WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
PMVC

outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  



drupal counter

:: ‘SÃO CAETANO’

Cacá emprestado ao São Caetano

Site Oficial do ECVC

caca_thumb

O atacante Cacá está sendo emprestado ao São Caetano/SP para a temporada 2014, para a disputa da Sériue A2 e a Série C do Campeonato Brasileiro. Caca enbarca até o fim do ano para a cidade paulista para iniciar os trabalhos.

Cacá surgiu nas divisões de base do Bode e tem sido um atleta de muita utilidade em todas as campanhas do alviverde nas competições disputadas, não só pelos gols marcados, mas pela assistência que dá aos companheiros graças a sua habilidade e velocidade.

O jogador despertou interesse de outros dois clubes, Tombense; da 1ªdivisão de Minas Gerais que é treinado pelo técnico Moacir Júnior e do Operário de Ponta Grossa/PR, do técnico Gilberto Pereira, que terminou a Série B deste ano dirigindo o Atlético de Goiás.

Para o presidente Ederlane Amorim, “é um momento importante para o atleta, que tem seu potencial reconhecido mas também para o clube, pois se trata de uma de nossas maiores revelações, tendo disputado praticamente 5 temporadas pelo Alviverde”. “Esperamos que Cacá tenha uma grande temporada em 2014 e possa mostrar seu grande futebol. Desejamos Boa Sorte a ele e muito obrigado pela dedicação ao longo destes anos”, finalizou Ederlane.

Com golaço de Kardec, Palmeiras vira em quatro minutos e segue líder

Gazeta Esportiva

t_93117_alan-kardec-marcou-um-golaco-para-ajudar-o-palmeiras-a-se-manter-na-lideranca-da-serie-b

O São Caetano, na zona de rebaixamento da Série B do Brasileiro, deu trabalho, mas o Palmeiras voltou a impor sua superioridade. E rapidamente. Os anfitriões saíram na frente no ABC, mas o líder ratificou sua posição selando 2 a 1 com dois gols em quatro minutos, um deles em jogada na qual Alan Kardec driblou quatro adversários.

Antes de mais um golaço do centroavante, o Verdão, sem Valdivia, Geovane aproveitou falha de Vilson para fazer 1 a 0, aos 22 minutos do primeiro tempo. O intervalo, contudo, fez bem aos comandados de Gilson Kleina, que empataram aos dez minutos no quarto gol de Alan Kardec nos últimos três jogos e viraram com Henrique, aos 14.

A primeira posição da competição segue com o Palmeiras, ainda com dois pontos e uma partida a mais em relação à Chapecoense, vice-líder. O time volta a entrar em campo às 16h20 (de Brasília) de sábado, no Pacaembu, diante do Paraná. No mesmo dia e horário, o Azulão, ainda entre os últimos colocados, volta a atuar no estádio Anacleto Campanella, recebendo o Sport.

Na volta para casa, Azulão encara Guará para encostar no G-4

r7

t_91647_aaaaaaa

No meio da tabela, mas sem perder há três rodadas, o São Caetano aposta no retorno ao Anacleto Campanella para superar o Guaratinguetá, nesta sexta-feira a partir das 21 horas (de Brasília), em duelo válido pela nona rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O estádio passou por uma reforma no gramado e não pôde ser utilizado pelo Azulão contra o Avaí. Para o goleiro Rafael Santos, a equipe tem que fazer valer a força de jogar em casa para subir na tabela.

Para o jogo desta sexta-feira, o técnico Marcelo Veiga terá dois desfalques por suspensão: os volantes Dudu e Pirão. Para a vaga de Dudu, Leandro Carvalho deve entrar. Moradei e Wagner Carioca disputam o lugar de Pirão.

O Tricolor do Vale está na zona de rebaixamento e aposta em um bom resultado nos próximos jogos contra os paulistas para melhorar a classificação e a moral.

Paysandu e São Caetano empatam em jogo movimentado no 2º tempo

Terra

papaysandysaocaetanofutura

Na partida que abriu a oitava rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, realizada nesta terça, em Belém, São Caetano e Paysandu ficaram no empate por 2 a 2, em um jogo marcado pela emoção no segundo tempo. O time paulista abriu o placar logo no primeiro minuto, com Jael, ampliou a vantagem aos 11min, com Samuel Santos, mas viu Marcelo Nicácio sair do banco para marcar dois e empatar o jogo.

O Paysandu agora aparece na tabela de classificação com nove pontos, a dois do Ceará, primeiro time na zona de rebaixamento. O São Caetano chegou aos 10 pontos somados.

O Paysandu só volta a campo pela Série B no próximo dia 20, quando enfrenta o Betim fora de casa. O São Caetano joga um dia antes, contra o Guaratinguetá, no ABC paulista.

Na Curuzu, Paysandu recebe São Caetano para finalmente engrenar

Gazeta Esportiva

psc_sao_caetano

O Paysandu não sabe o que é perder na Curuzu, mas ainda não engrenou nesta Série B do Campeonato Brasileiro. No entanto, o time poderá se aproximar do G-4 a partir desta terça-feira, às 19h30 (de Brasília), quando recebe o também irregular São Caetano, pela oitava rodada.

Em Belém, o técnico Givanildo Oliveira não poderá contar com o seu principal jogador – o meia Eduardo Ramos recebeu o terceiro cartão amarelo na vitória sobre o Guaratinguetá e está suspenso. Diego Barboza será o substituto, como indicou o treinador nas atividades do último domingo.

Com relação à equipe que venceu a Garça, o comandante bicolor fará três mudanças: além de Diego Barboza, o goleiro Marcelo e o volante Ricardo Capanema substituirão Zé Carlos e Vanderson, respectivamente, a princípio por motivos técnicos.

Enquanto isto, Marcelo Veiga só quer acabar com os problemas no time caetanista. Para ele, o empate sem gols com o Avaí, em casa, no último sábado, foi fruto da “falta de concentração” dos seus comandados, que só têm uma vitória nos jogos como mandante.

zip nautica

Com gols de falta, Santos e São Caetano só empatam no Pacaembu

Gazeta Esportiva

t_83259_em-cobranca-de-falta-assim-como-foi-com-jael-neymar-deixou-igualado-o-placar-do-confronto-desta-quinta-feira

Com dois gols de falta, Santos e São Caetano não saíram do empate em 1 a 1, na noite desta quinta-feira, no Pacaembu. Jael abriu o placar para o Azulão, no primeiro tempo, enquanto o craque Neymar empatou na etapa complementar. O Peixe criou várias oportunidades de gol durante a partida, mas não conseguiu superar o clube do ABC Paulista.

Com o empate, os dois times se mantiveram nas mesmas colocações de antes do começo da rodada. Os santistas estão na terceira posição, com 33 pontos. O Azulão segue na penúltima colocação, agora com 12 pontos ganhos.

Classificados para o mata-mata do Campeonato Paulista, os alvinegros dão um tempo na disputa do Estadual para a estreia na Copa do Brasil. A equipe praiana inicia a sua trajetória na competição nacional enfrentando o Flamengo-PI, na próxima quarta-feira, às 21h50 (horário de Brasília), no Estádio Albertão.

Já o Azulão tenta se manter na elite do futebol paulista e visita o Penapolense, no próximo dia 13, no Estádio Tenente Carriço.

Em busca da liderança, Santos recebe o São Caetano no Pacaembu

Gazeta Esportiva

t_83116_apos-encerrar-jejum-de-seis-partidas-neymar-e-a-esperanca-de-gols-do-tecnico-muricy-ramalho-no-pacaembu

Em busca da primeira colocação na primeira fase do Campeonato Paulista, o Santos volta a campo diante do São Caetano, nesta quinta-feira, a partir das 19h30 (de Brasília), no Pacaembu. O confronto é válido pela 17ª rodada da competição e pode levar o Peixe, que atualmente ocupa o terceiro lugar, aos mesmos 35 pontos do líder São Paulo – que ainda irá entrar em campo na rodada e tem um jogo a menos.

Após quebrar um jejum de seis partidas sem marcar, o atacante Neymar quer dar sequência ao novo momento contra o Azulão. Com sete gols no Estadual, a Joia tem uma desvantagem de quatro gols para William, da Ponte Preta, líder na tabela de artilheiros do Paulistão.

“Seis jogos sem marcar não é normal, mas acontece. É bom para ele, que é novo e está amadurecendo e aprendendo com as coisas. Ele tem de lidar com momentos ruins, não só no futebol. Tem momentos difíceis na vida que tem de saber lidar”, diz o técnico Muricy Ramalho, que confia no futebol do seu camisa 11 para que a equipe praiana alcance mais uma vitória no Paulistão.

Resultados de ontem:
XV de Piracicaba 2 x 0 Bragantino
Ituano 0 x 0 União Barbarense

Comandado por Luis Fabiano, São Paulo bate São Caetano e é vice-líder

Terra

lfabianofestagolsaopauloeduardovianaal

Em um jogo animado e com duas viradas, o São Paulo derrotou o São Caetano na noite desta quarta-feira, no ABC Paulista, por 4 a 2. A partida é válida pela segunda rodada do Campeonato Paulista e havia sido adiada para que o time tricolor disputasse a primeira fase da Copa Libertadores da América contra o Bolívar. O resultado deixa os comandados do técnico Ney Franco na segunda colocação da tabela, com 16 pontos, dois a menos que a líder Ponte Preta.

Luís Fabiano foi o nome do jogo. Com os armadores Jadson e Paulo Henrique Ganso apagados, o atacante, com a companhia de Osvaldo, assumiu a responsabilidade de agredir o São Caetano. Foram dois gols dele. Maicon também deixar um, ainda no primeiro tempo, e Aloísio encerrou o marcador nos acréscimos.

Com o resultado, o São Caetano mantém campanha preocupante no Campeonato Paulista. A equipe do técnico Geninho só tem uma vitória no torneio, contra o Atlético Sorocaba, na primeira rodada. Desde então, são sete jogos sem encontrar um triunfo, o que deixa o time da Grande São Paulo na penúltima colocação.

468x60_simonassi12

Corinthians empata com São Caetano, em estreia de Rivaldo

R7

corinthians-bx

Com gol de Guerreiro, o Corinthians terminou o primeiro tempo na frente do São Caetano, que teve poucas oportunidades reais de gol e não chegou a ameaçar o gol de Danilo Fernandes. Porém, no segundo tempo o São Caetano começou dominando a partida e colocando muita pressão em cima do Corinthians.

Rivaldo, veterano do esporte e pentacampeão mundial, estreou no São Caetano e marcou gol para o Azulão. Após um ótimo lançamento pela direita, o craque mergulhou com tranquilidade e fez um belo gol de cabeça.

Danielzinho recebeu sozinho em falha da zaga corintiana e balançou a rede para o São Caetano. Para tentar conter o Azulão, Tite colocou Pato em campo aos 21 do segundo tempo. Com o reforço, o Timão conseguiu melhorar o desempenho e Paulinho marcou mais um para o Corinthians.

Mais resultado
Bragantino 3 x 2 São Bernardo

Azulão perde pênalti, empata com Goiás, e precisa torcer para subir

Gazeta Esportiva

Depois de seis jogos, o São Caetano esteve próximo, mas não voltou ao G-4. Neste sábado, a equipe do ABC paulista recebeu o líder Goiás e ficou apenas no empate, por 1 a 1. O resultado, embora tenha adiado a festa da equipe goiana, a qual já está garantida na Série A, mas poderia ter conquistado o título já no jogo desta tarde no Anacleto Campanella, complicou o Azulão que, faltando apenas mais uma rodada para ser disputada nesta segunda divisão, não depende apenas de suas forças para conseguir o acesso.

Os gols da partida saíram apenas no segundo tempo. Danielzinho, jogador mais insinuante do ataque mandante, abriu o placar aos 14 minutos, com chute no canto direito. Após perder Vandinho expulso por simular pênalti em lance confuso, o Azulão sofreu o empate aos 28 minutos com o volante Amaral, que conferiu de cabeça. Já aos 42 minutos, o time do ABC teve um pênalti em seu favor. Aílton, que substituíra Pedro Carmona, bateu para a defesa de Harlei, o qual evitou aquela que seria apenas a sétima derrota do Esmeraldino em 37 jogos disputados neste Brasileiro.

Com o também empate de Criciúma e Atlético-PR, o time alviverde soma 75 pontos, com três de vantagem sobre o Tigre de Santa Catarina. Desta forma, a equipe do Centro Oeste depende apenas de um empate para garantir o título, na última rodada, contra o Joinville, no próximo sábado, no Serra Dourada.

O São Caetano, por sua vez, tem 68 pontos, na quinta colocação. O time tem dois desvantagem para o Furacão e Vitória, terceiro e quarto colocados respectivamente. Assim, a equipe de Aílton Silva precisa vencer o ameaçado Guarani, na última rodada, em Campinas, além de torcer contra os dois rivais para subir. O jogo também ocorre no sábado, no Brinco de Ouro.

Goleiro falha após homenagem, mas São Caetano vira sobre o Boa e segue na briga pelo acesso

Uol

Homenageado antes da partida por completar 300 jogos pelo São Caetano, o goleiro Luiz falhou ao não segurar um chute de longe de Radamés e quase se transformou em vilão. Porém, a vitória sobre o Boa Esporte, por 4 a 2, de virada, nesta sexta-feira, no Anacleto Campanella, aliviou o arqueiro e manteve o time do ABC paulista na briga pelo acesso à Série A.

A falha de Luiz resultou no primeiro gol do Boa, que ampliou logo depois e abriu 2 a 0. O São Caetano reagiu, empatou ainda no primeiro tempo e virou o jogo na etapa final. No intervalo, o goleiro da equipe paulista admitiu o erro, mas não se abalou.

“A falha acontece em qualquer profissão, acho que depois do gol você tem de se manter tranquilo, saber o que realmente aconteceu no lance, mas o gol acaba acontecendo, eu assumo a responsabilidade pelo gol, mas a gente não pode tão apático assim. Agora é ter cabeça no lugar, não adianta você se abalar com o gol, não”, observou Luiz.

Com a vitória em casa, o São Caetano foi a 67 pontos e chegou a assumir provisoriamente o quarto lugar. Porém, com a vitória do Atlético-PR sobre o ABC, por 3 a 2, também nesta sexta, o time paulista deixou novamente o G-4 e voltou para a quinta posição, agora está a um ponto do Criciúma (quarto colocado), que joga neste sábado, contra o América-RN, em Natal. Na próxima rodada, a penúltima, a equipe do ABC paulista enfrenta o Goiás em casa.

Azulão bate Criciúma fora de casa e se mantém na briga pelo G-4

r7

Vindo de uma derrota no clássico com o Joinville, o Criciúma recebeu o São Caetano no estádio Heriberto Hulse e decepcionou sua fanática torcida mais uma vez ao ser derrotado por 2 a 0. Esbarrando na boa atuação do goleiro Luiz, o Tigre deixou o gramado lamentando o terceiro revés consecutivo dentro de casa e a arrancada do Azulão em busca de uma vaga no G-4 da Série B do Campeonato Brasileiro.

Com o gol contra do volante França e outro do centroavante Leandrão, o time paulista chega aos 64 pontos na tabela de classificação e agora torce por tropeços de Vitória e Atlético-PR para seguir sonhando com o acesso. Ainda na vice-liderança, os catarinenses mantêm os 68 e podem subir já na próxima rodada dependendo de uma combinação de resultados.

Na próxima rodada, a 36ª da competição nacional, o São Caetano recebe o Boa Esporte no Anacleto Campanella, no ABC Paulista, às 19h30 (de Brasília) de sexta-feira. No sábado, às 16h20, o Criciúma viaja para Goiaininha, no interior do Rio Grande do Norte, para encarar o América-RN no estádio Nazarenão.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia