WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
PMVC

outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  



drupal counter

:: ‘FALA’

Tite fala sobre lideranças e minimiza polêmicas envolvendo Neymar

Gazeta Esportiva

20160620180243_576859f360bbb

O primeiro jogo da Seleção Brasileira com Tite no comando acontece apenas no próximo dia 2 de setembro, quando a equipe viaja até a altitude de Quito para enfrentar o Equador, vice-líder das Eliminatórias para a Copa do Mundo da Rússia. No entanto, o ex-treinador corintiano já começa a planejar sua equipe, que terá como principal objetivo a classificação para o próximo Mundial.

Uma grande incógnita gira em torno dos onze ideias que deverão entrar em campo contra o Equador em setembro, porém, mais do que isso, há a dúvida se Neymar continuará vestindo a faixa de capitão do time mesmo após seu comportamento polêmico fora dos gramados, chegando, inclusive, a categorizar os críticos da Seleção Brasileira como “um monte de babacas” após a eliminação canarinho na Copa América Centenário, ainda na fase de grupos.

Tite não descartou uma mudança de capitania, porém procurou esclarecer que há vários tipos de lideranças dentro de um elenco e bastará a ele decidir qual tipo será adotado em sua equipe.

“Existem diversos perfis de liderança: a técnica, a comportamental, aquela que consegue externar de forma pública suas ideias. Existem diversas facetas de capitania, aquele que é exemplar no dia a dia, então eu procuro fomentar esse tipo de relação. Quando ganha um ganham todos, a alegria de um é a alegria de todos. Nós precisamos ter senso de equipe, seja ele no clube ou em seleção”, afirmou Tite.

“Não adianta eu querer falar se vai ser assim ou assado. O lado humano potencializa o lado profissional. A única coisa que posso assegurar é que todos, inclusive o Neymar, querem o bem da Seleção. Compete a nós encontrarmos o melhor caminho, buscarmos o melhor caminho e vou começar a trabalhar agora para potencializar esse melhor caminho”, completou.

Tite embarca já nesta terça-feira para os Estados Unidos onde acompanhará a semifinal da Copa América entre Colômbia e Chile. O Brasil irá receber os colombianos no próximo dia 6 de setembro, na Arena Amazonas, em Manaus, e o novo treinador da equipe canarinho quer analisar os rivais in loco.

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

Do Flamengo carioca ao Flamengo do Piauí: Athirson passa a limpo sua carreira e projeta futuro

Tribuna da Ceará

tim.php

O ex-lateral esquerdo Athirson é o técnico do Flamengo/PI, que enfrenta nesta quinta-feira (18), o Vitória da Conquista, às 21h30, no estádio Mário Pessao, em Ilhéus. O comandante da equipe piauiense conversou com o Tribuna do Ceará sobre a vida de jogador e a nova carreira.

Na época de jogador passou por Flamengo, Santos, Juventus, CSKA, Cruzeiro, Bayer Leverkusen, Botafogo, Brasiliense, Portuguesa, Cruzeiro e Portuguesa. No rubro-negro carioca o ex-lateral atuou 1996-1998/ 1999-2000/2002 – 2003. Foi campeão da Copa Conmebol, Campeonato Carioca, Copa Mercosul e Torneio Pré-Olímpico com a Seleção Brasileira.

Agora como treinador ele teve a primeira experiência aconteceu no São Cristóvão (time carioca). Lá disputou a Segunda Divisão do Campeonato Carioca. Desde outubro de 2015, o ex-jogador comanda o time do Piauí.

Tribuna do Ceará: Você fez bastante sucesso no futebol brasileiro principalmente no Flamengo. Como chegou na carreira de técnico? Athirson: Eu conheci o projeto do Flamengo/PI através do meu empresário e achei muito interessante. O mercado nordestino também está em crescimento e topei o desafio. Confio no projeto e espero que ele renda frutos no futuro.

TC: Qual o tipo de preparação você fez para o cargo? Athirson: Eu fiz um estágio na Alemanha, passei pelo Bayern de Munique e tive oportunidade de ver de perto o trabalho do Guardiola. Muito importante absorver outras culturas

TC: Ser técnico é mais complicado do que ser jogador e qual a maior diferença? Athirson: A questão do estudo é a principal. Como jogador eu não tinha a necessidade. Mas como técnico eu já estudo muito. Com certeza acredito que isso está sendo a grande diferença até o momento.

TC: Como você vê a Copa do Nordeste e a conquista do espaço do torneio no calendário brasileiro? Athirson: Muito importante. O torcedor nordestino ama futebol e precisava de uma competição desse nível. São clubes que estão na Série A, B, C e D, e é o melhor torneio do primeiro semestre. É muito ver tantos clubes com história em uma competição dessa categoria e com muita organização.

TC: O Flamengo/PI está em uma chave complicada da Copa do Nordeste. Qual sua expectativa com o time na competição? Athirson: : Nós encontramos muitas dificuldades para contratações e não estamos com o mesmo nível de competitividade dos outros, até porque nós reunimos esse grupo agora. E também se compararmos com a questão financeira em relação aos outros clubes. Mas nós estamos trabalhando para deixar um legado e quero o Flamengo em um objeto maior brevemente.

Herzem fala sobre decisão do TSE e confirma pré-candidatura a prefeito de Conquista

Assessoria do Deputado

DSC_0121

O deputado Herzem Gusmão (PMDB) subiu à tribuna da Assembleia Legislativa da Bahia para comemorar a decisão da ministra Luciana Lóssio, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que julgou improcedente a ação de investigação judicial eleitoral da Frente Conquista Popular, comandada pelo prefeito Guilherme Menezes e que pedia a inegibilidade do peemedebista por oito anos.

Segundo Herzem Gusmão “os meus advogados, Ademir Ismerim, Sidney, Marcio Silva, diziam e eu tinha certeza que pela fragilidade da acusação, essa ação não iria prosperar, como agora estamos vendo com a decisão da ministra”.

Sobre as eleições de 2016, o peemedebista afirmou que “a decisão da ministra enfraquece o discurso nos bastidores, principalmente dos adversários, de que eu não poderia ser candidato em 2016. Sou pré-candidato a prefeito de Vitória da Conquista e estamos preparando um projeto viável para a cidade”, finalizou.

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

Presidente do Vitória da Conquista fala sobre contratação

Por Luciano Pina
Fonte Galáticos Online

ederlane(1)

Principal candidato a se firmar como a tão sonhada terceira força do futebol baiano, o Vitória da Conquista passa por problemas financeiros. Segundo o presidente Ederlane Amorim, os bons desempenhos do time nas últimas edições do Baianão conseguem trazer parceiros, mas o apoio da prefeitura local continua sem existir.

“Se tem uma coisa que o Vitória da Conquista não tem é dinheiro. Nunca tivemos. A gente trabalha com muita dificuldade sem apoio financeiro municipal. Apenas a marca que consegue sustentar ao longo desses anos por conta dos resultados obtidos no campo. Por conta dessa solidez da marca nós conseguimos alguns parceiros em nossa cidade”, disse Amorim, em entrevista ao site Glaáticos Online.

Há 15 dias do início do estadual, o Bode ainda busca reforços. Três posições serão reforçadas antes do time entrar em campo para enfrentar o Bahia, no dia 1º de fevereiro. “Estamos finalizando a montagem do elenco. Precisamos de dois meias, dois atacantes e um goleiro para fechar. Depois disso é entrar em campo para buscar os objetivos”, afirmou o presidente da agremiação.

A estreia do Bode, será contra o Bahia, no dia 1º de fevereiro, ás 16 horas, no estádio Lomanto Júnior.

unimarc-modelo-4

Presidente da LCDT fala sobre o inicio do Campeonato Municipal de Futebol

Por Luciano Pina

DSC_0853

O Campeonato Municipal de Futebol, promovido pela LCDT – Liga Conquistense de Desportos Terrestres vai começar no próximo mês março. A abertura da competição que acontece no dia 29/03, será entre o atual campeão Kadija contra a equipe do Santos.

Os times foram divididos em dois grupos de sete cada, que jogarão dentro do próprio grupo, classificando-se os quatro primeiros colocados.

O repórter Elias José conversou com o presidente Leonesio que dá mais detalhes da reunião que definiu o inicio da competição.

Ouça a entrevista:

Entrevista Leonecio 18-02-2014 by Cidade Esportes on Grooveshark

Fábio Azevedo jogador do Serrano conta como se recuperou de um grave acidente

Youtube

Catuense evita falar sobre “mala preta” na 2ª divisão do Baiano

Galáticos Online

catuense

Em contato com o Site Galáticos Online, a presidente da Catuense, Maria Aparecida Pena, informou que foi orientada pela advogada do clube para não se pronunciar, pelo menos por enquanto, sobre a denúncia feita pelo presidente do Camaçari, Fernando Lopes, sobre o episódio conhecido como a “mala preta” da 2ª divisão do Campeonato Baiano 2013. A dirigente chegou a marcar uma entrevista do presidente de honra da Catuense, Antonio Pena, mas desistiu minutos depois de ter conversado com o departamento jurídico. “Vamos aguardar o desfecho do caso no TJD-BA para depois adotarmos as providências cabíveis”, disse Cida Pena.

A investigação que está sendo feita pelo Tribunal de Justiça Desportiva da Bahia tem a frente o auditor Luis Valnei, que deve concluir o inquérito nos próximos dias. Em jogo do Campeonato Baiano da 2ª divisão, o Camaçari acusa o Ipitanga de ter simulado um “cai cai”, para encerrar a partida aos 15 minutos do segundo tempo por falta de atletas em campo, quando a equipe perdia por 4 a 0. O resultado final classificou a Catuense, beneficiada pelo critério de saldo de gols com o encerramento prematuro do confronto.

Na partida, o Ipitanga levou apenas 10 atletas titulares e nenhum reserva, sendo que quatro deles alegaram contusões e saíram de campo, ficando com número inferior ao permitido por lei desportiva para continuar no jogo.

No rádio, treinador Bira Veiga fala da expectativa do retorno ao comando do Conquista

Blog da Resenha Geral
Foto: Eliezer Oliveira

bira-300x189

Velho conhecido da torcida do ‘bode’, o treinador Ubirajara Veiga está de volta para o comando do Vitória da Conquista.
No programa Cidade Esportes de ontem (sexta-feira), veiculado sempre às 18h, pela Rádio Clube FM, o técnico falou do desafio que terá pela frente.

“Temos um Campeonato Brasileiro da série D muito disputado. A diretoria do Conquista investiu, trazendo vários reforços, a exemplo do Rafael da Granja. Sabemos da importância que é a disputa desse torneio e iremos brigar até o fim em busca da vaga para a série C”, disse o comandante.

Veiga já iniciou os trabalhos na equipe e avaliou os jogadores que estão a disposição.

“São várias caras novas, alguns já conheço, mas o momento é de trabalhar e discutir a melhor forma tática”, finaliza.

Felipão fala em convocação “diferente” para jogo com a Bolívia

Terra

londrespresmarin2ricardostuckercbf

O técnico Luiz Felipe Scolari prometeu poupar os clubes brasileiros e avisou que pode haver surpresas em sua convocação para o amistoso do Brasil com a Bolívia no próximo fim de semana.

“Conversamos bastante com os técnicos e vai ser uma convocação um pouco diferente. Um de um clube, dois de outro e faremos uma composição para esse jogo porque não teremos todos à disposição”, disse Felipão a jornalistas nesta segunda-feira.

“Um ou outro nome vocês vão ficar um pouco surpresos, mas com a dificuldade de clubes e campeonatos, tinha que ser assim”, completou. A convocação da seleção será feita pelo site da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) na tarde de terça-feira.

O amistoso com a Bolívia no sábado será disputado apenas com atletas que jogam no Brasil. O jogo será em homenagem ao jovem boliviano Kevin Espada, que morreu em uma partida da Copa Libertadores entre San José e Corinthians, em fevereiro, após ser atingido por um sinalizador disparado pela torcida do time paulista.

Felipão deixou claro que não pretende perturbar os times que estão envolvidos em jogos de campeonatos estaduais e Libertadores. “São muitos campeonatos em jogo”, declarou ele ao citar estaduais, Libertadores e Copa do Brasil.

Embora não fale em nomes, Felipão declarou antes dos amistosos de março com Itália e Rússia que pretendia dar novas oportunidades a Ronaldinho na Seleção. O meia Bernard, que joga com o jogador no Atlético-MG, estava nos planos, mas, com lesão no ombro, está descartado. Ele deve parar por ao menos três semanas.

opcao-468x60

Leandro Domingues fala sobre casamento e melhor momento da carreira profissional

Bahia Notícias

IMAGEM_NOTICIA_5

Após levantar o troféu da Copa do Imperador e se casar nas férias no Brasil, o meia do Kashiwa Reysol, Leandro Domingues, revelou que vive a melhor fase da sua carreira profissional. Feliz com esse bom momento, o jogador, revelado nas divisões de base do Vitória, agradeceu a esposa, Taciana, e ao filho por essas conquistas.

– Casamos no dia 19 de janeiro em uma cerimônia muito bonita. Demorou, mas fomos recompensados com a presença de muitos amigos e dos nossos familiares. Foi emocionante. Um momento que ficará para sempre na nossa memória. Isso com certeza me dará mais vontade ainda de jogar e continuar vencendo com a camisa do Kashiwa Reysol. Vivo a melhor fase da minha vida e devo isso à minha família. Minha esposa e meu filho, Leandrinho, são os meus maiores incentivadores. Não é fácil para eles viverem lá no Japão, mas nunca deixam de sorrir e me apoiar – disse.

De acordo com o atleta, seu objetivo agora é vencer a Liga dos Campeões da Ásia.

– Com certeza levaremos para o Japão o álbum de fotos do casamento para sempre matarmos a saudade dos amigos e familiares. Essas fotos servirão de inspiração para mim. Desde que cheguei ao Japão venho conquistando títulos e prêmios pessoais. Depois da J-League da primeira e segunda divisão e da Copa do Imperador, quero muito ganhar a Liga dos Campeões da Ásia. É o campeonato mais importante do continente e tê-lo em meu currículo seria uma honra e um prazer muito grande.

Treinador Fábio Giuntini falou da sua saída do Vitória da Conquista

Por Luciano Pina

DSC_1179-001

Antes de embarcar para São Paulo, na tarde desta segunda (21), o treinador Fábio Giuntini falou em entrevista para uma TV local o que o levou a deixar o comando do Bode.

Segundo Giuntini, vários foram os motivos que determinaram o seu pedido de afastamento. Dentre os motivos, Fábio citou o relacionamento de antipatia que existia entre ele e os jogadores, que não aceitavam a maneira como comandava os trabalhos. Segundo ele ficou visível isto durante o jogo contra o Botafogo.

Ainda segundo Giuntini, o fato de não ter trazido um auxiliar técnico e alguns jogadores da sua confiança na sua chegada ao clube atrapalhou o desempenho do seu trabalho.

Questionado se o fato de não ter indicado os jogadores que foram contratados o teria o deixado chateado, Giuntini disse que “os atletas que chegaram são de qualidade, porém, alguns chegaram no inicio do mês e que alguns deles estão fora de forma”.

Fábio agradeceu a diretoria, torcedores e a imprensa e desejou sorte ao clube na competição.

O treinador Moacir Junior contratado para substituir Fábio Giuntini só irá se apresentar nesta quarta (23), devido a problemas de conexão nos vôos entre Maceió e Vitória da Conquista

Novo treinador do Vitória da Conquista fala do desafio de comandar a equipe

Blog da Resenha Geral

apres02_thumb1-300x202

Em entrevista publicada no site oficial do Vitória da Conquista, o novo treinador do alviverde, Fábio Giuntini (foto), falou da expectativa em comandar o ‘bode’.

O comandante revelou que o elenco precisa buscar novos títulos no intuito de fortalecer ainda mais o time e a cidade.

“Essa vaga na Copa do Brasil foi algo extremamente importante. Isso é muito gratificante, por isso vamos priorizar esses resultados positivos, trabalhando forte e dando alegria para o torcedor e a cidade”.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia