recebeu hoje (31) nos Estados Unidos o título de Campeão Mundial de Jiu-Jitsu no Mundial de Jiu-Jitsu 2013.

Com apenas 21 anos, Hiago Gama ganhou os quatro principais eventos de Jiu-Jitsu do ano. O Europeu 2013, o Pan-Americano, o Brasileiro e agora o Mundial. Ele disputou a final entre os plumas azuis e venceu a divisão, se tornando campeão do grand slam, termo no esporte utilizado quando é realizado um feito especial em uma categoria. Neste caso, por levar o ouro em todos os campeonatos importantes em uma única temporada.

Após fazer a melhor campanha para um faixa-azul com sete lutas e seis finalizações, Hiago Gama recebeu a faixa roxa. Hiago superou mais de 80 concorrentes na faixa-azul.

comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia