WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930



drupal counter

:: ‘Muricy’

Muricy recebe resultado de exames médicos e vai deixar o Flamengo

Terra

565b3e8c7a441

Muricy Ramalho vai encerrar a sua passagem pelo Flamengo. Após sofrer arritmia cardíaca, o técnico passou por uma bateria de exames em São Paulo e decidiu abandonar o clube carioca para cuidar de sua saúde, segundo informou o Uol. A decisão será oficializada nesta quinta-feira.

Dessa maneira, o treinador deixa o Flamengo com a mesma justificativa com que saiu do São Paulo pela última vez, em abril do ano passado, quando anunciou que estava com problemas de saúde e realizaria uma cirurgia. Ele também precisou ser internado em 2014, após passar mal em um treinamento. Nos tempos de Santos, em 2013, enfrentou um quadro de diverticulite.

Pelo Flamengo, Muricy Ramalho foi discreto. Em 26 jogos, acumulou 13 vitórias, seis empates e sete derrotas, amargando as eliminações na Primeira Liga, no Campeonato Carioca e na Copa do Brasil.

A expectativas da diretoria flamenguista quando Muricy foi contratado, contudo, eram as melhores possíveis. O presidente Eduardo Bandeira de Mello se reelegeu e logo apostou no experiente treinador, entusiasmado por um período de estádio no Barcelona, da Espanha.

Sem Muricy, o Flamengo agora concentra esforços na busca por um novo comandante. Abel Braga já foi contatado. O problema é que o treinador foi demitido no final do ano passado pelo Al Jazira, dos Emirados Árabes Unidos, e comprometeu-se a não trabalhar por outro clube enquanto estivesse recebendo a sua rescisão contratual. Assim, só estaria livre para suceder Muricy Ramalho em julho.

unimarc-modelo-4

Muricy é o novo treinador do Flamengo

Globo Esportes

dscn5711_1

O acerto já estava feito, mas faltava a confirmação do novo presidente para que Muricy Ramalho fosse efetivado com o treinador do Flamengo para 2016. Não falta mais. Após o fim da eleição realizada na Gávea durante esta segunda-feira, a Chapa Azul de Eduardo Bandeira de Mello comemorou a vitória com o anúncio de Muricy. Ainda adiantou que muito provavelmente o técnico será apresentado nesta terça-feira, na Gávea.

– Vamos apresentar o Muricy provavelmente amanhã (terça-feira). É superar obstáculos e montar o futebol que o Flamengo merece. Trabalhamos para fazer um time mais forte. Estamos trabalhando nisso. Muricy é um excelente profissional. Acho que o Muricy se encantou pelo Flamengo. Estamos trabalhando por reforços de peso. Ficamos devendo no futebol, porque antes tínhamos que recuperar a credibilidade – afirmou Eduardo Bandeira de Mello.

Horas antes de a vitória azul ser consolidada, Muricy Ramalho falou pela primeira vez como treinador do Flamengo, durante a premiação Bola de Prata. O técnico destacou a política de austeridade financeira da atual diretoria e, mesmo ciente das condições do Ninho do Urubu, prontificou-se a ajudar na melhoria do centro de treinamentos.

Muricy Ramalho tem 60 anos e é tetracampeão brasileiro (três com o São Paulo e uma com o Fluminense) e campeão da Libertadores com o Santos. Deixou o São Paulo no início deste ano, devido a um problema de saúde e aproveitou o período para estudar, inclusive na Espanha.

‘Por motivos de saúde’, Muricy não é mais técnico do São Paulo

MSN

AAav3c9

Muricy Ramalho está fora do São Paulo. Após reunião no início da tarde desta segunda-feira, o treinador e a diretoria chegaram ao acordo para definir pela saída. O técnico esteve no médico nesta manhã. A informação foi confirmada pelo presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar.

“Eu continuo tendo o Muricy como meu técnico, mas não posso ser injusto a ponto de colocar tudo acima da própria saúde dele. O mais imporante agora é ele se tratar, cuidar da saúde, descansar. As portas do SPFC sempre estarão abertas para um técnico e uma pessoa como ele. Ele é um ídolo!”, disse o cartola.

Uma reunião entre Muricy, o presidente e o vice de Futebol, Ataíde Gil Guerreiro, sacramentou o fim da parceria. De acordo com informações apuradas, o treinador terá que operar na semana que vem, segundo orientações médicas.

A decisão foi tomada um dia depois da derrota do tricolor para o Botafogo, pelo Campeonato Paulista, por 2 a 0, em Ribeirão Preto.

Na semana anterior, quando o time perdeu de 3 a 0 para o Palmeiras, no Allianz Parque, Muricy chegou a entregar o cargo, mas a diretoria não aceitou e o manteve no cargo.

outdoor_pq

Muricy confirma estreia de Kardec na sexta para “sentir a camisa”

Gazeta Esportiva

t_117892_alan-kardec-foi-contratado-pelo-sao-paulo-antes-da-paralisacao-para-a-copa-e-esta-confirmado-contra-orlando

Alan Kardec será titular no único amistoso do São Paulo agendado durante a intertemporada nos Estados Unidos. O técnico Muricy Ramalho confirmou nesta terça-feira que o reforço estará em campo desde o início do confronto com o Orlando, na sexta.

“Ele joga. Nossa filosofia, como foi com o Pato, é que não tem cabimento não colocar para jogar, depois de fazer o investimento que fizemos”, afirmou o treinador. Para atravessar o rival Palmeiras e contratar o atleta, o Tricolor pagou cerca de R$ 14 milhões ao Benfica.

Apesar de o acerto ter sido formalizado antes da paralisação para a Copa do Mundo, Alan Kardec não pôde jogar pelo Tricolor no Brasileirão porque é considerado um reforço vindo do exterior, podendo ser inscrito apenas na reabertura da janela de transferências, na retomada do futebol nacional. Como o amistoso não requer a burocracia, Muricy quer dar a chance para o atleta se ajustar ao grupo.

Muricy Ramalho ainda não confirmou quem perderá vaga para a entrada do reforço, mas lembrou que pode mudar alguém de função. “Só alguns jogadores têm posição fixa, como o Osvaldo pela esquerda. Ele acha que é melhor lá, vai muito para o fundo do campo. Mas o Kardec e o Pato, por exemplo, não podem ficar o tempo todo abertos. Eles podem dividir a função com o Luis, que é o que mais necessitamos. Com a bola, eles encostam no centroavante”.

Muricy Ramalho retorna para tirar o São Paulo da zona de rebaixamento

r7

19_27_47_577_file

O São Paulo oficializou no início da noite desta segunda-feira (9) a contratação de Muricy Ramalho. O técnico volta ao comando do Tricolor depois de quatro anos e tem a missão de livrar o time do rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro. O treinador chega para substituir Paulo Autuori, que acumulou dez derrotas, quatro empates e apenas três vitórias.

Tricampeão brasileiro pelo Tricolor (2006, 2007 e 2008), Muricy conta com o apoio de boa parte da torcida. Antes da chegada de Autuori, o treinador tinha seu nome gritado nas arquibancadas do Morumbi. A última resistência parecia ser de nomes ligados ao vice-presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco.

Muricy, que se disse comovido com os pedidos de parte da torcida por sua contratação, disse recentemente que assumiria o Tricolor até na Série B. Em entrevista ao programa Estádio 97, o treinador disse que é difícil o clube cair, mas ainda assim estaria à disposição do São Paulo.

O treinador acumula duas passagens pelo clube do Morumbi. Além do tricampeonato brasileiro de 2006 a 2009, Muricy também comandou a equipe de 1994 a 1996. Na década de 1970, foi jogador do São Paulo, campeão brasileiro em 1977.

Em nota, o São Paulo ignorou a crise no Campeonato Brasileiro e ressaltou o título da Copa Eusébio sobre o Benfica, em Portugal. O time é o 18º na competição nacional, com apenas 18 pontos.

Corinthians, Muricy e vestiário já pressionam Autuori na chegada

Jornal Folha de São Paulo

13192531

Oito anos atrás, quando rumou ao Kashima Antlers-JAP, Paulo Autuori deixou para trás um São Paulo campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes. Hoje, ao voltar ao Morumbi, reencontra um time em frangalhos, com ambiente péssimo e forte pressão vinda das arquibancadas.

Escolhido para substituir Ney Franco, o ex-treinador do Vasco foi apresentado ontem à imprensa e aos atletas. Na véspera, viu pela TV um pouco do clima que o aguarda. A derrota por 2 a 1 para o Bahia foi o terceiro revés em três jogos do São Paulo após a pausa para a Copa das Confederações. Detalhe: todas as partidas foram no Morumbi.

Os gritos que vieram das arquibancadas não foram nada animadores ao treinador. A torcida passou boa parte do jogo cantando que “o pau vai quebrar” se o time não bater o Corinthians na quarta-feira, na volta da Recopa –a derrota por 2 a 1 na ida provocou a saída de Ney. No resto do tempo, pedia Muricy Ramalho, tricampeão brasileiro pelo clube, favorito da maioria dos torcedores e até de conselheiros. “A torcida pediu o Muricy. Mas o São Paulo tem um gestor. E o gestor disse que é o Autuori. Eu pergunto ao torcedor, por que não um Autuori? Torcida é paixão, e administração é razão”, disse o presidente Juvenal Juvêncio.

“Também votaria no Muricy”, replicou, todo político, o novo treinador da equipe.

E os problemas de Autuori não se limitam às tribunas. Eles estão dentro do gramado e também no vestiário. Contra o Bahia, o atacante Luis Fabiano voltou a ser expulso e foi chamado por integrantes da organizada Independente de “pipoqueiro”. Já depois do jogo, o goleiro e capitão Rogério foi tirar satisfação com o centroavante e os dois bateram boca.

Principais líderes do elenco, os camisa 1 e 9 possuem uma relação conturbada, ainda que sem nenhuma exibição pública de desavenças. Procuradas pela Folha, as assessorias de imprensa dos dois jogadores disseram desconhecer o desentendimento no vestiário anteontem. Autuori ainda tem de recuperar Ganso, banco ante o Bahia. “A essência do futebol é a qualidade técnica. Ganso já mostrou que tem isso. Mas o jogador tem que ser também um competidor”, disse

Após terceiro jogo da temporada, Muricy já vê time do Santos cansado

Futnet

santos_jogo_muricyramalho

Após o empate de 2 a 2 entre Santos e Bragantino, o treinador Muricy Ramalho afirmou que seus jogadores já estão sentindo o cansaço por causa do pouco tempo de preparação para a disputa da temporada. Após o terceiro jogo no ano, o treinador diz que teme por lesões dos seus comandados.

“Daqui a pouco vamos ter de trocar. Já está chegando na hora do problema muscular. Graças a Deus não perdemos nenhum, mas a pré-temporada é muito curta, é assim mesmo”, disse Muricy Ramalho após o jogo.

O treinador espera preparar o time da melhor forma para a maratona de jogos neste começo de Paulistão. “Tenho de repetir o time, porque jogando quarta e domingo não dá tempo de treinar, então o jeito é repetir o time”, disse o treinador antes da partida com o Bragantino, quando sentiu a falta de entrosamento de seus jogadores.

“No primeiro tempo não teve infiltração do Cícero e do Arouca. O forte do Montillo é isso. Quando o Cícero foi, ele deu o passe [na jogada do primeiro gol]. Isso, é claro, é um fator de entrosamento. Eles ainda estão em pré-temporada e até que está bom demais”, avaliou Muricy.

opcao-468x60

Muricy não sabe se usará Neymar contra o Galo

FutNet

Após a vitória do Santos sobre o Vasco, o treinador Muricy Ramalho deu uma coletiva e afirmou que a escalação do craque Neymar contra o Galo Mineiro, quarta-feira, está em aberto. O atacante irá jogar o amistoso contra o Japão, nesta terça-feira, na Polônia. Ele deve voltar ao Brasil na quarta, dia do jogo contra os atleticanos.

“Não tem nada definido ou conversado. Nós sabemos que ele surpreende demais, de repente chega bem na quarta-feira para jogar. Temos que perguntar para o cara. Está cansado? Fica fora. É isso que vamos fazer. Desse tipo de jogador não se pode duvidar nada. Vamos ver como ele chega. Se estiver bem para jogar, joga”, afirmou o comandante.

Vale lembrar que Neymar ainda será julgado na quarta no STJD sobre sua expulsão contra o Grêmio.

Muricy vê empate justo e reconhece cansaço santista no segundo tempo

r7

Santos e Internacional ficaram no empate em 1 a 1, neste sábado, na Vila Belmiro. Para o técnico Muricy Ramalho, o resultado foi justo. O treinador elogiou o primeiro tempo da equipe santista, mas reconheceu que os alvinegros caíram de rendimento na etapa complementar.

“Acho que o resultado foi justo, sim. Nós fomos melhores no primeiro tempo, mas caímos um pouco antes do intervalo. No segundo tempo eles nos envolveram no começo. Depois, a partida se igualou de novo“, disse Muricy.

Indagado sobre a queda de produção do Santos no segundo tempo, o comandante admitiu que o time não conseguiu manter o mesmo condicionamento físico na etapa complementar. Muricy Ramalho destacou que, como o Peixe só possui meias de ligação, sofre por não ter um jogador com capacidade para ditar o ritmo da partida.

“O grande problema nosso é ficar com a bola. Temos muita correria, ninguém fica com a bola e isso desgasta demais. Sentimos no segundo tempo. Tanto que eu tive que tomar cuidado para não mexer errado na equipe. Temos dificuldades porque não temos mais ninguém que pare o jogo, cadencie o ritmo da partida”, ponderou.

Muricy aguarda Ganso e Neymar e diz: “Brasileirão não perdoa”

R7

Sem o meia Paulo Henrique Ganso e o atacante Neymar, o Santos sofre no Campeonato Brasileiro. Com a dupla representando a Seleção Brasileira nas Olimpíadas, o Peixe somou apenas uma vitória em seis jogos – além de dois empates e três derrotas. Por isso, o técnico Muricy Ramalho admite as dificuldades em montar um time competitivo durante esse período sem Ganso e Neymar, além da falta de opções dentro do elenco santista.

“A equipe muda muito com esses dois jogadores. Com a volta dos dois (Neymar e Ganso) e de alguns que estão no elenco, podemos melhorar”, disse Muricy, lembrando também a espera pela regularização do argentino Patrício “Patito” Rodríguez. “Nos treinos, o Patito já mostrou que é diferente”, pontuou o treinador.

O meia-atacante portenho, contratado junto ao Independiente, ainda não estreou porque a sua documentação não foi liberada pela AFA. O pai de “Patito” Rodríguez tenta a sua liberação na Justiça argentina, enquanto a cúpula alvinegra já acionou a Fifa pela resolução do imbróglio. A expectativa no clube é para o que assunto seja resolvido em breve.

Muricy minimiza “fator altitude” e alerta jogadores: “O Bolívar vai dar mais trabalho”

Uol

O técnico Muricy Ramalho minimizou os perigos da altitude de 3660m acima do nível do mar em La Paz, na Bolívia, onde o Santos enfrenta o Bolívar nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores da América.

Enquanto os jogadores valorizavam as dificuldades de jogar na altitude, Muricy destacou que o time do Bolívar dará mais trabalho. O treinador, inclusive, destacou que o adversário desta quarta-feira é mais perigo que o The Strongest, time boliviano que derrotou o Santos na estreia da Libertadores, jogando em La Paz.

“È melhor que o The Strongest, bem armado, bons jogadores, estrangeiros. Acho que a altitude não vai ser tanto problema. O Bolívar vai dar mais trabalho que a altitude”, afirmou Muricy.

Apesar da derrota sofrida para o The Strongest, o técnico santista aprovou a atuação do time. Na ocasião, o time não sentiu os efeitos da altitude, abriu o placar com um gol do volante Henrique, mas desperdiçou muitos gols e acabou permitindo a virada por 2 a 1 no final da partida.

Muricy confirma voltas de Elano e Borges contra Bolívar

R7

O técnico Muricy Ramalho surpreendeu ao promover as saídas de Elano e de Borges do time titular na vitória sobre o Mogi Mirim, neste domingo, na Vila Belmiro, pelas quartas de final do Campeonato Paulista. Ibson e Alan Kardec foram os seus respectivos substitutos. Mas, segundo o treinador santista, o fato de ter poupado o experiente meia e o centroavante, artilheiro do último Brasileirão, em nada mudam as suas situações dentro do elenco.

Por isso, Muricy anunciou que Elano e Borges estarão em campo normalmente, entre os titulares, no duelo contra o Bolívar (Bolívia), na próxima quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), em La Paz. Esse é o primeiro confronto entre ambos, válido pelas oitavas de final da Copa Libertadores da América.

“Os dois jogam na Bolívia”, disse o comandante alvinegro, antes de explicar por quais razões deixou a dupla como opção no banco de reservas ante o Sapão. “As trocas foram por coisas que vemos no futebol. O Elano estava pendurado, com o segundo cartão amarelo, e se ele leva o terceiro estava fora da semifinal. Ele vem em um momento importante e não podemos quebrar essa sequência. Já o Borges foi poupado mesmo”, comentou Muricy Ramalho.

pmvc





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia