WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
PMVC

outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  



drupal counter

:: ‘Corinthians’

Timão e Verdão lideram ranking de sócios há 7 meses

Terra

56d609e7b2daa

Líderes do Campeonato Brasileiro, Corinthians e Palmeiras já figuram há sete meses na ponta do Torcedômetro, ranking de sócios-torcedores entre os clubes brasileiros. Com quase 129 mil sócios, o Timão é o líder, enquanto o Verdão tem cerca de 126,6 mil sócios, de acordo com o Movimento por um Futebol Melhor.

A última vez em que os rivais do Dérbi não ocuparam juntos o topo foi no fim de novembro de 2015, quando o Internacional apresentava 147.800 sócios – o maior número até agora registrado. O Colorado, porém, hoje apresenta 112.756, segundo sua última atualização da base de dados.

Nos 12 meses do ano passado, o Fiel Torcedor foi o plano que mais angariou novos clientes, com 69.541 sócios. Já o Avanti, segundo colocado, ganhou 62.456 sócios.

Desde o fim de 2015, inclusive, o Top 10 do Torcedômetro do Movimento por um Futebol Melhor nunca se alterou. Uma mudança foi o crescimento do São Paulo, que ultrapassou a barreira dos 100 mil sócios, tomando o quarto lugar do Grêmio e incomodando o Internacional. A outra foram as subidas de Santos e Atlético-MG, que assumiram sétima e oitava colocações, respectivamente, jogando o Flamengo para o nono lugar.

Confira os 10 primeiros
1º-Corinthians
2º-Palmeiras
3º-Internacional
4º-São Paulo
5º-Grêmio
6º-Cruzeiro
7º-Santos
8º-Atlético-MG
9º-Flamengo
10º-Sport

Corinthians inicia vida sem Tite com derrota para o Flu

Terra

fluadalbertomarquesagifgp

Deu tudo errado para o Corinthians na noite desta quinta-feira, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. Na primeira partida sem o técnico Tite, mesmo fazendo um bom jogo e contando com uma defesa de pênalti de Cássio, o Timão viu Elias e Walter saírem lesionados, Yago ser expulso e foi derrotado pelo Fluminense por 1 a 0. O gol foi marcado por Cícero, no rebote da penalidade batida por ele próprio.

Outro ponto marcante foi a péssima arbitragem de Ricardo Marques Ribeiro e seus auxiliares, errando muito nas faltas e em alguns impedimentos claros. No lance capital, porém, o árbitro acertou, já que Yago puxou Cícero infantilmente na pequena área, quando a bola já saía pela linha de fundo.

Com o resultado, os tricolores alcançam os mesmos 13 pontos do Alvinegro, mas seguem atrás devido à diferença no saldo de gols (1 a 4). Os paulistanos saíram do G-4, agora atrás do Santos, também no saldo (5 a 4), ocupando a quinta colocação.

Na próxima rodada, os talvez ainda comandados de Fábio Carille vão receber a equipe do Botafogo, em duelo marcado para as 16h (de Brasília) do domingo, no estádio de Itaquera. Os cariocas, por sua vez, vão para o Recife, onde, no mesmo horário, enfrentam o Sport, na Ilha do Retiro.

Corinthians faz 3 a 0 na Ponte e garante primeira vitória no Brasileirão

r7

thumb.aspx

Dois golaços e uma vitória sem contestação por 3 a 0 dão um basta, ou ao menos uma pausa, na crise que já rondava o Corinthians de Tite. Esse é o significado prático do resultado conquistado diante da Ponte Preta nesta quinta-feira, no Itaquerão, pelo Campeonato Brasileiro. Os gols corintianos foram marcados por Kadu (ex-Grêmio), contra, Bruno Henrique e Guilherme.

A semana que antecedeu ao jogo foi tensa porque o Corinthians recebeu críticas após a derrota para o Vitória no domingo e pelo amargo jejum de cinco jogos sem vitórias (mais de um mês), período em que o time colheu duas eliminações (Paulistão e Libertadores).

O resultado fez com que o Corinthians subisse posições na tabela do Campeonato Brasileiro, se colocando no bolo das equipes que têm 4 pontos, onde está a Ponte Preta.

Corinthians empata e cai pela 5ª vez seguida em Itaquera

Terra

romerorodrigogazzanelfpderrota

O Corinthians não foi o time frio que prometia ser para ir além das oitavas de final da Copa Libertadores da América. Nesta quarta-feira, a equipe comandada por Tite repetiu o seu fracasso de 2015 – eliminação nesta fase do torneio continental logo após cair nos pênaltis nas semifinais do Campeonato Paulista – ao empatar com o uruguaio Nacional por 2 a 2 em Itaquera.

Havia tensão na Zona Leste de São Paulo antes mesmo de a bola rolar. A torcida organizada do Corinthians fez festa com o uso dos controversos sinalizadores, o que retardou o início do jogo. Pouco tempo depois, Nico López abriu o placar em um vacilo da defesa corintiana. A reação veio ainda no primeiro tempo, com Lucca, porém Romero (o uruguaio) reduziu as esperanças brasileiras no segundo. André ainda desperdiçou um pênalti – o sétimo da sua equipe em dez batidos no ano. Marquinhos Gabriel converteu o 11º no final.

Após considerar que tinha conquistado um bom resultado ao empatar por 0 a 0 com o Nacional em Montevidéu, portanto, o Corinthians não soube tirar proveito da “vantagem” para evitar a manutenção de um trauma recente. Já são cinco eliminações acumuladas em Itaquera – antes, o time parou em Palmeiras (Campeonato Paulista), Guaraní, do Paraguai, (Libertadores), Santos (Copa do Brasil) e mais recentemente Grêmio Osasco Audax (Paulista).

A queda desta semana foi ainda a sétima do Corinthians em uma oitavas de final de Libertadores, somando-se às de 1991, 2003, 2006, 2010, 2013 e 2015. Fora do torneio continental, os comandados do antes elogiado Tite precisarão se conformar em iniciar a defesa do título brasileiro do ano passado. A estreia na competição será contra o Grêmio, em Itaquera, no domingo de 15 de maio. Nesse período, o Nacional irá se preparar para enfrentar o vencedor do confronto entre Boca Juniors, da Argentina, e Cerro Porteño, do Paraguai.

13010866_763527323749434_1887758628180687307_n

Matar ou morrer: Corinthians recebe o Nacional e tenta avançar às quartas

Globo Esportes

57217038b76bb

Depois do empate sem gols, em Montevidéu, o Corinthians joga por uma vitória simples contra o Nacional, nesta quarta-feira, às 21h45, em Itaquera, para chegar às quartas de final da Taça Libertadores. A partida também vale como uma chance de reação do Timão às seguidas eliminações na arena em competições no formato de mata-mata.

Tite quer escrever uma nova história e deixar de lado as quatro quedas em casa – Paulistão 2015 e 2016, Libertadores 2015 e Copa do Brasil 2015. Para isso, o treinador aposta na base montada desde o início do ano e promove apenas o retorno do meia-atacante Giovanni Augusto, recuperado de uma lesão no tornozelo esquerdo.

Os uruguaios confiam no bom retrospecto como visitante nesta edição do torneio sul-americano. A equipe ainda não perdeu fora de casa e acumula dois empates e uma vitória. Se Corinthians e Nacional empatarem 0 a 0, a decisão será nos pênaltis. Empate com gols classifica os uruguaios Quem passar, pega Boca Juniors ou Cerro Porteño, nas quartas.

O trio de arbitragem é argentino. Nestor Pitana apita a partida. Os assistentes são Diego Bonfa e Cristian Navarro são os assistentes.

13010866_763527323749434_1887758628180687307_n

Corinthians não vai bem, mas consegue o empate contra o Nacional no Uruguai

r7

5b807dbcpx_1mor09t6qm_file

Terminou sem gols a primeira partida entre Corinthians e Nacional pelas oitavas de final da Copa Libertadores da América. Jogando no acanhado Parque Central, em Montevidéu, o Corinthians conseguiu barrar a pressão uruguaia, mas a seca de gols desta quarta-feira (27) poderá custar caro no jogo de volta em São Paulo em caso de empate.

Os dois times decidem as oitavas de final na próxima quarta-feira (4), na Arena Corinthians, em São Paulo. Uma vitória simples classifica o Timão.

O vencedor do confronto enfrenta nas quartas quem passar pelo duelo entre Boca Juniors e Cerro Porteño.

outdoor_pq

Pelas oitavas, Tite quer um Corinthians atento em Montevidéu contra o Nacional

r7

colombia_brazil_socce_amar4

O Corinthians pode ser considerado favorito no primeiro mata-mata da Copa Libertadores contra o Nacional, em Montevidéu. Mas a queda em 2015 diante do Guaraní, do Paraguai, também nas oitavas de final, serve como exemplo de como a competição sul-americana é traiçoeira. É por isso que o técnico Tite exige atenção total na partida desta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no estádio Parque Central.

No ano passado, abrindo as oitavas de final fora de casa, o Corinthians perdeu por 2 a 0 em Assunção, resultado que complicou a partida da volta no estádio Itaquerão, em São Paulo, com nova derrota (1 a 0).

Não perder nesta quarta-feira (e se possível não sofrer gols) é o principal objetivo do clube alvinegro, que vem de uma eliminação na semifinal do Campeonato Paulista e agora tem a Libertadores como principal foco, pelo menos até o início do Campeonato Brasileiro no dia 15 de maio.

O Corinthians chega às oitavas de final não sob pressão, mas com um certo incômodo por vacilos nos últimos mata-matas. Em 2015, caiu para o Guaraní e também diante do Palmeiras, na semifinal do Paulistão. E agora contra o Audax.

Tite, no entanto, afirmou que é preciso entender o contexto destas eliminações e não rotular a equipe, como “time de mata-mata” ou “time de pontos corridos” – sob seu comando, o Corinthians já ganhou todos os tipos de torneio, como Libertadores e Mundial de Clubes da Fifa e dois Brasileiros.

Audax elimina o Corinthians nos pênaltis e é finalista do Paulistão

r7

7aumc9ze74_40bw11q52u_file

Depois de colocar o Palmeiras na roda na fase inicial do Paulistão e de eliminar o São Paulo com goleada e olé, o Osasco Audax aprontou de novo neste sábado (23) e, depois de deixar a vitória escapar por duas vezes no tempo regulamentar — empate por 2 a 2 —, venceu por 4 a 1 nos pênaltis e se tornou finalista do Campeonato Paulista pela primeira vez.

Fágner, com um chute na trave, e Rodriguinho, que parou no goleiro Sidão, foram os vilões do vexame alvinegro diante de mais de 40 mil torcedores no Itaquerão.

o tempo normal, marcaram para o time presidido por Vampeta (que agora terá que dar um selinho na presidente Dilma Rousseff) o volante Bruno Paulo e o lateral Tchê Tchê, um em cada tempo. André fez os dois para o eliminado Corinthians.

13010866_763527323749434_1887758628180687307_n

Corinthians recebe surpresa Audax em duelo por vaga na final do Paulista

Globo Esportes

camacho-600x400

O Corinthians inicia neste sábado uma série de decisões que vai determinar o futuro do clube no primeiro semestre da temporada. E o primeiro adversário não é nada fácil. Grande surpresa do Campeonato Paulista, o Audax atropelou o São Paulo nas quartas de final e agora tenta derrubar mais um grande para chegar à inédita final. A bola rola a partir das 18h30, em Itaquera. O vencedor pega Santos ou Palmeiras na decisão.

Tite sabe que terá pela frente um rival complicado, principalmente pelo estilo de jogo implantado pelo técnico Fernando Diniz, com muita posse de bola e movimentação constante. Mesmo assim, o Timão continua como grande favorito a avançar. Jogando em casa, a equipe venceu as 12 partidas que disputou até o momento entre Paulistão e Libertadores.

O Audax joga para surpreender mais uma vez. Na fase anterior, o clube de Osasco goleou o São Paulo por 4 a 1 e confirmou a grande campanha. Desta vez, o time dirigido pelo ex-meio-campista tentará dar o troco no Corinthians. As equipes se enfrentaram na primeira parte da competição, e o Timão venceu por 1 a 0.

Corinthians reserva encerra fase de grupos com show e 6 x 0

Terra

corinthianseliasmaurohoritaagifgp

Sera totalmente desnecessário escalar titulares contra o Cobresal, na noite desta quarta-feira, como o técnico Tite chegou a cogitar. Não apenas porque o Corinthians já estava classificado para o mata-mata da Copa Libertadores da América, mas principalmente em função da fragilidade do time chileno. Em Itaquera, o líder do grupo 8 fez jus à disparidade técnica em relação ao lanterna e aplicou uma goleada por 6 a 0 (a sua maior no estádio, superando o 6 a 1 sobre o São Paulo) com os seus reservas.

O placar elástico foi configurado antes mesmo do intervalo da partida. Com dois gols de Marlone (um deles de voleio), um golaço do paraguaio Ángel Romero e outro anotado em chute de fora da área de Guilherme Arana, o Corinthians retornou para o vestiário tranquilo e festejado por sua torcida. No segundo tempo, mesmo diminuindo o ritmo, ampliou com Elias e outra vez com Romero.

O resultado deixou o Corinthians com 13 pontos ganhos, à frente de Cerro Porteño (10), Independiente Santa Fe (8) e Cobresal (3) e só à espera da confirmação do seu oponente nas oitavas de final da Libertadores. A preocupação agora é com o Campeonato Paulista. Às 18h30 (de Brasília) de sábado, os titulares de Tite disputarão a semifinal estadual contra o Grêmio Osasco Audax, de novo em Itaquera.

Corinthians goleia Red Bull Brasil e garante vaga nas semifinais do Campeonato Paulista

r7

684o594w6e_4t3j0vn52m_file

Os mais de 36 mil torcedores que estiveram na Arena Corinthians, neste sábado (16), viram um verdadeiro show de futebol. Com direito a golaços, o Corinthians goleou o Red Bull Brasil por 4 a 0 e se classificou para as semifinais do Campeonato Paulista.

A equipe comandada pelo técnico Tite não demorou muito para abrir o placar. Aos 17 minutos do primeiro tempo, Giovanni Augusto viu a defesa adversária tirar mal a bola vinda de cobrança de escanteio, aproveitou a chance e, com estilo, acertou um belo voleio. 1 a 0. O segundo tento dos donos da casa surgiu após bela tabela entre Elias e Fagner. A bola chegou em André que, mesmo desajeitado, não desperdiçou.

Se a vantagem da equipe ao fim do primeiro tempo já era confortável, ela ficaria ainda melhor na segunda etapa. Alan Mineiro, aos 11 minutos, aproveitou bobeada de Dráusio e tocou com categoria para marcar o terceiro. Mas não acabou por aí. Lucca, aos 23, recebeu do mesmo Alan Mineiro, bateu de primeira e, com um golaço, concluiu a festa corintiana.

Com a vitória, o Timão conquistou a vantagem de, caso vá à grande final, decidir o campeonato em casa.

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

Melhor do Paulistão, Corinthians recebe Red Bull Brasil pelas quartas de final

r7

ybfyp1gnk_pnwkaln9t_file

Dono da melhor campanha do Campeonato Paulista, o Corinthians terá que confirmar o seu favoritismo no Campeonato Paulista diante do Red Bull Brasil neste sábado (16) para chegar às semifinais do torneio. o palco do duelo será a Arena Corinthians, popularmente conhecido como Itaquerão, às 16h20.

Para o duelo contra o ‘Toro Loko’, o técnico Tite não deverá contar com o meia Rodriguinho, que está com uma lesão muscular na coxa e ainda não tem condições de jogo. Além dele, Danilo será outro desfalque do Timão. O atleta está com uma contratura muscular na panturrilha.

No Red Bull Brasil, o técnico Mauricio Barbieri depende apenas da confirmação da presença de Breno Lopes, lateral-esquerdo titular da equipe que está com um corte no queixo, para saber se terá a equipe completa para o jogo contra o Timão.

Vale lembrar que nesta fase da competição a vantagem do mandante é de apenas fazer o jogo em casa. Em caso de empate, o duelo será decidido nos pênaltis. Preocupado com a possibilidade, Tite treinou o fundamento durante a semana.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia