WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  



drupal counter

:: ‘torcida’

Torcida fica fora do treinamento do Fla

Globo Esportes


Torcida ficou do lado de fora do estádio
Presidente Vargas

Depois de fazer muita festa na chegada do Flamengo em Fortaleza, a torcida rubro-negra teve uma decepção na tarde desta terça-feira. Por determinação da prefeitura, os torcedores foram impedidos de entrar no treinamento no estádio Presidente Vargas e não economizaram nos protestos.

De acordo com a Prefeitura de Fortaleza, o estádio não está em boas condições e, por isso, não poderia receber a torcida. Segundo estimativa da Guarda Municipal, 150 pessoas ficaram revoltadas do lado de fora. A principal reclamação era de que o Fla “vem muito pouco para essas bandas”.

– Não foi por nossa causa que a torcida não pôde entrar. Se fosse por nós, eles estariam aqui nos apoiando – afirmou o técnico Cuca.

Barrada no treino, a torcida do Flamengo terá direitos iguais no jogo desta quarta. Ao contrário do que acontece normalmente, não haverá cota de ingressos para os visitantes. Rubro-negros e tricolores terão acesso ao mesmo número de bilhetes.

Torcida do Vitória: da tensão à euforia do tri

Portal do Futebol Baiano

Após um começo tenso, onde nos primeiros 45 minutos o Bahia vencia o Vitória por 2 x 0, conquistando até aí o título, a torcida rubro-Negra pôde voltar a ter esperança na metade do segundo tempo. Explodiu de alegria no gol de Neto Baiano. No final, Ramon empatou o clássico, dando ao Vitória o tricampeonato Baiano.

Os mais de 25 mil presentes ao Barradão viram um espetáculo com o peso do nome BaVi. Uma verdadeira guerra campal, com direito a polícia. Mas nem os ânimos exaltados de alguns jogadores estragaram a festa da torcida do Leão, que comemorou com muito entusiasmo o título.

Muitos não acreditavam em um empate, dando o título como perdido, mas a situação virou de lado e no final a torcida explodiu de alegria. “Nem acreditei, quando tomamos 2 x 0 acho que já estava na décima cerveja, mas graças a Deus o time se superou e nos deu essa alegria”, afirmou um torcedor.

Torcida tricolor motiva treino do Bahia antes da final

Portal do Futebol Baiano

Para fechar a semana da esperança com chave de ouro, apoio da torcida no derradeiro treino antes do clássico BaVi decisivo deste domingo, 3 de maio, que vai valer o título de campeão baiano. Assim foi no Fazendão neste sábado, 2, com cerca de 1,5 mil pessoas presentes

Com a vibração irrestrita dos torcedores tricolores, o elenco do Bahia realizou um rachão aguerrido e motivado, última atividade antes da partida. “Foi muito bom. Traz uma responsabilidade maior para a gente lutar com muita disposição”, disse o lateral esquerdo Rubens Cardoso. De acordo com ele, a torcida pode esperar uma grande apresentação do time. “Vamos colocar o coração na chuteira”.

Envolvido em brigas conjugais durante a semana, o atacante Beto, receoso da reação da torcida, foi inicialmente poupado do treino. Contudo, sentiu o calor positivo e foi a campo. “Isso é maravilhoso. Eles acreditam que a gente pode ser campeão. Então vamos levar isso para o jogo. Estou muito orgulhoso de jogar no Bahia”, revelou. Ele garante que será titular.

Toda motivação é por conta da necessidade do Bahia em vencer a partida por, no mínimo, dois gols de diferença para ser campeão. No jogo de ida, em Pituaçu, o Tricolor saiu derrotado por 2 a 1 pelo rival, o que ampliou a vantagem do adversário. A partida no Barradão começa às 17h.

Torcida tricolor vai apoiar time no treino antes da decisão

Portal do Futebol Baiano

Para motivar os jogadores e comissão técnica, a direção do Bahia permitiu o acesso de torcedores no treino deste sábado no CT do Fazendão, a partir das 10h, o último antes do BaVi decisivo, no domingo, 3 de maio, no Barradão.

Nas comunidades do Bahia no Orkut, torcedores do tricolor já organizam caravanas e recrutam simpatizantes para apoiar o time. A única exigência do clube é que todos compareçam uniformizados com as cores do Tricolor.

Depois da derrota por 2 a 1, em Pituaçu, o Bahia precisa superar o rival Vitória, no Barradão, por, no mínimo, dois gols de diferença, para sagrar-se campeão baiano de 2009, evitando o trio do Leão. A partida começa às 16h.

Torcida comparece ao treino do Peixe para apoiar a equipe

Globo Esportes


Santistas cantam e agitam bandeiras em uma das entradas do CT
Rei Pelé, nesta sexta-feira

A torcida do Santos marcou presença no treino desta sexta-feira, no CT Rei Pelé. Com o feriado, cerca de 300 pessoas, com bandeiras, batuques e fogos de artifício acompanharam o treinamento na beira do gramado e gritaram o tempo todo a frase:

– Ô, ô, ô, eu acredito!

Para ser campeão paulista no próximo domingo, contra o Corinthians, no Pacaembu, o Peixe precisa vencer por três gols de diferença, pois perdeu o primeiro jogo, na Vila Belmiro, domingo passado, por 3 a 1.

Torcida do Cruzeiro domina também o segundo dia de venda de ingressos

Globo Esportes


Henrique tem tudo para jogar a decisão mineira

Como era esperado, só a metade azul de Belo Horizonte demonstra interesse no segundo jogo da final Estadual, domingo, no Mineirão. No segundo dia de venda antecipada de ingressos, foram adquiridos 27.422 bilhetes. Os cruzeirenses compraram 25.943, e os atleticanos 1.479.

Dá para entender a diferença. Como goleou por 5 a 0 no primeiro jogo, a equipe de Adilson Batista pode até perder por quatro gols que fica com o título. Ao Galo, resta devolver o saldo do domingo passado. A venda de ingressos continua até o dia do confronto.

Torcida do Vitória dá prejuízo em Pituaçu

Bahia Noticias

No primeiro episódio de vandalismo registrado no recém-reformado Estádio Roberto Santos, a torcida do Vitória queimou e inutilizou dez assentos das arquibancadas durante o Ba-Vi do último domingo. A informação foi confirmada pela Sudesb, que percebeu a destruição do equipamento depois de uma vistoria feita após o jogo. O coordenador-geral do estádio, Hélio Ferraro, constatou o problema e acionou o Esporte Clube Vitória, que reconheceu a responsabilidade dos torcedores e se comprometeu a ressarcir o Estado no valor equivalente.

Jogadores reprovam protesto da torcida e dizem ter sangue nas veias

Globo Esporte

O protesto da torcida do Fluminense não ficou apenas na faixa, estendida na arquibancada das Laranjeiras, pedindo doação de sangue para os jogadores. Os cerca de 30 torcedores que apareceram no clube nesta segunda-feira também xingaram os atletas que treinavam no gramado. Jogadores mais experientes do grupo, como Luiz Alberto e Thiago Neves, reprovaram a manifestação.

– Ninguém gosta de ser ofendido no local de trabalho, mas assim é o torcedor. A paixão fala mais alto e eles estão chateados por causa da derrota. Se estivéssemos classificados, eles não diriam que precisamos de sangue. Fiz exame no início do ano e o meu sangue está muito bom – ironizou o zagueiro e capitão Luiz Alberto. :: LEIA MAIS »

Bahia vence, mas irrita torcida em Pituaçu

Fonte:Bahia Noticias

Jogando um futebol burocrático, o Bahia venceu o Madre de Deus por 1×0 e se recuperou dos três empates seguidos no Campeonato Baiano. No primeiro tempo, aproveitando a fragilidade do adversário, o tricolor tinha total domínio da posse de bola jogando praticamente os 45 minutos no campo do Madre, mas a falta de objetividade e os erros de passe e posicionamento impediram que a equipe conseguisse transformar o controle em gols. Entretanto, a equipe do interior não tinha forças para aproveitar o nervosismo do time da casa e ainda colaborava com muitos erros, como do goleiro Jean, aos 40 minutos. Hélton Luiz cobrou escanteio da esquerda, o arqueiro saiu catando borboletas, a bola bateu na canela de Nen, no susto, e entrou. Por pouco Claudemir não consegue salvar. Vaias e aplausos na saída das equipes para os vestiários. No segundo tempo, Gallo colocou Thiago Carpini no lugar de Patrício passando, com isso, Ananias para a lateral direita. Até que o meia foi bem na nova posição, mas o restante da equipe continuou irritando os 5.236 torcedores presentes em Pituaçu. A partida se arrastava sem lances de perigo ou qualquer objetividade. O treinador ainda tirou Hélton Luiz, apagado, para colocar o atacante Rychely, mas como todo o resto, a substituição não mudou em nada o rumo do jogo. Muitas vaias para o Bahia, que pelo menos conseguiu conquistar os três pontos sem deixar o Vitória disparar na liderança. Na próxima quinta-feira (2), o tricolor volta ao Roberto Santos para encarar o Camaçari.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia