WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
novo uniao supermercados








junho 2024
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

drupal counter

:: ‘MARACANÃ’

Ferj negocia por Maracanã para semifinais e final do Carioca, e ainda tenta Engenhão

Globo Esportes

p1030820_1

A Federação de Futebol do Rio (Ferj) está negociando diretamente com o Rio 2016 a possibilidade de liberar o Maracanã para as semifinais e os dois jogos da final do Campeonato Carioca. Um encontro entre dirigentes do alto escalão da entidade e do comitê ocorreu na sede da CBF nos últimos dias para tratar do tema. Ainda não há um acordo oficial para a questão, e o assunto é tratado com total sigilo pelos dirigentes.

Em outra frente, a Ferj também tenta, diretamente com o prefeito Eduardo Paes, reverter o veto do Rio 2016 para a utilização do Engenhão. É o plano B caso a negociação pelo Maracanã também não tenha sucesso. No entendimento da Ferj, a realização de alguns jogos fora do Rio foi benéfica para o campeonato, mas fazer a decisão fora do estádio descaracterizaria a competição.

Fluminense passeia no Maracanã, bate Figueirense e estreia com vitória

Globo Esportes

fred_fluminense_figueirense_matheusandrade-photocamera

A crise no Fluminense dos últimos dias de comando de Renato Gaúcho foi apagada rapidamente nos dois jogos dirigidos por Cristóvão Borges. Na noite deste sábado no Maracanã, pela estreia do Campeonato Brasileiro, o Tricolor mostrou mais uma vez organização tática e venceu o Figueirense, campeão catarinense, com autoridade, por 3 a 0: Rafael Sobis, Fred e Nirley (contra) fizeram os gols. Mesmo contra um adversário recuado, na maioria do tempo o Tricolor soube atacar sem ser atacado, tabelar e colocar os catarinenses na roda. Fórmula que, embalada pela torcida, deu resultado diante de um público pagante de 31.173 (35.020 presentes). A renda da partida foi de R$ 385.535.

O quarteto de frente do Flu foi para lá de eficiente. Conca criando tabelas, Wagner e Rafael Sobis se movimentando bastante e dando opções pelos lados do campo e também na área, além de Fred cumprindo bem o papel de pivô, como no primeiro gol do duelo, quando ajeitou de peito para Sobis emendar no ângulo. Tirando o pênalti convertido no fim do primeiro tempo (segundo gol tricolor), o centroavante pouco teve chances de finalizar: só três vezes. Mas soube usar a marcação para abrir espaços.

Foi assim que Wagner surgiu livre na área e sofreu a penalidade. Carlinhos foi outro a inferzinar os defensores com sua velocidade. Só que, se o jogo teve um protagonista, foi Sobis. Autor de um golaço e da jogada da terceira bola na rede – cruzou e Nirley fez contra, ao tentar cortar -, o camisa 23 foi sempre perigoso e saiu de campo ovacionado pela torcida depois de uma semana em que o Corinthians tentou contratá-lo. O placar só não foi maior por causa da grande atuação do goleiro Tiago Volpi, autor de cinco defesas difíceis.

Enquanto a fórmula de Cristóvão deu resultado, a tática de Vinícius Eutrópio não teve a mesma sorte. A proposta de jogar recuado e explorar a velocidade com os três atacantes só deu certo uma vez em toda a partida, quando Lúcio Maranhão quase marcou um golaço numa pancada rente ao ângulo. Mas o Figueirense foi envolvido, enquanto o comandante berrava à beira de campo. Mudar a estratégia, colocando mais um meio de campo no lugar de um dos homens de frente tampouco deu certo. Everton Santos era presa fácil da linha de impedimento rival, e o time só assustou nos minutos finais, quando o Fluminense já tinha parado de correr.
O Flu volta a campo já nesta quarta-feira para enfrentar o Tupi-MG, às 22h (de Brasília), em Juiz de Fora, pelo jogo de ida da segunda fase da Copa do Brasil. Pelo Brasileirão, joga no outro sábado, contra o Palmeiras no Pacaembu, às 21h. Já o Figueira terá a semana livre até enfrentar o Bahia, no domingo do dia 27, às 18h30, na Arena Barueri. Só retorna aos gramados pela Copa do Brasil no dia 7 de maio, fora de casa contra o Bragantino.

unimarc-modelo-4

Fla perde e é eliminado em novo ‘Maracanazo’ diante de mexicano

Globo Esportes

flamengo_leon_andredurao2

Não deu. A batalha teve luta de sobra, suor e até sangue – de Alecsandro em batida cabeça com cabeça com o companheiro Samir. Não foi o suficiente. O León repetiu o feito que ficou famoso no México e, seis anos depois do América-MEX de Cabañas, atualizou a versão do “Maracanazo” com a vitória por 3 a 2. Arizala e Boselli, que também marcaram gols no primeiro duelo entre as equipes, e Peña construíram o placar. André Santos e Alecsandro marcaram para os rubro-negros, que aos gritos de “vergonha” de 53.230 pagantes (60.451 presentes), deixam a Libertadores pela quarta vez na história sem passar pela fase de grupos. Em um jogo nervoso, com renda de R$ 3.091.047,50, a classificação para as oitavas ficou com os visitantes, que terminaram em segundo lugar do Grupo 7, com dez pontos e agora vão esperar o complemento da rodada, nesta quinta-feira, para saber seu adversário.

Após o apito final, o atacante Alecsandro lamentou o mau resultado, mas exaltou o desempenho do León.

– Para mim, que já tenho duas conquistas de Libertadores (por Inter e Atlético-MG), é um sentimento muito ruim. Sei o gosto de ser campeão da América. Peço desculpas aos 60 mil torcedores que vieram aqui. Mas é bom lembrar que o León jogou muito bem. Eles devem ter tido mais posse de bola que a gente. Não encaixamos a marcação. É difícil fazer gol sem a bola – disse o centroavante à Fox Sports.

A outra vaga da chave é do Bolívar. O time boliviano, que foi outro carrasco rubro-negro ao fazer quatro pontos nos dois duelos diretos com os cariocas, tornou-se o líder do grupo, com 11 pontos, ao bater o Emelec por 2 a 1, em La Paz. Para salvar o semestre, o Fla agora se volta para o Carioca. O time faz mais uma partida decisiva neste domingo, às 16h (de Brasília), pela final do estadual, contra o Vasco, no Maracanã. Dono da melhor campanha, o Rubro-Negro joga pelo empate para garantir o título estadual pela 33ª vez em sua história.

468x60_simonassi127

Botafogo é surpreendido por chilenos e perde liderança

Terra

juniorcesarchutamauropimentel

O Botafogo foi absolutamente superior nesta quarta-feira, no Maracanã, no duelo com a Unión Española, válido pela quinta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. No entanto, a falta de pontaria e de tranquilidade do time da casa custou caro e, com um gol de pênalti de Canales, o clube chileno saiu vitorioso por 1 a 0 diante de mais de 43 mil torcedores nas arquibancadas.

A segunda derrota botafoguense na competição fez com que o clube treinado por Eduardo Hungaro caísse para a segunda colocação do Grupo 2, sendo superado pela própria Unión Española. Enquanto a equipe brasileira ficou com sete pontos, os chilenos foram aos nove e garantiram a classificação para a fase eliminatória do torneio continental. San Lorenzo e Independiente Del Valle têm cinco e podem ultrapassar o Botafogo na sexta e decisiva rodada.

Apesar do resultado ruim dentro de campo, a diretoria do clube carioca pode comemorar o bom público que compareceu ao Maracanã e produziu uma renda de mais de R$ 1,9 milhão.

Agora, o Botafogo terá que certificar sua classificação na Argentina, no próximo dia 9, diante do lanterna San Lorenzo. A Unión Española cumpre tabela no Chile contra o Independiente Del Valle.

Estou voltando para casa: após três anos, Fla e Bota retornam ao Maraca

Globo Esportes

9--Flamengo-jpg_190558

Chega de saudade. De espera. De só ficar na vontade de ver o time do coração no Maracanã. Foram mais de mil dias sem o estádio. Semanas, meses, anos. O velho Maraca não existe mais, está completamente remodelado e moderno, mas torcedores de Flamengo e Botafogo terão um domingo das antigas. O dia 28 de julho ficará marcado pelo retorno do clássico ao seu principal palco. As equipes se enfrentam às 18h30m (de Brasília), pela nona rodada do Brasileirão. A última vez que isso ocorreu foi em 14 de julho de 2010, também pelo nacional. O Rubro-Negro venceu por 1 a 0, gol de Paulo Sérgio.

Dos atuais jogadores do Flamengo, só Léo Moura participou daquela partida. O Flamengo atual, de Mano Menezes, é cheio de caras novas e tenta criar uma identidade. O desempenho contra o Inter, domingo passado, agradou apesar da derrota em Caxias do Sul. A impressão foi melhor que o resultado, já que o time conseguiu fazer uma partida equilibrada diante do atual líder. A situação na tabela é que é incômoda. Com nove pontos, o Flamengo está na zona de rebaixamento.

Confiante com a boa campanha na temporada, o Botafogo entra em campo com um histórico de apenas quatro derrotas no ano, o título do Carioca, a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil e a segunda colocação no Campeonato Brasileiro. O tabu de 13 anos sem vencer o rival no Brasileiro não incomoda, e o time vem consolidando a sua escalação, mesmo depois das saídas de jogadores importantes como Fellype Gabriel e Andrezinho.

Fluminense x Vasco reabre o Maracanã para os clubes

Agência Estado

t_91719_asfasfasf

O “novo” Maracanã, da iniciativa privada e dos ingressos caros, será oficialmente reaberto neste domingo para os clubes cariocas. E o clássico entre Fluminense e Vasco começou antes mesmo da bola rolar, em uma semana marcada por polêmicas e discussões envolvendo os lugares que cada torcida vai ocupar às 18h30, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Dentro de campo, as equipes precisam da vitória – ambas não vencem há três jogos.

A torcida do Fluminense vai ficar no lugar que, tradicionalmente no antigo Maracanã, era dos vascaínos. Por isso, os clubes não entraram em acordo quanto à divisão da renda, que inicialmente seria de 50%/50%, mas agora vai toda para o Fluminense e o consórcio Maracanã S.A., que ganhou do governo do Rio de Janeiro o direito de explorar o estádio pelos próximos 35 anos.

Polêmicas à parte, o jogo vai marcar o retorno de dois veteranos, um de cada lado. No Vasco, Juninho Pernambucano vai reestrear pelo clube após a rescisão com o New York Red Bull. No time tricolor, Deco está de volta depois da acusação por doping, que o deixou de fora de jogos importantes na temporada, como na eliminação na Copa Libertadores.

O técnico Abel Braga elogiou Juninho Pernambucano. “O Vasco ganha muito com a volta dele. Do mesmo jeito que o Fluminense ganha com o Deco. Juninho é um excelente jogador e até domingo eu vou ganhar alguns cabelos brancos por causa das jogadas de bola parada dele”, brincou o treinador.

468x60_simonassi12

Imprensa britânica se surpreende com ‘caos’ na liberação do Maracanã e põe Copa em xeque

Esportesbr

742793F8353FBF8DF956E48B2FB7

A imprensa britânica se mostrou incrédula nesta sexta-feira diante da decisão da Justiça brasileira de autorizar o amistoso entre Brasil e Inglaterra no estádio do Maracanã horas depois de ter proibido a realização do mesmo por questões de segurança.

A partida, que será disputada neste domingo e supõe a inauguração oficial do estádio após três anos de obras, foi cancelado ontem depois de uma ação civil pública iniciada pelo Ministério Público Estadual, que denunciou a ausência de “laudo de vistoria de engenharia, de prevenção e combate de incêndio, de condições sanitárias e de higiene”.

Posteriormente, essa mesma decisão foi revogada “mediante a um recurso do Governo do Estado com a apresentação do laudo da PM que comprova o cumprimento de todas as regras de segurança no Maracanã”, apontou a nota da administração estadual. A veloz contra-ordem foi qualificada como um “caos” pelo jornal britânico “The Times”, principalmente pela proximidade da Copa das Confederações, que será realizada no país entre os dias 15 e 30 de junho, na qual o Maracanã sedia a parida de abertura.

Citando fontes ligadas à Federação de inglesa de futebol, o jornal britânico destaca que o detonante desta decisão não foi tanto um suposto problema técnico do estádio, mas um “conflito local” entre dois políticos por “questões de tramitação de papéis”.

O “The Guardian”, por sua vez, foi mais duro em sua análise, na qual assegura que a inicial suspensão do amistoso “desperta os piores temores do país sobre os preparativos do Copa do Mundo de 2014”. “A decisão no último minuto de suspender o que se supunha ser uma partida profissional se acrescenta a uma lista de atrasos, controvérsias e faltas de respeito que os anfitriões insistem em realizar”, aponta o jornal.

De acordo com o “The Guardian”, se o cancelamento fosse mantido teria suposto “a humilhação e a frustração” dos torcedores da seleção brasileira que, através do pagamento de seus impostos, financiaram a reforma do Maracanã, agora com capacidade para receber até 78 mil pessoas. “Brasil-Inglaterra seguirá após uma nefasta tramitação de papéis”, intitula o sensacionalista “The Sun”, que também exibe uma foto na qual se mostra as obras nos arredores do estádio.

Em sua análise, o jornal destaca que o descumprimento dos prazos se transformou em algo “vergonhoso” para as autoridades locais, brasileiras e para Fifa, que esperava que os trabalhos “estivessem encerrados em dezembro de 2012”.

naturagua

Ferj vai tentar que a final da Taça Rio seja disputada no Maracanã

Globo Esportes

rubenslopes_raphaelzarko

O público do Rio de Janeiro pode ter de volta o Maracanã como palco dos jogos de seu campeonato estadual ainda na edição 2013 do Campeonato Carioca. Pelo menos é esse o desejo da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj). Neste domingo, em entrevista à Rádio Tupi, o presidente da entidade, Rubens Lopes, revelou que vai tentar que a decisão da Taça Rio, marcada para o dia 5 de maio, seja disputada no estádio. A reabertura do Maracanã será no próximo sábado, 27 de abril, num amistoso entre Amigos de Bebeto e Amigos de Ronaldo.

– Nós já manifestamos a nossa intenção ao secretário de Esporte (e Lazer), André Lazaroni, e ficamos de nesta semana, depois do feriado, para saber se essa ideia é viável. Ele já tem conhecimento da nossa intenção e não vejo nenhum impedimento no que diz respeito ao Comitê Organizador Local (da Copa) e à Fifa. No Mineirão, já aconteceu um Atlético-MG x Cruzeiro, na Arena Fonte Nova, um Ba-Vi, e o Castelão está entregue aos jogos regulares. Eu penso que o Maracanã, que vai ter condições de abrir o primeiro jogo-teste com 20 mil pessoas, no outro teste a Fifa recomenda até um número maior, não vejo por que não fazermos um jogo-teste com dezenas de milhares de pessoas que não sejam os torcedores, que estão ávidos para voltar ao Maracanã – declarou.

O presidente da Ferj revelou ainda que vai tentar que o estádio seja usado pelo Fluminense, no jogo de volta pelas oitavas de final da Libertadores, contra o Emelec, marcado para 8 de maio. – Também estou postulando que o Fluminense jogue a partida de volta da Libertadores no Maracanã. É jogo de uma torcida só. Poderia muito bem também ser jogado no Maracanã o próximo jogo aqui no Rio de Janeiro – contou o presidente.
Semifinais da Taça Rio

Rubens Lopes informou ainda datas e horários das duas semifinais da Taça Rio, que serão disputadas no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. No sábado, às 18h30m, o Botafogo mede forças com o Resende. No domingo, às 16h, o Fluminense encara o Volta Redonda.ao Maracanã – declarou.

Seleção estreará no novo Maracanã em junho contra Inglaterra

Esportes.br

A seleção brasileira fará sua primeira partida no novo Maracanã no dia 2 de junho de 2013, em amistoso diante da Inglaterra. A informação foi confirmada nesta sexta-feira pelo governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, durante encontro sobre o Programa Governamental de Observadores dos Jogos Olímpicos de Londres.

Com isto, já estão confirmados dois amistosos da seleção brasileira para o ano que vem diante da Inglaterra. O primeiro jogo dos comandados de Mano Menezes em 2013 acontecerá justamente contra os ingleses, no dia 6 de fevereiro, mas na casa do adversário, no estádio Wembley.

O Maracanã é um dos 12 estádios previstos para serem sedes da Copa do Mundo de 2014. De acordo com as informações do site da competição, a reforma do estádio está dentro do prazo previsto e ele deve ser entregue em meados de abril do ano que vem.

Apesar da confirmação do amistoso, não foi divulgado se o confronto entre brasileiros e ingleses marcará a primeira partida do novo Maracanã. É possível que o estádio receba outros jogos antes e, por isso, ainda não se sabe quais times se enfrentarão na reabertura.

Na passarela do Maracanã, brilha a Estrela

Fonte: Globo Esportes


Herói da classificação alvinegra, Caio exibe a estrela solitária para a torcida após o segundo gol

No dia do aniversário de Adriano, o presente de grego veio de um talismã do Botafogo. Caio entrou no segundo tempo, fez o gol da vitória de virada por 2 a 1 sobre o Flamengo, no Maracanã, e classificou o Alvinegro para a final da Taça Guanabara. O adversário é o Vasco, domingo. Vinícius Pacheco abriu o placar para o Rubro-Negro, e Marcelo Cordeiro deixou tudo igual ainda na primeira etapa.

O triunfo alvinegro põe fim a uma sequência de dez jogos sem ganhar do rival e algoz nas últimas três finais do Estadual. O aplicado time de Joel Santana, que trabalhou pesado nos dias de carnaval, fez valer a sua maior arma: foi pelo jogo aéreo que saíram os gols que derrubaram a invencibilidade do Flamengo, que não era batido desde 29 de outubro do ano passado (0 x 2 para o Barueri).













comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia