WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

março 2020
D S T Q Q S S
« fev    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  



drupal counter

:: ‘Figueirense’

Com 45 minutos de domínio para cada time, Figueira e Vasco empatam

Globo Esportes

Em jogo de tempos distintos, a igualdade no placar reflete a atuação de dois times que alternaram momentos de domínio ao longo dos 90 minutos. Melhor em campo na primeira etapa, o Vasco sucumbiu à pressão do Figueirense depois do intervalo, e as duas equipes ficaram no 1 a 1, neste domingo, no estádio Orlando Scarpelli, em partida válida pela oitava rodada do Brasileirão. Os vascaínos chegaram a 17 pontos na competição e desperdiçaram a chance de assumir a liderança, enquanto os catarinenses agora somam oito pontos, ainda próximos da zona de rebaixamento.

Pouco antes da partida, o Figueirense apresentou Loco Abreu, ex-Botafogo, como novo reforço da equipe. Mas o primeiro gol do confronto saiu do pé direito de um jogador que deve estar de saída do seu clube. Com duas propostas da Arábia Saudita, Diego Souza abriu o placar. Roni, que entrara no intervalo, decretou o empate num jogo movimentado, que teve uma bola na trave de cada lado e pênalti desperdiçado pelos catarinenses.

O empate dá sequência a uma incômoda marca para o Vasco: o time não vence o Figueirense há dez jogos, desde agosto de 2006. Desde então, foram sete empates e três vitórias dos catarinenses. Na edição do Brasileirão deste ano, é o Figueira que nutre um tabu preocupante para a torcida. A equipe não ganha um jogo desde a primeira rodada, quando bateu o Náutico por 2 a 1

Lomba brilha, e Bahia empata no fim com Figueirense

A Tarde

Ainda não foi a segunda vitória tricolor na Série A, mas valeu pelo ponto conquistado fora de casa. Neste domingo, 24, o Bahia visitou o Figueirense, em Florianópolis, pela 6ª rodada, e saiu de lá com um empate em 1 a 1. O resultado mantém o Esquadrão fora da zona de rebaixamento.

Destaque, mais uma vez, para Marcelo Lomba. Numa tarde inspirada, o goleiro tricolor ajudou sua equipe a manter a vantagem do Figueira em apenas um gol, dando a oportunidade para que o empate saísse no final do jogo. A dupla de zaga, formada por Danny Morais e Lucas Fonseca, também fez uma ótima partida.

Os gols saíram apenas no segundo tempo. Numa jogada ensaiada, Júlio César abriu o placar para o Figueirense, aos 6 minutos. O Bahia resistiu bravamente às investidas adversárias, até que Vander, aos 34, não desperdiçou a chance e deixou tudo igual no placar.

Com o ponto conquistado, o tricolor vai a 6 e termina a rodada na 15ª posição. A vantagem para a 17ª posição, que agora é do Corinthians, se manteve em dois pontos. No próximo domingo, 1º, o Bahia encara o Internacional, pela 7ª rodada da Série A. O Colorado ainda joga neste domingo, contra o Sport, na Ilha do Retiro.

Com um a mais, Corinthians cede empate ao Figueirense na ‘estreia’

R7

Campeão brasileiro de 2011, o Corinthians prometia estrear para valer na atual edição da competição nesta quinta-feira, mas ainda não foi dessa vez. Completa, exceto pela baixa do suspenso Fábio Santos, a equipe esteve à frente do placar até os 33 minutos do segundo tempo, quando, com um jogador a mais, cedeu o empate por 1 a 1 para o Figueirense, em uma noite muito fria no Pacaembu.

Conforme o zagueiro Leandro Castán havia dito na quarta-feira, um resultado positivo após perder para Fluminense e Atlético-MG seria obrigação. Presente na campanha vitoriosa do ano passado, ele se mostrava preocupado com a temporada por entender que arrancar bem nas rodadas iniciais é essencial para o título.

Apesar de não vencer, a equipe paulista soma o primeiro ponto e deixa a lanterna – posição em que estava quando entrou em campo, devido à vitória do Coritiba na quarta-feira – para pular para a 18ª posição. O Figueirense, por sua vez, chega a cinco pontos, em sexto lugar.

No domingo, já pensando no jogo de ida da semifinal da Copa Libertadores, contra o Santos, o Corinthians enfrentará o Grêmio apenas com reservas, no Olímpico. A primeira partida do torneio sul-americano será na quarta-feira que vem, na Vila Belmiro. A equipe catarinense volta ao Orlando Scarpelli para receber a Ponte Preta, também no domingo.

Com um a menos, Flu cede empate para o Figueirense

Lancenet

Com uma série de desfalques e ainda com um jogador a menos na maior parte do jogo, o Fluminense não passou de um empate em 2 a 2 com o Figueirense, neste domingo, no Engenhão, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.

O Flu chegou a estar na frente por duas vezes, mas teve o zagueiro Wallace expulso ainda no primeiro tempo.

No fim, um resultado frustrante para o Flu, que encara o Santos no dia 6, na Vila Belmiro. O Figueira visita o Corinthians no dia seguinte.

Figueirense marca no último lance e bate Náutico na estreia

Terra

Figueirense e Náutico estrearam no Campeonato Brasileiro da Série A sob desconfiança no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis. E o time mandante superou o futebol ruim com um gol marcado no minuto final de jogo e a vitória por 2 a 1.

O jogo foi péssimo, e a vitória do time mandante veio aos 49 minutos do segundo tempo com o gol do estreante Caio

Na segunda rodada, o Náutico encara o Cruzeiro no próximo sábado, às 21h(de Brasília), no estádio dos Aflitos, em Pernambuco. Já o Figueirense vai até o Rio de Janeiro encarar o Fluminense, domingo (27/05), no Engenhão, às 18h30 (de Brasília).

Liedson marca, Corinthians vence o Figueirense e fica a um empate do penta brasileiro

Uol

Ainda não foi neste domingo que acabou a ansiedade dos corintianos pelo penta brasileiro. Os comandados de Tite cumpriram o dever ao vencer o Figueirense por 1 a 0, gol de Liedson, fora de casa, só que a possível festa acabou adiada para a última rodada, porque o Vasco ganhou do Fluminense por 2 a 1, no Engenhão, com um gol nos minutos finais.

Com o triunfo fora de casa, a equipe de Parque São Jorge soma 70 pontos e precisa de um empate contra o Palmeiras, no próximo domingo, para erguer a taça. O Vasco chegou a 68 pontos e terá de superar o Flamengo na última rodada e torcer por uma derrota do Corinthians.

Tite teve papel fundamental no duelo com o Figueira, ao mexer bem no time durante o intervalo. Alex entrou no lugar de Willian e iniciou a jogada do gol, ao passar pela defesa e fazer a assistência perfeita para Liedson marcar de cabeça.

Com a segunda derrota consecutiva em casa, a equipe do técnico Jorginho deixa a zona de classificação para a Libertadores.

No 1º dia, ingressos do duelo Corinthians e Figueirense esgotam

Terra

Já era esperado, mas o primeiro dia de venda de ingressos confirmou que a “decisão” entre Figueirense e Corinthians, no próximo domingo, às 17h (de Brasília), no Estádio Orlando Scarpelli, terá lotação máxima. Todas as 19.584 entradas colocadas à disposição foram adquiridas nesta segunda-feira.

A diretoria do clube catarinense, que teme por uma confusão entre torcedores devido a uma possível presença em massa de corintianos no setor destinado aos adeptos do time da casa, disse que os seguidores rivais que compraram bilhetes para os setores A, B e C não poderão entrar com a camisa do clube do coração.

O setor D, destinado aos torcedores do líder do Campeonato Brasileiro, com cerca de dois mil lugares, foi todo adquirido pela equipe de Parque São Jorge, que iniciará a comercialização nesta quarta-feira.

Devido à procura, os catarinenses ainda abriram parte do E aos visitantes, totalizando 3 mil lugares para o clube paulista.

Fred faz três, Flu nocauteia Figueira na etapa final e está na Libertadores

Globo Esportes

Quatro golpes mortais no segundo tempo, três deles de Fred, foram o suficiente para garantir a goleada do Fluminense sobre o Figueirense, neste domingo, em Florianópolis, que, de quebra, coloca o clube carioca mais uma vez na disputa da Libertadores, antecipadamente, por conta de uma combinação de resultados. Irresistível, o atacante tricolor resolveu jogar e atordoou os defensores rivais, se aproximando da artilharia do Brasileirão, com 20 gols – três a menos que Borges, do Santos, que não deve mais jogar. Desabou com estilo, também, a invencibilidade de 14 jogos do time da casa.

Com os 4 a 0 no marcador, o Tricolor se mantém em terceiro lugar, com 62 pontos, ainda com remota chance de título. Já o Alvinegro caiu para quinto, com 57, mas o sonho de ir pela primeira vez à competição continental segue vivo. Na próxima rodada, o Figueira recebe o líder Corinthians, no domingo, enquanto os cariocas fazem o clássico contra o Vasco, no Engenhão.

Sob os gritos de ‘sem vergonha’, Fla empata com o Figueira no Engenhão

Globo Esportes

Em um duelo marcado pelos erros, Flamengo e Figueirense ficaram apenas no 0 a 0 nesta quinta-feira, no Engenhão. O desempenho do Rubro-Negro, que não conseguiu se impor dentro de casa, irritou bastante a torcida, que vaiou o time, chamando-o de “sem vergonha”. E a situação poderia ter sido ainda pior, se os visitantes não tivessem desperdiçado uma cobrança de pênalti: Aloísio chutou fraco, para defesa de Paulo Victor.

Ronaldinho bem que se esforçou, mas passou em branco mais uma vez. Ele não marca desde 21 de setembro e também foi alvo de vaias. Um sintoma de que o craque estava em um dia complicado foi o número de faltas que fez: cinco, tornando-se o recordista em campo. Apesar do cenário ruim, o Flamengo ultrapassa o Botafogo na tabela e chega ao quinto lugar, com 56 pontos em 35 rodadas, voltando a figurar na zona de classificação para a Libertadores de 2012. O Figueira viu interrompida sua sequência de seis vitórias, mas acumula 14 partidas de invencibilidade. Está em quarto lugar, com 57 pontos.

No domingo, às 17h (de Brasília), o Flamengo vai até o Serra Dourada enfrentar o Atlético-GO, que ainda corre risco de rebaixamento. Na sequência, pega Inter (em casa) e Vasco (em local a definir).

O Figueirense, às 19h também de domingo, recebe o Fluminense no Orlando Scarpelli, em mais um confronto direto por uma vaga na Libertadores. Depois, pega o Corinthians (em casa) e o Avaí (fora).

Arrancada do Figueirense mostra a grande surpresa do Brasileirão

R7

título do Brasileirão, que sempre esteve entre os grandes times do Brasileirão, ganhou mais um surpreendente concorrente. Após bater o Atlético-MG, em casa, por 2 a 1, o Figueirense chegou aos 56 pontos, e está a apenas dois de Vasco e Corinthians, assumindo a quarta colocação.

Para isso, o alvinegro conta com uma campanha avassaladora no segundo turno. A última derrota aconteceu no dia no dia 3 de setembro, quando foi derrotado pelo São Paulo por 2 a 1. Após esse jogo, foram 7 vitórias e seis empates.

O aproveitamento dos catarinenses nos últimos jogos é empolgante, com a equipe conseguindo seis vitórias seguidas e se credenciando como candidato ao título.

E as próximas rodadas do Brasileirão serão decisivas para o Figueirense pois tem muitos confrontos diretos. Na próxima rodada, a equipe visita o Flamengo, no Engenhão. Depois é a vez de receber Fluminense e Corinthians, encerrando contra o rival Avaí.

Figueirense vence Coelho de virada e encerra jejum de vitórias em casa

Gazeta Esportiva

O América-MG apresentou maior volume de jogo na partida deste sábado, contra o Figueirense, no Orlando Scarpelli, mas não foi o suficiente para o time mineiro conquistar a primeira vitória fora de casa no Brasileiro. Em duelo de muita marcação, o Figueira que saiu atrás no placar, conseguiu a virada e venceu o Coelho por 2 a 1. Com o resultado, os catarinenses voltam a vencer um jogo em casa, o que não acontecia desde agosto. Rodriguinho abriu o marcador, enquanto Júlio César, que marcou duas vezes, anotou os gols do Figueirense.

O técnico Givanildo teve problemas até o último minuto para escalar o América-MG. Como se não bastasse os desfalques do lateral esquerdo Gilson, dos zagueiros Micão e Anderson, do volante China e do atacante Kempes, o treinador ainda perdeu no vestiário do Orlando Scarpelli, o zagueiro Otávio, que foi vetado pelos médicos do clube. No Figueira, Jorginho optou por retornar com Maicon para o meio-campo, mudando o setor que agradou na partida contra o Grêmio.

Na sequência do Campeonato Brasileiro, o América-MG vai receber o Grêmio, no próximo sábado, às 18 horas, na Arena do Jacaré. Já o Figueirense terá compromisso contra o Palmeiras, no Canindé, no mesmo dia e horário do duelo do Coelho frente aos gaúchos.

Figueirense e Vasco empatam após Diego Souza perder gol incrível: 1 a 1

Globo Esportes

Muitas reclamações dos dois lados e uma arbitragem confusa de Nielsen Nogueira Dias. Figueirense e Vasco lutaram bastante, mas fizeram uma partida tecnicamente fraca e só empataram por 1 a 1, neste domingo, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. Wellington Nem e Fagner marcaram os gols da partida. Diego Souza, aos 46 minutos do segundo tempo, teve uma chance claríssima para dar a vitória aos cariocas mas, sozinho na área, chutou em cima do goleiro Wilson. Lance digno de Inacreditável Futebol Clube.

Com a derrota do Corinthians para o Fluminense, no Engenhão, o time carioca perdeu mais uma chance de assumir a liderança da competição – é o segundo, com 42 pontos. O Figueirense, com 31 e em 10º lugar, segue na briga por uma vaga na Copa Sul-Americana.

Na próxima rodada, o Vasco enfrenta o Grêmio, no sábado, às 18h (de Brasília), em São Januário. Já o Figueirense encara o Atlético-PR, no domingo, às 16h (de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba.

pmvc




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia