WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte


vitoria da sorte

março 2021
D S T Q Q S S
« fev    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  



drupal counter

:: ‘Inter’

Em noite de luxo, Internacional goleia no Chile e fica perto das oitavas

Gazeta Esportiva

t_148216_inspirado-nilmar-foi-peca-chave-para-a-goleada-do-internacional-o-atacante-marcou-2-gols-foto-claudio-reyes

O Internacional fez seu melhor jogo no ano nesta quinta-feira. Com um começo arrasador e um primeiro tempo de luxo, o Colorado não tomou conhecimento da Universidad de Chile e aplicou 4 a 0 em pleno estádio Nacional de Santiago, com três gols foram marcados na etapa inicial.

O atacante Nilmar foi o destaque, marcando dois gols e dando passe para Eduardo Sasha marcar outro. No segundo tempo, Sasha foi quem deu a assistência para Valdívia completar o placar. O placar poderia ter sido ainda maior se D’Alessandro não tivesse desperdiçado um pênalti.

A Universidad de Chile entrou em campo vivendo uma boa fase e nutrindo remotas chances de classificação. Contou com o apoio em peso de seu torcedor, mas sofreu dois duros golpes cedo, com os gols de Nilmar (em falha de Johnny Herrera) e Sasha. A equipe chilena passou a ceder cada vez mais espaços, dando o contragolpe para o Colorado fazer mais um antes do intervalo. No segundo tempo, o Inter ainda perdeu um pênalti, mas chegou ao quarto gol, provocando revolta de torcedores, que atiraram objetos no gramado.

Com dez pontos, o Inter é o novo líder do grupo 4, e depende de um empate em casa com o Strongest, quarta que vem, para se classificar na ponta da chave. A Universidad de Chile, eliminada, cumpre tabela no Equador diante do Emelec. Domingo, o compromisso colorado é pelo Gauchão, contra o Brasil de Pelotas, no Beira-Rio.

unimarc-modelo-4

Com time misto, Inter abre semifinal contra o Brasil de Pelotas

Gazeta Esportiva

t_147491_o-atacante-jorge-henrique-deve-ser-titular-contra-o-brasil-de-pelotas-neste-sabado

A chegada das fases decisivas do Campeonato Gaúcho não altera em nada o planejamento do Internacional. Neste sábado, às 16 horas (de Brasília) o técnico Diego Aguirre vai ao Estádio Aldo Dapuzzo, em Rio Grande, com time misto para encarar o Brasil de Pelotas, em partida que abre as semifinais da competição.

Nas últimas semanas, quando só fez jogos pelo Gauchão, o treinador uruguaio tem promovido um rodízio no elenco. O Colorado tem atuado com time misto através de um revezamento, em que há alternância de quais titulares e reservas são utilizados e poupados, rodada após rodada. O objetivo, além de não enfraquecer demais a equipe, é manter todos os atletas com ritmo de jogo. A medida tem sido bem recebida pelo grupo, e os resultados vêm sendo bons (sete vitórias nos últimos oito jogos).

“Não gosto de falar em titular ou reserva. Se o Inter foi o primeiro colocado é porque utilizou todos os jogadores”, disse o treinador em sua coletiva após o treino de sexta-feira. Desta vez, os potenciais nomes da equipe principal que vão para o combate são Réver, Freitas, Nilton e Alex. Já Nilmar, D’Alessandro, Juan e Eduardo Sasha, que atuaram quarta-feira contra o Cruzeiro-RS, ficarão em Porto Alegre se preparando para o duelo da próxima quinta, contra a Universidad de Chile, em Santiago.

Inter sofre, mas bate o Cruzeiro-RS nos pênaltis e está nas semifinais

Lancenet

728x490

O torcedor colorado que foi ao Beira-Rio não esperava uma classificação tão sofrida. Nesta quarta-feira, o Internacional precisou das cobranças de pênaltis para eliminar o Cruzeiro-RS e garantir seu lugar nas semifinais do Campeonato Gaúcho. No tempo regulamentar, o placar ficou nos 2 a 2. Nos pênaltis, o Inter levou a melhor: 3 a 1.

Na próxima fase, o adversário do Internacional será o Brasil de Pelotas. Nesta quarta-feira, o Xavante venceu o Lajeandese por 2 a 1 e garantiu seu lugar entre os semifinalistas. A partir de agora, os duelos ocorrem em ida e volta, mas as datas ainda não estão definidas.

Mais Jogos
Brasil 2 x 1 Lajeadense
Hoje
19:30
Grêmio x Novo Hamburgo
Ypiranga x Juventude

unimarc-modelo-4

Inter sofre contra ‘galácticos’, mas faz de pênalti e vence a 1ª no Gauchão

Uol

07fev2015---alex-comemora-gol-marcado-de-penalti-em-inter-x-novo-hamburgo-no-beira-rio-1423341830398_615x300

O Internacional não jogou bem, mas enfim venceu no Gauchão. Neste sábado (07) no Beira-Rio, o Colorado voltou a apresentar um futebol burocrático e contou com um pênalti para vencer o Novo Hamburgo, recheado de veteranos e apelidado de galáctico. Com o gol marcado por Alex, no final do primeiro tempo, o time reserva comandado por Diego Aguirre encerrou o jejum em jogos oficiais no ano.

A vitória minguada no Beira-Rio leva o Inter aos cinco pontos após três jogos no estadual. Apesar do pulo na tabela, o Colorado não tem muitos motivos para comemorar. Os problemas apresentados pela equipe titular foram vistos novamente. Nem a estreia de Réver ofuscou as dificuldades.

No geral, o Novo Hamburgo teve melhores chances e foi superior. Mas pecou na finalização e teve um pênalti duvidoso marcado contra si. O Inter, fraco no começo, se organizou e sustentou o resultado que vale ouro. Que ajuda a reduzir a pressão em cima do início de trabalho do técnico Diego Aguirre.

Inter repete vitória da ida e é campeão da Copa do Brasil sub20

Uol

thumb.aspx

O Internacional é o campeão da Copa do Brasil sub-20. Nesta terça-feira, a equipe gaúcha enfrentou o Vitória fora de casa e triunfou por 2 a 1, mesmo placar do confronto de ida, no Rio Grande do Sul. O resultado foi construído graças a gols de Alisson e Maurides, com Léo descontando para os baianos.

Foi a nona conquista de Clemer como treinador das categorias de base da equipe gaúcha. Ex-goleiro do clube, o atual comandante ganhou um Gaúchão, três Copas Federação Gaúcha, duas Copas Santiago, uma Copa Rio e ainda um Campeonato Brasileiro.

O Internacional passou por Paraná, Atlético-MG, Goiás e Santos para chegar à decisão do torneio nacional. Ao todo, o time somou seis vitórias, dois empates e duas derrotas na competição.

Campeão em 2012, o Vitória agora termina a Copa do Brasil sub-20 no segundo lugar. No ano passado, o Santos subiu no lugar mais alto do pódio, com o Criciúma conquistando a medalha de prata.

r5xn3DZ

Copa do Brasil Sub-20: Nos acréscimos, Vitória perde para Inter no primeiro jogo da final

Bahia Notícias

xIMAGEM_VITORIA_5.jpg.pagespeed.ic.yoXxLXQjdY

Nos acréscimos, o Vitória perdeu por 2 a 1 para o Internacional nesta terça-feira (25), no Beira Rio, pelo primeiro jogo da final da Copa do Brasil Sub-20. O gol do triunfo Colorado veio aos 46 da etapa final com Bruno Gomes.

Com o resultado, o Leão precisa vencer o duelo de volta por 1 a 0 para ficar com o caneco.

A decisão será na próxima terça (4), às 20h, no Barradão.

Garotos de Inter e Vitória começam a decidir título da Copa do Brasil sub-20

Globo Esportes

inter_x_vitoria_-_montagem

A final da Copa do Brasil sub-20 reúne duas equipes dispostas a entrar para a história. O Inter parte em busca de seu primeiro título na competição. O Vitória, campeão da primeira edição do torneio, mira o bi. Em comum, a tradição em formar novos talentos nas categorias de base e de realizar feitos inéditos nas trajetórias dos dois clubes. Os garotos do Colorado e do Rubro-Negro baiano se enfrentam às 21h desta terça-feira, no Beira-Rio, no jogo de ida da decisão do campeonato.

O Inter vê a campanha construída dentro de casa na Copa do Brasil como trunfo para largar com vantagem na disputa – foram três vitórias em três jogos disputados no estádio pela competição. Não à toa, realiza uma promoção para contar com o torcedor nesta terça: sócios com mensalidade em dia têm acesso liberado às arquibancadas para assistir ao confronto. Ao público geral, o ingresso custa R$ 10. Ciente da importância de se construir um bom resultado no jogo da ida, como ocorreu na semifinal, diante do Santos, o técnico Clemer cobra empenho máximo de seus comandados e redobra os cuidados com a força e a velocidade dos rivais.

Do outro lado, o Vitória joga contra o retrospecto negativo longe de Salvador pela Copa do Brasil sub-20. O Leão não venceu nenhuma das quatro partidas realizadas fora de casa na competição. Em contrapartida, não falta motivação aos baianos para o confronto, em especial após superar o rival, Bahia, na semifinal. O Rubro-Negro tenta acumular títulos de grandeza nacional no futebol para coroar os talentos formados nas categorias de base. Vencedores da primeira edição da competição, em 2012, os baianos buscam o inédito bicampeonato.

O confronto da volta está marcado para 2 de dezembro, às 21h, no Barradão.

São Paulo quer aproveitar jogo antecipado contra o Inter para por pressão no líder

r7

2799t4it6w_7yj3c7tf92_file

Na caça ao líder Cruzeiro, o São Paulo entra em campo nesta quarta-feira (12) para encarar o Internacional. No momento, o Tricolor está a cinco pontos do rival mineiro e poderia ficar a dois da equipe, em caso de vitória. Entretanto, um revés diante do Colorado poderá acabar com as chances de título do clube paulista.

O jogo, que está marcado para as 22h, horário de Brasília, foi adiantado para que a equipe comandada por Muricy Ramalho pudesse disputar o jogo de ida da semifinal da Copa Sul-americana contra o Atlético Nacional-COL, na próxima quarta-feira (19).

Para a partida diante do Inter, Muricy Ramalho terá apenas uma baixa no time titular que bateu o Vitória no último domingo (9). Trata-se do lateral esquerdo Álvaro Pereira que está na seleção do Uruguai e deverá ser substituído por Michel Bastos. Reinaldo corre por fora na disputa pela vaga. O volante Hudson, que vem atuando na lateral direita, retorna após cumprir suspensão e deverá voltar ao time titular. Já o zagueiro Rafael Tolói e o atacante Alexandre Pato seguem em recuperação de lesão e estão vetados.

Pelo lado do Internacional, que ainda tenta se firmar na briga por uma vaga no G-4 do Brasileirão, a missão de bater o vice-líder, fora de casa, será complicada. Ainda mais com a ausência de D’Alessandro, armador colorado, que acusou dores musculares e não viajou com a delegação do clube gaúcho rumo à capital paulista. Willians (suspenso) e Aránguiz (convocado para a seleção chilena) também são desfalques certos do time comandado por Abel Braga.

Na luta pela liderança, Inter visita o Goiás no Serra Dourada

r7

t_124256_inter-encara-o-goias-em-busca-da-lideranca

O Internacional pode fechar o sábado na liderança do Campeonato Brasileiro. Com 28 pontos, o time do técnico Abel Braga pode ultrapassar o líder Cruzeiro, que joga neste domingo, e tem 30. A tarefa, porém, não será simples: para dormir líder do certame, o Colorado enfrentará o Goiás, precisando de recuperação na tabela, no Estádio Serra Dourada. O jogo tem início marcado para as 18h30, horário de Brasília.

A fase do Inter é ótima no Brasileirão. A equipe vem de quatro vitórias consecutivas, nas quais não sofreu sequer um gol. Depois de golear o Flamengo, bateu Bahia, Santos e o rival Grêmio, este por 2 a 0, no último domingo. A ótima sequência de resultados fez o time gaúcho ultrapassar equipes como Corinthians e Fluminense e ficar pertinho do líder Cruzeiro, fixando-se como seu principal perseguidor neste momento.

A ordem no Colorado é não deixar a desclassificação na Copa do Brasil atrapalhar os planos ambiciosos que a equipe tem para o Brasileirão. Na quarta-feira, o time foi sem cinco titulares a Fortaleza e levou 3 a 1 do Ceará, caindo fora após duas derrotas para o Vozão. A necessidade de ir bem no certame nacional aumentou, segundo avaliação interna.

Ocupante dos primeiros lugares no começo do Brasileiro, o Goiás caiu de rendimento na volta da Copa do Mundo. Hoje na 10ª colocação, com 20 pontos, o time esmeraldino tem o pior ataque do campeonato, com apenas nove gols marcados em 14 jogos. Nas últimas sete partidas que disputou, a equipe só foi às redes na vitória por 2 a 1 sobre o São Paulo, em Goiânia. Diante de Vitória, Coritiba, Grêmio, Sport, Fluminense e Bahia, não marcou nenhum gol.

Ceará repete triunfo 20 anos depois e elimina Inter da Copa do Brasil 16

Uol

bill-comemora-gol-do-ceara-contra-o-inter-1407984762925_615x300

O líder da Série B eliminou o segundo colocado da Série A do Brasileirão. Nesta quarta-feira, no Castelão, o Ceará voltou a deixar o Internacional atônito com sua marcação pressão e venceu por 3 a 1. Gols de Magno Alves, duas vezes, e Bill. Valdívia descontou para o time gaúcho. O resultado repete o desfecho do confronto de 1994 entre os dois clubes.

Há 20 anos, o Ceará despachou o Internacional com o gol qualificado. Em casa fez 1 a 0 e no Beira-Rio perdeu por 2 a 1. Agora, em 2014, o time de Sérgio Soares foi além: ganhou as duas partidas (2 a 1 em Porto Alegre) e carimbou sua vaga nas oitavas de final do torneio. Ao Colorado resta o carma de não ter bom retrospecto na Copa do Brasil. Esta foi a sétima eliminação do clube na terceira fase, algo que não ocorria desde 2005.

A derrota no Castelão poderia ter sido maior, pois o gol legal de Bill ainda no primeiro tempo foi anulado por um impedimento. O rendimento do Inter em Fortaleza foi fraco especialmente no primeiro tempo, mas também passou pela ideia de não levar Juan, Alex, Willians e D’Alessandro para o confronto.

Ceará surpreende Inter no RS e joga por empate para avançar

Terra

dalessandroprotegericardorimolial

A sensação da Série B de 2014 fez uma vítima da elite na noite desta quarta-feira. Pela Copa do Brasil, o Ceará, que é líder da segunda divisão com quatro pontos de vantagem em relação ao perseguidor mais próximo, surpreendeu fora de casa, em um jogo com fim eletrizante, e venceu o Internacional por 2 a 1 no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, para se aproximar da próxima fase.

A vitória alvinegra contou com requintes de drama em um final de jogo elétrico. Os cearenses ganhavam por 1 a 0 até os 46min do segundo tempo, quando o Inter chegou à igualdade com um golaço. Na saída de bola, entretanto, a equipe nordestina se recuperou e marcou com Ricardinho para conquistar a importante vitória.

O time alvinegro, que ainda chegou a ter um pênalti defendido por Dida no começo do confronto fora de casa, fica com uma boa vantagem para o duelo de volta. Basta um empate para o Ceará avançar e eliminar o poderoso adversário – até mesmo uma derrota por 1 a 0 classifica os cearenses. A partida está marcada para o dia 13 de agosto, no Castelão.

Inter testa estilo ‘ataque total’ contra líder da Série B no Beira-Rio

Uol

10-mai-2014--rafael-moura-tenta-jogada-em-inter-x-atletico-pr-no-beira-rio-1399762192736_615x300

O Internacional de Abel Braga gosta de atacar, de ser ofensivo. E nesta quarta-feira o Colorado tem um bom teste para esta filosofia. Encara o Ceará, líder da Série B do Brasileirão, no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil em casa. A vitória dentro do Beira-Rio é vital para as pretensões do time, que promete abafar desde o primeiro minuto.

A formação do Inter terá pelo menos duas mudanças. Wellington Silva e Wellington estão fora, pois já atuaram por Fluminense e São Paulo – respectivamente, na competição. Cláudio Winck e João Afonso são os candidatos mais fortes as vagas. Nada que altere drasticamente a ideia de jogo do Colorado em casa.

Logo depois da vitória em cima do Bahia, pelo Campeonato Brasileiro, Abel já avisou que não iria medir forças diante do Ceará. Justamente por ser um jogo eliminatório, em casa. O detalhe é que do outro lado do campo estará um time que vem embalado.

O Ceará, dirigido por Sérgio Soares, tem o melhor ataque da Série B do Brasileirão e lidera com folga o campeonato após 13 rodadas. A dupla de ataque é formada por dois veteranos: Magno Alves e Bill. E inspira cuidados no Beira-Rio, mas sempre com a ideia de que o ataque é a melhor defesa.

comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia