WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
PMVC

outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  



drupal counter

:: ‘Libertadores’

Com novo treino fechado, Aguirre esconde Inter que enfrenta La U

Gazeta Esportiva

t_142887_depois-perder-na-estreia-aguirre-fecha-treino-no-inter-e-mantem-misterio-quanto-ao-substituto-de-nilmar

O técnico Diego Aguirre aproveita o fato de o Internacional ter problemas de escalação para o jogo desta quinta-feira para realizar treinos fechados e aumentar o mistério. Nesta quarta, no último treino antes da partida contra a Universidad de Chile, o uruguaio voltou a fechar os portões do Beira-Rio. Assim, o time que enfrentará os chilenos, pela 2ª rodada da fase de grupos da Libertadores, só será conhecido minutos antes da partida.

A tendência aponta para um time com Alisson; Léo, Ernando, Alan Costa e Fabrício; Freitas, Nilton, Aránguiz, D’Alessandro e Alex; Eduardo Sasha. Com a vitória do Emelec sobre o Strongest nesta terça, por 3 a 0, uma vitória simples sobre La U já colocaria o Colorado na zona de classificação para as oitavas de final da Libertadores.

Outros jogos dsta quinta
00h30
Independente Santa Fé x Colo Colo
20h15
Boca Juniors x Motevideu Wanderes
22h00
Zamora x Palestino

Majestoso para sempre: Libertadores tem primeiro Corinthians x São Paulo

Globo Esportes

torcedores_corinthians_saopaulo_rib-5

Um Majestoso especial, único, inédito. Uma história que começa de novo. Pela primeira vez na Taça Libertadores, Corinthians e São Paulo estarão frente a frente, nesta quarta-feira, às 22h (horário de Brasília), na arena corintiana. Ainda não é mata-mata: trata-se da primeira rodada do Grupo 2 . Mas quem liga? É um clássico entre Timão e Tricolor pela principal competição do continente. Ganhou ares de final.

O Corinthians não terá Guerrero, suspenso. Mas conta outros jogadores que podem desequilibrar um clássico de heróis consagrados, como Neto, Marcelinho Carioca, e improváveis, como Tupãzinho. No São Paulo, o principal desfalque é Centurión, que chegou do Racing com uma suspensão na bagagem. Mas há Ganso, que usará a 10 de Raí, terror dos corintianos; há Ceni, há Luis Fabiano… Todos candidatos à posteridade.

O Alvinegro chega para o duelo após passar pela primeira fase: eliminou o Once Caldas, da Colômbia, ao vencer em casa, por 4 a 0, e empatar fora, 1 a 1. Já a equipe tricolor estreia na competição. Ricardo Marques Ribeiro, de Minas Gerais, apita a partida, auxiliado por Cleriston Barreto (Sergipe) e Guilherme Dias Camilo (Minas Gerais).

outdoor_pq

Atlético-MG inicia Libertadores em confronto inédito contra o Colo Colo

Gazeta Esportiva

t_142132_levir-culpi-teve-que-quebrar-a-cabeca-para-escalar-a-equipe-porque-perdeu-quatro-titulares

A caminhada do Atlético-MG para voltar a conquistar a América começa nesta quarta-feira, e a primeira parada será no Chile. O Galo estreia na competição continental enfrentando o Colo Colo, às 22 horas (de Brasília), no estádio Monumental David Arellano, em Santiago. O duelo entre os dois clubes será o primeiro da história.

Curiosamente, o time que o Colo Colo mais enfrentou na Libertadores foi o Cruzeiro, arquirrival do Galo. No Atlético-MG, é pensamento da equipe é estrear bem, e para isso, os atleticanos terão que superar o excesso de desfalques. Ao todo, o técnico Levir Culpi perdeu quatro peças consideradas titulares.

Se o Atlético-MG projeta uma estreia com vitória na Libertadores, o Colo Colo projeta a mesma coisa. Diante do Galo, os chilenos vão completar a partida internacional de número 300, e jogando diante da torcida querem trinfar para começar bem a competição. Nos 299 jogos anteriores, o time de Santiago venceu 120, empatou 73 e perdeu em 106 ocasiões.

O técnico do Colo Colo, o ex-jogador Tapia, que inclusive já atuou pelo Cruzeiro conhece muito bem o time atleticano. Segundo ele, o Galo tem atletas que podem decidir a partida, mas que a equipe Cacique se preparou bem o confronto. Tapia não esconde que está ansioso para comandar o Colo Colo pela primeira vez em um jogo internacional.

Altitude e autoconfiança derrubam o Colorado

Futebol Interior

728x409

Mais uma vez o futebol brasileiro sofreu na altitude. Fazendo a sua estreia na Copa Libertadores na noite desta terça-feira, o Internacional foi até La Paz, na Bolívia e acabou derrotado para o The Strongest por 3 a 1, no estádio Hernando Siles.

Por mais que parecesse mais time, o Inter não conseguiu impor o seu futebol e travou também na autoconfiança. Com o resultado, o time gaúcho começa a Libertadores na terceira posição do Grupo 4, sem pontos. O The Strongest é o primeiro colocado, com três pontos. No outro jogo do Grupo, o Emelec derrotou o Universidad do Chile, em Santiago, por 1 a 0.

O The Strongest já volta a campo na próxima terça-feira, às 21h30, para enfrentar o Emelec, no Equador. Já o Internacional encara a Universidad do Chile, no estádio Beira-Rio, em porto Alegre, na quinta-feira, às 20h15. As partidas serão válidas pela segunda rodada do Grupo 4.

Com grupos definidos, começa pra valer a corrida pela Copa Libertadores

Tribuna da Bahia

logo-copa_libertadores

A corrida pela taça mais cobiçada da América do Sul conheceu, na noite da última quinta, os seus 32 participantes. O objetivo é um só: tirar do San Lorenzo, da Argentina, o caneco da Copa Libertadores – cuja fase de grupos começa já nesta terça-feira – e rumar ao Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro.

A 56ª edição do torneio promete ser a mais equilibrada dos últimos tempos.

Como era esperado, os “gigantes” Corinthians e Estudiantes de La Plata se impuseram na fase eliminatória da competição e se garantiram no chaveamento principal.

Os brasileiros passaram sem problemas pelos colombianos do Once Caldas. Por sua vez, os argentinos não deram chances ao Independiente del Valle, do Equador.

Quem fez história foi o Palestino, do Chile, que conseguiu sua vaga derrotando o tradicional Nacional, do Uruguai.
Deportivo Táchira (Venezuela), The Strongest (Bolívia) e Huracán (Argentina) completaram a lista dos classificados à próxima fase.

Confira os grupos da Libertadores:
GRUPO 1
Atlético-MG; Atlas (MEX); Colo-Colo (CHI) e Santa Fé (COL)
GRUPO 2
Corinthians; São Paulo; Danubio (URU) e San Lorenzo (ARG)
GRUPO 3
Cruzeiro; Huracán (ARG); Mineros de Guayana (VEN) e Universitario Sucre (BOL)
GRUPO 4
Internacional; Emelec (EQU); The Strongest (BOL) e Universidad de Chile (CHI)
GRUPO 5
Boca Juniors (ARG); Montevideo Wanderers (URU); Palestino (CHI) e Zamora (VEN)
GRUPO 6
River Plate (ARG); Tigres (MEX); Juan Aurich (PER) e San José (BOL)
GRUPO 7
Atlético Nacional (COL); Barcelona (EQU); Estudiantes (ARG) e Libertad (PAR)
GRUPO 8
Deportivo Táchira (VEN); Guaraní (PAR); Racing (ARG) e Sporting Cristal (PER)

LIBERTADORES: Com Huracán quase lá, The Strongest e Monarcas jogam por outra vaga na fase de grupos

Futebol Interior

0002050058182_img

Quatro times e apenas duas vagas. Este é o panorama dos dois jogos que abrem, nesta terça-feira, a segunda rodada da Pré-Libertadores 2015. O Huracán está praticamente classificado, tendo em vista a goleada que aplicou sobre o Alianza Lima. O outro jogo é entre The Strongest e Monarcas, na Bolívia.

Na semana passada, o Huracán, da Argentina, não tomou conhecimento do Alianza e venceu por 4 a 0, em pleno Alejandro Villanueva, em Lima, no Peru. Por isso, agora no jogo de volta os ‘hermanos’ podem perder por até três gols de diferença, em duelo marcado para as 20h15, no El Palacio, em Buenos Aires.

Um pouco mais tarde, às 22h45, o The Strongest, da Bolívia, tentará mostrar sua força em casa para passar pelo Monarcas Morelia, do México. Os times empataram por 1 a 1 na primeira partida, e quem vencer nesta terça-feira sairá de campo com a vaga. Empate por dois ou mais gols garante a classificação aos mexicanos.

Estes são apenas dois dos seis jogos desta fase do torneio continental. Na quarta-feira é a vez de Cerro Porteño, do Paraguai, e Corinthians mostrarem suas forças e tentarem a classificação. Os paraguaios perderama primeira partida por 2 a 1 e têm que reverter a vantagem. O Timão, que enfiou 4 a 0 nos colombianos, joga com o regulamento em baixo do braço para comemorar a vaga.

Ainda jogam Nacional, do Uruguai, e Palestino, do Chile; e Estudiantes, da Argentina, e Independiente Del Valle, do Equador.

LIBERTADORES: Dois jogos abrem a competição mais cobiçada da América

Futebol Interior

0002050056582_img

Dois jogos abrem, nesta terça-feira, a Taça Libertadores de 2015. Ainda pela fase preliminar, quatro times entram em campo por duas vagas: Allianza Lima, do Peru, Huracán, da Argentina, Monarcas Morelia, do México, e The Strongest, da Bolívia.

Em Lima, no Peru, o Alianza Lima recebe o Huracán, às 22h15 (de Brasília), no Estádio Alejandro Villanueva. Os peruanos chegaram ao torneio por terem sido campeões do Torneio del Inca de 2014, enquanto os ‘hermanos’ ganharam a Copa local da temporada 2013/2014.

Um pouco mais tarde, às 0h30 (de Brasília), o Morelia recebe o The Strongest, no Morelos, no México. Os ‘Canarios’, como são conhecidos, classificaram-se à pré-Libertadores depois de
vencer a Supercopa MX do ano passado, enquanto os bolivianso foram apenas o terceiro colocado no Torneio Clausura.

Outros quatro confrontos acontecem pela pré-Libertadores, e o destaque fica para Corinthians e Once Caldas, que jogam às 22 horas de quarta, na Arena Corinthians, em São Paulo. O time brasileiro sonha em integrar a fase de grupos para ir em busca do bicampeonato da competição.

O Timão chegou à Libertadores por ter sido o quarto colocado do Campeonato Brasileiro de 2014, enquanto o Once Caldas foi o clube com maior pontuação na temporada passada na Colômbia.

Ainda jogam: Independiente del Valle x Estudiantes, Deportivo Táchira e Cerro Porteño, e Palestino e Nacional.

unimarc-modelo-4

Conmebol divulga tabela detalhada da Taça Libertadores de 2015

Globo Esportes

images

A Conmebol divulgou nesta segunda-feira a tabela da Libertadores de 2015. O primeiro brasileiro a entrar em campo será o Corinthians, que enfrentará o Once Caldas no dia 4 de fevereiro, às 22h, na Arena. O confronto do Timão é válido pela primeira fase do torneio. O jogo de volta do Alvinegro será no dia 11 de fevereiro, às 22h, na Colômbia. Se passar, o Corinthians entra no Grupo 2 e fará o clássico com o São Paulo no primeiro jogo da fase de grupos. A estreia do Tricolor, que poderá ser contra o rival, será no dia 18 de fevereiro, às 22h, fora de casa.

O Internacional entre pela primeira vez na competição no dia 17 de fevereiro, contra o vencedor do embate entre The Strongest e Monarcas Morelia-MEX. O Colorado fará seu jogo fora de Porto Alegre, às 22h30. O Atlético-MG estreia no dia 18 de fevereiro, também fora de casa, contra o Colo Colo, às 22h. O Cruzeiro só entra em campo pela Libertadores no dia 25 de fevereiro. A Raposa encara o Universitario de Sucre, da Bolívia, também fora. A partida será às 22h.

As oitavas de final da Libertadores acontecerão nos dias 29 de abril e 13 de maio. Os confrontos são definidos de acordo com a posição das equipes na fase de grupos. O primeiro melhor colocado encara o pior segundo, e assim sucessivamente. A edição deste ano terá uma pausa após as quartas de final para a disputa da Copa América, que será disputada no Chile. As quartas serão nos dias 20 e 27 de maio. As semifinais serão disputadas somente nos dias 15 e 22 de julho. As decisões da Libertadores devem ocorrer nos dias 29 de julho e 5 de agosto.

outdoor_pq

Cruzeiro se dá bem, e São Paulo pode ter Corinthians ou Inter em seu grupo

Globo Esportes

conmebol_juanangelnapout_ap

A edição de 2015 da Taça Libertadores da América promete ser emocionante para os brasileiros. O sorteio realizado na noite desta terça-feira, em Luque, no Paraguai, colocou o São Paulo no Grupo 2, ao lado do argentino San Lorenzo, atual campeão do torneio. E mais: o quarto colocado do Brasileirão, que está entre Corinthians e Inter, vai para esse mesmo grupo se passar da primeira fase. Pode ter clássico!

Campeão da Copa do Brasil, o Atlético-MG caiu no Grupo 1, com um representante da Colômbia a ser definido, o chileno Colo Colo e o mexicano Atlas. Já o Cruzeiro, campeão brasileiro, está no Grupo 3, com Mineros de Guayana, da Venezuela, o Universitario de Sucre, da Bolívia (altitude de 2800 metros) e o vencedor do Jogo 1, entre representante do Peru contra o argentino Huracán.

O terceiro colocado do Campeonato Brasileiro, que também está entre Corinthians e Inter, caiu no Grupo 4, ao lado de Emelec, do Equador, de um representante do Chile a ser definido e do vencedor do Jogo 4, entre Monarcas, do México, e The Strongest, da Bolívia. A decisão entre Timão e Colorado será conhecida na última rodada do Brasileirão, no próximo fim de semana.

Atualmente, após 37 rodadas, Inter (terceiro) e Corinthians (quarto) estão empatados com 66 pontos, mas o Colorado tem vantagem nos critérios de desempate. Quem terminar em terceiro no Brasileirão irá para o Grupo 4, enquanto aquele que ficar em quarto vai encarar um colombiano na primeira fase e, se passar, encarará São Paulo, San Lorenzo e Danubio no Grupo 2.

Os jogos de Inter e Corinthians, pela última rodada do Brasileirão, serão no sábado, às 16h30. O Timão recebe o Criciúma, na sua arena, e o Colorado visita o Figueirense, em Florianópolis.

Um brasileiro (Inter ou Corinthians) fará o jogo 6 da primeira fase da Libertadores da América, contra um time colombiano. Mas qual? São cinco as possibilidades: Santa Fe, Junior Barranquilla, Once Caldas, Independiente Medellín ou Águilas Doradas. É importante ressaltar que Timão ou Colorado decidem fora de casa contra qualquer um desses times.

No Grupo 1, do Atlético-MG, campeão da Copa do Brasil, há um Colômbia 2. Nesse caso são três as possibilidades: Independiente Medellín, Santa Fe ou Atlético Huila. No grupo do Cruzeiro, campeão brasileiro, estará o vencedor do Jogo 1, entre Peru 3 e Huracán, da Argentina. Os peruanos podem ser: Alianza Lima ou Melgar.

Tem ainda o Grupo 4, no qual Inter ou Corinthians podem estar. Nele, o Chile 2 pode ser Universidad de Chile ou Santiago Wanderers. E o vencedor do Jogo 4 sai do duelo entre os mexicanos do Monarcas Morelia e os bolivianos do The Strongest.

A primeira fase, de jogos eliminatórios, está prevista para as datas de 4 a 11 de fevereiro. A fase de grupos começa em 18 de fevereiro.

Com várias incertezas, Conmebol define os grupos da Libertadores

Globo Esportes

fachada_conmebol-martinfernandez-2

Os cinco times brasileiros classificados para a próxima edição da Taça Libertadores (Cruzeiro, Atlético-MG, São Paulo, Internacional e Corinthians) vão conhecer nesta terça-feira seus primeiros adversários no torneio. O sorteio, que será realizado às 22h (horário de Brasília), na sede da Confederação Sul-Americana de Futebol, em Luque, no Paraguai, vai definir os confrontos da primeira fase (também conhecida como pré-Libertadores) e da fase de grupos.

Só 30 dos 38 times que vão disputar o torneio estão definidos – e em alguns países ainda não houve definição da classificação final de cada time nos campeonatos nacionais – o que vai gerar lacunas na tabela.

Uma reunião do Comitê Executivo da entidade a ser realizada nesta terça-feira pela manhã vai finalizar os critérios para o sorteio, mas é provável que não haja grandes mudanças em relação a anos anteriores.

Dos oito grupos, dois terão times brasileiros como cabeças de chave – Cruzeiro (campeão brasileiro) e Atlético (campeão da Copa do Brasil). O São Paulo também está garantido na fase de grupos. Corinthians e Inter duelam pela última vaga. Quem perder essa disputa vai ter de passar pelo mata-mata prévio. O Corinthians é até hoje o único brasileiro eliminado nesta fase – em 2011, pelo Tolima.

Primeiro serão definidos os seis confrontos do mata-mata inicial da competição. O representante brasileiro deverá entrar num pote com os representantes de Argentina, Paraguai, Bolívia e Uruguai. Do outro lado provavelmente estarão os times de Chile, Peru, Venezuela, Colômbia e Equador.

Depois serão sorteados os grupos. Além de Cruzeiro e Atlético, outros cabeças de chave já garantidos são os argentinos River Plate e San Lorenzo (atual campeão). Dos 32 times da fase de grupos, 16 avançam para as oitavas de final, onde o de melhor campanha enfrenta o 16º, o segundo pega o 15º. e assim por diante.

A primeira fase (a “pré”) está prevista para as datas ao redor de 4 e 11 de fevereiro. A fase de grupos começa em 18 de fevereiro.

O sorteio é realizado em meio a uma “noite de gala” da Conmebol, que terá um jantar para os dirigentes, um show da banda Raça Negra e homenagens a pais e filhos que brilharam no futebol americano – como os argentinos Juan Ramón e Juan Sebastian Verón (campeões com o Estadiantes) e os uruguaios Nestor e Jorge Goncalvez (que jogaram no Peñarol em épocas distintas).

468x60_simonassi127

San Lorenzo vence e é campeão da Libertadores pela 1ª vez

Terra

buffariniconquistaenriquemarcarianrt

Aos 106 anos, o sonhado título chegou. Pela primeira vez em sua história, o torcedor do San Lorenzo pode encher o peito para dizer que é campeão da Copa Libertadores, maior competição entre clubes na América do Sul. O troféu, entretanto, veio com sofrimento: o “time do Papa” derrotou nesta quarta-feira o Nacional-PAR por 1 a 0 na Argentina para explodir em alegria com seus torcedores e conquistar a competição de forma inédita.

Apesar de erguer a sua primeira Libertadores apenas agora, o San Lorenzo já havia conquistado dois títulos continentais: a Copa Sul-Americana de 2002 e a Copa Mercosul de 2001. A equipe é uma das maiores da Argentina e já conquistou, ao todo, 15 campeonatos nacionais locais. Agora, se preparará para o Mundial de Clubes, que contará com a presença do Real Madrid – será necessário um milagre ainda maior do Papa Francisco.

Recentemente, o San Lorenzo ganhou fama por ser declaradamente a equipe pela qual o Papa Francisco torce. Desde que o pontífice assumiu a Igreja Católica, o clube conquistou o Torneio Início, equivalente ao Campeonato Argentino, e, agora, a inédita Libertadores na história do time de 106 anos.

O título da edição de 2014 pela Argentina, em torneio que as equipes brasileiras deram vexame e ficaram de fora até da semifinal, acaba com uma série de quatro troféus seguidos erguidos por brasileiros (Inter – 2010, Santos 2011, Corinthians – 2012 e Atlético-MG – 2013). Contudo, aumenta para três o número de Libertadores conquistadas de maneira inédita – Corinthians, em 2012, e Atlético-MG, em 2013, também haviam sido campeões pela primeira vez.

Sem ficar com a taça, o Nacional ao menos se despede da Libertadores com a melhor campanha de sua história, que dificilmente será igualada. A equipe paraguaia, que se acertou ao longo da competição após ter transtorno para avançar de fase, costuma fazer apenas campanhas modestas no principal torneio sul-americano.

outdoor_pq

Final improvável e vexame nacional marcam Libertadores 2014

Terra

marcelomorenolamentaafp

O fim de uma Libertadores para ser esquecida pelo futebol brasileiro se inicia na noite desta quarta-feira, às 21h15 (de Brasília), com o primeiro jogo da improvável decisão entre Nacional-PAR e San Lorenzo-ARG, em território paraguaio. O torneio de 2014, que terá um campeão inédito ao soar do apito do árbitro após os 180 minutos da final, terá como maior marco a fraca campanha nacional, com a quebra de recordes e tabus negativos.

A ameaça do vexame nacional começou já na Pré-Libertadores, quando as duas equipes brasileiras na fase – Botafogo e Atlético-PR – foram derrotadas no duelo de ida e quase sofreram a desilusão do Corinthians em 2011, quando o time paulista foi eliminado na fase embrionária da competição, após derrota para o Tolima por 2 a 0 no jogo de volta. Os dois brasileiros desta edição, entretanto, reverteram o placar – os paranaenses apenas nos pênaltis.

Na fase de grupos da Libertadores de 2014, entretanto, o primeiro recorde negativo do futebol brasileiro já foi decretado: três equipes – Botafogo, Flamengo e Atlético-PR – foram eliminadas antes do mata-mata. O fato foi histórico e inédito: antes, a pior Libertadores nacional havia sido em 2002, quando dois brasileiros – Flamengo e Atlético-PR – ficaram pelo caminho na chave de grupos.

A ausência de times nacionais abriu caminho para novos clubes desbravarem a Libertadores da América. Após a sequência de quatro títulos brasileiros, sendo os dois últimos (Atlético-MG e Corinthians) inéditos, a competição sul-americana chegou à semifinal sem nenhum clube já campeão do torneio. A final, por sua vez, é a mais improvável possível: San Lorenzo e Nacional-PAR foram os times classificados de pior campanha na fase de grupos.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia