WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930



drupal counter

:: ‘PÚBLICO’

Lomantão registrou o menor público pagante da 6ª rodada

Por Luciano Pina

O jogo Serrano e Atlético que foi realizado na tarde deste domingo (05) registrou o menor público pagante da 6ª rodada do Campeonato Baiano. O jogo com maior público aconteceu no estádio Barradão entre Vitória e Bahia de Feira.

Confira o público e renda da rodada
Vitória 4 x 0 Bahia de Feira – estádio Barradão
Público 5.643 – Renda R$55.930,00
Fluminense 0 x 3 Vitória da Conquista – Estádio Alberto Oliveira
Público 1.220 – Renda R$12.440,00
Itabuna 3 x 4 Bahia – Estádio Luiz Viana Filho
Público 756 – Renda R$10.612,00
Feirense 1 x 1 Juazeiro – Estádio Pedro Amorim
Público 654 – Renda R$6.540,00
Juazeirense 1 x 1 Camaçari – Estádio Adauto Moraes
Público 433 – Renda R$4.330,00
Serrano 1 x 1 Atlético – Estádio Lomanto Junior
Público 264 – Renda R$2.625,00

Público pagante no Lomantão foi o menor da 5ª rodada do Baiano

Por Luciano Pina

O publico que compareceu na noite desta quarta (01), no estádio Lomanto Junior, para assistir a goleada do Vitória da Conquista sobre a Juazeirense foi o menor da 5ª rodada. A partida com maior público foi na vitória do Bahia sobre o Feirense, no estádio de Pituaçu que registrou 6.969 pagantes.

Confira o público e renda da rodada:

Bahia 3 x 2 Feirense – Estádio de Pituaçu
Público 6.969 – Renda R$88.675,00
Fluminense 1 x 1 Vitória – Estádio Alberto Oliveira
Público 1.426 – Renda R$21.465,00
Camaçari 1 x 2 Bahia de Feira – Estádio Armando Oliveira
Público 581 – Renda R$5.820,00
Juazeiro 1 x 1 Serrano – Estádio Adauto Moraes
Público 433 – Renda R$4.330,00
Atlético 2 x 0 Itabuna – Estádio Mariano Santana
Público 390 – Renda R$3.880,00
Vitória da Conquista 4 x 0 Juazeirense
Público 386 – Renda R$43.452,50

Público volta a decepcionar na 4ª rodada do Baiano

Por Luciano Pina

A rodada do Campeonato Baiano teve novamente como ponto negativo a presença de público nos estádios. Nas seis partidas realizadas neste domingo (29), pouco mais de 10 mil pessoas viram os jogos.

O jogo que teve o maior público foi Vitória 0 x 0 Itabuna, quando 5.902 pessoas foram ao Barradão. A vergonha da rodada ficou por conta do torcedor em Camaçari. Apenas 209 pessoas viram o time da casa vencer o Juazeiro por 5 a 3.

Confira o público e renda da 4ª rodada
Vitória 0 x 0 Itabuna – Estádio Barradão
Público 5.902 – Renda R$60.760,00
Serrano 1 x 3 Bahia – Estádio Lomanto Junior
Público 1.796 – Renda R$27.150,00
Atlético 3 x 0 Fluminense – Estádio Mariano Santana
Público 1.098 – Renda R$10.905,00
Juazeirense 0 x 1 Feirense – Estádio Adauto Moraes
Público 1.019 – Renda R$10.190,00
Bahia de Feira 2 x 0 Vitória da Conquista – Estádio Alberto Oliveira
Público 873 – Renda R$8.715,00
Camaçari 5 x 3 Juazeiro – Estádio Armando Oliveira
Público 209 – Renda R$2.090,00

Confira público e renda da 3ª rodada do Baiano

Por Luciano Pina

Confira o público e a renda dos jogos que foram realizados na noite desta quarta (25), válidos pela 3ª rodada do Campeonato Baiano:

Bahia 2 x 0 Juazeirense – Estádio de Pituaçu
Renda 3.780 – Renda R$67.845,00
Vitória da Conquista 0 x 5 Vitória – Estádio Lomanto Junior
Público 2.404 – Renda R$34.107,50
Fluminense 1 x 1 Serrano – Estádio Alberto Oliveira
Público 1.859 – Renda R$18.730,00
Itabuna 0 x 4 Bahia de Feira – Estádio Luiz Viana Filho
Público 1.546 – Renda R$13.955,00
Feirense 0 x 0 Camaçari – Estádio Municipal de Senhor do Bonfim
Público 749 – Renda R$7.490,00
Juazeiro 0 x 4 Atlético
Público 607 – Renda R$6.070,00

Público do jogo do Serrano foi apenas o quinto maior da 2ª rodada do Baiano

Por Luciano Pina

O jogo Serrano e Feirense que terminou empatado por 1 a 1, na tarde deste domingo (22), no estádio Lomanto Junior, teve o 5º maior público pagante da 2ª rodada do Campeonato Baiano, superando apenas a partida que o Camaçari foi derrotado pelo Flu de Feira por 1 a 0, no estádio Alberto Oliveira.

Confira o publico e renda da rodada:

Vitória 6 x 1 Juazeiro
Público 5.383 – Renda R$54.585,00
Bahia de Feira 1 x 0 Bahia
Público 4.928 – Renda R$100.780,00
Juazeirense 3 x 0 Itabuna
Público 1.315 – Renda R$13.150,00
Atlético 1 x 1 Vitória da Conquista
Público 845 – Renda R$8.415,00
Serrano 1 x 0 Feirense
Público 625 – Renda R$6.460,00
Camaçari 0 x 1 Fluminense
Público 351 – Renda R$3.520,00

Público pagante no Lomantão foi o menor da rodada

Por Luciano Pina

O público compareceu em bom número no Itabunão

O público pagante no estádio Lomanto Junior, na noite desta quarta (18), para prestigiar a estreia do Vitória da Conquista, no Campeonato Baiano foi o menor registrado na rodada.

Confira o publico e renda:

Bahia 3 x 3 Atletico – estádio de Pituaçu
Público 11.264 – Renda R$212.345,00
Fluminense 1 x 1 Juazeirense – Estádio Alberto Oliveira
Público 3.569 – Renda R$35.970,00
Feirense 1 x 1 Vitória – estádio Municipal de Senhor do Bonfim
Público 2.841 – Renda R$42.615,00
Itabuna 1 x 1 Serrano – Estádio luiz Viana Filho
Público 2.518 – Renda R$23.990,00
Juazeiro 1 x 3 Bahia de Feira – Estádio Adauto Morães
Público 1.968 – Renda R$19.680,00
Vitória da Conquista 4 x 3 Camaçari – Estádio Lomanto Junior
Público 1.686 – Renda R$16.112,50

Público se divertiu no último jogo treino do Serrano

Site Oficial do Clube

Um jogo treino em plena sexta-feira, às 17h, não deveria ser um bom programa. Mas foi. O público tremedalense compareceu ao estádio municipal Deocleciano Ferraz para assistir o Serrano vencer a seleção de Belo Campo por 7 a 0 e se divertiu.

O que poderia ser um programa de índio se tornou em um verdadeiro programa de índios. Mas, nesse caso, foram índios mongoiós. A torcida de Tremedal fez com que o jogo treino do Serrano, que inicialmente parecia ser num horário meio inoportuno, em um grande momento de lazer. Os 7 a 0 do time mongoió sobre a seleção de Belo Campo deixou a torcida descontraída. E selou muito bem a relação do time conquistense com a população local.

Os gols foram marcados por Rodrigo, Chicão e Buba (cada um com dois gols) e Hiroshi, que também deixou o dele.

Treinos do Serrano atraem público em Tremedal

Site Oficial do Clube

A chegada da delegação do Serrano em Tremedal tem criado uma rotina diferente na cidade. Assistir aos treinos do time mongoió se tornou um atrativo diário para a população de cerca de 20 mil habitantes.

Desde o dia 15, as manhãs e tardes dos amantes de futebol de Tremedal tem um endereço certo: os treinos do Serrano, no Estádio Municipal Deocleciano Ferraz. Garotos de diversas idades se reúnem para acompanhar a rotina de um clube profissional da elite do futebol baiano. Para alguns esses treinos podem servir de incentivo para os jovens da cidade. “Isso é bom para que essa garotada se empolgue e pratique um esporte, já que nós temos um ótimo estádio e vários talentos na cidade”, é o que afirma o Sr. Joaldo Nunes.

O treinador Edson Leivinha diz que é “legal quando tem público nos treinos. Eles acabam incentivando nosso elenco, mesmo sem saber. Ficam ali da arquibancada observando, na hora dos jogadores tomarem água fazem uma brincadeira, mas nunca nos atrapalham”.

O Serrano treina das 09:30h às 11:30h, no turno da manhã, e das 16:30h às 18h, no turno da tarde.

Público compareceu em bom número ao estádio Amigão

Por Luciano Pina

Mesmo com a chuva e o jogo da seleção Brasileira na TV, um bom número de torcedores compareceram ao estádio Amigão, em Campina Grande, na Paraíba, para prestigiar o jogo em que o Treze venceu o Vitória da Conquista pelo placar de 2 a 0.

6.102 torcedores pagaram ingresso, proporcionando uma renda de R$26.450,00. O público não pagante foi 347.

No próximo domingo (24), às 16 horas é a vez de o torcedor conquistense comparecer ao estádio Lomanto Junior, para prestigiar a estréia do Bode dentro de casa contra o Bahia de Feira.

Sua Nota é um Show garante público de 220 mil pessoas no Baianão

FBF

Mais de 220 mil torcedores do interior do estado puderam assistir aos jogos do Campeonato Baiano de Futebol Profissional da 1ª Divisão de 2011 por intermédio do projeto Sua Nota é um Show, trocando notas e cupons fiscais por ingressos. Esse número representa 85,4% do público presente nos jogos, tendo sido disponibilizados 4.700 ingressos por partida.

No total, o projeto, desenvolvido pelo Programa de Educação Tributária (PET), da Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz), apoiou 66 partidas de nove clubes de futebol do interior que participaram da competição – Atlético de Alagoinhas, Colo Colo, Feirense, Fluminense de Feira, Ipitanga, Juazeiro, Serrano, Vitória da Conquista, além do campeão Bahia de Feira.

O investimento do Governo do Estado no campeonato foi de R$ 1,66 milhão, tendo sido arrecadados 2,21 milhões de notas ou cupons fiscais. Dos pouco mais de 310 mil ingressos disponibilizados pelo projeto para a população baiana, 71,5% foram trocados. No primeiro jogo da final da competição, realizado no estádio Alberto Oliveira (Jóia da Princesa), em Feira de Santana, entre Bahia de Feira e Vitória, do público total de 10.765 mil pessoas, 4.590 foram ao estádio pelo projeto.

Durante quatro meses, doze times disputaram o Campeonato Baiano de Futebol Profissional (1ª Divisão). A equipe campeã, o Bahia de Feira, teve uma campanha de 22 jogos, com 12 vitórias, sete empates e três derrotas. Com a conquista do título pela equipe do interior, após 42 anos um time de Feira de Santana voltou a ser campeão. A última vez havia sido em 1969, com o Fluminense de Feira.

Rodada de abertura sem expulsões e com uma média de público de 10.019

Globo Esportes

Gremistas veem o Tricolor perder na estreia para o Timão (Foto: Eduardo Cecconi / Globoesporte.com)

Entre os números da rodada de abertura do Brasileirão 2011, a maior surpresa foi a ausência de cartões vermelhos. Nenhum atleta entre as 20 equipes da Série A foi expulso no primeiro fim de semana da competição nacional. Mesmo o número de cartões amarelos não foi tão significativo, já que apenas 36 jogadores acabaram advertidos pelos árbitros.

A média de público foi baixa para uma rodada em que 15 times estavam inteiramente focados no campeonato: 10.019 pagantes, a pior na era dos pontos corridos desde que, em 2006, a Série A é disputada por 20 equipes. A justificativa passa pela utilização de estádios menores com o fechamento de Mineirão, Maracanã e mesmo a impossibilidade dos clubes do Rio usarem o Engenhão, reservado para os shows de Paul McCartney.

As torcidas compareceram melhor no Olímpico (19.002) e no Couto Pereira (16.546), mas os times da casa tropeçaram. O Grêmio sofreu uma virada diante do Corinthians (2 a 1), enquanto o Coritiba foi surpreendido pelo Atlético-GO (1 a 0).

Apesar de alguns belos gols na rodada como o de Kleber, do Palmeiras, e o de Ronaldinho Gaúcho, do Flamengo, a média foi de apenas 2,4 no fim de semana. Não houve um 0 a 0 e apenas um empate, por 1 a 1, entre Santos e Inter. Vitórias pelo placar mínimo – 1 a 0 – foram o mais comum com três ocorrências.

Por fim, os árbitros colocaram quatro bolas na marca da cal e nenhum goleiro conseguiu brilhar nesta hora. Keirrison, do Santos, Douglas, do Grêmio, Chicão, do Corinthians, e Souza, do Bahia, converteram os pênaltis sem dar chance para o azar.

Mesmo com jogo a menos, o Vitória da Conquista levou mais público ao Lomantão que o Serrano

Tribuna da Conquista

O Campeonato Baiano de Futebol 2011 acabou no último final de semana com uma média de público de 4.121 pagantes por jogo.

O Vitória da Conquista, em seus nove jogos disputados dentro do Lomantão, levou um público pagante total de 38.805 pessoas, ou seja, uma média de 4.311 ingressos vendidos/cupons trocados do programa Sua Nota é Um Show.

Já o Serrano, com dez jogos disputados no estádio Lomanto Júnior, incluindo a partida semifinal, conseguiu vender/trocar 36.141 ingressos aos torcedores, o que dá uma média de 3.614 ingressos vendidos por jogo.

Mesmo com um jogo a menos disputado dentro de casa o Bode conseguiu um público total e proporcional maior do que o Índio Mongoió. A diferença do público total do alviverde para o rubro-verde foi de 2.664 pagantes a favor do Vitória da Conquista. Se considerarmos proporcionalmente, o Bode levou 697 pessoas a mais por jogo do que o Serrano.

pmvc





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia