WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte


vitoria da sorte

março 2021
D S T Q Q S S
« fev    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  



drupal counter

:: ‘Inter’

Inter cede empate no fim, mas chega às quartas da Copa do Brasil

Gazeta Esportiva

t_94915_o-atacante-jorge-henrique-abriu-o-placar-no-empate-que-garantiu-a-classificacao-do-inter-as-quartas-de-final

O Salgueiro se despediu de forma honrosa da Copa do Brasil. Nesta quinta-feira, o Carcará do Sertão arrancou no finzinho um empate em 2 a 2 com o Internacional, na partida de volta das oitavas de final da competição. O Colorado venceu o jogo de ida por 3 a 0. Ranieri e Daniel marcaram para o time da casa, Alex e Jorge Henrique fizeram os gols da equipe gaúcha, que enfrentará o Atlético-PR nas quartas. O goleiro Alisson chegou a defender um pênalti no começo do segundo tempo.

O Salgueiro tentou partir para cima no começo, mas o Inter abriu o placar cedo, com Jorge Henrique, aumentando a grande vantagem aberta no jogo de ida (3 a 0). O Salgueiro voltou mais aceso para o segundo tempo: perdeu pênalti, mas conseguiu empatar. Porém, quando parecia perto da virada, levou o segundo, de Alex, mas anda teve forças de buscar um empate nos descontos, deixando tudo igual no placar do Cornélio de Barros.

O Inter volta a campo no domingo, quando enfrentará o Coritiba, no Couto Pereira, pelo Campeonato Brasileiro. Já o Salgueiro volta a disputar uma decisão. Na segunda-feira, o time pernambucano abre sua participação nas oitavas de final da Série D em casa, contra o Nacional-AM, que curiosamente também foi eliminado nesta quinta da Copa do Brasil, pelo Vasco.

Gringos furam retranca do Salgueiro, e Inter reencontra a vitória: 3 a 0

Globo Esportes

damiao_dalessandro_ae_eduandrade

Há quatro jogos sem ganhar, o Internacional voltou a conversar com a vitória. E num afiado espanhol. Com a participação decisiva de seus gringos, conseguiu furar o bloqueio do Salgueiro-PE, na noite chuvosa desta quinta-feira, no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo. O 3 a 0 foi construído no segundo tempo, após uma etapa inicial de vaias da torcida e repleta de desperdício de chances, com gols dos argentinos D’Alessandro e Scocco e do uruguaio Forlán. O time de Dunga carrega ótima vantagem para o confronto da volta, pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

A segunda partida será disputada em 29 de agosto, em Pernambuco, e classifica o Colorado até com derrota por dois gols – ou até por três, desde que marque longe de casa. O Salgueiro precisará igualar o 3 a 0 para levar aos pênaltis ou aplicar placares de quatro gols de saldo ou mais.

– Temos que respeitar, ainda tem o jogo de volta – pregou D’Alessandro, que chegou ao 50º gol com a camisa colorada.

Antes, no entanto, os times voltam aos campeonatos nacionais. Ambos no domingo. O Inter recebe o Goiás em Novo Hamburgo, pela Série A, enquanto, pela D, o Carcará visita o Parnahyba, pela 10ª rodada da fase de grupos.

Botafogo e Inter duelam no Maracanã para continuarem à frente

Gazeta Esportiva

images

Em um jogo que tem tudo para ser um dos mais disputados do Campeonato Brasileiro, o Botafogo recebe o Internacional nesta quinta-feira, às 21 horas (de Brasília), no Maracanã, pelo complemento da 14ª rodada. Com 25 pontos, o Alvinegro, que vem de empate por 1 a 1 com o Goiás, pretende permanecer entre os líderes da competição. Já o Colorado, que no fim de semana ficou no 2 a 2 com o Atlético-PR, tem como principal meta encostar na zona de classificação para a próxima Copa Libertadores.

Oswaldo de Oliveira, técnico do Botafogo, tem procurado trabalhar junto aos jogadores a necessidade deles controlarem a ansiedade em alguns momentos. Nos dois últimos jogos, contra o Goiás e no empate por 2 a 2 com o Atlético-MG, o Alvinegro carioca saiu na frente no placar e não conseguiu segurar o resultado. O treinador sabe que esses pontos perdidos podem fazer diferença na reta final do torneio.

Do outro lado, há três jogos sem vencer na Série A, o Internacional busca recuperação dentro da competição, para não perder contato com os líderes. O técnico Dunga, no entanto, tem diversos problemas para escalar sua equipe. Há desfalques tanto na defesa quanto no meio ou no ataque.

Com três expulsões, Inter e Grêmio empatam primeiro Gre-Nal da Arena

Gazeta Esportiva

300x250_2013-08-04_07b2130cab

O primeiro Gre-Nal na nova Arena do Grêmio teve poucos lances de perigo e terminou com o empate por 1 a 1, neste domingo, pelo Campeonato Brasileiro. Mesmo com um jogador a mais durante cerca de 15 minutos, o Tricolor não conseguiu vencer seu maior rival em uma partida que terminou com bastante discussão.

O Internacional, que reclamou muito da expulsão de Jorge Henrique aos 32 minutos do segundo tempo, sustentou o placar obtido antes do intervalo. O árbitro Fabrício Neves Corrêa ainda usou o cartão vermelho mais duas vezes, já nos acréscimos. Fabrício foi excluído e deixou o Colorado com dois a menos por pouco tempo, pois Werley acabou expulso logo depois.

Com o resultado, o time de Dunga se manteve na zona de classificação para a próxima Copa Libertadores, pois tem agora 19 pontos, no quarto lugar. Já o Tricolor tem 16 e continua na busca pela vaga no G-4.

Grêmio e Inter disputam primeiro clássico da história da Arena

Gazeta Esportiva

t_92923_arte1

O domingo será histórico para o futebol gaúcho: Grêmio e Internacional disputarão, a partir das 16 horas (de Brasília), o primeiro clássico da história da Arena do Grêmio. A partida coloca frente a frente dois rivais que vêm de derrota no Brasileirão, mas que lutam diretamente para ingressar no G-4 da competição.

A semana foi marcada por uma polêmica em Porto Alegre, mas nada a ver com a rivalidade entre gremistas e colorados: na segunda-feira, a Brigada Militar recomendou ao Ministério Público gaúcho que apenas torcedores do Grêmio fossem ao Gre-Nal, para evitar confusões próximas à Arena. A repercussão foi tão negativa que as direções dos dois clubes se reuniram com as autoridades de segurança da capital gaúcha e do Estado e conseguiram reverter a decisão: 1,5 mil colorados poderão ir à Arena no domingo.

Dentro de campo, o Inter leva uma vantagem: teve uma semana para se dedicar inteiramente ao clássico, ao contrário do Grêmio. Após a surpreendente derrota por 3 a 0 para o Náutico, domingo passado, o Colorado folgou no meio de semana. O técnico Dunga terá as voltas de três “Homens Gre-Nal” ao time titular: Índio, D’Alessandro e Leandro Damião, que não atuaram no Recife.

468x60_simonassi12

Inter vence, vira líder e impõe maior seca da história ao São Paulo

Globo Esportes

leandrodamiao_lucio_jogo_ae.jpg_95

Um dos favoritos ao título no papel, o Internacional é agora também o novo líder do Campeonato Brasileiro. A quarta vitória consecutiva veio no palco que se transformou no “salão de festas” de quem visita o São Paulo. Com uma atuação segura, o Colorado venceu o Tricolor Paulista por 1 a 0, nesta quarta-feira, no Morumbi, e afundou ainda mais o adversário na crise.

Os gaúchos souberam jogar à espera do desespero rival. Pacientemente, o time dirigido por Dunga aguardou o momento exato para dar o bote fatal. E ele veio com Leandro Damião, ainda no primeiro tempo, em chute rasteiro que Rogério Ceni só olhou. Poderia ter sido mais se Forlán, Willians e Josimar tivessem aproveitado outras chances.

Do outro lado, só Aloísio assustou. Para piorar, Luis Fabiano saiu machucado, virando dúvida para o clássico contra o Corinthians, domingo, às 16h, no Pacaembu, última partida antes da excursão por Alemanha, Portugal e Japão.

O São Paulo soma agora 11 partidas sem vencer (nove derrotas e dois empates), igualando o recorde negativo de 1951 e 1986 – o último resultado positivo foi há 56 dias, diante do Vasco, dirigido na ocasião por Paulo Autuori. Já são oito derrotas consecutivas, seis delas jogando no Morumbi.

O Colorado assume a liderança com 18 pontos, mas tendo uma partida a mais que a maioria dos concorrentes – a partida diante dos são-paulinos foi adiantada da 12ª rodada. Agora, o time gaúcho pega o Náutico, domingo, às 16h, nos Aflitos. Já os paulistas seguem com oito, agora tendo dois jogos a mais que os adversários, grudados na zona do rebaixamento.

Com urgência, São Paulo tenta findar crise diante do Internacional

Gazeta Esportiva

mont_jadson_dale

Há dez jogos sem vencer, sendo os últimos sete com derrota, o São Paulo não tem outra saída para pôr fim à crise histórica a não ser somar três pontos com urgência. O próximo desafiante será o Internacional, às 21 horas (de Brasília) desta quarta-feira, no Morumbi, em confronto antecipado da 12ª rodada – o único neste meio de semana pelo Campeonato Brasileiro.

Ao final dele, a equipe paulista terá feito três jogos a mais do que a Ponte Preta, 17ª colocada (com sete pontos ganhos, apenas um a menos, neste momento, do que o time treinado por Paulo Autuori). Os outros três integrantes da zona de rebaixamento ficarão com dois compromissos a menos. Uma situação de muita pressão.

Para piorar o cenário, o compromisso seguinte do São Paulo será o clássico contra o Corinthians, no Pacaembu. E, se não bastasse isso, no dia seguinte a delegação são-paulina embarca para Munique, local onde começará no dia 31 sua excursão de quase duas semanas por Europa e Ásia, para as disputas da Copa Audi (Alemanha), Eusébio (Portugal) e Suruga (Japão).

O Internacional se encontra em condição completamente oposta. Está embalado pelas três vitórias seguidas no Brasileiro desde a parada para a Copa das Confederações e também pela classificação sobre o América-MG, na Copa do Brasil. Ao todo, já são oito partidas de invencibilidade na temporada, o que passa ainda mais confiança para a possibilidade de alcançar a liderança com um triunfo nesta quarta-feira.

Com gol de ex-rubro-negro Juan, Inter vence o Fla e encosta nos líderes

Globo Esportes

joaopaulo_forlan_itamaraguiar_futurapress

Em um duelo extremamente equilibrado durante quase todo o tempo, coube a um ex-ídolo do Flamengo decidir a partida em favor do Internacional. Nos acréscimos, o zagueiro Juan aproveitou uma saída em falso do goleiro Felipe e decretou a vitória do Colorado sobre o rubro-Negro por 1 a 0 no estádio Centenário, em Caxias do Sul. Como havia prometido, o defensor não comemorou o gol em respeito ao clube no qual foi formado e ainda fez reverência à torcida visitante com a mão no peito. Mesmo sob frio intenso 8.038 pessoas pagaram ingresso, com renda de R$ 219.920,00.

O jogo marcou o encontro entre Dunga e Mano Menezes, os dois últimos técnicos da seleção brasileira, e foi bastante disputado. O time gaúcho manteve longa escrita diante do rival, para quem não perde no Rio Grande do Sul desde 2002. O Flamengo, por sua vez, viu ser encerrada sua série de seis jogos sem perder (cinco oficiais e um amistoso, contra o São Paulo) e sofreu seu primeiro revés sob o comando de Mano Menezes. O Colorado segue próximo aos líderes, em quarto lugar com 15 pontos ganhos, enquanto o Rubro-Negro parou nos nove pontos e permanece na metade de baixo da tabela, na 13ª posição.

Na próxima rodada, o Internacional visita o Náutico na Arena Pernambuco, no domingo, às 16h (de Brasília). Já o Flamengo faz seu retorno ao Maracanã no clássico contra o Botafogo, domingo, às 18h30m.

Inter x Fla, Dunga x Mano: Centenário abriga choque de gigantes

Globo Esportes

mont_dunga_mano_62

Dois gigantes. Escolas distintas, mas camisas para lá de vencedoras. É em Caxias do Sul, na serra gaúcha, que Internacional e Flamengo se enfrentam neste domingo, às 16h (de Brasília), pela oitava rodada do Brasileirão. O estádio Centenário é a casa do Colorado enquanto o Beira-Rio se apronta para a Copa do Mundo. O Inter de Dunga recebe o Rubro-Negro de Mano Menezes. Não bastasse o peso da tradição dos dois clubes, há o encontro dos dois últimos treinadores da seleção brasileira. Os gaúchos têm um time mais estruturado, como diz o próprio Mano, mas os cariocas estão tomados pelo otimismo de uma evolução clara após a chegada do novo treinador.

Na quinta colocação, com 12 pontos, a equipe gaúcha tenta a terceira vitória consecutiva no Brasileirão – algo que não consegue desde 2011. Para isso, aposta no setor ofensivo. Comandado por Diego Forlán, artilheiro do time com cinco gols, o ataque já balançou a rede em 16 oportunidades. Por outro lado, a defesa não repete o sucesso: foram 12 sofridos até a rodada atual. Há ainda a empolgação vinda da tarde de sábado, com o anúncio de dois reforços de peso: o meia Alex e o atacante Scocco.

O Flamengo vem de três vitórias seguidas (duas contra o ASA-AL, pela Copa do Brasil, e uma sobre o Vasco, pelo Brasileiro) sob o comando de Mano Menezes e está há seis partidas sem perder. O treinador aposta na evolução gradual do time e uma vitória no Sul, algo que não acontece desde 2002, serviria para dar ainda mais moral ao grupo.

Inter empata com o América-MG e se classifica às oitavas da Copa do Brasil

Lancenet

America-MG-Internacional-Foto-Alexandre-Lops_LANIMA20130717_0195_48

Com a vantagem embaixo do braço. O Internacional assim entrou para o duelo com o América-MG, nesta quarta-feira, no Estádio Independência. Sem fazer uma grande exibição, o time de Dunga conseguiu o empate com o Coelho em 1 a 1 e garantiu a classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil.

Depois de um primeiro tempo melhor dos mineiros, o gol só saiu na segunda etapa, com Ronaldo Alves, contra. Mas D’Alessandro empatou alguns minutos depois e os gaúchos puderam “cozinhar” o jogo até o final, sem sofrer grandes perigos.

O confronto da próxima fase da competição ainda não está definida. Como entram os clubes que estavam na Libertadores – com exceção do São Paulo, que disputa a Copa Sul-Americana e será substituído pelo Vasco -, haverá sorteio. Pelo Brasileirão, o Inter pega o Flamengo, às 16h de domingo, no Centenário, em Caxias do Sul. Já o Coelho encara a Chapecoense pela Série B, no sábado, às 16h20, em Chapecó.

468x60_simonassi12

Em momentos distintos, América-MG recebe Inter precisando reverter vantagem

Uol

fabiojuniorcristianoandujarfp

América-MG e Internacional definem na noite desta quarta-feira, no estádio Independência, quem irá classificar para as oitavas de final da Copa do Brasil. No primeiro jogo, vitória dos gaúchos por 3 a 1, em Caxias do Sul. Por isso, os mineiros precisarão vencer por 2 a 0 ou por três de diferença, caso os visitantes marquem um gol, para avançar. Os dois times chegam em momentos distintos na decisão.

Desde a volta das competições da CBF, após a paralisação para a Copa das Confederações, o América ainda não venceu. Na série B, empatou com o Paraná e com o Bragantino, em casa, por 2 a 2, e ainda perdeu para os gaúchos na Copa do Brasil na última quarta-feira.

O Inter vem de três vitórias consecutivas, além dos mineiros, superou também o Fluminense e o Vasco da Gama, no Brasileiro. Além disso, entrará em campo com a vantagem de poder perder por 1 a 0 que conquista a vaga nas oitavas.

Para o jogo, o técnico Paulo Comelli não poderá contar com os meias Bady e Kleber, que já atuaram na competição pelo São Bernardo. O atacante Nikão é dúvida devido a uma pancada que recebeu no joelho direito na partida contra o Bragantino. Caso não possa atuar, Alessandro e Fábio Júnior são as opções. Em compensação, o treinador terá o retorno de Doriva, que se recuperou de uma torsão no tornozelo.

ccancer

Inter e Flamengo entram na briga por Rhodolfo; Grêmio aguarda resposta

Globo Esportes

rhodolfo_saopaulo_rodrigofaber

A quase certa saída do zagueiro Rhodolfo do São Paulo para o Grêmio pode não acontecer. Depois de ficar bem perto de um acerto com o Tricolor gaúcho, a diretoria do São Paulo recebeu propostas de Internacional e Flamengo e pode mudar o destino do jogador.

O Colorado entrou forte na disputa para impedir que o defensor de 26 anos se transfira para o maior rival. Dirigentes dos clubes gaúchos estiveram em contato frequente no fim de semana com o diretor de futebol do São Paulo, Adalberto Baptista, mas o acordo não foi finalizado. No entanto, a diretoria gaúcha nega qualquer sondagem pelo atleta.

O Flamengo também voltou a ter interesse no atleta. Rhodolfo, aliás, esteve bem próximo da Gávea há aproximadamente um mês e meio. O negócio estava praticamente certo, mas a queda do técnico Jorginho fez a diretoria rubro-negra recuar e atrasar o acerto.

O Grêmio permanece confiante em levar o jogador. O clube fez uma proposta de empréstimo e outra de compra e aguarda uma posição dos são-paulinos. A decisão deve ser tomada até quarta-feira.

comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia