WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  



drupal counter

:: ‘MESSI’

Após adeus: Messi deve liderar debandada da seleção e boicote

MSN

AAhFraF.img

Messi tentou, errou e, mais uma vez, não conseguiu ajudar a Argentina a ser campeã. No último domingo, após perder um pênalti e ver a sua seleção ser vice pela terceira vez em três anos, na final da Copa América Centenário contra o Chile, o camisa 10 anunciou que não defenderá mais seu país. E ele, assumidamente insatisfeito com a Associação de Futebol Argentino (AFA), pode não ser o único a renunciar.

O craque do Barcelona deve encabeçar um movimento de debandada. Grande amigo de Messi, Agüero deixou claro, em entrevista, que também não jogará mais pela seleção albiceleste. Além disso, ele revelou que outros jogadores irão seguir a dupla nesta dura decisão para os hermanos.

– Há vários jogadores que avaliamos que vão nos seguir – afirmou o astro do Manchester City.

De acordo com o jornal “Olé”, o volante Mascherano, companheiro do Messi no Barça, e o atacante Higuain, do Napoli, também não jogarão mais com a seleção bicampeã do mundo.

Alvo de suspeitas de corrupção, a AFA, que está atualmente sob intervenção da Fifa, pode ser a grande culpada pela hipotética saída de jogadores de destaque da seleção do técnico Tata Martino – que, inclusive, está sem receber salários da entidade local há oito meses.

Na última semana, por exemplo, Messi disparou publicamente contra a AFA. Ele chegou a definir a associação como “desastre”, logo depois de atraso de um voo da delegação rumo à Nova Jersey. Na imprensa argentina, esta declaração do principal jogador da seleção do país foi apontada apenas como um dos motivos de insatisfações de atletas – ou seja, não foi um episódio de frustração isolado.

Advocacia Geral da Espanha pede prisão de Messi

Terra

messilamentagetty

A Advocacia Geral da Espanha pediu 22 meses de prisão para o jogador Lionel Messi por uma suposta fraude de 4,1 milhões de euros e mais dois delitos fiscais, informou o jornal Sport nesta quinta-feira (08). Seu pai, Jorge Horacio, responderá pelo mesmo crime. Segundo a publicação, o juiz titular de primeira instância do tribunal número 3 de Gavà, em Barcelona, decidiu pela abertura do processo e deve marcar a audiência em breve.

O jogador terá que responder ao caso mesmo com o fato da Procuradoria ter informado que não acredita que o atleta sabia do esquema de corrupção criado por seu pai. Mesmo com o parecer do procurador, o juiz decidiu abrir o processo contra o Messi e indiciou o argentino como “co-autor” do crime.

Na terça-feira (06), o Ministério Público de Barcelona havia arquivado a denúncia contra o jogador por considerar que ele não tinha participação no esquema. A investigação contra os dois argentinos começou em 2013, após uma denúncia do El País . Os procuradores conseguiram comprovar que Jorge Horacio criou um sofisticado esquema de empresas de fachada e de inventar contratos de prestação de serviço para justificar despesas em paraísos fiscais com o único intuito de sonegar impostos de contratos publicitários assinados por Messi.

Ao todo, o jogador assinou documentos no valor de 10,1 milhões de euros entre os anos de 2007 e 2009 e teria sonegado 4,1 milhões em impostos.

Messi cogita “pedir um tempo” da seleção argentina após novo vice

Globo Esportes

2015-07-04t232956z_1735760391_tb3eb741t9lg1_rtrmadp_3_soccer-copa-m26

Outra derrota em uma decisão, outra frustração com a camisa de seu país, e dias de reflexão para Lionel Messi a respeito do futuro na seleção argentina. Não que o craque cogite se aposentar do time nacional com somente 28 anos, mas a pressão por um título que teima em não chegar há 22 anos e a tonelada de responsabilidade que carrega nos ombros a cada revés o têm feito pensar em pedir um tempo. De acordo com informações do jornal “Olé”, o jogador do Barcelona é dúvida até mesmo para o início das eliminatórias.

Com apenas um gol marcado e atuação apagada na derrota nos pênaltis para os chilenos, Messi tem dividido opiniões na Argentina. Se companheiros, ex-jogadores e até o presidente da AFA, Luis Segura, fizeram questão de sair em defesa do craque, a opinião pública não tem poupado nas críticas. O próprio “Olé” escreveu em suas páginas que o capitão “não os representa”, e em redes sociais sobram questionamentos sobre sua capacidade de decisão pela seleção. De férias em Rosário, o jogador absorve as informações e reflete sobre a melhor escolha para breve.

Em seu perfil no Facebook, Leo se manifestou e expressou sua dor pelo terceiro vice com a camisa de seu país garantindo que “nada é mais doloroso no futebol do que perder uma final”. Além da derrota no Chile, Messi já tinha sido derrotado na decisão da Copa do Mundo no Brasil e da Copa América de 2007. O próximo compromisso da Argentina está marcado para o dia 7 de setembro, diante do México, e a tendência é que o craque peça para ser poupado.

Depois do Mundial do ano passado, já tinha sido assim, quando não foi convocado por Tata Martino para “revanche” contra a Alemanha, vencida por 4 a 2, em Düsseldorf. O retorno aconteceu no Superclássico das Américas, com derrota para o Brasil, na China – outro vice, por sinal, mas menos impactante. O recesso da seleção, entretanto, pode durar mais e a imprensa especula ausência até mesmo no início das eliminatórias. Nada ainda é definitivo.

Outro jogador que cogita ficar um período sem ser convocado é Javier Mascherano – não por acaso um dos mais próximos de Messi no elenco. Há mais tempo na seleção, o volante tem retrospecto ainda pior, com os vices também da Copa América de 2004 e da Copa das Confederações de 2005.

Jornal argentino detona Messi e pede outro líder na seleção

Uol

messi-passa-pela-taca-da-copa-america-sem-esconder-a-lamentacao-1436053751194_615x470

Principal jornal esportivo da Argentina, o Olé detonou a participação de Lionel Messi na Copa América. As críticas foram contundentes e jogaram às claras a insatisfação de muitos argentinos: por que Messi não consegue exibir o mesmo futebol praticado no Barcelona.

Messi dá sinais de pouca importância ao selecionado argentino e não se porta como líder, diz o jornal, que sugeriu que o meia entregasse a tarja de capitão a outro atleta.

“Há vezes em que se joga bem, outra não. Mas nunca pode caminhar e caminhar ausente, enquanto os companheiros lutam. Ser o melhor não só dá direitos, mas também obrigações. Esta era a grande oportunidade de revanche após a final do Mundial no Brasil”, diz trecho do texto do Olé.

A imprensa argentina entende que Messi não buscou alternativas para furar o bloqueio chileno na decisão da Copa América. Messi foi uma presa fácil e que parecia distante dos objetivos do elenco argentino.

“Um pouco de respeito para essa gente que abraçou o televisor”. “Deveria pedir perdão”

Aos 28 anos, o craque nunca conseguiu um título com sua seleção principal. Messi tem duas medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos, mas a disputa envolve o time Sub-23 e mais três convidados por time. Messi é tri-vice: duas vezes pela Copa América (2007 e 2015) e uma Copa do Mundo.

Em outro texto, o Olé faz diversos questionamentos a Messi, entre os quais pergunta por que ele ganhou 23 taças com o Barcelona e nenhuma com a seleção principal.

“Por que milhões de crianças se inspiram em você e em um novo dia de final aparecem garotos chilenos te levantando após a fatídica definição por pênaltis? Por que essa diferença tão grande entre o que você joga no Barça a na Argentina?”.

Neymar e Messi valem mais do que 8 seleções da Copa América

Uol

Índice

Principais destaques do Barcelona campeão da Liga dos Campeões, Neymar e Messi serão também as duas maiores estrelas da Copa América do Chile. Os dois jogadores mais caros do torneio, entre os 276 convocados, valem juntos 176 milhões de euros (ou quase 620 milhões de reais), de acordo com o site alemão transfermarkt, especializado em em transferências e valores dos passes dos jogadores de futebol do mundo todo.

O argentino Messi, avaliado em 105,6 milhões de euros, é o jogador mais valioso do torneio. O brasileiro Neymar é o segundo, com o valor estipulado em 70,4 milhões de euros. O valor dos dois craques (176 milhões de euros), é maior do que oito seleções inteiras da competição (Uruguai, Equador, Peru, México, Venezuela, Paraguai, Jamaica e Bolívia). Só Messi vale mais do que todos dos jogadores de Bolívia, Jamaica, Paraguai e Venezuela juntos. O campeão Uruguai, desfalcado de Luis Suárez, suspenso pela Fifa ainda por conta da mordida em Chiellini na Copa do Mundo, vale menos do que os dois atacantes do Barça.

As seleções mais valiosas da Copa América 2015 (em milhões de euros)
1º – Argentina – 496,2
2º – Brasil – 434
3º – Colômbia – 261,4
4º – Chile – 178,1
5º – Uruguai – 170,8
6º – Equador – 52,9
7º – Peru – 48,4
8º – México – 47,2
9º – Venezuela – 38,8
10º – Paraguai – 33
11º – Jamaica – 13,8
12º – Bolívia – 7,6

Os jogadores mais valiosos da Copa América 2015 (em milhões de euros)
1º – Messi-ARG (105,6)
2º – Neymar-BRA (70,4)
3º – Di María-ARG (57,2)
4º – James Rodríguez-COL (52,8)
5º – Agüero-ARG (44)
Edinson Cavani-URU (44)
7º – Falcao García-COL (39,6)
Alexis Sánchez-CHI (39,6)
9º – Arturo Vidal-CHI (36,9)
10º – Higuaín-ARG (35,2)

Messi leva Bola de Ouro, e Neymar fica com Chuteira de Bronze na Copa

Globo Esportes

neuer-neymar-final-andredurao

O argentino Lionel Messi foi eleito o melhor jogador da Copa do Mundo de 2014. Com quatro gols em sete jogos, o jogador conduziu a Argentina na campanha do vice-campeonato. Apesar da conquista individual, graças à análise do Grupo de Estudos Técnicos da FIFA (TSG), “La Pulga” recebeu o troféu com cara de poucos amigos. Quem também acabou premiado foi o brasileiro Neymar. Ganhou a Chuteira de Bronze, por ser o terceiro na lista de artilheiros pelos seus quatro gols.

Mesmo com o prêmio, Messi não teve atuação destacada durante a partida deste domingo. O jogador parou na boa marcação dos defensores da Alemanha. Thomas Müller ficou com a Bola de Prata, e o holandês Robben, com a de Bronze.

Campeões, os alemães ganharam um prêmio individual. Neuer conquistou a Luva de Ouro de melhor goleiro da Copa. Em sete partidas no torneio, sofreu apenas quatro gols. O volante francês Pogba ficou com o troféu de revelação, para jogadores nascidos depois de 31 de dezembro de 1992.

A Colômbia levou dois prêmios. James Rodriguez foi o Chuteira de Ouro, com seis gols em cinco partidas. Além disso, a seleção ganhou o Prêmio Fifa Fair Play, por ter sido a que passou da primeira fase e foi punida menos vezes com cartões. Foram cinco amarelos em cinco jogos. Artilheiro da Copa de 2010, o alemão Thomas Müller ficou com a Chuteira de Prata desta vez, pelos seus cinco gols em sete partidas.

Neymar acabou com a Chuteira de Bronze pelo segundo critério de desempate. Com quatro gols e uma assistência, mesmo número de Messi, ficou à frente por ter jogado menos minutos do que o argentino (457 contra 693) – Van Persie, da Holanda, balançou a rede o mesmo número de vezes, mas não deu passe para que algum companheiro marcasse.

No Mundial de 2010, na África do Sul, o uruguaio Diego Forlán foi escolhido o melhor jogador do torneio. O alemão Thomas Müller ganhou o prêmio de revelação e a Chuteira de Ouro por ter sido o artilheiro, com cinco gols.

Argentina põe dependência de Messi à prova contra equilibrado ataque belga

Uol

t_119922_discipulo-de-maradona-messi-tenta-repetir-os-feitos-de-seu-idolo-com-a-camisa-da-selecao-argentina

Sobrou ele. Com Neymar fora da Copa, Messi brilha como estrela solitária do Mundial. Participou de seis dos sete gols marcados pela Argentina e foi eleito o melhor jogador em todas as quatro partidas disputadas por sua seleção. E será novamente ele o indicado a levar a Argentina a sua primeira semifinal desde a Copa de 1990 em jogo contra a Bélgica, 13 horas, em Brasília.

Se praticamente todos os gols da Argentina saem dos pés do craque (apenas o gol de Rojo contra a Nigéria não teve participação direta dele), os belgas apresentam mais opções na hora de concluir as jogadas: foram seis gols marcados por seis jogadores diferentes até agora – Fellaini, Mertens, Origi, Vertonghen, De Bruyne e Lukaku.

Para parar o ataque da Bélgica, o técnico Alejandro Sabella terá o desfalque do lateral esquerdo Rojo, suspenso. O volante Biglia foi testado, mas é o zagueiro Basanta quem deve ser improvisado pelo setor. No ataque, Higuain e Lavezzi devem começar, mas pressionados pela boa atuação de Palacios contra a Suíça.

Do outro lado, Marc Wilmots deve escalar o goleiro Courtois, que sentiu dores durante a semana e chegou a ser dúvida. No ataque, Lukaku entrou bem contra os Estados Unidos e deve recuperar a posição de Origi. Mirallas vem agradando quando acionado no segundo tempo e corre por fora para ser o centroavante.

unimarc-modelo-4

Messi marca e Argentina estreia na Copa com vitória sobre Bósnia

r7

t_117783_messi-achou-impressionante-a-presenca-da-torcida-argentina-no-estadio-do-maracana

Com direito a um belo gol de Lionel Messi, a Argentina estreou na Copa do Mundo com uma vitória de 2 a 1 sobre a Bósnia no Maracanã, neste domingo pelo Grupo F do Mundial, e deu grande passo rumo à classificação às oitavas de final.

A Argentina abriu o placar graças a um gol contra do lateral-esquerdo Kolasinac, após um desvio de cabeça de Marco Rojo num cruzamento na área, aos 3 minutos de jogo, e ampliou com Lionel Messi, num chute colocado de fora da área, aos 20 do segundo tempo.

A cinco minutos do fim, a Bósnia diminuiu com Vedad Ibisevic, mas não teve tempo para buscar um empate.

Com a vitória, os argentinos assumem a liderança do Grupo F com três pontos e já poderão garantir classificação às oitavas na próxima sexta-feira em Belo Horizonte, onde enfrentarão o modesto Irã, que ainda joga contra a Nigéria nesta segunda-feira em Curitiba.

Bom moço? Jornal revela ofensas de Messi a jogadores do Barcelona

Lancepress

Messi-lancepress

Messi é craque, mas está longe de ser santo. Pelo menos é o que publica o diário espanhol “El Confidencial Digital”. Segundo o texto, o melhor jogador do mundo costuma ser hostil e humilhar os companheiros de time menos dotados de habilidade.

Dois alvos do “bullying” praticado por Messi nos treinamentos são o chileno Alexis Sanchez e o Cristian Tello, de 24 e 22 anos.

O mais novo da dupla seria o destino predileto das críticas do argentino. Segundo fontes do diário, o jogador teve que escutar o seguinte: “O que você está fazendo? Você é novo aqui e não é ninguém”, que veio acompanhado da frase “passa a bola para mim, porque você está aqui para jogar para mim”.

Diante da implicância de Messi, Tello teria chegado a chorar depois dos treinos do Barcelona, especialmente diante da passividade de outros líderes do grupo catalão com relação à situação.

A Sanchez, segundo o diário, Messi chegou a questionar o valor investido pelo clube para contratar o atacante junto à Udinese, da Itália (37 milhões de euros). “Do jeito que você é ruim, não sei como custou tanto. Não chute tanto e me passe a bola”, teria dito.

O jornal espanhol cita que o comportamento de Messi já é conhecido em esferas fora do clube, como a seleção espanhola sub-19, da qual fazem parte os então barcelonistas Grimaldo e Deulofeu. O “Confidencial” ressalta que o “bullying” de Messi, que já se desentendeu com Cuenca e David Villa, não é divulgado por causa da lei do silêncio que vigora no vestiário do Barça.

Acusação de sonegação e noitadas arranham imagem de bom moço de Messi

Uol

montagem-com-lionel-messi-1375276248307_615x300

Dois fortes acontecimentos recentes abalaram a imagem de rapaz comportado de Lionel Messi. A mais recente polêmica envolvendo o craque do Barcelona ocorreu nesta semana após a revista argentina Pronto estampar na capa uma foto do atleta com uma mulher misteriosa em uma noitada de Las Vegas, nos Estados Unidos.

“O 10 da seleção teve uma noite de descontrole em Las Vegas”, diz um título. A manchete polemiza: “As fotos que põem em risco o matrimônio de Lionel Messi”.

A imagem gerou críticas e dúvidas. O editor da revista argentina informou nesta quarta-feira que a foto é verdadeira, destacando que alguns elementos presentes na foto ratificam que não houve montagem.

“Há um espelho atrás [na foto] e esse efeito não se pode trocar. Messi está em um lugar público. Por isso não me parece grave que se publique. Mostramos o que se passou, não foi feito juízo de valor”, comunicou Fernando Cerolini, diretor da revista Pronto.

Messi teve seu nome envolvido em uma suposta sonegação fiscal. A Promotoria de Crimes Financeiros de Barcelona apresentou em junho uma queixa contra o jogador e seu pai, Jorge Horacio Messi. Ambos foram acusados pela sonegação de mais de 4 milhões de euros em declarações de imposto de renda entre 2007 a 2009.

“Um símbolo sob suspeita”, estampou o Marca, principal jornal esportivo do país. “Não está condenado, apenas acusado, mas o relato da procuradoria sobre uma suposta fraude é horripilante”, destaca o jornal.

O jornal El Mundo, de Madri, afirmou que a acusação “suja a imagem” de Messi.

Segundo o relato da Promotoria, “com a finalidade de burlar a tributação”, foi simulada a concessão de seus direitos de imagem ‘a sociedades puramente instrumentais radicadas em paraísos fiscais (Belize e Uruguai)”.

Para o Ministério Público, ficou que “a iniciativa para fraudar partiu de Jorge Messi”, o pai e representante do jogador.

Em sua página no Facebook, Messi negou ter feito qualquer irregularidade. “Nunca cometi qualquer infração. Isso nos causa surpresa. Sempre cumprimos todas as nossas obrigações tributárias, seguindo os conselhos de nossos assessores”, afirmou o atacante.

Neymar e Messi ficarão frente a frente em jogo beneficente em Lima

Terra

IMAGEM_NOTICIA_5

Neymar enfrentará Messi em um jogo amistoso que reunirá uma constelação de estrelas do futebol mundial no Estádio Nacional de Lima, no dia 2 de julho, informaram nesta quarta-feira a imprensa peruana.

Neymar integrará o time do “Resto do Mundo”, que duelará contra “Messi e seus amigos”. Esse deverá ser o primeiro encontro do brasileiro com o argentino desde o anúncio da ida do primeiro para o Barcelona.

A partida será em prol de uma organização social não divulgada, que receberá o dinheiro através da Fundação Messi. Entre os confirmados estão Júlio César, David Luiz, Diego, Robinho, Júlio Baptista, Diego Lugano, Edinson Cavani, Sergio Busquets e Sergio Agüero.

zip nautica

Após ficar no banco de reservas, Messi admite: ‘Não estou bem’

Globo Esportes

messi_afp

Foram pouco mais de 30 minutos em campo no empate em 0 a 0 da Argentina com a Colômbia, mas Lionel Messi sentiu o esforço. O craque do Barcelona, que ficou no banco de reservas devido ao longo tempo parado por conta de uma lesão na perna direita, admitiu após a partida, válida pelas eliminatórias, que ainda não se encontra bem fisicamente.

– Eu não estou bem. Hoje pude jogar um pouquinho, mas não sabia como minha perna ia responder. Havíamos acertado com Alejandro (Sabella, técnico da Argentina) de entrar no segundo tempo – disse o camisa 10 na saída de campo.

Apesar de não estar 100%, Messi teve boa participação no jogo, melhorando a produção ofensiva da Argentina. Em um dos lances que criou, aliás, os hermanos tiveram um gol de Agüero anulado, pois o auxiliar assinalou impedimento do ídolo do Barça, que não concordou com a decisão.

O próximo compromisso da Argentina é contra o Equador, na terça-feira, fora de casa. Por conta de suas condições físicas, Messi não quis confirmar se estará em campo.

Confira os resultados de ontem:
Argentina 0 x 0 Colombia
Peru 1 x 0 Equador
Bolivia 1 x 0 Venezuela
Paraguai 1 x 2 Chile





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia