WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  



drupal counter

:: ‘CIELO’

Cielo bate recorde sul-americano de novo e fatura o ouro nos 100m livre

Fonte: Globo Esportes


Cesar Cielo nadou de sunga a semifinal dos 50m
borboleta, neste sábado (Foto: Satiro Sodré / CBDA)

Cesar Cielo bateu mais um recorde sul-americano de piscina curta no Troféu José Finkel. Depois de estabelecer uma nova marca ao nadar as semifinais dos 100m livre em 46s13, o campeão olímpico se superou e fez 45s87 neste sábado, na final da prova, e conquistou a medalha de ouro para o Clube de Regatas do Flamengo.

Ao sair da piscina, o campeão e recordista mundial dos 50m e 100m livre em piscina de 50m, se sentiu mal e disse não concordar com a ordem em que as provas são disputadas no José Finkel.

– Estou me sentindo bem mal, quase caindo. Acho que precisam repensar essa ordem de provas para não colocarem as provas de velocidade no início do programa. O corpo não está esperando receber um choque desses. A gente não está tão acordado quanto deveria. Os tempos estão saindo, mas vai chegando perto do fim da semana, o corpo vai pesando mais. :: LEIA MAIS »

Consagrado, Cielo quer folga da natação: ‘Até vou à praia, mas sem mergulhar’

Fonte: Globo Esportes


Cielo recebe o troféu de melhor atleta do ano das mãos do presidente Lula no Maracanãzinho

Após bater dois recordes mundiais, aumentar sua coleção de ouros e ganhar o Prêmio Brasil Olímpico como melhor atleta do país em 2009, Cesar Cielo quer esquecer as braçadas por um tempo. Na cerimônia desta segunda-feira, no Maracanãzinho, o campeão afirmou que pretende tirar férias e não quer saber de nadar nem mesmo na praia, por diversão.

– Agora só penso em descansar minha cabeça. Quero ficar um bom tempo sem ver aquela linha preta (no fundo da piscina). Não vou querer saber de nadar por um bom tempo. Já até prometi ir à praia, mas não vou mergulhar – brincou Cielo.

O nadador confirmou o favoritismo na noite de segunda-feira e superou Diego Hypolito e Torben Grael na votação popular.

– É uma honra ganhar esse prêmio. Cada conquista é uma sensação diferente. Bater o recorde mundial é uma sensação, ganhar o prêmio aqui é outra. Eu até tinha pensado em algumas coisas para falar aqui, mas na hora nem consegui. Estou muito satisfeito por ter vencido em dois anos seguidos, sendo o terceiro seguido da natação (Thiago Pereira ganhou em 2007) – afirmou o campeão.

Cielo fez questão de elogiar os concorrentes.

– Mesmo que eu tivesse perdido o prêmio, não teria como ficar triste. Não seria uma derrota, porque eu também gostaria de ser um tetracampeão como o Diego ou o maior medalhista olímpico como o Torben – avaliou.

Tempo nos 100m anima Cielo a buscar o recorde mundial também nos 50m livre

Fonte: Globo Esportes


Cesar Cielo quer recorde mundial nos 50m livre

Cesar Cielo já coleciona em seu currículo um título olímpico (50m livre), dois ouros mundiais (50 e 100m livre) e um recorde mundial (100m livre). Mas nem assim a estrela da natação brasileira parece satisfeita. No Torneio Open de Natação, que está sendo realizado até domingo na piscina do Pinheiros, em São Paulo, Cielo quer aproveitar a despedida dos supermaiôs para somar também a marca planetária dos 50m livre.

No Mundial de Roma, em julho deste ano, Cielo já bateu o recorde mundial dos 100m livre, com o tempo de 46s91. O ouro nos 50m, entretanto, não veio acompanhado da melhor marca da história. O brasileiro venceu a final na Itália com o tempo de 21s08, menos de vinte centésimos de segundo do recordista Frederick Bousquet (20s94). Agora, porém, ele vê mais uma boa oportunidade de alcançar seu objetivo. :: LEIA MAIS »

Cielo será homenageado com parque aquático em Santa Bárbara d’Oeste

Fonte: Globo Esportes


Cielo conhece o projeto do parque aquático que receberá seu nome em Santa Bárbara d’Oeste

Depois de duas medalhas olímpicas, dois ouros no Mundial e a recepção do presidente Luis Inácio Lula da Silva, Cesar Cielo receberá mais uma homenagem às suas conquistas. Em visita à sua cidade natal, Santa Bárbara d’Oeste, no interior de São Paulo, o nadador foi convidado pelo prefeito Mário Heins para conhecer o projeto do Parque Aquático, que receberá seu nome.

O complexo de aproximadamente 3.600 m² abrigará piscinas, quadras, salas de aula e também um Memorial com imagens da trajetória de Cielo, que servirá como “um exemplo para a futura geração”, segundo o prefeito da cidade. Após ver o projeto, Cielo elogiou a iniciativa.

– Sei que vai demorar alguns anos, mas será muito bom ter um centro com esta estrutura para, dentro de alguns anos, a seleção brasileira poder treinar aqui. De volta à Santa Bárbara d’Oeste, Cielo lembrou do início da carreira na cidade, mas afirmou que ainda não pretende voltar ao Brasil nos próximos anos.

Campeão, Cielo retorna ao Brasil e quer mais: ‘Isso é só o começo; 2012 promete’

Fonte: Globo Esportes


http://globoesporte.globo.com/Esportes/foto/0,,21596807-EX,00.jpg

César Cielo passeou pela Itália, curtiu a folga com a família, e pronto, acabou a vida de turista. De volta ao Brasil na noite desta sexta-feira, o campeão mundial dos 50m e dos 100m livre deixou claro que a fome de recordes ainda não está saciada. Ao contrário do que aconteceu após os Jogos de Pequim, quando só pensava nas férias, o Cielo pós-Roma já está de olho em novas conquistas e não vê a hora de cair na água novamente.

– Não estou satisfeito ainda, quero muito mais. Agora a pressão vai ser muito maior. Na natação, é você contra você. O tempo que eu tinha marcado na parede já acabou, não existe mais. Agora vou para baixo dos 20s. É só o começo, 2012 promete – afirmou Cielo, prevendo boas atuações nas Olimpíadas de Londres não só para ele, mas também para Felipe França, que conquistou a prata nos 50m peito em Roma e também participou da entrevista coletiva concedida na sede do clube Pinheiros nesta sexta-feira. :: LEIA MAIS »

Com banca de imperador, Cielo arranca ouro histórico nos 50m e conquista Roma

Fonte : Globo Esporte

Foram duas batidas no peito, que àquela altura já estava todo avermelhado. O sinal da cruz se repetiu quatro vezes, e o dedo indicador não parava de apontar para o céu. César Cielo tinha acabado de plantar uma certeza no Foro Itálico: quando os grandes estão dentro d’água, ninguém é mais rápido que ele. Após conquistar o ouro nos 100m livre, o brasileiro voltou a bater primeiro neste sábado, desta vez nos 50m, repetindo o feito dos Jogos de Pequim.

Com o tempo de 21s08, o recorde mundial não veio – “apenas” o do campeonato. O francês Frédérick Bousquet continua sendo o dono da melhor marca (20s94), mas ainda não foi desta vez que ele conseguiu bater na frente do brasileiro. Em Roma, Bousquet ficou com a prata (21s21), e o também francês Amaury Leveaux conquistou o bronze (21s25). Cielo não apenas repetiu a vitória de Pequim como baixou seu tempo em relação aos Jogos (21s30). :: LEIA MAIS »

Na ressaca dos 100m livre, Cielo vai à final dos 50m com o quarto melhor tempo

Fonte: Globo Esportes


Cielo e Bousquet ao fim da prova: os dois avançaram para a final dos 50m livre, neste sábado

Um dia após brilhar no Foro Itálico de Roma, César Cielo deu uma leve pisada no freio. Nas semifinais dos 50m livre, o brasileiro sentiu a ressaca do show que deu na véspera e ficou com o quarto melhor tempo (21s35). Ainda assim, avançou tranquilo para a decisão de sua prova favorita, no sábado. Nicholas Santos fez apenas o 10º melhor tempo e está fora da decisão.

Um dia após brilhar no Foro Itálico de Roma, César Cielo deu uma leve pisada no freio. Nas semifinais dos 50m livre, o brasileiro sentiu a ressaca do show que deu na véspera e ficou com o quarto melhor tempo (21s35). Ainda assim, avançou tranquilo para a decisão de sua prova favorita, no sábado. Nicholas Santos fez apenas o 10º melhor tempo e está fora da decisão.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia