WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
PMVC

outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  



drupal counter

:: ‘esquece’

Vitória da Conquista esquece Copa do Brasil e foca no Baianão

Por Luciano Pina
Foto Eliezer Oliveira

1011614_609349579167210_7542832754872995428_n

A Copa do Brasil já ficou no passado. O foco agora do Vitória da Conquista é o Campeonato Baiano, onde o time enfrenta o Colo Colo neste domingo (8), ás 16 horas, no estádio Mário Pessoa, em Ilhéus.

Sem tempo para descanso, os jogadores do Bode já retornaram ao batente. Na tarde de hoje (6), foi realizado de um treino técnico na Toca do Bode.

Já na manhã desta sexta (6), os jogadores folgam e na parte da tarde o treinador Evandro Guimarães comanda no CT do Clube, o coletivo apronto que define o time que inicia a partida.

No sábado (7), pela manhã será realizado um treino recreativo na Toca e a tarde o elenco viaja para Ilhéus.

Com 11 onze pontos, o objetivo do Bode é vencer o Tigre para terminar a fase na primeira colocação e ter a vantagem na próxima fase.

Atlético-MG “esquece” vantagem e deve manter postura ofensiva na quarta

Uol

05052013---gilberto-silva-e-leonardo-silva-fizeram-gols-na-goleado-sobre-o-tombense-1367789990194_615x300

A vantagem conquistada pelo Atlético-MG com a vitória sobre o São Paulo, por 2 a 1, no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores, é deixada de lado pelos jogadores para a partida de volta, na quarta-feira, no Independência. O time mineiro não deve abrir mão da postura ofensiva.

“A vantagem, acho que quem está pensando são os torcedores, não vemos essa vantagem como ponto positivo, muito pelo contrário. Temos que ter mais atenção para que a equipe do São Paulo não possa nos surpreender. Foi bom o primeiro jogo, mas temos que esquecê-lo”, disse Réver.

O Atlético poderá perder por 1 a 0 nesta quarta-feira que ficará com a classificação para as quartas de final da Libertadores. Apesar da tranquilidade aparente, o alvinegro mineiro garante pensamento em conseguir novo triunfo diante do seu torcedor para sacramentar a classificação em alta.

O técnico Cuca poderá perder o zagueiro Leonardo Silva para a partida com o São Paulo, quarta-feira, às 22h, pela Libertadores. O jogador teve constatada uma pequena fratura no metacarpo da mão direita e será observado pelo departamento médico do Atlético-MG até quarta. Leonardo Silva foi encaminhado a um hospital logo depois da goleada sobre o Tombense, por 5 a 1, pelo Campeonato Mineiro, quando reclamou de dores na mão direita. o zagueiro foi submetido a um raio X, que constatou a pequena fratura. O atleta está com o local imobilizado e será reavaliado.

Em vantagem na Sul-Americana, são-paulinos tentam conter euforia

Globo Esportes

Nada de comemorar a classificação antecipada nas semifinais para a Copa Sul-Americana. Nem mesmo a boa vitória por 2 a 0 diante do Universidad do Chile, em Santiago, na última quarta-feira, fez com que o otimismo contagiasse o elenco do São Paulo na reta final da temporada.

No clube, a intenção da comissão técnica é conter a empolgação para que uma frustração não surpreenda a equipe nesta quarta-feira, quando os rivais voltam a se enfrentar pela competição continental.

– Temos de respeitá-los. Ainda tem um jogo de 90 minutos, não tem nada definido. Temos de esquecer essa vantagem e jogar de igual para igual – disse Wellington, ao site oficial. – A La U é muito boa, atual campeã. Nos últimos anos, eles levaram vantagem em confrontos contra times brasileiros. Mas, se jogarmos como fizemos diante do Fluminense, temos a grande possibilidade de avançar de fase – completou o técnico Ney Franco.

Se avançar para as semifinais, o São Paulo vai enfrentar o vencedor do duelo entre Independiente, da Argentina, e Universidad Catolica, do Chile. No primeiro confronto, disputado em Avellaneda na última quinta-feira, os rivais empataram em 2 a 2.

Corintiano esquece Palmeiras e elege São Paulo como maior rival

Gazeta Esportiva

Jorge Henrique trabalhou de gorro. "Estou no Corinthians, sou maloqueiro", explicou, rindo

Dos grandes times paulistas, o Palmeiras é o que menos incomoda o Corinthians ultimamente. Desde a última vitória alviverde, em jogo do Campeonato Brasileiro de 2009, foram seis clássicos, com quatro triunfos alvinegros e dois empates. O retrospecto faz Jorge Henrique cravar: o principal rival corintiano é o São Paulo, próximo adversário.

“A rivalidade maior atual é com o São Paulo, pelo que sinto dos torcedores fora de campo, que esqueceram um pouquinho o Palmeiras e só querem vencer o São Paulo”, iniciou o atacante, que, com a camisa 23 alvinegra, perdeu apenas uma vez para o rival do Palestra Itália, no qual anotou dois gols. “Quando você vence, esquece essa equipe. Estamos vindo de derrota para o São Paulo, então todos se lembram mais quando perde, por isso a maior rivalidade hoje”.

Apesar da lembrança ruim do último encontro, o atacante não pensa na partida de 26 de junho, no Pacaembu, como chance do troco. “A gente tem que procurar vencer, independentemente de ser clássico ou não, porque vai valer a liderança. Temos que continuar vencendo para continuar no grupo da frente. Sem sentimento de dar troco. Vamos jogar futebol somente”, projetou.

Santos ‘esquece’ Ganso e Corinthians e abre quartas contra Once Caldas na Colômbia

Uol

Alan Patrick foi o escolhido por Muricy Ramalho para subistutir Ganso contra o Once Caldas

A final do Campeonato Paulista e a lesão de Paulo Henrique Ganso são assuntos momentaneamente proibidos no Santos. O elenco tenta esquecer o rival Corinthians, e enaltece possíveis reposições para o meia. Isso tudo para focar apenas o duelo de ida pelas quartas de final da Libertadores, diante do Once Caldas, nesta quarta-feira, às 21h50, no estádio Palogrande, em Manizales, na Colômbia.

“Agora não adianta falar de Corinthians. O jogo é outro, competição também importante, e precisamos voltar com um bom resultado para decidir em casa”, disse o capitão santista Edu Dracena.

Os discurso dos experientes jogadores dão o tom da expectativa santista para a partida. O confronto em solo estrangeiro não era previsto por ninguém no clube. Todos aguardavam o Cruzeiro como adversário na fase, mas como a “zebra” colombiana apareceu, o alvinegro passou a contar com o extremo favoritismo.

O Once Caldas chega ao confronto apostando que o Santos possa sofrer nos pouco mais de 2 mil metros de altitude de Manizales.

Brasileiro ignora ameaças de morte e dá vitória ao Partizan em clássico sérvio

Fonte Globo Esportes


Cléo corre para o abraço após marcar

O brasileiro Cléo, ex-Atlético-PR e Figueirense, garantiu ao Partizan a vitória de 2 a 1 sobre o Estrela Vermelha no maior clássico do futebol sérvio, na casa do rival. O atacante, de 23 anos, marcou o segundo gol de seu time aos 16 minutos do segundo tempo, após um contragolpe fulminante.

O curioso é que Cléo já jogou pelo Estrela Vermelha, outro grande clube de Belgrado, e chegou a ser ameaçado de morte quando a transferência para o rival foi confirmada. Nenhum jogador tinha feito isso desde 1988 (a rivalidade entre as duas equipes é muito grande). :: LEIA MAIS »

Por vaga na ‘América’, Furacão e Timão esquecem estaduais em duelo na Arena

Globo Esportes


Ronaldo deve enfrentar o Atlético-PR

Em situações bem parecidas nos estaduais, Atlético-PR e Corinthians tentam seguir vivos na Copa do Brasil, caminho mais curto para a Taça Libertadores. Nesta quarta-feira, os times se enfrentam pela primeira partida das oitavas-de-final, às 21h50m, na Arena da Baixada, em Curitiba.

O Corinthians vai ao Paraná embalado pelo ótimo momento. Depois de eliminar o São Paulo com duas vitórias, nas semifinais, o Timão bateu o Santos por 3 a 1, na Vila Belmiro, no primeiro jogo da final, e se aproximou muito do caneco. Já na competição nacional, passou na fase passada pelo Misto-MS com uma vitória por 2 a 0, em Campo Grande, evitando o segundo jogo.

– Nós tivemos uma postura contra os dois primeiros adversários (Itumbiara-GO e Misto-MS), mas sabemos que o Atlético-PR tem mais qualidade e mais tradição. Além de um ambiente todo favorável a eles no estádio. Vai ser uma partida muito difícil – afirmou o técnico Mano Menezes.

Flamengo desvia a mira, esquece o Botafogo e enfrenta o Fortaleza

Globo Esportes


Cuca não confirma o seu time titular

“O Botafogo é uma fortaleza” , diz a faixa exibida pela torcida alvinegra nos últimos jogos. Para o Flamengo, no entanto, o Fortaleza é um Botafogo. Explica-se. Nesta quarta-feira, o time rubro-negro esquece parcialmente a decisão do Carioca e mira, com a mesma seriedade, as oitavas-de-final da Copa do Brasil contra a equipe cearense. A partida de ida será no estádio da Cidadania, em Volta Redonda.

Ao contrário do que pode parecer, o Flamengo não viu como fator desfavorável a divisão de atenções. Se Fábio Luciano e Ronaldo Angelim foram poupados, Cuca jura que não é por menosprezo ao adversário desta quarta, mas sim por necessidade.

– Essa partida será boa para quebrarmos a ansiedade antes da decisão. A Copa do Brasil é uma competição superimportante. Leva o campeão à Libertadores, mas não só isso. Garante também um título nacional importantíssimo.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia